Paulistão Itaipava 2018 Corinthians 0x1 Palmeiras: uma grande vitória!

 

Que jogo! Que tarde…. Palmeiras e Corinthians não decepcionaram. Um grande jogo.

E uma grande vitória!

O Palmeiras teve um 1o tempo quase perfeito. Roger surpreendeu Carille e colocou o time pra cima deles. Até sair o gol palmeirense – Borja aos 7 minutos – o jogo foi todo no campo do Corinthians.

Aliás o gol: jogada ensaiada. Lucas Lima bate escanteio curto pra Dudu do lado esquerdo que de pé direito cruza. A bola foi mais alta e bateu na trave (essa parte não estava no ensaio, claro). Mas lá estava Willian que pegou o rebote e tocou no meio para Borja. O atacante tocou pro fundo do gol.

Com o gol o time do Palmeiras ficou mais para trás e esperou o Corinthians. Eles tiveram algumas chances mas nenhuma aguda. O time estava bem e exceto por Thiago Martins – perdeu na corrida para Scheik e parecia querer se livrar da bola – todos os jogadores estavam muito bem.

Um destaque importante: o toque de bola palmeirense. Com muita tranquilidade e segurança a bola seguia de pé em pé quando pressionado. E os lançamentos eram para pegar as costas dos laterais corintianos.

Aí no final do 1o tempo a confusão. Muito empurra empurra e Felipe Melo (e Claison) expulsos.

A expulsão foi pior para o time que estava melhor. Claro! Quem estava mais organizado era o Palmeiras. Moises veio no lugar de Borja (que tinha amarelo) e perdemos o jogador de área.

Mas a coisa piorou. Victor Luiz sentiu e foi substituído por Diogo Barbosa. E depois Bruno Henrique também sentiu a coxa e foi substituído por Thiago Santos. Keno – a opção óbvia – não entrou e o time nos últimos 15 minutos abdicou de jogar. Dudu pegava a bola no meio campo e tentava o chute de muito longe. Willian ainda perdeu boa chance no contra-ataque. E a rigor o Corinthians não teve nenhuma chance aguda de gol.

Fim de jogo aos 51 minutos. 1×0 pro Palmeiras. Mais de meio caminho andado. Agora é manter o foco e entrar domingo que vem no Allianz com o mesmo espírito.

Um comentário adicional: o juiz muito criticado durante a semana foi bem. Poderia ter expulsado Gabriel pelo conjunto da obra? poderia. Mas não cometeu nenhum erro gritante. As faltas aplicadas foram corretas. E mesmo na expulsão – talvez um pouco exagerada para Felipe Melo – ele foi bem. Felipe Melo que precisa aprender que com seu histórico, na hora da confusão, precisa ir lá pro meio campo, sentar na bola e ficar olhando. Se mover um músculo, será expulso….

Saudações Alviverdes!

PS: ia esquecendo. Notas?

Vamos lá!

10 pra todo mundo. Do motorista do ônibus ao porteiro, inclusive Felipe Melo. E destaque especial a Roger Machado. Um primeiro tempo praticamente perfeito. E organizou bem o time mesmo tendo que administrar as contusões.

E o que vale no final das contas é a vitória. Mais que uma final, é o dérbi.

Saudações Alviverdes!