Paulistão Itaipava 2018 Palmeiras 2×1 Santos: vitória tranquila

 

O Palmeiras venceu o Santos na tarde de domingo no Allianz Parque. 38 mil palmeirenses na Arena.

E viram um jogo…. bom. Não foi o espetáculo nem a goleada que podia-se esperar. Mas a vitória de 2×1 se não foi brilhante, foi justa. Os gols foram de Antonio Carlos no 1o tempo e Borja no 2o. Renato descontou quando estava 2×0.

O Palmeiras começou com muita intensidade. Trocando bolas rápidas pelo lado direito do ataque o Verdão avançava na defesa santista. Numa dessas veio um escanteio. Lucas Lima bateu e Antonio Carlos subiu mais que todos e fez 1×0.

Logo na sequência nova jogada pela direita e falta. Lucas Lima bateu bem e a bola explodiu no travessão.

Aí o time parou. Ficou em seu campo esperando o Santos dar espaço. Apesar da enorme limitação de elenco adversário, Jair Ventura armou um time coeso e que passou a dominar a posse de bola. Jailson fez duas boas defesas, uma delas um verdadeiro milagre.

No segundo tempo o Palmeiras voltou marcando no campo do adversário. Borja perdeu um gol quase na pequena área mas no minuto seguinte se recuperou. Desarmou na intermediária, abriu para Willian que voltou para o colombiano fazer 2×0 de fora da área. Belo gol.

Logo depois, uma bobeada de toda a defesa permitiu que Renato de cabeça descontasse, em bola que estava Felipe Melo.

O Santos se animou. Dudu não estava bem. Keno entrou no lugar do capitão aos 29 minutos. O time melhorou.

Tchê Tchê teve uma chance. Os espaços apareciam. Mas não havia aquela bola matadora. E os 2×1 deixava o palmeirense apreensivo. Uma bola parada podia azedar a tarde.

Curiosidade: apesar do gol santista e poucas chances por desatenção da defesa palmeirense, o Santos não levava perigo. A diferença entre as duas equipes era grande. O Palmeiras com muitas opções no banco e Jair Ventura fazendo algum pequeno milagre para travar o jogo esperando o gol de empate numa bola parada.

Entrou Bruno Henrique no lugar de Tchê Tchê. Aos 39 uma bela jogada de Keno e uma reclamação de pênalti sobre Willian.

Segue o jogo.

E ainda teve Gustavo Scarpa. Aos 41 minutos o meia entrou em campo no lugar de Lucas Lima. Jogo foi até os 49 mas não deu tempo para mais nada. 2×1.

Fim de jogo. 5a vitória consecutiva. E apesar do placar apertado, foi tranquila. E ainda faltam titulares para estrearem. Por enquanto tudo indo bem.

70 Comments Added

Join Discussion
  1. Renato 10/02/2018 | Responder

    Mera coincidência de números.
    6a rodada , 6o jogo , provavelmente 6a vitória.
    Adversário : Mirassol.
    Hora boa para devolver um certo placar.

  2. Renato 09/02/2018 | Responder

    Sexta-feira de Carnaval. Teve jogo , Santo André 2 x 1 Curintia.
    Ver esses gambás perder é sempre muito bom.
    Que amanhã , o nosso Palmeiras não dê mancada.
    Que a vitória aconteça.
    Abraço a todos.

  3. Bianco 09/02/2018 | Responder

    Palmeiras lidera com muuuita folga a lista de maiores rendas e é também um dos que mais leva torcida ao estádio. Além disso, seu torcedor dá muito retorno com pay-per-view.
    Já era assim também na época das “vacas magras”, momentos que já fazem parte do passado.
    Nossa torcida é assim, está com o time em todas as ocasiões, sempre juntos. Ao contrário de outras torcidas e alguns mimimi infiltrados na nossa, que são os conhecidos “Modinha”.

    • Gustavo Aroni 11/02/2018 | Responder

      Só faltou falar do esporte. Um tal de futebol. Esse não tem muita importância.

  4. Gustavo Aroni 08/02/2018 | Responder

    Pelo 📻 não tem árbitro de vídeo, o Palmeiras ganha todas, todo mundo é craque. Só grito gol, escuto o valor milionário da renda, e mais três pontos garantidos. Deslumbramento pouco é bobagem. Aqui é Palmeiras, po.r.r.a!

