Categorias
Brasileiro 2016 Resenha dos Jogos

Pós Jogo Ponte Preta 2×1 Palmeiras: jogamos mal

 

O Palmeiras perdeu para a Ponte Preta no Moisés Lucarelli por 1×2 nesta tarde de sábado. Desta vez o time não foi bem.

Cuca escalou a equipe com Fernando Prass; Tchê Tchê, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Matheus Sales, Jean e Cleiton Xavier; Róger Guedes, Gabriel Jesus e Alecsandro.

Apesar de começas o jogo de forma mais intensa, marcando a saída de bola da Ponte, o Palmeiras dominou apenas nos primeiros 5 minutos. Logo a Ponte começou a dominar as jogadas e levar mais perigo. Prass fez grande defesa ainda no 1o tempo quando o placar era 0x0.

O jogo ainda assim era bom. A Ponte era mais eficiente no ataque e o Palmeiras tinha mais posse de bola. Mas em uma falta na intermediária esquerda da defesa palmeirense, Felipe Azevedo cabeceou livre para fazer 0x1.

A Ponte cresceu com o gol e foi prá cima. Logo depois em bela jogada que começou com o bom Jesus, mas do lado de lá, o time da Ponte fez 0x2. O 1o tempo tinha sido do time campineiro.

No 2o tempo Cuca mudou. Tirou um ineficiente Alecsandro e colocou Rafael Marques. Tirou Matheus Salles e colocou Dudu, deslocando um sumido Cleiton Xavier para volante. Melhorou mas não resolveu. O jogo foi mais fraco na 2a etapa. Mas nos últimos 15 minutos o Palmeiras foi pro abafa, menos na qualidade e mais na raça. Abriu e quase tomou o terceiro em bola na trave de Cristian (o mendigo, lembra dele?). Time nervoso, muitos cartões, e Cuca expulso. Mesmo assim, na pressão, Moises (que entrou no lugar de Roger Guedes) no descontou no final: 1×2. Mas não dava tempo para mais nada.

Próxima rodada, Fluminense, 4a feira, no Allianz.

Saudações Alviverdes!

233 respostas em “Pós Jogo Ponte Preta 2×1 Palmeiras: jogamos mal”

O melhor jogador do Tapetense hj é o Scarpa. Se anular esse cara já ta com metade do caminho andado. Tem q ganhar quarta pra continuar como postulante ao título. Se perder ou empatar a desconfiança e pessimismo da torcida começa a contagiar todo mundo e aí já era. O Palmeiras é assim, dificilmente vai conseguir ter uma reação assustadora se pegar uma sequência ruim antes. O negócio é se manter entre os primeiros o campeonato todo e no final a torcida empurra q nem na final da CB do ano passado. Mas pra isso não pode vacilar em casa, tem q ganhar de todo mundo no Alianz.

Esse papo de mídia não dá em nada, esquece. A mídia nunca gostou da SEP e a SEP nunca gostou da mídia, é recíproco e antigo. Ela só nos respeita qdo impomos respeito a ela e com esse time cheio de jogadores fracassados não notamos respeito em ninguém. Já escrevi isso aqui e volto a escrever q na era Parmalat a mídia tbm batia no Palmeiras, dizia q era um time forte por causa da parceria e tals mas se rendia ao futebol q os craques jogavam dentro de campo. Ninguém questionava a qualidade do Edmundo do Evair do Djalminha do César Sampaio de Rivaldo etc…e ninguém duvidava q o Palmeiras poderia vencer qualquer campeonato. Esse papo de mídia e arbitragem é chover no molhado. Ou a diretoria contata jogadores q façam diferença ou a gente vai ficar nesse lenga lenga a vida toda.

Exatamente, time capacitado não se preocupa com mídia nem arbitragem, joga bola e vence os adversários. Se tivéssemos um time assim, menos besteiras pululariam aqui e acolá entre torcedores acéfalos que não percebem que nosso problema é falta de qualidade, não arbitragem ou venda de camisas.

