Categorias
Paulistão 2017 Resenha dos Jogos

Pós Jogo Palmeiras 2×2 Audax: empate em jogo fraco

Os quase 28 mil pagantes que assistiram o empate entre Palmeiras e Audax por 2×2 esperavam bem mais.

Ok que o Palmeiras entrou com um time cheio de reservas. Jailson, Fabiano, Antonio Carlos, Victor Hugo, Zé Roberto; Thiago Santos, Tchê Tchê, Roger Guedes, Keno, Michel Bastos; Alecsandro. Mas temos um elenco para poder vencer o Audax sem se preocupar com quem entra em campo, correto?

Não foi isso que aconteceu.

Foi um jogo fraco. Sentimos falta de criação no meio e de finalização no ataque. O primeiro tempo foi mais sonolento. Algumas chances de gol, mas nada tão perigoso. No final da primeira etapa, Michel Bastos clareou e bateu do lado direito do goleiro do Audax. A bola sobrou para Roger Guedes – que era o atacante mais ativo – e fez 1×0.

Parecia que ia passar uma boiada, correto? Só que não.

O Audax foi pra cima e tinha mais posse de bola. O Palmeiras jogava no contra-ataque. Do lado direito do Palmeiras Fabiano marcava mal e tomamos o empate por ali.

O Audax se animou. Keno e Alecsandro eram pouco eficientes, e Eduardo Baptista fez a mudança seis-por-meia-dúzia, sacando os dois e colocando Erik e Willian. Funcionou a princípio e Willian de cara mandou um balaço no travessão. Logo depois fez o segundo gol em boa jogada de todo o ataque.

Com 2×1, parecia fatura liquidada. Entrou Vitinho no lugar de Michel Bastos. O time estava com caminho aberto diante de um Audax que se abria para tentar o gol que o salvaria do rebaixamento imediato. No contra-ataque o Palmeiras iria fazer mais um ou dois gols. Correto? Errado de novo.

Num contra-ataque do Audax onde Zé Roberto não conseguiu correr com o atacante adversário, 2×2.

Era bom ganhar? Era. Mas o jogo não valia nada pro Palmeiras. Agora é pegar a Ponte Preta também pra cumprir tabela e ir para as finais.

Saudações Alviverdes!

45 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 2×2 Audax: empate em jogo fraco”

Meu Deus o geléia (Mustaphá Contursi) já está mostrando suas garras novamente. Quer redução em todos os setores, vamos voltar ao bom e barato. Até quando vamos ter esse ser falando em nome do verdão.

A entrevista com Musgambá Contursi hoje na Folha de São Paulo é cômica. Ele ainda acha que é dono
do Palmeiras.

Levando-se em conta que ele se considera “pai” do Nobre (e a recíproca nunca foi negada pelo “filho”) e que conse

Levando-se em conta que ele se considera “pai” do Nobre (e a recíproca nunca foi negada pelo “filho”) e que conseguiu enfiar a dona Leila goela abaixo do Conselho, pode não ser dono, mas que ainda manda bastante, manda…

Eu discordo por dois motivos:

Trazer para não reforçar os rivais? Jogar dinheiro pro alto, mesmo? Loucura demais.

E outra. Alguem acompanha aquele compeonato? Ewerton Ribeiro foi um cara que ninguem queria ate ir bem no Cruzeiro, onde até o Egídio foi bem. Pedir só por pedir não faz muito sentido, ainda mais se pensarmos que a pouco tempo pediam o Conca, e olha ai o cara onde ta.

Alem disso, na meia ja temos muitas e boas opções. Moises, Guerra, Dudu, M.Bastos… nem todos os 10-10, mas todos vão bem pelo meio.

Só vamos saber se a vinda do Conca valeu ou não a pena quando ele voltar a jogar, e considerando que o empréstimo é somente até o final do ano, ele não vai ter muito tempo para mostrar futebol, se é que ainda o tem. Quanto ao ER, concordo que os campeonatos do mundo árabe não são referência pra nada, mas o “Croatão” também não era e mesmo assim o Moisés foi capaz de mostrar o que não se esperava dele (eu, pelo menos, não). Vai muito do jogador, dos incentivos e dos objetivos (até pessoais) de cada atleta, e nesse sentido como o Ewerton não seria titular absoluto provavelmente só “viria para cá para não ir para lá”.

É parece que nosso presidente está sendo muito “bonzinho” com a W Torre. Quando mais precisamos da Arena não vamos ter. Volta Paulo Nobre e compra essa Arena. Ou seja candidato novamente.

