Categorias
Libertadores 2017 Resenha dos Jogos

Palmeiras x Jorge Wilstermann: vamos pra cima

O Palmeiras pega o Jorge Wilstermann nesta noite no Allianz Parque. É a segunda rodada da fase de grupos da Libertadores.
Uma vitória dará a liderança isolada do grupo.

O Jorge Wilstermann vem embalado pela goleada em casa na primeira rodada sobre o Peñarol por 6×2. No time boliviano de Cochabamba, apenas o zagueiro Alex, com 32 anos, ex SPFC, é o conhecido. Aliás, pra quem gosta de história, vale a pena ler um pouco sobre esse time boliviano. Leia no blog LatinoAmérica Fútbol Club clicando aqui e saiba que o Jorge W fez a primeira partida da Libertadores em 1960 contra o Peñarol (o mesmo da última partida) e perdeu por 7×1.

E O PALMEIRAS?

O Verdão de Eduardo Baptista está pronto pro jogo. Victor Hugo está suspenso, Felipe Melo e Zé Roberto voltam, Borja deve começar no ataque. O que a torcida ainda não sabe é quem vem na meia: Guerra ou Keno?

O time provável: Fernando Prass; Jean, Mina, Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo; Michel Bastos, Tchê Tchê, Guerra (Keno) e Dudu; Borja.

RETROSPECTO

Na história dos confrontos do Palmeiras contra times bolivianos, o Palmeiras leva pequena vantagem.

11 jogos
5 vitórias
2 empates
4 derrotas
22 gols pró
10 gols contra

Contra o Jorge, o time jogou duas vezes: uma vitória (em 1970 por 4×0) e uma derrota (em 1974 por 0x1). As duas partidas em Cochabamba.

ARBITRAGEM

O trio é chileno. Eduardo Gamboa, auxiliado por Claudio Rios e Edson Cisternas.
É a primeira partida do Palmeiras que este árbitro apita. Tem 40 anos e se tornou internacional em 2010. Clique aqui e veja as partidas do árbitro.

Eduardo Gamboa já foi quarto árbitro em jogo do Palmeiras. Foi em 2016, na partida 2×2 contra o River (clique aqui e leia).

Curiosamente um outro Eduardo Gamboa – não sabemos se seu pai – apitou duas partidas do Palmeiras em 1999. Uma vitória e uma derrota.

Olímpia 4×2 Palmeiras, 1999, Defensores del Chaco.
Palmeiras 3×0, 1999, Palestra Italia (Copa Mercosul, não aquela semi da Libertadores).

Quase o 3VV se estrepou nessa. Mas taí.

***

É isso aí. Hoje não tem conversa. Tem que ganhar. Com Allianz Parque lotado.
Saudações Alviverdes!

>>> Leia também: Jogadores do Jorge Wilstermann conhecem o Allianz Parque.

13 respostas em “Palmeiras x Jorge Wilstermann: vamos pra cima”

Pra quem achava que a vitória sobre os bambis merecia mil comentários e elogios e que o Jorge Wilstermann não era referência pra nada, o jogo de hoje tá osso. Não se pode criticar o técnico por ter escalado o que tem de melhor, porém a conta pela covardia em Tucumán pode começar a chegar hoje caso o time não fure essa retranca boliviana.

Hortência é sapatão, se tivesse mandado a Leila o tratamento seria outro.

Concordo com o Philipe. Mas esperar o quê de RGT, Jô e essa tal de Hortência??
Coitados estão se borrando com o sucesso do verdão. Dá-lhes porco, hoje 3 a 0, dois de Dudu e um do Borja.

Como o EdHuggies Baptista parece estar largando as fraldas aos poucos, colocando o time mais pra frente, sem uma ca.r.alh.ada de volantes, como tem que ser, acredito que podemos até zerar o saldo positivo do Wilstermann. Palpite: Depois 6-2.

Mas eles são malandros….Sabem q o Dudu não tem muito jeito com as palavras, mesmo caso do Vitor Hugo no caso da ESPN. Queria ver aquela velha dá Hortêncio e o jô mete o loko no Prass, M.Bastos ou no F.Mello, esse sim ia dispara uma gritaria lá e termina com um “DEUS ABENÇOE, FUI!”

