Categorias
Paulistão 2018 Resenha dos Jogos

Paulistão Itaipava 2018 Corinthians 0x1 Palmeiras: uma grande vitória!

 

Que jogo! Que tarde…. Palmeiras e Corinthians não decepcionaram. Um grande jogo.

E uma grande vitória!

O Palmeiras teve um 1o tempo quase perfeito. Roger surpreendeu Carille e colocou o time pra cima deles. Até sair o gol palmeirense – Borja aos 7 minutos – o jogo foi todo no campo do Corinthians.

Aliás o gol: jogada ensaiada. Lucas Lima bate escanteio curto pra Dudu do lado esquerdo que de pé direito cruza. A bola foi mais alta e bateu na trave (essa parte não estava no ensaio, claro). Mas lá estava Willian que pegou o rebote e tocou no meio para Borja. O atacante tocou pro fundo do gol.

Com o gol o time do Palmeiras ficou mais para trás e esperou o Corinthians. Eles tiveram algumas chances mas nenhuma aguda. O time estava bem e exceto por Thiago Martins – perdeu na corrida para Scheik e parecia querer se livrar da bola – todos os jogadores estavam muito bem.

Um destaque importante: o toque de bola palmeirense. Com muita tranquilidade e segurança a bola seguia de pé em pé quando pressionado. E os lançamentos eram para pegar as costas dos laterais corintianos.

Aí no final do 1o tempo a confusão. Muito empurra empurra e Felipe Melo (e Claison) expulsos.

A expulsão foi pior para o time que estava melhor. Claro! Quem estava mais organizado era o Palmeiras. Moises veio no lugar de Borja (que tinha amarelo) e perdemos o jogador de área.

Mas a coisa piorou. Victor Luiz sentiu e foi substituído por Diogo Barbosa. E depois Bruno Henrique também sentiu a coxa e foi substituído por Thiago Santos. Keno – a opção óbvia – não entrou e o time nos últimos 15 minutos abdicou de jogar. Dudu pegava a bola no meio campo e tentava o chute de muito longe. Willian ainda perdeu boa chance no contra-ataque. E a rigor o Corinthians não teve nenhuma chance aguda de gol.

Fim de jogo aos 51 minutos. 1×0 pro Palmeiras. Mais de meio caminho andado. Agora é manter o foco e entrar domingo que vem no Allianz com o mesmo espírito.

Um comentário adicional: o juiz muito criticado durante a semana foi bem. Poderia ter expulsado Gabriel pelo conjunto da obra? poderia. Mas não cometeu nenhum erro gritante. As faltas aplicadas foram corretas. E mesmo na expulsão – talvez um pouco exagerada para Felipe Melo – ele foi bem. Felipe Melo que precisa aprender que com seu histórico, na hora da confusão, precisa ir lá pro meio campo, sentar na bola e ficar olhando. Se mover um músculo, será expulso….

Saudações Alviverdes!

PS: ia esquecendo. Notas?

Vamos lá!

10 pra todo mundo. Do motorista do ônibus ao porteiro, inclusive Felipe Melo. E destaque especial a Roger Machado. Um primeiro tempo praticamente perfeito. E organizou bem o time mesmo tendo que administrar as contusões.

E o que vale no final das contas é a vitória. Mais que uma final, é o dérbi.

Saudações Alviverdes!

88 respostas em “Paulistão Itaipava 2018 Corinthians 0x1 Palmeiras: uma grande vitória!”

Fiz um comentário mas ficou na moderação.Aguardei e vim ver agora mas parece que foi excluído.Não tenho o comentário copiado mas acho que não ofendi ninguém nem usei palavrões.

Para o jogo de amanhã , fosse eu o Roger Machado , descansaria os mais cansados.
Pouparia Dudu , Victor Luiz , Bruno Henrique , William e quem mais estiver no limite.
Temos elenco justamente para isso e com os reservas dá para colocar um time competitivo e vencer o time do Alianza Lima.
A prioridade neste momento é o título do campeonato paulista.
Inteligência Palmeiras – Rumo ao título !

É engraçado ver como nossos argumentos não servem de nada as vezes

SCCP, Vasco, Botafogo, estão em finais com um desempenho ridiculo. Nós temos o segundo melhor desempenho do ano ate agora, atrás do Cruzeiro, que levou 3×1 no primeiro jogo contra o CAM, que tem o nono.