Tivemos uma série de jogos deslocados para o Pacaembu por conta de shows marcados no Allianz durante a gestão do queridinho da torcida sem que houvesse manifestação sobre ele ser bonzinho ou não. Primeiro: o que foi estabelecido em contrato precisa ser cumprido. Segundo: se com os investimentos feitos para 2017 não tivermos condições de vencer o Novorizontino jogando na Rua Javari à noite, como é que vamos falar em Emirados Árabes no final do ano?

Eu também acho que o E Ribeiro seria uma boa contratação. Além de ser excelente jogador, não deixaremos ele ir para o Flamengo. O Luan também é bom jogador. E o Cuca, quando volta ??? (hehehehe)

O paulistinha realmente não empolga ninguém. Infelizmente virou um campeonato sem importância e acabou perdendo até o charme que tinha antigamente. Mas seria delicioso bater nos bambis na semi e ser campeão em cima dos gambás e ver a cara de bost@ de muitos jornalistas esportivos tendo de se render a superioridade Alviverde .

Se estiver dentro do orçamento do clube e não precisar fazer nenhuma loucura eu gostaria que o Ewerton Ribeiro viesse sim e por 2 motivos: primeiro pq acho um ótimo jogador e ajudaria muito já q não boto muita fé no Guerra e segundo pq evitaria que ele reforçasse o Flamengo que é um adversário direito nos principais torneios do ano. O Palmeiras contratou bem, fez um bom elenco mas vacilou em não ter se esforçado mais pra trazer o Diego. Se o Ewerton for pra lá na minha opinião o Palmeiras terá perdido os 2 melhores pra eles. Contudo acredito mesmo que ninguém vai pagar 6 milhões de euros num jogador de 27 anos que não trará retorno financeiro futuramente. Acho que ele continua na Arábia mesmo.

A meta foi alcançada, ficamos em primeiro do Grupo e do campeonato assim como havia acertado o regulamento. Domingo começa o Paulistinha de verdade que venha o Novorizontino.

O que me surpreende não é nem o pouco futebol. Se o time titular está nota 7, o time reserva não estaria melhor. O que me surpreende é a falta de vontade de alguns. O cara não joga nunca e a unica chance de mostrar algo é num jogo assim. E o cara anda. Vai entender…

Dois meses disputando o Paulista para, agora, nas quartas-de-final, enfrentarmos o poderosíssimo Novorizontino, com o segundo jogo no Pacaembu.

Acabou, o Palmeiras se garantiu como melhor time da primeira fase e é certo que vai enfrentar o Novorizontino nas quartas. O Audax, por sua vez, com o empate de ontem precisa “apenas” vencer o fraquíssimo Santo André em casa pra se livrar da degola, isso considerando que o igualmente horroroso São Bernardo não ganhará do SPFC. Se tudo correr dentro da normalidade, é grande a chance de enfrentarmos as meninas do Jardim Leonor nas semis.

Eu acompanho o Palmeiras desde 1980 quando tinha 07 anos de idade. O campeonato paulista à época era muito importante , hoje é esse fiasco. Disputa-se partidas sem necessidade , perde-se jogadores por lesão em virtude do curto espaço de tempo de pré-temporada e sem querer , estamos ai , com grandes chances de levantar a taça. Espero que isso aconteça, que os jogadores que chegaram esse ano comecem realmente a incorporar o espirito do que é o Palmeiras. Um time que nasceu para ser campeão.

Acho importante q esses erros de posicionamento estejam aparecendo agora, pois dá pra corrigir. Contra-ataque de escanteio em um jogo onde não se está perdendo é grave.

Futebol abaixo do esperado e possível, mas sem esse apocalipse todo, time misto, com muitos jogadores sem ritmo de jogo, nítida falta de entrosamento, jogando sem nenhuma ambição contra um time que jogou sua permanência na séria A do futebol paulista. Até acho que o Audax mereceu a vitória mas futebol é isso, o Palmeiras voltou a ser grande e dificilmente vai perder pontos pra times pequenos (pra desespero de muitos, rs). Gostei da partida do Michel, do Antonio Carlos (apesar de alguns botes furados) e do Guedes (o banco fez bem), além da ótima entrada do Willian, pontos positivos pra um jogo tão fraco tecnicamente! Até quarta-feira amiguinhos …

Jogar com o time alternativo faz correr o risco de tropeços. Paciência.

Impressionante o desespero do portal UOL tentando dar esperanças aos corintianos de que o time deles ainda pode ter a melhor campanha na classificação geral (a única “conquista” que eles poderão ter em 2017), isso fora a manchete “Palmeiras sofre golaço”. Enquanto o clubismo disfarçar a falta de profissionalismo de nossos “jornalistas”, escândalos como o golpe perpetrado pelo Marco Polo Del Nero para ficar indefinidamente no poder e manter o status quo vão passar despercebidos.