O Barcos teve uma saída polêmica do clube, deixou um título e um rebaixamento na conta, catalizou muitos torcedores-mirins com aquela história de comemorar gols como pirata, mas sem dúvida seu melhor momento no Palmeiras foi quando enquadrou o global Léo Bianchi, que tentou compará-lo ao Pedro de Lara numa entrevista coletiva e foi devidamente colocado no seu lugar insignificante de repórter de terceira categoria. Mitou.

Não sou de assistir os programas do SporTV, não gosto e acho que além de entenderem nada de futebol ainda fazem o que é padrão globo, manipulando e influenciando o telespectador. Como vi na internet que o Dudu participou do Bem Amigos na segunda feira resolvi assistir a reprise hj cedo do SporTV 3 . Esperava que explorassem o jogo de sábado passado onde Dudu foi protagonista com um golaço e jogando muito e tbm discutissem sobre a evolução do time, o trabalho do novo treinador etc. Mas me senti extremamente desconfortável com esse programinha de M…Foi armado um circo com palhaços como Jô e Hortência. O tema mais discutido foi a expulsão do Gabriel no dérbi e o por quê dos jogadores Palmeirenses não terem sido honestos pra alertar o árbitro que estava enganado. O tal do Jô inclusive quis bancar o Santo e dar lição de moral dizendo que se fosse ele certamente diria pro apitador a verdade. Hortência aquela velha enrugada que se acha menininha induziu o nosso camisa 7 a dizer que não o fez por medo da reação de sua torcida, além de uma brincadeirinha besta soltando um Palmeiras não tem mundial! Ridículo! Hipocrisia é pouco pra definir oq rolava no programa. Inclusive se o Jô fosse tão verdadeiro e honesto assim poderia ter alertado o árbitro na primeira rodada contra o São Bento que se jogou discaradamente pra cavar um pênalti mas disso ninguém se lembrou, nem o Dudu que infelizmente faz parte de 99℅ dos jogadores que não tem cérebro fora de campo e foi incapaz de se defender. Confesso que se sou eu no lugar dele levanto e vou embora pois não precisamos destes trastes da imprensa pra Absolutamente nada! Pra finalizar gostaria de dizer que não concordei com muitas atitudes tomadas pelo PN qdo era presidente, mas tem uma que deveria continuar. A de não deixar jogadores dar entrevistas e ir em programas onde somos desrespeitados como ele fez com a Fox e com o Neto. Com certeza esse programinha fajuto não receberia mais Palmeirenses. Assisti apenas 20 min do programa e pra mim já foi mais do q suficiente pra saber que estou certo em não perder tempo com esses bos.t@s! Contra tudo e contra todos sempre. Avanti Palestra!

Foi asqueroso o programa mesmo, mas a assessoria de imprensa do Palmeiras também foi falha, primeiro em não definir com o programa os temas que seriam debatidos e depois em não subsidiar o jogador de informações e argumentos necessários. O cara está em um meio profissional com muita cobra criada e que envolve milhões de dinheiros e de pessoas, não pode jamais chegar mal assessorado num programa.

Por essas e outras que só assisto aos jogos no SporTV quando não há opção, e mesmo assim terminadas as partidas vejo poucas coisas (aquelas entrevistas coletivas inúteis pós-jogos são um fardo). Globo então, nem passo perto. Estão transmitindo o Palmeiras praticamente toda semana porque é o time paulista em evidência da vez, agora ninguém fala em “derrubador de Ibope”. Asqueroso é pouco. Queria ver convidarem o Felipe Melo com uma v.a.c.a como essa Hortência no mesmo estúdio fazendo piadinhas…

Avanti, Verdão!!! A imprensa em peso fala em goleada, não gosto disso, mas também não acredito que esse oba-oba possa contaminar os jogadores e a comissão técnica, afinal são, em sua maioria, profissionais experientes. O adversário avisou que vem pra cima do Verdão, o que não acredito, devem jogar retrancados tentando um empate, que pra eles seria espetacular, ou, numa bola, fazer um gol e se defender até o fim dos tempos. Acho que a palavra chave ao Verdão hoje é tranquilidade (mas sempre na forma de busca incessante do gol, jamais na forma de passividade). Com a vitória virá a liderança da chave, nenhum outro resultado pode interessar.

Os comentários estão desativados.