    • Paraíba 09/02/2018 | Responder

      Gustavo, tu mora na capital? Vai no Allianz Parque , eu moro no interior de SP, fica muito caro pra ir no estádio.
      A seu morasse em Sampa, não perderia nenhum jogo do verdão.

      • Gustavo Aroni 09/02/2018 | Responder

        Moro no litoral-SP. Muito caro pela qualidade do futebol. Quando eu era solteiro, eo estádio era Palestra Itália, eu ia em quase todos os jogos e via bom futebol, craques e ídolos de verdade. Hoje o custo/qualidade do futebol é exorbitante, não dá.

        • Paraíba 09/02/2018 | Responder

          Se fosse aquele time de 93/94 e 96, valeria a pena pagar ingresso caro e viajar, mas com esses jogadores que vestem a camisa palmeirense, melhor ficar em casa, ouvindo os jogos pelo rádio.

          • Gustavo Aroni 09/02/2018 | Responder

            Se eu tivesse muito, mas muito dinheiro sobrando, talvez (e sem nenhuma certeza) tentaria ir num número maior de jogos, mesmo pra não ver qualidade alguma. Como não é esse o caso, não dá.

    • Reynaldo Zanon 09/02/2018 | Responder

      Vocês dois, Aroni e Paraíba, falam do Palmeiras como se tivéssemos o pior time do mundo. A imprensa toda diz que temos o melhor elenco do Brasil. Os rivais morrem de inveja do Palmeiras em todos os sentidos (elenco, estádio, bilheteria, estrutura), mas, para vocês, tudo está muito ruim. Sugiro que tomem umas cervejinhas no Carnaval para refrescar um pouco e melhorar o astral.

      • Gustavo Aroni 09/02/2018 | Responder

        Ué, mas imprensa não é toda gambá, como vocês cansam de dizer? Ah, quando ela diz o que nos interessa, aí beleza. Aí tudo bem. Bom, a partir de 1° de março, que é o que realmente interessa, vou começar a assistir e ver esse é o melhor elenco do Brasil, segundo a imprensa marrom, em ação. Por enquanto, 💯%📻👂.

      • Não são os dois que acham tudo no Palmeiras ruim, Reynaldo. Você é que exagera nos delírios, tipo “temos a maior torcida do Brasil” quando é fato (gostemos ou não) que a torcida do Flamengo é pelo menos 2,5 vezes maior que a nossa. O que eu gosto ou desejo não muda fatos. Ter a terceira, a quarta ou a quinta maior torcida do país não altera nada, as competições das quais participamos são de futebol, e pra ganhá-las é preciso ter time bom, competitivo, comprometido e com qualidade. E caso as lições do ano passado não tenham lhe servido pra nada (pra mim serviram, por exemplo, pra pensar dez vezes antes de querer a volta de treinadores ultrapassados), lembro que em janeiro de 2017 a grande maioria da imprensa esportiva já estava nos entregando todas as taças, e deu no que deu. Não me pauto pela maioria nem por veículos de comunicação, mas pelo que meus olhos veem. Estamos indo bem, obrigado, mas motivos pra comprar os fogos e mandar fazer as faixas, só a partir do dia 25. Mesmo porque 100% em cinco rodadas do Paulistinha o Leão em 2006 e o Kleina em 2014 também conseguiram.

