Categorias
Jogos Libertadores 2017

Peñarol 2×3 Palmeiras: que jogo!

O Palmeiras venceu por 3×2 o Peñarol e praticamente está classificado para as oitavas de final da Copa Bridgestone Libertadores. Willian (2) e Mina fizeram os gols.

Mas que jogo!

Eduardo Baptista cometeu um grande erro ao lançar o Palmeiras em campo com três zagueiros. Prass, MIna, Dracena, V. Hugo; Jean, Roger Guedes, Felipe Melo, Guerra, Michel Bastos e Egidio; Borja. Num 3-6-1 que deveria se transformar num 3-4-3 e jogando de forma compacta, o Palmeiras foi um time desorganizado, mal posicionado, sem posse de bola, errando passes e que foi totalmente dominado pelo Peñarol. Não podia dar outra. Tomamos dois gols e não demos um chute a gol.

O Palmeirense mais entusiasta chegou a pensar em desligar a tv e ir dormir.

Só que não.

Eduardo Baptista voltou pro segundo tempo com Willian no lugar de Victor Hugo e Tchê Tchê no lugar de Egidio. Funcionou muito bem! O time voltou pro seu feijão com arroz. 4-1-4-1. Jean cresceu na partida. Guerra, que estava apagado, foi o melhor em campo. E Willian teve a competência e a estrela dos artilheiros. Fez um golaço logo no início do 2o tempo. A jogada começou pela direita, com Jean. Depois Roger Guedes perdeu dentro da pequena área outro gol, nova jogada de Jean.

Só dava Palmeiras. O Peñarol sentiu o gol. Mina entrou por traz da zaga e escorou um perfeito cruzamento novamente de Jean. 2×2.

O empate para quem teve um primeiro tempo desastroso já era uma vitória. Mas o Palmeiras continuou jogando no mesmo ritmo. O Peñarol saiu pro jogo e as coisas ficaram mais fáceis. Guerra, que estava dominando o meio campo acertou um chute de fora da área. O goleiro espalmou e Jean cruzou para Willian virar o placar.

3×2. Eduardo Baptista foi de besta a bestial em 45 minutos. Inventou um esquema onde os jogadores claramente não estavam preparados para jogar e quase colocou tudo a perder. Percebeu a besteira e corrigiu muito bem no intervalo. E o resultado veio.

***

Nota muito desagradável. O pau comeu no final do jogo. A coisa começou com Felipe Melo. Virou briga generalizada. A polícia não interviu. Fecharam as portas do vestiário. Vários jogadores palmeirenses saíram com hematomas e sangrando (Prass, Willian). Felipe Melo também foi agredido e revidou.

E depois foi pra torcida. E novamente sem polícia.

Coisas que não combinam mais no futebol do século XXI. Se a Conmebol fosse séria, esse estádio e esse time do Peñarol não jogaria mais uma partida de Libertadores.

Lamentável!

131 respostas em “Peñarol 2×3 Palmeiras: que jogo!”

Exatamente, tivesse mudado aos 30 do primeiro tempo não teria tomado o segundo gol. E o medo dos que
teriam que sair´ né treinador ?

Ontem realmente nosso técnico teve muita sorte. Time tomar sufoco deste time horroroso do penarol, não viu a cor da bola no primeiro tempo. E time que ta perdendo 2×0 ou mais qq tecnico é obrigado a fazer alguma coisa e ele fez o óbvio. O cara coloca um esquema novo, toma vareio de bola, troca ca.r.a.l.h.o….não precisa esperar o intervalo. O que mais me irrita é essa falta de personalidade, de moral . Sem peito pra tirar um jogador antes do intervalo,
Vitor Hugo ontem, Zé Roberto contra a ponte pois não se garante. Como nunca ganhou nada não quer “queimar” um jogador antes do intervalo, mesmo que isso comprometa o resultado para não perder o grupo. Mas mesmo assim não acho que deva sair, troca-lo por qq outro. Se viesse o Cuca sim, mas o resto é tudo a mesma m. Falam de Abel Braga, retranca total, eu não gosto, conseguiu perder 2 titulos de CB contra Paulista e S.André no maraca lotado. São poucos que conseguem montar um time de acordo com a característica dos jogadores, sempre tentam adaptar o jogador ao seu esquema. Por isso mesmo com restrições acho que deve ficar, por falta de outro melhor.

