Copa SP 2018: Palmeiras empata com Taubaté e passa em primeiro no grupo

 

O Palmeiras empatou com o Taubaté por 1×1 nesta noite de 2a feira, confirmou a liderança do grupo 27, e vai pegar o 2o colocado do grupo 28 na segunda fase (mata mata). Será Botafogo PB ou Bahia. Passando por eles vai para a 3a fase e pega o vencedor de Taubaté contra Bahia ou Botafogo PB.

Depois disso começam as oitavas de final.

O jogo desta 2a feira foi prejudicado pelo campo completamente encharcado. O Taubaté saiu na frente em chute de fora da área que bateu na zaga e desviou do goleiro.

O empate foi no 2o tempo, com gol de Fernando (artilheiro do time) depois de duas interrupções por falta de energia.

Fernando e José Aldo são os destaques deste time.

Será que esse ano vai?

Saudações Alviverdes !

 

 

30 Comments Added

Join Discussion
      • Gustavo Aroni 16/01/2018 | Responder

        O Guerra joga demais, mas é um futebol invisível, ninguém vê, porque simplesmente o cara não entra em campo. Quando não é contusão, tem que resolver problemas particulares (excluindo o caso do filho dele que mais do que justificável). Lembra muito um ex-meia venezuelano que passou por aqui.

      • Eu sei: com esse “piloto” de aeromodelo e seu fiel navegador o voo terminaria em Cerro El Gordo (atualmente “Cerro Chapecoense”), nas imediações de Medellín. Motivo: pane tática.

      • Eu sei: com esse “pil.oto” de aeromodelo e seu fiel navegador o voo terminaria em Cerro El Gordo (atualmente “Cerro Chapecoense”), nas imediações de Medellín. Motivo: pane tática.

  1. Leu 15/01/2018 | Responder

    “As loucas” não se dão por vencidas: contratam outro Scarpa: o Chiquinho, jogará de robe.

    • Pois é, o Scarpa pode não ser um Cruijff, mas o rival rosa anda festejando Diego Souza e zagueiro de 30 anos comprado em black friday do Vasco como se fossem craques que o Guardiola queria no time dele. Não faz tanto tempo assim era o Palmeiras que estava nessa pindaíba, por isso a gente sabe mais ou menos como tudo isso acaba…

  2. Paulão 15/01/2018 | Responder

    É muito difícil saber se o Scarpa é ou não é supervalorizado. Acho que pelos parâmetros atuais baixíssimos, ele é sem dúvida acima da média. Para ser craque só falta nascer de novo. Pela idade dele, ainda há espaço para evolução. Penso que na Marginal Sem Número e no Jardim Leonor ele seria titular absoluto, então por este motivo já foi bom contratá-lo e tirá-lo dos rivais. Mesmo no Palmeiras, apesar do “maior e melhor elenco da história do futebol” (sqn), acho que ele pode ser titular ao lado do Lucas Lima. O problema é que os dois jogam pela esquerda. Mas se eles são tão bons como dizem por aí, tenho certeza que conseguirão se acertar e formar uma ótima dupla. É verdade que o Scarpa jogava num time abaixo da mediocridade ano passado, mas mesmo assim ele foi o campeão das assistências. Se ele repetir esse quesito, nosso ataque pode fazer muitos gols. Neste cenário, Moisés, Tchê Tchê e Felipe Melo disputariam as duas posições mais defensivas. E o ataque seria composto por apenas dois jogadores, ao que parece Dudu e Borja. Com as contratações de goleiro e laterais, só falta acertar a zaga, que passou a ser nosso grande problema, pelo menos antes da bola começar a rolar. Pode dar tudo certo ou tudo errado, ou algo entre estes dois extremos, mas na minha percepção começamos 2018 bem mais fortes que 2017. Além disso, ao menos no discurso, não existe obsessão esse ano, de forma que nossas chances me parecem sensivelmente maiores de ganhar algum título importante. Ainda falta muito, afinal nem começou…

    • Extremamente sensato, Paulão. Sobretudo na parte da “obsessão”. Ela continuará existindo, mas quero acreditar que não ficará tão explícita como em 2017, afinal a obrigação precisa ser de DISP.UTAR todos os campeonatos durante o maior tempo possível. E pelo braço de ferro que ganhou no ano passado, inclusive com o técnico das medalhinhas e manias, creio que o time do Axe será Felipe Melo mais dez. Se existe um careca cheio de moral no Palmeiras hoje é ele.

  3. Reynaldo Zanon 15/01/2018 | Responder

    A contratação do Scarpa além de boa tecnicamente, evita que ele reforce os rivais e ainda mostra o poder do Palmeiras a todo o Brasil. A inveja está grande. Sal grosso, galho de arruda no clube, ajuda. Só não vou sugerir que plantem nas alamedas espada de São Jorge por motivos óbvios.

    • Paraíba 15/01/2018 | Responder

      Boa contratação! Prepare – se que a arbitragem vai roubar dobrado esse ano , na copa sp diante do botafogo da minha terra, foram 4 penalidades que o juiz não marcou por não quis.

        • Paraíba 16/01/2018 | Responder

          Então, Eduardo, vai anotando pra você não perder a conta, nesses últimos 10 anos ,vimos um certo time construir sua supremacia, com a ajudas externas, nos bastidores e do além.