        • Reynaldo Zanon 10/02/2018 | Responder

          Os números provam que temos a maior torcida do Brasil de fato. Numericamente, eles têm mais, eu sei disso, porém são milhões de torcedores “inúteis” que só representam em pesquisas. É como se muitos eleitores dissessem que irão votar no candidato X em uma pesquisa e, no dia da eleição, não comparecessem. O adversário, com eleitores mais engajados acaba vencendo. É como o famoso “católico não praticante”. O cara, embora se diga católico, não assiste a uma missa sequer durante um ano inteiro! O Flamengo e o SCCP fazem muito oba-oba em relação às suas torcidas, amplamente inflado pela imprensa há décadas (aliás, nunca vi essa maioria “massacrante” sempre alardeada. Será que só eu convivo com muitos torcedores de outros clubes? Acho que não). O Palmeiras é o clube que mais arrecada com a própria torcida no Brasil (os números têm sido publicados pela midia), logo, o clube que tem a maior torcida do Brasil, de fato, é o Palmeiras. E isso está incomodando imensamente a imprensa em geral e aos torcedores rivais, especialmente àqueles dos dois clubes acima citados, porque põem por terra aquilo que se alardeou desde sempre, de que o Flamengo e o SCCP têm torcidas imensamente maiores. Eu nunca tive dúvidas que essa não era a realidade e, nos dias de hoje, os fatos estão confirmando essa verdade. Adoro ver a “cara de tacho” de muitos da imprensa diante disso. O Vasco, nesta semana, aumentou o preço dos ingressos a patamares semelhantes aos cobrados pelo Palmeiras, imaginando seguir o exemplo do Verdão. Foi jogo de Libertadores. Público pagante: 11 mil. Arrecadação: 600 mil. O SPFC então, coitados, estão numa sinuca de bico. Se cobram ingressos mais caros, não tem público. Se cobram barato, aumentam o público, mas não tem receitas. São alguns exemplos de clubes “com grande torcida”. A realidade é que eles não possuem torcida à altura da do Palmeiras. O “modelo” Palmeiras não é aplicável a qualquer clube. Isto está ficando bem claro. A mim não surpreende em nada a força da torcida do Palmeiras.

  5. Marcelo Vaccari 06/02/2018 | Responder

    Jailson e Felipe Melo jogaram muito, vitória merecida! Agora a votação do árbitro de vídeo definiu quem é quem no nosso futebol: times honrados que não compram a arbitragem: votaram sim, bandidagem ( corruptores) que compram resultados e campeonatos: votaram não, mocinhas indecisas ( demoram a semana inteira pra decidir se vão usar a chuteira rosa ou a lilás): se abstiveram! Vamos ver as desculpas esfarrapadas que a bandidagem vai dar!

    • Paraíba 06/02/2018 | Responder

      Pelo espetáculo do futebol sou absolutamente contra o árbitro de vídeo.
      Mas pelo auxílio do vídeo, tiraria muito ponto do curintia é framengu, mas as imagens serão cedidas pela RGT, os árbitros serão aqueles que sempre ajudaram o curintia e framengu, aqui isso não funciona, ao não ser que exclua a RGT e seus filhos da competição.

      • Se retirarem Globo, urubus e gambás do futebol, que desculpa vai lhe sobrar quando perdermos? E o espetáculo do futebol hoje é um evento caro demais pra se deixar apenas nas mãos de árbitros incompetentes (pra todos os lados, ainda que mais pra uns que pra outros) decidirem.

        • Paraíba 08/02/2018 | Responder

          Eduardo , você duvida que a RGT manda no futebol brasileiro? 😆😆😆😆😆😆Tu és inocente demais, só foi o André Sanches volta pro curintia, já vetaram o árbitro de vídeo.
          Eu sou contra o árbitro de vídeo, ficaria muito chato o futebol, parando todo lance, esse negócio de lance replay é pra esporte chato , como : Tênis e vôlei.
          Sanches junto com a RGT quebraram o clube dos 13 pro curintia ganhar mais, e só foi ele voltar, vetou ARV . Aguarde que vem mais …

  6. Renato 06/02/2018 | Responder

    Em breve teremos gramado sintético no Allianz Parque.

    • Paraíba 06/02/2018 | Responder

      Gramado sintético , machuca jogador, jogadores técnicos como Scarpa e Lucas Lima vão sofrer.
      Isso pra atender o desejo da W Torres, que destrói o gramado com shows.
      GRAMADO SINTÉTICO É COISA DE AMADOR no futebol moderno.

      • Não fosse o tal “desejo da WTorre” estaríamos mandando jogos no Canindé e na Arena Barueri. Prefiro grama natural, mas antes jogar na artificial que num pasto.