Tive acesso as conversar no vestiário durante o intervalo.
Jogadores:
“Professor, para de atrapalhar e deixa a gente ir lá e jogar, não inventa moda, fica só de olho lá e deixa que a gente resolve”
Eduardo(Filhote de Nelsinho):
“Pessoal, faz o seguinte, entra lá e joguem do jeito de vocês não vou mais falar nada pra não atrapalhar”
Resultado, viramos o jogo.
Não é porque o Eduardo filhote de Nelsinho deu aquele chilique depois do jogo que ele passou a ser um bom técnico, mais uma vez ele quase afundou o barco. O que ele fez no segundo tempo não foi dar um nó tático no adversário, foi apenas desfazer a cagada que tinha feito, colocou os jogadores pra jogar como eles sabem e os jogadores resolveram.
Se o Penarol não é um time ruim de dar dó tínhamos perdido.
Outra coisa, não é dando chilique que se ganha respeito, é com atitudes, não adianta gritar que é homem pra caralho, tem que provar.

Em 1983 eu pertencia a uma extinta torcida do Palmeiras chamada Inferno Verde. Após um jogo contra o Juventus no Pacaembu pegamos o tal de Kfouri de jeito na saída do estádio do Pacaembu . encostamos o cara na parece e ele só faltou se ajoelhar pra não tomar uma surra. Naquela época ele já fazia isso com o Palmeiras com a complacência dos dirigentes. O negócio é ir pra cima dele de novo.

Ele nasceu em 1950, só foi ver seu time ganhar alguma coisa quando tinha 27 anos e passou toda a infância e adolescência sendo zuado (naquela época não se falava em bullyng) pelos colegas e amigos, principalmente palmeirenses. Dá para entender o ódio pelo Palmeiras que ele desenvolveu, o que não se justifica é a sua falta de caráter. Trabalhei 22 anos na Abril e cruzei com ele algumas vezes. As poucas pessoas com quem eu tinha contato e que ao mesmo tempo conviviam com o Kfouri na época eram unânimes: sujeito arrogante, prepotente e puxador de tapetes, que acabou tendo o seu próprio puxado.

Alguém me corrija se eu estiver errado:
Havia duas grades separando a torcida do Palmeiras da torcida do Peñarol e uma área vazia entre essas duas grades. A torcida do Palmeiras ultrapassou a primeira grade e invadiu essa área vazia. Ali que aconteceu essa confusão entre as duas torcidas. Foi isso mesmo?

Não, a linha de frente de mancha verde fez uma contenção na primeira grade, porque a torcida do Peñarol invandiu a área vazia e tentou invadir a torcida do Palmeiras em seguida.

Uma das coisas que mais incomodam é ver a postura de parte da imprensa deixando na dúvida ou insinuando que o Palmeiras ( através do Felipe Melo ou sua torcida) possa ter alguma culpa na emboscada armada pra nós em Montevideo!!!!!!! Lamentável a postura de alguns órgãos de imprensa!

Órgãos esses infestados de torcedores travestidos de jornalistas que arrotam ética via sistema digestivo mas que são sócios vitalícios do Clube da Canalhice.