  4. Philipe Frois 15/01/2018 | Responder

    Além da contratação do Scarpa ter sido boa do ponto de vista técnico, foi tbm mais um chapéu nos rivais Corinthians e São Paulo que chegaram a negociar com o jogador. Há poucos anos atrás éramos motivo de chacota em todas as janelas de transferência. Os jogadores mais cobiçados sempre preferiam os rivais e desdenhavam do interesse da SEP, hj estamos muito a frente dos rivais no que diz respeito a poder de compra, falta transferir esse poderio econômico pra dentro de campo ainda mas o futuro é muito promissor. Gostaria de encontrar com o Aidar e perguntar pra ele quem é que está se apequenando mesmo????

  5. Philipe Frois 15/01/2018 | Responder

    Com a contratação do Scarpa a competitividade dentro do elenco aumenta ainda mais, porém vejo com bons olhos essa contratação pois não dá pra confiar em Moisés e Guerra que estão sempre fora de forma por causa de contusões e ai sobra só o Lucas Lima. Gostei da contratação do Scarpa mas é preciso ter os pés no chão e não entrar no oba oba da imprensa. O Palmeiras contratou Marcos Rocha, Diogo Barbosa, Lucas Lima e Gustavo Scarpa e não Cafu, Roberto Carlos, Djalminha e Alex. E tem outra, se não acertar a zaga vamos passar vergonha esse ano de novo.

  6. Thom 15/01/2018 | Responder

    Ninguém acha que o Scarpa seja craque. Mas sem dúvida é um bom jogador, e não é baciavel. Era isso que havíamos pedido, certo?

    Então não entendi porque não estamos todos concordando que foi uma boa contratação.

    Temos mesmo essa necessidade de criticar tudo?

  7. Gustavo Aroni 15/01/2018 | Responder

    Ouvi dizer que o Scarpa fechou com o Palmeiras. Bom que ele venha mesmo pra tirarmos a dúvida de vez. Que cale s minha boca e vá para Copa.

    • Pois é, já que chegou que jogue o que muitos acham que ele joga. Não é meu caso, mas a princípio ele tem cinco anos pra mostrar serviço, e não ficarei nem um pouco triste se estiver enganado a seu respeito. Ainda não acho que a Champions League tenha se tornado apenas o torneio que vai apontar o próximo vice-campeão mundial, mas o elenco deste ano parece ter mais recursos que o do ano passado, embora faltem pelo menos um zagueiro e um “matador” confiáveis.

  8. Tá feio mesmo. Não tem grandes jogadores atuando no Brasil. O problema é que se o Lucas Lima machucar teremos que aturar Guerra e Moisés de novo, dois jogadores super valorizados e não passam
    de nota 4.

    • Concordo, mas ambos sofreram com muitos problemas físicos em 2017, principalmente o Guerra, que tem recursos técnicos muito acima da média, mas isso não tem se traduzido num bom trabalho. Vejo com muito mais temor o comando do ataque, pois se o Borja não acordar e o Bigode não repetir a boa fase do ano passado a opção é Deyverson (jogador nota 1), e a zaga, onde temos incógnitas e atletas muito fracos tecnicamente. O Thiago Martins pode ter potencial, mas é difícil esquecer aquela furada que resultou no gol do Ganso no clássico contra os Bambis em 2016.

  9. Agora a culpa ´ é do Scarpa porque o time dele terminou em 14 lugar, afinal de contas ele joga sozinho.. Quanta bobagem, seria um bom reforço sim, bem melhor que Guerra e Moisés.

    • Ninguém joga sozinho. Mas ser “rei” disso ou daquilo num time que quase caiu é no mínimo estranho. Lembro quando escreviam por aqui que o Gabriel era o “rei dos desarmes” (as estatísticas poderiam até comprovar isso) e que sua contusão nos tirou da briga pelo título brasileiro em 2015. Balela pura para um jogador super meia boca, como o tempo (e não comentários do tipo “vocês ainda vão me dar razão”) provou. O Scarpa não é mau jogador, mas pelo tom da discussão parece que estamos perdendo a chance de trazer um Johan Cruijff tupiniquim que ganhou tudo por onde passou. Se vier será mais um, tomara que dê certo e vou torcer muito por ele, mesmo achando-o comum, mas se for pra outro clube não será ele o responsável por dar títulos a nossos rivais, pois esses só ganham roubando, certo?

  10. Zek 10/01/2018 | Responder

    Queria parabenizar o 3vv…por estar mais atuante e postando noticias quase diariamente…continue assim em 2018…e se não contratar mais zagueiro ( acho que vai..senão não tinham iniciado negociação com Pablo), eu experimentaria FM na zaga…tem tudo pra ser um grande libero…

  11. Se não contratar bons zagueiros não vai dar em nada, principalmente porque os volantes de marcação
    também são fracos . Felipe Mello não tem velocidade, Thiago Santos e Bruno Henrique são desqualificados. Acho que continuaremos com o melhor ataque do Brasil mas com uma das piores defesas.

  12. Paulão 09/01/2018 | Responder

    Assisti (sem nenhuma atenção) aos três jogos. Os dois primeiros contra adversários inexistentes, golear era o mínimo aceitável, e goleamos sem nenhuma empolgação. Hoje não dá pra falar porque o campo era um pasto. Não teve jogo e só empatamos porque o fraquíssimo adversário teve um jogador expulso. Por não conhecer os adversários não consigo imaginar o que vem pela frente, mas tomando por base o vexame inesquecível da final da copa RS, quando perdemos vergonhosamente para os fraquíssimos bambis com dez jogadores, não tenho esperanças. Pelo menos assim não ficoputo depois kkkk…

Leave Your Reply