      • Ferrari 07/02/2018 | Responder

        Não fale o que você não sabe…….Tudo no mundo evolui

      • Gustavo Aroni 09/02/2018 | Responder

        Ia ser mais um motivo de chororô. Nossos jogadores iriam demorar uns três anos pra se adaptar à nova superfície. Se até nos jogos às 11 da manhã foi um snif snif danado, serviu como desculpa para a ausência quase que completa de bom futebol, imagina se botar grama sintética.

  7. Thom 05/02/2018 | Responder

    Eu tô vendo o Neto na Band depois de muitos anos.

    Ele sempre foi assim? Ele tá quase imparcial, juro.

    Ele parece mais chato do que hater do Palmeiras.

  8. Thom 05/02/2018 | Responder

    O que me incomoda não é a desconfiança no time que o Edu e o Gustavo tem. Eu tb tenho, pq já jogamos muito bem no começo do ano e não levamos nada no final.

    O que me incomoda é o torcedor de primeiro tempo. Se jogar mal, fala que não vamos ganhar nada no ano todo e que “vamos sofrer com times melhores que o Santos” se jogar bem, pede pra entregar as taças.

    Me digam, por favor, qual time da América do Sul não vai “sofrer pra ganhar de times melhores que o Santos”?

    Somos um time muito bom, não somos, nem devemos ser, o Real Madrid.

  9. Bianco 05/02/2018 | Responder

    5 jogos, 5 vitórias… nenhum clube serie A com este desempenho, começo de ano ainda. Queriam o q, 5 goleadas com gols de bicicleta e olímpicos? Se o Palmeiras está ruim, como alguns querem deixar entender, então qurm está bem???

  10. Bianco 05/02/2018 | Responder

    Lembram-se daquele desenho antigo, Carangas e Motocas? Havia uma motoquinha, a menor de todas que só sabia reclamar e falar “eu te disse, eu te disse… mas eu te disse, te disse”… caramba, tem muito corneta aqui que lembra muito esta motoquinha chata!

    • Reynaldo Zanon 05/02/2018 | Responder

      kkk Aquela motoquinha era muito engraçada, me divertia com ela. Aqui alguns devem sofrer de pessimismo-depressivo agudo. Essa doença existe? Existe, no 3VV existe.

  11. Marcelo 04/02/2018 | Responder

    Eu quero os gambás. É vencer ou vencer, esse pode ser com jogo feio ou gol cagado.

  12. Guilherme 04/02/2018 | Responder

    Comentario feito logo após o termino da partida ainfa aguardando moderação!

  13. Deixo registrado aqui os meus elogios a torcida do Verdão que deu um show mais uma vez. Melhor média de público disparada do campeonato e renda superior a R$ 2 milhões por jogo no Allianz, contribuindo cada vez mais para um Palmeiras cada vez mais forte e dominante no cenário nacional.

    Ao contrário do que a imprensinha e os fracassados rivais dizem, quem sustenta esse poderio do Verdão atualmente é sua torcida, seja através dos grandes públicos nos jogos ou no programa Sócio Avanti. Não tem dinheiro de TV ou de patrocínio que iguale o que os torcedores vem fazendo pela paixão ao Palmeiras.

    • Reynaldo Zanon 04/02/2018 | Responder

      Concordo totalmente. Na verdade, quem tem a maior torcida de fato do Brasil é o Palmeiras.

  14. Felipe Melo sendo o melhor jogador do Verdão nesse começo de temporada ao lado do Jailson e vale lembrar que quase o Palmeiras perdeu esse jogador por causa de picuinhas pessoais do ex-treinador com o volante. Pior que isso é imaginar que o substituto dele seria nada mais nada menos que o fraquíssimo Bruno Henrique. MEU DEEEEEEEUS!

    Sou muito grato ao Cuca pelo ótimo trabalho em 2016, mas é preciso reconhecer que conduziu muito mal aquele entrevero com o Felipe, prejudicando muito o time depois disso.

  15. Muito importante essa vitória no primeiro clássico disputado no ano, que certamente dará mais tranquilidade para o time e a comissão técnica realizarem alguns ajustes e até mesmo rodarem mais o elenco, colocando de titulares alguns jogadores que ainda não tiveram essa oportunidade.