Tem que dar um desconto pro Jailson. Totalmente fora de ritmo e isso pra um goleiro é fundamental.

Hoje aconteceu o anormal. O rabo mordeu o cachorro. Jogamos o futebol mediano de costume, mas não vencemos como sempre. Hoje, nada de assombração. Os fantasmas dos três pontos passarão longe.

Os fantasmas estarão ocupados formulando teorias do tipo “temos o estádio em que são marcados os mais belos gols de cobertura do país”. Repare que até o William, deitado, fez o gol “encobrindo” o goleiro deles…

Se esses dois últimos jogos serviram pra alguma coisa foi mostrar que do trio Rafael Marques, Alecdonald’s e Erik o único que pode ser eventualmente aproveitado é este último. Os outros dois podem ir pra qualquer lugar, até Nibiru junto com quem acha que temos o “melhor sistema defensivo do país”…

Jailson….Fique debaixo do gol cara. Quem gosta de cobertura é a franga Ceni e o Dênis.

Pois é, ainda tem gente pedindo Jaílson de titular… Não vou cansar de dizer: ele é um bom goleiro, e só.

Será mesmo um bom goleiro? Ou a sorte o acompanhou no ano passado?
Ele teve total influência no resultado hoje. Não havia o porque de estar adiantado.

E já não é a primeira vez que isso acontece, lembra-se do jogo contra o Coritiba, quando ele saiu caçando borboleta, tomamos um gol bobo e a vitória que era tranquila foi conseguida no sufoco? Acho que ele é bom sim, mas debaixo das traves (senso de colocação), sua saída é bem deficiente. Compará-lo ao Prass simplesmente não dá.

Quanto ao trio eu mandava os 3 embora, o Erik não serva para nada. Quanto ao sistema defensivo, vamos ser honestos, jogamos com a pior formação possível, isso sem falar que hoje não tivemos o Felipe Melo dando cobertura para a zaga (Thiago Santos hoje foi mau), aí foi o velho bumba meu boi.

O Erik pelo menos dá pra vender ou negociar bem pois é jovem, e se não fosse ele hoje nem o segundo gol sairia. Também fez alguns gols importantes no BR-2016, não é um inútil completo, mas os outros dois só pro churrasco mesmo e olhe lá.

Quando se fala em “melhores zagueiros” ou até em “melhor defesa” significa dizer que determinados jogadores são bons e que sem eles a zaga sofre bastante. Quando se fala em ter um “sistema defensivo” eficiente, significa dizer que, independentemente das peças utilizadas, o esquema vai funcionar pois a estrutura é bem montada. Se com alguns jogadores nossa defesa funciona e com outros não, não podemos ter o “melhor sistema defensivo”, a questão aí é puramente conceitual. E o Thiago Santos hoje foi normal.

Aprendeu, estagiário 2, que Alecsandro e Rafael Marques, os dois postes que sobraram não têm condições de jogar. No próximo jogo em Campinas pode escalar os dois juntos porque o jogo não vale nada, se o Palmeiras ganhar hoje

O “melhor sistema defensivo do país” vai tomando sufoco do pior time do campeonato. Não fosse a pontaria estrábica dos jogadores do Audax e o placar estaria desfavorável.

Tomando sufoco de um time rebaixado. Não temos treinador! Alecsandro jogar e caridade. Ainda há tempo de colocar um treinador de verdade e não um treinee

Fabiano não tem condições de ser titular. Como complemento de um jogo no sítio é uma opção. Só isso.

Alecssandro também. Excelente opção para ficar na churrasqueira ou servindo o chopp. Não tem como ser titular do Palmeiras. Pelo amor de Deus.

Jogo que vale muito pouco, ou no mínimo em que o resultado terá poucas consequências no andamento da competição, talvez o último da temporada nessas condições (pelo menos no Allianz). A vitória nos garante o primeiro lugar na classificação geral, o que na prática só dá a vantagem de decidir em casa, além de praticamente rebaixar o Audax do tão badalado (pelo menos entre janeiro e maio) Fernando Diniz, que luta contra um rebaixamento pela segunda vez em quatro meses (só não caiu pelo Oeste na Série B graças à incompetência do Náutico). Como temos o melhor sistema defensivo do país, acredito numa vitória por 1×0.

Se o Palmeiras jogar bem, ganha,. Se jogar mal, deve ganhar também. Então: Palmeiras 2-0.

Os comentários estão desativados.