Para mim, venceu mas não convenceu. O estagiário está muito verde para dirigir o verdão. Renova Prass!!! Volta Cuca!! Ei Juca Kfuro vai ……

Se vivêssemos num continente sem corrupção e com um código de ética acima de qualquer suspeita, depois da covarde tocaia armada pelos uruguaios em Montevidéu nesta quarta-feira, cujo resultado poderia ter sido trágico, todos os clubes brasileiros deveriam abandonar a Libertadores em sinal de protesto pela organização mambembe que faz a Conmebol. Claro que isso é um delírio, primeiro porque Libertadores virou obsessão pra muita gente, depois porque haveria uma fila de pelo menos oito times brasileiros oportunistas “prontos” para tomarem os lugares dos desistentes (afinal, por aqui o que importa é levar alguma vantagem, e tem torcedor que ainda aplaude e tira sarro do outro). Mas talvez o pior seja deixar pra lá já que tudo faz parte do “Isso é Libertadores!”. Já teve morte de garoto em arquibancada e quase nada aconteceu, um time inteiro desapareceu num acidente aéreo provocado pelo responsável por uma companhia aérea-fantasma com ligações nebulosas até hoje não explicadas com gente graúda da cartolagem esportiva sul-americana, será que vamos ter que esperar atletas morrerem linchados dentro de campo pra que as coisas comecem a mudar por estes lados?

Fim de jogo em Montevidéu, Peñarol derrotado e praticamente eliminado, emboscada armada para o “sem noção” Felipe Melo. O time uruguaio quase inteiro corre pra cima do volante palmeirense, que acuado tenta se defender e praticamente corre para sobreviver (quem tem mais de cinquenta deve ter se lembrado do uruguaio Ramirez correndo atrás do Rivellino no Maracanã ao final de um Brasil X Uruguai em 1976). Manchete do UOL (com direito a foto): “Felipe Melo dá soco em uruguaio”. É Soda!

E a chamada da notícia dá a entender que o soco do Felipe Melo começou a briga.
Esse é o legítimo jornalismo marrom.

esta uol é soda mesmo, ontem tinha uma matéria , “Rei dos acréscimos: Palmeiras tem as partidas mais longas da Libertadores”……..sem comentarios

Hj o Fraldão ganhou meu respeito! Errou feio no esquema tático, corrigiu, o time cresceu e ainda botou os engraçadinhos da imprensa no seu devido lugar. Parece que finalmente hj ele entendeu oq é Palmeiras. Sempre foi assim e sempre será. Na época áurea do Felipao tbm era. Imprensa descendo o pau no time, no técnico , inventando boatos e o Felipao sempre comprando as brigas praticamente sozinho. Não sei isso vai fazer os caras jogarem mais bonito, mas certamente depois desse jogo a postura será outra. Chupa Juca Kfouri, seu corintiano esquerdista mal caráter dos infernos. Aqui é Palmeiras pohaaaaaaaa!

Comunistas arrogantes e canalhas como esse Kfouri (que nem jornalista formado é) são todos iguais: não importa o que façam ou digam, jamais admitem sequer a mínima possibilidade de estarem errados, tampouco sabem o significado do termo “pedir desculpas” e ainda arrotam ética pelo **.

Meu deus, tem gente elogiando o EB pq ele se “recuperou” no segundo tempo… Se fosse um bom técnico, não teria feito essa cagada homérica no primeiro tempo, em jogo importantíssimo de libertadores. O Eduardo Correa tem razão, tem gente medíocre que se contenta com mediocridade… Com esse elenco, nas mãos de um técnico de verdade, estaríamos jogando muita bola. Potencial tem, mas está nas mãos erradas…

Palmas para o Bap. Conseguiu estancar uma diarreia fenomenal (provocada por ele mesmo) que se aproximava de maneira implacável, saiu com as fraldas (quase) limpas, a classificação na mão e ainda colocou Juca Kfouri no seu devido lugar na lata de lixo da ética. Agora, depois de 12 jogos absolutamente inúteis pela fase de classificação do Campeonato Paulista, que teoricamente serviriam para isso, é numa partida decisiva de Libertadores fora de casa com estádio lotado contra nós que ele vai testar esquema tático novo que só foi treinado um dia antes? Mattos, por favor, a partir de amanhã providencie a estátua para o filho do Nelsinho, mas comece a procurar com afinco potenciais substitutos para ele. Qualquer hora dessas a força do destino – e do intestino – não nos sorrirá com tanta sorte.