Já que você acha que ter time bom por si só basta, vou te dar dois exemplos da era Parmalat, quando tínhamos “times capacitados”. Em 1995, fomos eliminados da Libertadores por causa de uma arbitragem VERGONHOSA naquele Grêmio 5×0 Palmeiras, tá lembrado? Em 1999, perdemos a Mercosul para o Flamengo porque o juiz, no mesmo lance, errou TRÊS vezes! Pênalti não marcado para o Palmeiras (Euller), contra-ataque com falta no meio de campo e atacante impedido, gol do Flamengo, Flamengo campeão, DENTRO DO PALESTRA!
Então, pare de se achar o mais esperto, porque torcedores como você, pseudo puristas do futebol, com esse papo furado de “time bom ganha de tudo e de todos”, é que são os verdadeiros acéfalos. Por isso não vêem enquanto as classificações e títulos passam ao largo, quando estariam ao alcance do Palmeiras, mesmo com times medianos. Acorda do sonho, o mundo não é cor-de-rosa.

Sérgio o Palmeiras nunca foi campeão com erros clamorosos de arbitragem a seu favor. Ao menos não me recordo disso. O Palmeiras de 95 foi um time forte no papel mas que nunca decolou, perdeu a final do paulista p/ um gambá cujo time apesar de mais fraco no papel, funcionava melhor em campo. Na libertadores de 1995 fizemos a terceira melhor campanha da primeira fase, chegamos as quartas contra o gremio (também mais fraco, porém um time que funcionava melhor que o nosso) o time se perdeu no nervosismo logo no iníco do jogo de ida (rivaldo pilhado), tivesse perdido de pouco poderíamos ter descontado na volta.
Com relação a mídia, o Palmeiras não é nem nunca foi o time do povo ou da mídia, ninguem fala que alex, rivaldo, roberto carlos, tiveram seu futebol reconhecido pela europa jogando aqui, assim como tantos outros, a visão da mídia em cima do Palmeiras advém da imagem dos seus dirigente, cujo principal interesse é posar de gostosão nas alamedas do maldito clube social. Tivéssemos um clube gerido profissionalmente, sem qualquer vínculo com o tal clube social, as coisas seriam diferentes, na mídia e em bastidores. O vizinho de muro do CT também não é nenhum querido da mídia, administra o assunto melhor que nós.

Quem falou em Palmeiras campeão com erros clamorosos a favor? O Palmeiras de 1995 era inferior ao de 93-94 e de 96, mas era um bom time. Naquele jogo fatídico, o juiz (Cláudio Cerdeira, acho) expulsou o Rivaldo logo no início, em um lance que o gremista entrou pra quebrar e o Rivaldo devolveu na mesma moeda. Devia ter expulso os dois, se era para expulsar. Depois expulsou o Válber e fingiu que nao viu o goleiro Danrlei sair de campo para agredi-lo. O Grêmio bateu à vontade, impune. Resultado, 5×0. Na volta, em condições de igualdade, 11 contra 11, goleamos por 5×1.

Mas, infelizmente não temos. Todos fatores que podem influenciar no desempenho do time têm de receber atenção, tratamento da mídia, arbitragens, STJD etc.

Para exemplificar o tratamento da mídia. Ontem, o globo.com nem MENCIONOU o gol mal anulado do Palmeiras no seu Tempo Real, que vai postando os lances do jogo.
Hoje, publicou no subtítulo da matéria de Bambis x Inter:
“Atacante do Colorado assegura vitória dos gaúchos em partida válida pela segunda rodada do Brasileirão. Tricolor jogou melhor e teve pênalti não marcado a favor”
Dá para perceber a diferença de tratamento ou os ingênuos torcedores que pululam por aqui e acolá ainda assim não entenderão?

Eu também estou bastante irritado com a derrota de ontem, desperdiçamos 3 pontos de bobeira. Mas pelo que vi nessa segunda rodada, o Palmeiras, se realmente manter o foco e fazer de cada jogo “uma final” (o Cuca havia prometido isso e já no jogo de Campinas não cumpriu), dá sim para disputar o título. Duas rodadas é pouquíssimo para avaliações. O líder é o Santa Cruz e o vice-líder é a Chapecoense.

O nível do campeonato será esse até o final, tanto que se tivéssemos vencido seríamos líderes isolados com dois pontos de vantagem, isso já na segunda rodada. Se todos se conscientizarem de que temos um time razoável que precisa de muito treino, de trabalho e que ainda carece de qualidade técnica, vamos lutar pelo título. Se acharem que a tal promessa do técnico virá sem esforços, lutaremos lá embaixo.

E em que linha do meu texto desrespeitei isso? Cada um sabe onde vai torrar seu dinheiro, se você acha que ser “consumidor” do Palmeiras é o que dará títulos ao clube, parabéns, passe na padaria mais próxima que você tem direito a um sonho…

Se o time ganhar quart-feira, vai quebrar o tabu Porcus-Triste desde 1989 !! e não é dificil que não aconteça pois vamos enfrentar o time do tapetão da cbf !!

