Pós Jogo Palmeiras 2×2 Ponte Preta: dois pontos perdidos

 

 

Pois é tem dia que a coisa não vai. Este domingo foi isso. Palmeiras e Ponte empataram em 2×2 no Allianz Parque. Os gols do Verdão foram de Rafael Marques e Thiago Martins. Wellington Paulista e William Pottker fizeram para os campineiros.

O Palmeiras pegou um adversário muito bem armado pelo treinador Eduardo Baptista. Logo de cara o time de Campinas assustou os palmeirenses. Jailson fez boa defesa em lance cara a cara com o atacante adversários.

Mesmo assim o time de Cuca foi prá cima e na base da pressão logo fez 1×0. Roger Guedes pela direita fez grande jogada pela direita e passou rasteiro. A bola passou por todo mundo e encontrou Rafa Marques. 1×0.

Parecia que ia ser fácil. Só que não. O time da Ponte é cascudo e com veteranos – entre eles o asa negra Wellington Paulista e o lateral João Vitor – eles iam segurando o ataque palmeirense, que sofria, como sempre, com a falta de criatividade na armação das jogadas.

gol-thiago-martins-palmeiras-ponte-2No intervalo Zé Roberto saiu e entrou Egidio. E numa lambança na área palmeirense, WP livre tocou prá empatar. Aos 6 da etapa final.

O Palmeiras foi prá cima. Allione entrou no lugar de um (quase sempre) inefetivo Cleiton Xavier. O time melhorou. E na pressão Thiago Martins de cabeça fez 2×1. Eram 24 minutos do 2o tempo.

Aí … aí…. Cuca tirou Roger Guedes – o melhor atacante – para colocar Thiago Santos e travar o meio campo. Não deu certo. Logo na sequência numa inacreditável jogada de contra-ataque, a Ponte empatou.

O Palmeiras perdeu capacidade ofensiva. Fez pressão mas a Ponte levava mais perigo no contra-ataque que o Verdão.

O jogo foi aos 51 minutos. Mas não adiantou. 2×2. Hoje perdemos dois pontos.

Saudações Alviverdes!