Pós Jogo Cruzeiro 2×1 Palmeiras: podia ser pior

 

Hoje não deu. O Palmeiras foi a Belo Horizonte para pegar o Cruzeiro e perdeu por 1×2 em uma tarde noite que nada funcionou. Os gols do Cruzeiro foram de Willian. O do Palmeiras, de Gabriel Jesus.

O jogo começou bem pegado, com o Cruzeiro indo prá cima querendo sua primeira vitória no Mineirão. O Palmeiras entrou sem Jean. Com Prass, Fabiano, Dracena, V. Hugo e Egidio; Tchê Tchê, Moisés, Cleiton Xavier e Roger Guedes; Dudu, Gabriel Jesus.

No início Dudu aproveitou um vacilo da defesa cruzeirense e tocou para G. Jesus que marcou. O gol animou a torcida palmeirense e parecia que mais uma vitória se desenhava. Só que não!

O Cruzeiro foi prá cima e logo chegou ao empate, com bola que cruzou a área palmeirense e sobrou para Willian marcar.

Com o empate esperava-se o Palmeiras colocar a bola no chão e começar a jogar. Mas só deu Cruzeiro. Bem marcado pelo time do português Paulo Bento, o time alviverde não criava. Cleiton Xavier desaparecido em campo. Guedes sem brilhar como das outras partidas. Fabiano deixava uma avenida em suas costas. O Cruzeiro era rápido e podia ter já virado na primeira etapa.

Veio o 2o tempo e Cuca mexeu no time. Colocou Luan como um ala esquerda no lugar de Egidio e Thiago Santos no lugar de um inútil Cleiton Xavier. Dudu passou a ser o meia que nós não temos. Continuamos lançando bola para a defesa do Cruzeiro rebater.

Do lado azul, Arrascaeta jogava como um 10 e armava todas as jogadas. Willian fez 1×2 e depois o Cruzeiro perdeu pelo menos três gols.

Fim de papo e o Palmeiras se mantém com 22 pontos. O resultado final foi ruim mas dado o jogo todo, podia ter tomado uma goleada e perdido o bom saldo de gols. Agora é esperar o final da rodada e torcer para continuar na liderança.

Na próxima, o Figueirense em casa.

Saudações Alviverdes!

***

Pré Jogo

O Palmeiras pega neste sábado no Mineirão o Cruzeiro para se manter na liderança do Campeonato Brasileiro na R11. 19 horas, transmissão Sportv.

Jogo difícil.

O time

Cuca tem dúvidas para o time que pega o Cruzeiro.

O treinador ficou sem Fabricio e Zé Roberto, mas levou 24 jogadores para BH:

Goleiros: Fernando Prass e Jailson
Laterais: Egídio, João Pedro e Fabiano
Zagueiros: Edu Dracena, Roger Carvalho, Thiago Martins e Vitor Hugo
Volantes: Jean, Matheus Sales, Rodrigo e Thiago Santos
Meias: Cleiton Xavier, Moisés, Tchê Tchê e Vitinho
Atacantes: Cristaldo, Dudu, Erik, Gabriel Jesus, Luan, Róger Guedes e Rafael Marques

A escalação que a redação do 3VV aposta é: Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Tchê Tchê e Moisés; Róger Guedes, Cleiton Xavier e Dudu; Gabriel Jesus.

O Adversário

O treinador português Paulo Bento aposta no futebol de Henrique e Arrascaeta (que joga sim contra nós) para brigar com o Verdão. Mas a campanha em casa é péssima. Sem vitórias ainda. Que continue assim.

Pendurados

Olho:Matheus Sales, Gabriel Jesus, Zé Roberto (que não joga), Thiago Santos e Moisés estão com dois amarelos.

Arbitragem

Leandro Pedro Vuaden do Rio Grande do Sul é o árbitro.

Árbitro Leandro Pedro Vuaden – RS (FIFA)
Árbitro Assistente 1 Alessandro A Rocha de Matos – BA (FIFA)
Árbitro Assistente 2 Bruno Raphael Pires – GO (FIFA)
Quarto Árbitro Rodrigo Nunes de Sa – RJ (CBF-1)

Vuaden não tem trazido muita sorte pro Palmeiras. Desde 2008 o árbitro já apitou 26 partidas:

8 vitórias do Verdão;
6 empates;
12 derrotas.

Foram dois jogos apitados contra o Cruzeiro, um no Pacaembu e outro no antigo Palestra Italia, com uma vitória e um empate. Em Minas Vuaden nunca apitou Palmeiras x Cruzeiro.

Números no Brasileirão

Jogando como visitante o Palmeiras tem campanha instável:  imbatível. 4 jogos e 1 vitória, 1 empate, 2 derrotas, 5 gols pró e apenas 6 gols contra.

O Cruzeiro vem de uma goleada sobre a Ponte Preta em Campinas. Porém jogando em casa sua campanha é muito ruim. Em 4 jogos os mineiros ainda não venceram em casa, com 2 empates e 2 derrotas. 9 gols pró e 9 contra.

Retrospecto

No retrospecto o Palmeiras jogou 82 vezes contra o Cruzeiro e tem desvantagem:  28 vitórias, 23 empates e 31 derrotas. 117 gols pró e 116 contra.

Jogando no Mineirão foram 31 partidas, apenas 6 vitórias contra 16 derrotas.

***

Então deixe aqui seu recado. Este será o post do pós jogo.

Posts antigos, Por Onde Anda, e Links Patrocinados