A Ferroviária deu não apenas calor mas um baile no Palmeiras em pleno Allianz, você já esqueceu? Além disso, o Santa Cruz empatou com um pênalti inexistente, então isso não é referência para nada. Se não jogarmos futebol de qualidade, e é isso que faz a diferença (e não comprar camisa ou torrar o salário com o clube), não ganharemos de ninguém.

Tá nervoso? Qual foi a mentira que escrevi? Desculpe, deixo a “honra” de ser “consumidor” para pessoas como você, prefiro continuar sendo (como aliás já era provavelmente antes de você nascer) “apenas” torcedor do Palmeiras, pois sei o quanto vale cada centavo do que ganho, e isso não interfere em nada com minha paixão.

Do jeito que esse time é de enganadores e vamos jogar justo na véspera de PORCUS Trhieste, ja podemos esperar outra derrota na quarta !!! Desde 89 ja virou tradição, assim como ja faz 9 anos que não fazemos 6 pontos !!!O CUCA pelo jeito é um tremendo de um páu-mandado !!!

Agora não entendo uma coisa. Se é pra jogar sem nenhum meia de ofício na meia, por que não segurou o Juninho? Por que essa teimosia em não trazer pelo menos um meia?

nao da pro arouca ser reserva desse time, mateus sales banco, vitor hugo banco. roger guedes banco, alexsandro nem banco começa mudar isso que o time joga…..

A pergunta é: quem temos pra colocar no lugar desses caras? Se for pra entrar com Arouca (não justificou a contratação até agora), Luan, Zé Roberto INSS ou Rafael Marques, deixa assim mesmo. O problema de trazer 25 baciáveis por ano para “compor elenco” é que quando chega aquele momento em que precisamos de alguém que faça a diferença, lembramos que Edmundo, Evair, Rivaldo, Alex e Djalminha já abandonaram a carreira faz tempo…

Tem cidadao aqui neste blog que vive na Lua ,va conhecer a
Historia do Clube e os Grandes Erros de Arbitragem contra nos
Que inclusive tiraram Campeonatos para falar em Teoria de Conspiracao!!!
Contra nos aplicam a regra 19, (vale tudo) .erros, tecnologia, Reporter
Convocando STJD. Etc..
Culpa dos Ineptos, Jurassicos , inescrupulosos e BananasDirigentes de todos
Os tempos, ate quando? Jogamos mau , sim! mas a regra precisa ser igual para
Todos, chega de “Ser a Virgem do Prostibulo” como diz um velho amigo .

Jogadores emprestados:Goleiros:Alemão–Atlético Sorocaba(SP)Até 31/05/2016 Fábio,Oeste (SP)até 31/12/2016 Laterais:Bruno Oliveira,Vila Nova (GO)até 31/12/2016Lucas,Cruzeiro (MG)até 31/12/2016 Weldinho – Brasil de Pelotas (RS)até 10/12/2016 Taylor,Criciúma (SC)até 30/11/2016 Victor Luis,Botafogo (RJ)até 31/12/2016..Zagueiros:Gabriel Dias – Oeste (SP) – até 30/11/2016 Nathan – Criciúma (SC) – até 30/11/2016Tobio – Boca Juniors (ARG) – até 22/06/2016 Wellington – Ponte Preta (SP)até 31/12/2016..Volante: Amaral – Coritiba (PR)até 31/12/2016 Renato Augusto,Ponte Preta (SP) – até 31/12/2016…Meias:Diego Souza,Portuguesa (SP)30/05/2016 Mendieta,Olímpia (PAR) até 31/12/2016 Robinho – Cruzeiro (MG) – até 31/12/2017Tiago RealVitória (BA)té 31/12/2016…Atacantes: Gabriel Leite,Criciúma (SC) – até 30/11/2016 Leandro – Coritiba (PR) – até 31/12/2016 Maikon Leite,Al Shaab (EAU)até 22/06/2016 Mazinho – Oeste (SP) – até 31/12/2016 Miguel,K. Sanuki (JAP) – até 31/12/2016 Mouche,Lanús ARG) ,até 22/06/2016 Rodolfo,Ypiranga (RS)até 31/05/2016 Vinicius,Coritiba (PR)até 31/12/2016.

