Categorias
Brasileiro 2016 Resenha dos Jogos

Pós Jogo Palmeiras 2×1 Vitória: fechou com chave de ouro

 

O Palmeiras terminou o melhor ano esportivo nos últimos 17 anos com uma vitória em Salvador sobre o Vitória. 2×1.

Jogando com um time cheio de reservas, o Palmeiras jogou tranquilo. O Vitória precisava vencer para afastar qualquer possibilidade de rebaixamento. Foi prá cima e fez 1×0 ainda no 1o tempo, em um lance onde Alecsandro atrapalhou Jailson.

Logo depois Gabriel empatou. E Alecsandro virou.

Foi uma temporada quase perfeita. 80 pontos, melhor ataque, defesa menos vazada, mais número de vitórias, melhor 2o turno da história dos pontos corridos com 20 clubes.

O Palmeiras fechou o ano com chave de ouro. Agora é curtir o título.

Saudações Alviverdes!

 

57 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 2×1 Vitória: fechou com chave de ouro”

Impressionante como jogador de futebol é sem noção. O cara tá há 2 anos no clube, nunca jogou nada, fu#%deu com o time na Copa do Brasil esse ano e ainda acha que tem condição de impor alguma coisa hahaha…. só rindo…se é por falta de Tchau Allione, Adeus!

Concordo também, o Borja é o 9 ideal para nós, junto com ele o Guerra, Scarpa.
Ainda bem que não expulsaram o Tirone, em breve ele voltará (kakakakakaka).

O Borja é muito bom. Domina todas as bolas, proteje bem com o corpo, faz a parede pra quem vem de trás e tem ótima finalização já comprovada em outros jogos. Seria um grande reforço. Se não der pra trazê lo que tentem o Prato, mas o Borja seria o substituto ideal pro Jesus, pela técnica e por saber jogar melhor fora da área tbm.

Intervalo de jogo Kashima 1 x 0 Atlético Nacional. O Borja é um bom jogador. O time colombiano está esmagando os japoneses , não estão dando sorte. Já meteram duas bolas na trave e estão perdendo por causa do recurso da televisão. Muita sacanagem !

Borja não pegou na bola no 2o tempo. Kashima 2 x0 Atlético Nacional.
As vezes nem sempre o melhor vence. Falha do goleiro do Atlético no 2o gol dos japoneses.
Esse jogo me fez lembrar Manchester x Palmeiras.
Enquanto eu escrevia , 3×0 , Atlético eliminado !

Bem lembrado Renato. A única diferença pra mim é que o Verdão precionou o jogo todo e perdeu vários gols nos dois tempos em 99. Hj o Nacional foi muito melhor no primeiro tempo mas no segundo foi mais no desespero e não conseguiu achar espaço na boa marcação dos japoneses. Realmente não tem mais bobo no futebol rsrs…aaah e esse Guerra heim? Não senti muita firmeza nele não.

Manda o C Xavier para o Grêmio e traz o Valdívia do Inter, e daremos chapéu nos sardinhas, principalmente naquele presidente deles.

Seria uma ótima contratação o Valdívia do Internacional. Acho ele um jogador habilidoso, faz gols, muito bom. O Internacional caiu e não seria tão difícil a sua contratação. O Palmeiras está dando bobeira.

E nossa fase tá boa mesmo: grêmio quer levar o morto Xavier, entrega logo antes que eles mudem de ideia !

Joel, não viaja. Cuca saiu por motivo familiar. Boatos de que a esposa está doente, então fez bem.

Mudando de assunto. O clube social deu quatro milhões de prejuízo eh isso mesmo? O que está sendo feito pro clube parar de sugar dinheiro do futebol?

Pois é, Marcelo, e a gente sabe que em outras fases boas foi exatamente assim que o leite da vaca secou. Isso só se modifica com gestão profissional calcada em estruturas sólidas, não com milionários bancando o clube ao seu bel-prazer.

Cada um por aqui tem sua “versão” dos fatos, mas a verdade mesmo apenas os envolvidos é que sabem. Poderemos avaliar realmente o quanto esse “problema familiar” pesou na decisão do Cuca daqui a alguns meses. O Palmeiras não disputará nada importante até abril, portanto era perfeitamente possível o técnico ficar ausente até lá com algum “tampão” no seu lugar (provavelmente o Valentim), então caso ele venha a assumir o comando técnico de outra equipe no segundo semestre pelo menos para mim ficará claro (embora não comprovado) que o problema foi algo bem diferente. Com uma coisa pelo menos acredito que todos concordem: tanto Cuca quanto Nobre são figuras excessivamente teimosas e orgulhosas.