Vi agora….falou grosso o homem!!!!! Mas achei que ele ia chorar em uma.parte!!!

Quwria ser uma mosca pra saber qual foi o “papo ” que rolou no intervalo…pq na boa…nao foi normal a mudança de postura. ..soh foram 2 substituicoes…to achando que o grupo exigiu goela abaixo do Bap a mudança no esquema de jogo…soh fico com essa explicação

somente acertou a m…. q fez e colocou no segundo tempo um esquema que esta jogando desde o inicio do ano contra um dos piores times do penarol dos ultimos tempos.

Tô rolando de rir com vários dos comentários!!
Olha, tb estou P*** da vida com esse técnico, mas essa campanha na Libertadores até aqui está começando a cheirar sim a coisa de time que será campeão.

O trouxa do uruguaio ainda tentou revidar o socão e nem acertar conseguiu. Pena que o Felipe Melo não pegou em cheio.

Se a Conmembol fosse séria o estádio seria interditado e o Penarol punido. Como é a Conmembol, não vai acontecer nada com os uruguaios vagabundos, o Felipe Melo será suspenso por vários jogos e o Palmeiras ainda é capaz de ser multado.

e ainda podem tirar algum mando do Allianz por conta da briga das torcidas

Valeu pela vitória, nas continuo com minha opinião, esse técnico não merece o time que tem, nosso DNA é ofensivo e ele é um Fraldão, só espero que a sorte e a qualidade dos nossos jogadores continuem nos salvando!

Uma coisa tem que ser dita. A entrevista do Felupe Melo foi mal interpretada. Quando ele diz tapa na cara de “uruguaio”, ele generalizou. Poderia ser argentino, colombiano,etc. Ele quis dizer que iria jogar com raça. O Palneiras nem sabia que iria pegar o Penarol. São uns trouxas. E a imprensa aqui do Brasil ficou alimentando isso.

Também entendi o que o Felipe Melo quis dizer, só que ele não soube se expressar (nenhuma novidade em se tratando dele). Deveria ter dito algo como “Se tiver que bater em gringo, vou bater em gringo”. E ele já sabia sim que o Palmeiras pegaria o Peñarol. O sorteio da Libertadores aconteceu em 21 de dezembro, o único adversário então indefinido na chave era o Tucumán e a entrevista dele foi um mês depois. Provavelmente ficou em seu subconsciente que enfrentaria uruguaios e a frase saiu. Não acho que deva ser punido, provavelmente o susto que levou hoje deve fazer com que reveja alguns conceitos e pense um pouquinho mais antes de abrir a boca.

Verdade, ele já sabia. Quer dizer, nós sabíamos, não sei se ele lembrava. Kkkkk

Acho até que ele “sabia” mas falou por falar. O maior problema da globalização e das redes sociais como um todo é esse: se você solta um pum quando está postando alguma coisa no computador do quarto da sua casa, dez segundos depois já tem alguém reclamando do cheiro lá na muralha da China…

Td bem.q.ele.foi mal.interpretado…mas a.midia por.aqui sabemos.como trabalham…sujos.. criaram esse clima.de guerra.mesmo o FM se retratando varias e varias vezes sobre a entrevista dada…esses caras sao irresponsáveis. ….queria ver se nao.tivessem.levado os seguranças hj…amanha as.noticias seriam bem.diferentes

Olha, tô começando a acreditar no título da Libertadores. O Bap tem o triplo de sorte do Cuca. Joga mal, joga mal e ganha. Mas o Bap tem um up, ele faz o time ganhar com emoção. É aos 48, 54, de virada. Desse jeito, tem que ficar. Apesar que eu continuo a achar que é obra de San Gennaro. Que venha Abu Dahbi!