    Vejo um time mais equilibrado, tocando melhor a bola e dando poucas chances dos adversários criarem suas jogadas ofensivas, demonstrando um bom trabalho do Roger até o momento. Destaques positivos do jogo de hoje:

    Felipe Melo (melhor jogador do time até aqui), Jailson (competente e tem estrela), Antonio Carlos e Thiago Martins ( dupla de zaga surpreendendo positivamente) e o Borja pelo gol e pelo esforço.

  16. Reynaldo Zanon 04/02/2018 | Responder

    Fizemos uma partida relativamente boa. Todos ficam em dúvida de qual é o verdadeiro potencial desse elenco e, principalmente, do técnico. Eu também tenho essas dúvidas. A verdade é que só teremos respostas convincentes nas finais do Paulista, nos jogos da Libertadores e na largada do Brasileiro, ou seja, em meados do ano.

  17. Jogamos bem. O gol das sardinhas foi irregular e os jogadores pararam no lance. Esse time só precisa de um zagueiro melhor que o Tiago Martins. Do resto, ótimo time.

    • Mandou bem, você foi o único que se deu ao trabalho de comentar sobre o gol irregular do Santos, isso sem falar no pênalti claro sobre o Tchê Tchê. Como vencemos jogando (relativamente) bem, a arbitragem ruim foi esquecida. É por isso que eu continuo achando que o melhor antídoto pra incompetência do apito (que vai continuar, embora diminuir, mesmo com o auxílio da tecnologia) é competência na bola.

    • Antonio 04/02/2018 | Responder

      Você está terminantemente proibido de assistir qualquer jogo do Palmeiras em qualquer TV esse ano. Fica só radinho meu amigo. Kkkkkkkkkkk

      • Gustavo Aroni 05/02/2018 | Responder

        Nunca me senti tão deslumbrado. 15 pontos sem ver como vieram. 📻💯% .📺 só dia 1° de março. Aqui é Palmeiras, po.r.ra!

        • Não se preocupe, meu caro Gustavo. Deslumbramento por aqui é doença maior que o tal “pessimismo depressivo-agudo” (engraçado que quem escreveu isso até outro dia estava arrancando os cabelos achando que o Axe era mais do mesmo). Deve superar até o índice de febre amarela. Só perde mesmo pra “síndrome do sumiço”, que acomete esses comédias que adoram ensinar comportamento a torcedor quando estamos bem mas que desaparecem até janeiro e fevereiro do ano segui
          nte quando falta bom futebol. É o verdadeiro “Certificado ISO 9001” da falta de argumentação. Espero que essa turma faça a festa em 2018 e que o time jogue muita bola, principalmente nos 38 jogos do Brasileiro e nas partidas decisivas das outras competições. Pra mim é isso que interessa, e não vir aqui pra dizer o que é certo ou errado.

  18. Renato 04/02/2018 | Responder

    Os grandes testes serão os jogos da Libertadores e contra os gambás lá em Itaquera.
    Ai sim , teremos condições de medir a capacidade desse time.
    Hoje o jogo foi fraco , nem acima e nem abaixo , nota 6,0

  19. Zek 04/02/2018 | Responder

    O site é livre …podem colocar estrela 🌟🌟🌟🌟🌟🌟..em pseudo gambá dectetado…mas a verdade veio em clássico ganhar já bom.,,é 11×11..

  20. Guilherme 04/02/2018 | Responder

    Vitória tranquila em mais um bom jogo. RM está dando um padrão se qualidade em toque de bola, aproximação e triangulações que há muito não via no Palmeiras. Que bom ver jogo sem chutões o tempo todo. A evolução do time é clara. Não dá pra reclamar agora, e quem o faz tá numa corneta nervosa.

  21. Renato 04/02/2018 | Responder

    Não sei como esse rapaz Bruno Henrique jogador do Andrés Sanchez tem espaço no Palmeiras.
    Gostaria de entender.

  22. Thom 04/02/2018 | Responder

    Galera esquece que esse time deve ser avaliado pelos últimos 5 jogos. E honestamente, a evolução das últimas rodadas do ano passado é gritante.