Meu Deus, temos um esquadrão nessa lista, como podemos desperdiçar tanto talento assim? Com Weldinho, Victor Luís, Wellington, Amaral, Diego Souza, Mendieta, Tiago Real, Leandro, Maikon Leite, Mazinho “black Messi”, Mouche e Vinícius, nem precisaríamos de promessa, o título brasileiro seria nosso já na 28ª rodada!… Pois é, depois são as arbitragens ou os torcedores sovinas que não compram camisas os maiores responsáveis pelos nossos vexames… Pagando salário pra tanta ameba, jamais vai sobrar dinheiro para contratar craques que decidem jogos e campeonatos, por isso continuaremos reféns da mediocridade!

Se o Palmeiras pretende ser campeão realmente tem que sacar urgentemente o tal do Egídio do time. A falha dele no primeiro gol ontem foi primária, além do fato de nenhum zagueiro cobrir
a marcação defeituosa do lateral naquele momento.

Clayton Xavier é apenas um bom jogador. Enquanto não chegar o 10 diferenciado vai ser isso. Mateus Sales banco já. Esse Tchê Tchê a mesma coisa e quando o colombiano estrear que o seu Vitor Hugo sente na reserva pois já deu.

Pra mim é o CX é um jogador mediano, bem normal, e tá mais pra um 8 do que pro um 10.

Pois é, meus amigos, concordo plenamente, mas para aqueles que acham que desde 1976 e sem Parmalat ganhamos apenas um Paulista (com o SCCP recém-rebaixado) e duas Copas do Brasil (uma nos pênaltis e outra sem a participação dos times da Libertadores) porque foram as arbitragens ou a RGT que nos atrapalharam, faz pouquíssima diferença ter Cleiton Xavier como “cérebro” do time, já que seremos permanentemente roubados por gente que não quer que o mundo saiba que temos o melhor time do planeta…

O que mais irrita no Cuca é sua falta de equilíbrio emocional. Duas expulsões num espaço de apenas três jogos. Isso se reflete no rendimento da equipe dentro de campo. Não será dessa maneira que ele cumprirá a tal promessa.

Na coletiva ele reclamou disso. Mas é um bom ponto a ser explorado, expulso seguidamente dessa maneira nem o felipão que comprou briga com diretoria, com reporteres, juizes e com mais que fosse conseguiu esse feito em sua segunda passagem.

Eu tenho uma dúvida e quero que alguém me responda. Com esse mesmo time que teve a proeza de ser eliminado na primeira fase da libertadores e que muitos palmeirenses ficam falando a quatro ventos que tem condição de ser campeão brasileiro. O Palmeiras realmente tem condição de ser campeão brasileiro com esse time????

Condição tem porque não existe pelo menos neste momento uma equipe que esteja muito acima das demais – aliás, o nível deste campeonato promete ser muito ruim. Mas é preciso qualificar o time, modificar todo o DM, ter um índice de aproveitamento acima dos 80% jogando em casa, treinar (muito) mais e cair (muito) menos no clima de badalação. Por outro lado, quando a gente olha para o banco e vê o aposentado Zé Roberto, o inútil Arouca, o caneludo Rafael Marques e Luan “contrato eterno” como opções, fica difícil acreditar nisso tudo.

Se ele tivesse se mexido no final do ano passado trocando o técnico e contratando uns três bons a preços justos ao invés da costumeira dúzia de ruins muito caros, neste momento ninguém estaria preocupado com arbitragem, exceto talvez os eternos teóricos das conspirações, aqueles que acham que “futebol é assim mesmo” ou ainda quem acredita que um time que fez 28 pontos a mais não é melhor que o nosso…

Não concordo. O 2º gol das meninas cariocas teve 2 impedimento: no 1º laNCE DO fRED QUE ORIGINOU O CORNER, E DEPOIS NO GOL, POIS O gERSON ESTAVA ATRAPALHANDO A VISÃO DO GOLEIRO. Deu faltas e mais faltas perto da área para ver se o Flubatom virava. Tá, não foi penalti no Grafite, mas ele parou o Santa com faltinhas, faltinhas e faltinhas, todas cai-cai da Frederica e cia.

Se ele quisesse ajudar o Fluminense iria marcar um pênalti a favor do Santa no final do jogo quando o placar estava 2×1 para os cariocas? Vamos analisar mais com o cérebro e menos com o coração…

Os comentários estão desativados.