Que esse jogo sirva pra transformar o EB em tecnico de verdade. Tava assustadinho em ser técnico de time grande. Que seja um divisor de aguas. Lider e prsticamente classificado na libertadores. Muito mais emoçao do que o necessário, mas ta ficandp historico.

Realmente. Thom…se.for olhar por este angulo, a campanha estah sendo traçada de forma.historica….e.como diz o Aroni…to começando a acreditar em abu dabi tb….ehehe..

Era do Kfouri que ele estava falando? Quem disse que o Mattos obrigou o EB a escalar o Roger contra a ponto e que o Eduardo era “maleável”? Vi parte da coletiva dele, mas não sabia de quem ele estava falando….

Eu li a publicação do canalha hoje à tarde e perguntei no seu blog por que motivo ele não fazia posts sobre as delações da Odebrecht a respeito dos desvios feitos para a construção daquela impressora HP gigante em Itaquera, ou mesmo sobre a possibilidade da diretoria das galinhas dar calote no pagamento da dívida do estádio, ou quem sabe sobre a questão do nepotismo envolvendo seu ídolo Tite. Claro que ele não publicou. E o pior: ainda entrou ao vivo na programação da ESPN pra dizer que o Bap estava errado.

Se essa briga absurda no final do jogo (o FM achou que ninguém no Uruguai viu sua primeira entrevista quando chegou ao Palmeiras) serviu pra alguma coisa foi pra mostrar que o elenco, pelo menos na hora da porrada, está unido.

Puta merda, o time destrói no segundo tempo e os cornetas do EB não largam o osso!! Quando o time joga muito sempre tem uma desculpa. Contra o SP foi o gol no meio-campo que desestabilizou o adversário, contra o Novorizontino o time era fraco, contra o Santos foi na sorte, contra o Peñarol foi sorte (duas vezes!).

O pior fantasma que rola aqui não é o dos três pontos, é o fantasma do Cuca! Aceitem, o cara foi embora!

Tem gente que acha que ser medíocre a aceitar mediocridade ajuda. Dá pena.

Velho, de boa, quando tivermos adversário (como tivemos em campinas), o primeiro tempo que fizemos é sinônimo de ELIMINAÇÃO. isso é destruir?

Não, o pior fantasma que rola por aqui é do oportunismo, vindo daqueles caras que não conseguem ver os fatos como eles são. Tipo aquelas mulheres que pesam 20 Kg com roupa, que quando se olham no espelho veem autênticas baleias, sabe? Tem gente que acha que ser medíocre e aceitar mediocridade ajuda. Dá pena.

Contrato vitalício com o Edu Fraldão. Tá mais pra Edu Sortudão. Com certeza, depois de hoje, ele só cai se formos eliminados nos mata-matas. Que caia só depois de 16/12 em Abu-Dahbi.

Se for pra cair após derrota em mata mata então que seja pro água benta nas quartas de final do paulistinha 2018… passando ileso por Abu Dabi kkkkk

Agora falando sério, não precisava sofrer tanto… não temos o melhor elenco do planeta, nem do continente, mas esse time tinha que jogar mais bola. Como explicação só vejo o técnico. Não precisa bater no cara, ele parece honesto, mas rescinde o contrato, agradece e tchau querida.

Concordo. Boa pessoa, mas esperou a fralda ficar cheia pra estancar a diarréia e tomar banho. Que enquanto estiver por aqui nunca mais invente esquema que exige meses e meses de treinamento pra começar a dar certo.

Vamos perdê-lo, semana que vem ele receberá convite pra treinar a Laranja Mecânica e classificá-lá pra Copa do Mundo…

Espero que não haja punição, pois se vier será para os dois times. O Peňarol está quase eliminado e não tem nada a perder.

Tudo o que não pode agora é recuar o time todo. Vamos fazer o quarto, matar o jogo e a classificação. Não vamos deixar o Bap lembrar que ele ainda é só um Bap.

Já que eu falei há pouco em JFK, aí vai a pergunta que não quer calar: POR QUE NÃO JOGOU ASSIM DESDE O INÍCIO?