Campeão com todas as letras! Título absolutamente incontestável. Se não encantou o país com um futebol de pura técnica, tbm não deixou dúvidas sobre qual time foi o mais competente, competitivo, eficiente e merecedor. Parabéns a todos, diretoria por fazer os esforços necessários mesmo com alguns erros, jogadores que há tempos não víamos um elenco vestir o manto verde com tanta dignidade e vontade e a comissão técnica representada pelo Cuca que pra mim foi o principal personagem do título pois foi ele quem chamou a responsabilidade e fez todo mundo acreditar que era possível ser campeão brasileiro em 2016. Fez a promessa antes mesmo do campeonato começar e trabalhou duro para cumpri-la. Tem e terá meu respeito e admiração pra sempre. Obrigado Cuca! Tenho certeza que seríamos favoritos na libertadores 17 com ele, uma pena não poder ficar, seja la qual for o motivo. Pior ainda vai ser ver ele assumindo algum clube rival daqui uns 3 ou 4 meses. Que o Eduardo Baptista tenha muuuuuita sorte , ala

Muito bem expressado, Philipe. Muito mais do que sorte, o Eduardo precisará de uma competência que até aqui não demonstrou. Vale lembrar que assim como grandes técnicos sofrem com elencos medianos, acredito que um ótimo elenco (algo que ainda não temos) não deslancha se não tiver um treinador que saiba tirar dele o melhor.

Galera, que ano esportivo sensacional para nós em 2016, hein:

Palmeiras ENEACAMPEÃO Brasileiro, somando 80 pontos e liderando todos os quesitos positivos do Brasileirão;

Lambaris sendo nosso bi-vice e ano que vem poderá pedir música no Fantástico;

Urubus ficaram que nem entregador de pizza, só sentindo o cheirinho;

Gambás fora da Libertadores, com um time medíocre, perdendo todos os jogos para nós e com grandes chances de ter um 2017 pior ainda, podendo até perderem seu estádio;

Bambis brigando até a reta final para não ser rebaixado, fechando mais um ano sem ganhar título e contratando o cara mais panelinha da história do futebol brasileiro para ser treinador, kkkkk;

Chorolado safado indo para o inferno em 2017 e acabando com o sorrisinho cínico de Renata Fan quando anunciava derrotas de outros times;

Palmeiras ajudando a acabar com o monopólio da RGT e fechando um bom contrato com o canal Esporte Interativo da Turner;

NÃO TEMOS QUE RECLAMAR DE NADA, SÓ AGRADECER A DEUS E AOS PROFISSIONAIS QUE TRABALHARAM NO PALMEIRAS EM 2016 POR ESSE ANO ESPETACULAR!!!

Que o ano de 2017 nos presenteie com a conquista da libertadores e mundial. É o meu maior desejo.
Um feliz natal à todos e um 2017 feliz em saúde , em harmonia com os familiares , paz e realizações.

Vejo a contratação de Eduardo Batista com desconfiança. Ontem, mais uma vez, vimos o excelente trabalho do Cuca. Com um time alternativo, o Palmeiras dominou o Vitória, foi seguro e consistente. O Palmeiras, de Cuca, é muito difícil de ser batido. Uma pena ele sair. Torço para que Eduardo Batista seja um “novo Luxemburgo”, alguém que não tinha ainda um grande currículo, vinha de um clube menor, mas que demonstrou todo o seu valor num gigante como o Palmeiras. E o Eduardo Batista, assim como à época aconteceu com o Luxemburgo, vai pegar um Palmeiras rico, com elenco forte. Se tiver competência, vai arrebentar. Tomara.

Assim espero também, mas parando para analisar o mercado percebe-se que existem pouquíssimas opções de treinadores bem qualificados, não vejo mais no Brasil um treinador no nível de um Tite ou do próprio C.uca. Todos ou são medíocres, ou estão em fim de carreira, ou mesclaram bons trabalhos com trabalhos pífios (como o hoje badalado Dorival). Entre as apostas o Eduardo Batista é uma das boas opções…. tomara que marque época e dê continuidade ao belíssimo trabalho do C.uca.

cuca, saiu por que apareceram diferenças com a diretoria, cuca grande tecnico de personalidade, pediu pra fazer ajustes, a chefia nao aceitou o que e normal, entao ele achou por melhor nao polemizar, fim de ano, nao custava deixar a torcida fazer o corredor verde mais, a diretoria nao liberou….boa sorte pro eduardo, que parece ser um tecnico medio, mas se montar uma seleçao quem sabe….

Ontem foi dois sentimentos (credo parece coisa de bambi): um de alegria, por ver o verdão jogar bem mesmo com o time reserva e outro de tristeza, por sabermos que não veremos mais o G Jesus com a 9 (33) e não teremos mais o Cuca. Esse sim é o responsável pelo time que temos. A esperança e que o Mattos renovou, quem sabe traz o Cuca de volta logo. Enfim boa sorte E Baptista (até julho kakakaka).