    • Houve (aliás, está havendo) evolução, mas comparar o final de uma temporada (adversários de Série A do Brasileirão) em que o time praticamente não se encontrou em momento algum com o começo de outra (adversários de Série A1 do Paulistinha) em que as perspectivas são diferentes pode levar a resultados enganosos. Do mesmo jeito que tem gente pedindo paredão pra Borja e Dudu e não é bem assim, vamos com calma.

      • Thom 05/02/2018 | Responder

        Ninguém tá comparando adversário ou campeonato, Edu. Estou dizendo que estamos evoluindo bastante e estamos em começo de temporada com técnico novo. É compreensível a crítica exagerada que alguns de nós tínhamos ano passado e até em 2016. Mas agora, fica realmente estranho, porque parece que não importa quem contratamos ou o que fazemos, sempre tem alguém pra destacar o lado negativo.

        Cada um torce do jeito que quer, mas no final, é esse “sempre ver o copo meio vazio” que incomoda quando torcemos pelos comentários do site.

        Eu acho que o time tá muito melhor do que eu imaginei, nada a reclamar, por enquanto.

  23. João Batista 04/02/2018 | Responder

    O VV do site só pode ser vilipêndio ao Verdão. A quantidade de cornetas é de espantar qualquer cidadão.

      • João Batista 04/02/2018 | Responder

        Com certeza não. O site é sério e dá espaço a participação. Já não posso dizer o mesmo dos participantes. Gostam de depreciar o Palmeiras.

        • É engraçado ver pessoas que raramente dão pitacos aqui aparecerem apenas quando o time está vencendo, mesmo que no fortíssimo Campeonato Paulista, querendo impor a “maneira certa de torcer”. Ser torcedor não é só pular (na arquibancada ou no sofá) e aceitar sorrindo tudo o que venha do clube, isso qualquer chimpanzé amestrado faz com alguma competência. Quando o que se vê é bom, fale-se bem, quando não é, fale-se mal, ou que não se fale nada para não distorcer a realidade, como muita gente gosta.

          • Faço de suas palavras as minhas, Eduardo. Não vejo você cornetando ninguém, e sim, pedindo seriedade dos dirigentes e jogadores, pedindo por bom futebol, que, diabos, é justamente o motivo de se assistir ao esporte, que no fundo, é só entretenimento. Mas tem uns comedores de capim que acham que, se não for só pra elogiar, e se fazer de besta pros problemas, você está prejudicando o Palmeiras. SE essas pessoas criarem os filhos, igual “criam” o Palmeiras, vão criar (mais) uma geração de mimadinhos birrentos. É dose. E realmente, essas almas penadas só dão a cara em vitórias de campeonato contra times da série B, C, D, ou sem série, do Brasileiro…

  24. Thom 04/02/2018 | Responder

    Santos com leve domínio, Palmeiras achou um gol, fusca descendo a banguela…

    As vezes, so as vezes, vcs são realmente cornetas gente hahaha

    • Renato 04/02/2018 | Responder

      Palmeirense de verdade é sangue nos olhos. Aquele que não aguenta a pressão é melhor torcer para o Juventus da Moóca.

  25. Renato 04/02/2018 | Responder

    Pelo o que o Palmeiras apresentou nesse primeiro tempo , conclui-se que terá dificuldades contra times melhores que esse do Santos.
    Achamos um gol e nada mais.
    Bola na trave na cobrança de falta.
    E depois um certo domínio do Santos.

  26. Pelo começo do jogo parecia que veríamos um trem-bala, mas ficamos mesmo num fusca descendo na banguela. O lado bom é que ainda temos muito pra melhorar, a dúvida é se temos qualidade suficiente pra isso.

  27. Zek 04/02/2018 | Responder

    O gol de inicio foi bom, mas foi ruím todos se acomodaram. Só FM e Borja com vontade…

  28. Renato 04/02/2018 | Responder

    O bom futebol continua longe do time do Palmeiras.
    Achamos o gol e só.
    Jogo feio.

  29. Thom 04/02/2018 | Responder

    Por enquanto, Roger tem o melhor começo de todos os técnicos depois de 2015. Não só pelos resultados, mas começo de jogo muito bom do Palmeiras

  30. Antonio 04/02/2018 | Responder

    Vou comentar no pré pra ver se libera no pós jogo…

Leave Your Reply