Primeiro tempo péssimo, segundo tempo excelente. Realmente, hoje o Bap está indo de besta a bestial.

Bap Guardiola, Eduardo Mourinho, Rinus Baptista. Gênio!

Querer ser titular eu também quero… kkk. O problema é quebrar o pau para ser titular e estragar o clima do vestiário, depois, quando tem uma chance a dois metros do gol pra empatar o jogo e quebrar o animo do adversário, chutar pra fora do estádio. Inacreditável.

Que vire o jogo, classifique o time pros mata-matas e sejá demitido amanhã. Com o Bap não temos futuro.

Segundo o “comentarista” Edmundo, golaço do “William do Bigode”…

Queiram ou não, o William tem correspondido. Apesar de tudo, dá para empatar e o empate serve para o Palmeiras.

Definitivamente ele perdeu completamente o elenco, não sabe nada, não entende nada, no desespero muda completamente o estilo do time a cada jogo. Os Gênios fazem isso após treinos incessantes. Os Jenios, como o EB, mudam tudo a cada jogo sem critério e sem planejamento. É uma diarreia tática, que cheira mal, muito mal.

Cadê a ala dos gênios que comentam no 3vv defendendo esse traste? Vamos esperar o quê pra trocar o comando, ter duas eliminações na mesma semana como o SPFC? O cara quer inventar esquema que exige meses de treino num jogo crucial, só observa, demora pra reagir e ainda vai acabar botando a responsa nos jogadores. O Marcelo Villar, que foi nosso técnico na Libertadores em 2006, não seria tão incompetente.

Adeus Fraldão!! Seja bem vindo de volta luxa RS…Só te peço uma coisa: traz um lateral esquerdo com vc…Qualquer um…Nunca te pedi nada rs

Técnico quer montar uma retranca com três zagueiros, e coloca o Michel Bastos no meio, deixando o meio de campo sem marcação alguma. É um gênio!

Sei lá. Deveria ter mandado esse mentecapto embora ainda no vestiário depois do jogo contra os gambás, junto com o Alecsandro que chamou o Paulistão de treino pra Libertadores. Fomos eliminados do treino e continuamos destreinados. Agora, tanto faz, se ele for demitido hoje, ou não, a Libertadores está indo pro vinagre, e teremos que rezar por um milagre contra o Wiltermann, isso se vencermos o Tucumán.

O Palmeiras não joga nada. O EB como técnico é péssimo e não consegue fazer esse time tocar a bola, os jogadores não tem movimentação, não temos meio de campo, o Peñarol deita e rola tocando a bola a vontade, sem marcação. Independente do erro no primeiro gol, não demos um chute sequer a gol, não ameaçamos em nada o time adversário, não produzimos nada. Triste ver esse time não jogar absolutamente nada contra um adversário fraco, tecnicamente ruim e que mesmo assim, joga melhor que a gente. Lamentável…

Jesuisssss que isso, parece time amador contra profissional. Acho que o treinador leu gibi ao invés de treinar o time.

Verdade. Parece o jogo Barcelona 7-1 Osasuna, hoje à tarde. E o pior que nós somos o Osasuna.

Vamos dar um tempo pro Bap impor sua filosofia de trabalho, afinal ele merece um voto de confiança e não existem opções no mercado, CERTO?????

Opções no mercado não há mesmo. Mas o técnico mudar totalmente a estrutura do time, sem treino, é pra demitir mesmo.

Cade os zagueiros? Soh o mina na area…parei…. o cara nunca treinou esse esquema..soh podia dar.nisso…laterais lixo..e ai Mattos..belo time q vc montou hein…

Estou aqui na cidade de Gramado-RS , sofrendo com esse time. Ainda é possível mandar esse pseudo treinador embora ? Se sim , que se faça o mais rápido possível.
Treinador horrível e incompetente. Não serve e não está a altura do Palmeiras.