Perdemos um paulista, uma copa do Brasil e uma libertadores mas vencemos o brasileiro, não foi um ano perfeito, mas foi o melhor ano em 22 anos, ou seja, vamos com a alma leve para a virada de ano. Que Deus abençoe a todos.

No Paulista a campanha foi muito fraca (derrotas pra Linense, Água Santa, Ferroviária, empate com São Bento em casa), mas mesmo com o baixo o nível da disputa só não fomos pra final por conta dos pênaltis. Na Copa do Brasil pesou o afunilamento das duas competições e da opção (acertada) que foi feita pela mais importante, a despeito da besteira do Allione no jogo de volta. Acho que a grande decepção mesmo foi na Libertadores, pois até com equipes muito piores que a bagunça tática inventada pelo MO conseguimos passar pela fase de grupos em outras oportunidades, então a imagem de fiasco ficou muito forte. Mas sem dúvida foi a melhor temporada deste século, o que só comprova que ainda temos muito o que evoluir.

Acho que até 2000 foi um ano mto bom. Perdemos a libertadores por muito pouco naquele ano, mas tivemos o prazer de tirar o curintcha na semifinal.

Bem lembrado, além disso tivemos dois títulos (Rio-SP e Copa dos Campeões). O que estragou mesmo aquela temporada foi o início do “bom e barato” e principalmente a virada sofrida na final da Mercosul para o Vasco, parece que o clube entrou no século XXI atordoado por aquela derrota e levou anos para se achar.

Acho que é justificável pelo que aconteceu com a Chapecoense. Não havia clima para discutir futebol e para a costumeira cornetagem. A partir de agora até o retorno a campo oficial do Palmeiras, no início de fevereiro, começará outra etapa, com muitas especulações, projeções e principalmente ansiedade. Haja paciência!

Deveríamos copiar bons exemplos , como , o time do Atlético-PR faz no estadual paranaense , colocar o time sub-23 no campeonato paulista e entrar com tudo na libertadores para ser campeão ! É esse o foco Eduardo , libertadores e esse bendito mundial. Que aliás , dá para levantar os dois !

Não podemos esquecer de alguns caroços nesses angus. Graças à gloriosa FPF, as inscrições para o Campeonato Paulista são restritas (manobra política para não esvaziar ainda mais um torneio cujo interesse tornou-se mínimo), assim não dá pra entrar na disputa apenas com “garotos” a não ser que se assuma que eles também estarão em campo em clássicos e numa eventual fase final. Por outro lado, como já vimos neste ano a Libertadores não é uma competição simples, ano que vem teremos 46 equipes que vão perder e só uma que vai ganhar. Isso não pode se tornar uma obsessão cujo eventual fracasso coloque abaixo todo o planejamento de uma temporada. O negócio é montar o melhor elenco possível, usar o Paulista como preparação, fazer uma ótima fase de grupos na Libertadores para evitar o vexame deste ano e depois pensar em cada confronto com cuidado sem perder outro foco importantíssimo que é se manter na hegemonia do futebol nacional. Só não pode é demitir técnico por levar goleada do Mirassol em março achando que tudo é um lixo.

Alex, vamos voltar essa semana. As duas últimas semanas apesar da grande alegria do nosso título foi de muita tristeza por conta do ocorrido. Mas é hora de virar a página. Fim co campeonato, título e fim de ano.

Compartilho da opinião do Alex, e embora eu entenda a ausência nas últimas semanas, isso não vem de hoje. Há alguns meses já os (quase) únicos posts são os de pré e pós jogo. Também sinto falta dos posts do 3vv.

Pois é, para mim uma das imagens mais marcantes do Diego Souza quando passou por aqui foi sua expulsão na final do Paulista de 2008, com o jogo decidido e o Palmeiras goleando a Ponte. Jogador com potencial técnico, mas com cérebro do tamanho de uma ervilha e que não pensa coletivamente. Isso tudo sem esquecer do gol que perdeu na Libertadores de 2012 quando jogava pelo Vasco, que deu no que deu…

Nossa missão foi cumprida ! Palmeiras Campeão Brasileiro 2016.
Para encerrar o campeonato com chave de ouro , Inter de Porto Alegre rebaixado à série B e o time de Itaquera fora da libertadores.
Abraço a Todos.

Por enquanto, quase tudo perfeito. E o Palmeiras jogando com tranquilidade é outra coisa (será que era tão difícil assim praticar bom futebol antes de ganhar o título?), só me preocupa essa história de pênalti perdido pelo Fluminen-C. Por outro lado, se o Sport não conseguir ganhar do Figueirense em casa, não vai ter do que reclamar…

Perceptível que o jogador do fluminense que bateu o pênalti não estava com vontade de fazer. Vamos continuar torcendo , o Cruzeiro virou lá.

Os comentários estão desativados.