Palmeiras encara Novorizontino: a hora do porco beber água

O Palmeiras pega neste domingo o Novorizontino pelas 4as de final do Paulistão. O jogo é às 19 horas em Novo Horizonte.

Na prática depois de mais de 2,5 meses o Paulistão começa agora. As 12 partidas anteriores serviram para preparar os times para a temporada, ajustar elenco e definir a posição na tabela. O Palmeiras com a melhor campanha terminou em primeiro e poderá definir todas as fases em casa se passar.

Eduardo Baptista não terá Vitor Hugo e Zé Roberto (suspensos) e Guerra e Jean (machucados).
A dúvida deve ficar entre Keno e Roger Guedes na direita. E Michel Bastos deve ficar na armação com Dudu.

Assim o time deve começar com Fernando Prass; Fabiano, Yerry Mina, Edu Dracena e Egídio; Felipe Melo, Róger Guedes (Keno), Tchê Tchê, Michel Bastos e Dudu; Miguel Borja.

Os pendurados são Antonio Carlos (está na reserva), Keno e Jean (que não joga).

A arbitragem é de Luiz Flavio de Oliveira, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalo e Fabio Rogerio Baesteiro.

Então é a hora do Porco beber água e mostrar que o elenco é sim o mais forte do Brasil. Hoje não tem desculpas.

Saudações Alviverdes!

28 Comments Added

Join Discussion
  1. O Palmeiras está fazendo o que pode para espantar os “fantasmas dos três pontos” do 3VV e para dar emoção ao jogo de sexta-feira. E isso tudo porque temos o “melhor sistema defensivo do país”…

    • Para jogos meia-boca do Paulista, tudo bem. Contar com esse “leque” de laterais semi-aposentados, improvisados ou inaptos para 38 rodadas de Brasileirão, mesmo se for pra enfrentar Avaí ou Atlético Goianiense, não dá.

  2. Dois gols polêmicos, mas absolutamente legais. Valeu pelo momento “sai, zica” do Borja. Quem sabe agora possamos ver um pouco de futebol. Só um pouquinho, tá bom.

  3. Gustavo Aroni 02/04/2017 | Responder

    1° tempo foi no bumba-meu-boi, no me leva que eu vou. Jogadores com muito nome e pouco futebol. Tudo de qualquer jeito, só chuveirinho na área, e de quaquer lugar. O Egídio achando que é o Nei, se manda pra ponta e não volta. O Dudu parece que tá desnutrido, não consegue colocar um escanteio sequer na área. Enfim, um show de horrores.

  4. Empatamos por osmose. A famigerada “data FIFA” só atrapalha os clubes, aqui e na Europa. Parece que o pessoal volta descalibrado, basta ver os chutes do Borja e os escanteios do Dudu. Sem jogar muito (ou mantendo o padrão do ano) e forçando só um pouquinho dá pra virar, esse time do Novorizontino pode até complicar mas é ruim demais.

  5. Jogo decisivo, adversário pífio, placar desfavorável. Hora dos “fantasmas dos três pontos” aparecerem, mas nessa hora ninguém dá as caras por aqui pra falar que nosso sistema defensivo “é o melhor do país”. Vamos ver se o estagiário consegue ser efetivado no seu “baptismo” de fogo, mas como alguém escreveu se eu fosse o Mattos já marcaria uma reunião com o Stival no intervalo…

  6. Paulão 02/04/2017 | Responder

    Estou muito curioso com o jogo de hoje, acho que a postura do time dirá muito sobre o futuro do nosso técnico. Se não passar por cima do adversário, acho que o Alexandre Mattos precisará fazer uma visita urgente ao senhor Alexi Stival.

  7. Paulão 02/04/2017 | Responder

    Pelos resultados dos três rivais, e considerando a hipótese de o Palmeiras passar com alguma tranquilidade pelo novorizontino, jogaremos a semifinal contra o Santos, talvez o mais difícil adversário, muito embora eles estejam jogando mal e se continuarem assim podem nem classificar…

  8. Concordo totalmente com quem já opinou: jogando sério e com um pouquinho de vontade (nem precisaria de muito esforço), este campeonato, que de todas as nossas disputas em 2017 é a menos importante, seria favas contadas, nem tanto pelo futebol exuberante que NÃO estamos jogando (e mais uma vez cabe dizer aqui que ninguém quer shows e goleadas toda hora), mas principalmente pelo nível extremamente rasteiro dos adversários, incluindo os maiores rivais. Mas é preciso avaliar o quanto o grupo realmente quer levantar essa taça. Quanto ao jogo de hoje, espero uma vitória sem muito brilho mas o suficiente para tornar o jogo de sexta-feira um treino de luxo para o que virá depois.

  9. Gustavo Aroni 02/04/2017 | Responder

    Se o Palmeiras viesse jogando um bom futebol, e que até acredito que pode jogar, poderíamos ganhar esse Paulistão com tranquilidade. Como não estamos jogando nada, assim como Gambás e Sereias não jogaram ontem, acho que tudo pode acontecer.

  10. Philipe Frois 02/04/2017 | Responder

    Vendo jogo dos Sardinhas e curica ontem fiquei com a sensação de que se o Palmeiras quiser , vence esse paulistinha com um pé nas costas. Tem que ver se vão querer né .

  11. Danilo Peressim 02/04/2017 | Responder

    O vice campeão Brasileiro, vice campeão da Copa Br 2015 e atual campeão paulista saiu derrotado de Campinas neste sábado, tá tudo errado por lá também ou talvez a Ponte Preta esteja fazendo um bom trabalho ? É preciso enxergar e reconher meritos em nossos adversários também, todos jogam a vida contra nós, somos o time a ser batido, o mais rico, o melhor elenco, é bom demais carimbar todo esse rótulo, faz parte, precisamos conviver com isso, e cá entre nós, melhor assim …

Leave Your Reply