Saudades do Jair Picerne, Zago, Kleina, Roth, Murtosa….. sem sombra de dúvidas o EB é o pior técnico que já passou pelo Palmeiras (pelo menos que vi, tenho 33 anos, mas duvido que alguém tenha conseguido o feito de destruir um time campeão brasileiro em apenas 30 dias).

Palmeiras batendo cabeça a retranca e um fracasso e o treinador só observa.

Pelo andar da carruagem (ou do féretro), hoje o Peňarol zera seu saldo. Boa sorte no próximo emprego, Bap, aqui já deu.

0-2. Tragédia anunciada. Se continuar com essa postura, vem mais.

22:30 trocarei pro multishow pra assistir Lady night com a tatá werneki. Palhaçada por palhaçada prefiro assistir uma que me divirta.

Meu Deus! Já não basta não jogar bem, hoje é uma das piores partidas do Palmeiras dos últimos tempos.

O treinador ainda não percebeu que seu esquema não funcionou. No final do jogo ele acorda e muda.

Sinceramente eu não vou criticar o Borja hoje. É impossível um atacante isolado e marcado por três fazer alguma coisa.

Querem apostar que o fraldão só vai mexer no segundo tempo? E vai tirar o borja pra colocar o bigode…

Fraldão é Fraldão! E vice versa! Kkkkkkkkkkk, tem que rir pra não chorar, volta Cuca! Esse técnico não merece esse time !

Já deu pra peeceber, também, que tomamos o gol e continuamoa retrancados. Se não sair da toca, vamos tomar goleada.

Na boa..nao vi esquema nenhum…nao conseguem dar 3 toques….esse time ta a cara do treineiro…cagoes

Pode ter sido. Mas daquele tamanho ele preferiu dobrar os joelhos pra ganhar a falta.

A falta no Mina até poderia ser marcada, mas ele parecia a bala que matou JFK sendo puxado pra trás e caindo pra frente. Assim fica difícil reclamar…

Já deu pra peeceber que estamos jogando pelo empate. Praticamente os onze no campo de defesa, só espanando as bolas.

Tem que segurar os 20 minutos iniciais e depois soltar aos poucos.

Parece que Fraldão vai no clássico 3-5-2 heim..Não me lembro de um time brasileiro jogando bem dessa forma desde os bambis em 2005 , mas tomara q dê muito certo. Conceitualmente me parece correto , considerando que nossas laterais são muito fracas na marcação. Ele vai liberar o Egídio pra atacar então é torcer pra ele não errar tantos cruzamentos como de costume. Na direita eu colocaria o Tchê tchê que já jogou por ali nos tempos de Audax e é mais técnico que Jean. Contudo, só de ele não botar o Thiago Santos na cabeça de área já mostra que não gosta de brucutus e isso faz com que ele suba um pouquinho no meu conceito rsrs. Avanti Palestra, 1×0 hj é goleada, mas tbm não vou reclamar de um empate não, só não pode perder.

Se entrarmos com Thiago Santos nesse jogo fora de casa, três certezas são absolutas: teremos muitas faltas perto de nossa área, o volantão receberá amarelo ainda no primeiro tempo e forçará o Bap a queimar uma substituição para a virada do segundo tempo. Isto posto e apesar de todo clima desfavorável, acredito numa vitória por 2×1 de virada, com raça e sem jogar nada, como vem sendo nosso padrão.

Olha, minha opinião é a seguinte: se nos dois jogos fora de casa, conseguirmos ganhar 1 mísero ponto entre 6, e ganharmos do Atlético Tucumán, em casa, estaremos classificados. Era pra estar muito confiante, pois não seria tarefa das mais difíceis se nosso time estivesse jogando um bom futebol, mas não é a realidade atual. Poderíamos muito bem estar com apenas 2 pontos na tabela, pois empatamos com o Tucumán, lá,com um a menos, e conseguimos duas vitórias nas horas extras, aqui no Allianz. Já passou da hora desse time jogar bem.

Os comentários estão desativados.