Infelizmente, os títulos nos ultimos anos tem procurado um caminho contrario ao do “bom futebol constante”

Faz tão pouco sentido, que mesmo com um zagueiro pessimo, nós temos a melhor defesa do Brasil até agora.

Pode? Pois é.

Acontece que esses números são muito enganosos. Vi a reportagem. O Cruzeiro teve “o melhor desempenho do Brasil” mas enfrentando quem? Tupi, Ipatinga, etc. Não serve de parâmetro para nada. O mesmo vale para os cariocas. Enfrentaram Madureira, Portuguesa Carioca, Bangu, etc. Times fraquíssimos. Muitas vezes os números não condizem com a realidade. Precisam ser analisados para entendê-los.

E vale o mesmo para o Palmeiras. Enfrentamos times fraquíssimos até aqui, vamos lembrar que até a sexta rodada do paulistinha era um deslumbramento só com os tais “100% de aproveitamento”. Os testes de fato nessa época são os clássicos, e neles “passamos de ano” com boa nota, só isso. Números são inquestionáveis, mas frios e mentirosos se não forem devidamente interpretados. É por isso que vou continuar defendendo bom futebol e não resultados e estatísticas como parâmetro para conquistas.

Já que o Arouca e o R Guedes já estão no galo, o verdão deveria além de contratar em definitivo o Marcos Rocha, trazer o Otero e o Cazares do Galo, os caras jogam muito.
Como é bom ver o Egidio jogando no time do M Menezes. O cara só entrega.
Bota o time mesclado amanhã e domingo temos que ganhar desse time do cara de bolacha de qualquer jeito.

Vencemos o primeiro jogo.Vencemos não apenas o SCCP mas tb a RGT/Sportv, FPF, TJD e um arbitro que operou o Bragantino contra eles e é declaradamente corintiano nas redes sociais.
Agora eles virão com tudo pra nos ferrar,desesperados que estão e de mãos dadas com o tal Andres,que recebe salário como deputado às nossas custas.
Essa quadrilha tentará nos prejudicar de todas as maneiras mas acredito no título.Somos melhores.
Saudações Alviverdes.

Vencemos um jogo taticamente muito bem dispu.tado mas tecnicamente sofrível, o resultado não o tornou mais bonito. Sem exageros, vamos deixar essa abominável história do “contra tudo e contra todos” para quando estivermos com a taça nas mãos.

Vencemos um jogo taticamente muito bem disputado mas tecnicamente sofrível, o resultado não o tornou mais bonito. Sem exageros, vamos deixar essa abominável história do “contra tudo e contra todos” para quando estiverm

Eu tenho três preocupações para a decisão do próximo domingo 08 de abril de 2018
1- Andres Sanchez – Não sabemos o que esse sujeito é capaz.
2- Parte física dos atletas do Palmeiras. – estão extenuados com 18 jogos oficiais no ano.
3- Parte emocional – Jogo decisivo em casa , suportar a pressão , euforia etc…

Tem que entrar com o time reserva, terça feira ,diante do Alianza, domingo, tem tudo pra ser aquele dia que o Palmeirense nunca mais vai esquecer, ser campeão em cima da gambazada.

Não é nem preocupação, mas o que não pode ocorrer, nem pho.dend.o, é o Palmeiras levar um gol nos primeiros minutos de jogo. Aí a pressão muda de lado.

Gustavo, já pode comprar o arsenal de bombas, já comprei 3 caixas de rojão.
Da lhe Dá lhe porco, seremos campeões, mais uma vez.

Concordo com o Gustavo. Já ouvi até um papo de “vingar 1974” (o Morumbi naquele dia tinha praticamente “torcida única”, e o time campeão fez a festa quase em silêncio), e todas aquelas conversas fiadas que a Imprensa joga no ventilador nessas ocasiões. A vantagem de 1×0 precisa ser encarada apenas de maneira decorativa, eles continuam sem obrigação alguma e a responsabilidade é toda nossa.

Eu dei até risada no pênalti que eles inventaram. Arrumaram uma Câmera pra tentar provar que foi mão
dentro da área. Emissora ridícula. Pior que o PCO deve comentar o jogo domingo. Se sou o Presidente do clube não deixava esse árbitro desonesto entrar no estádio.

A mamãe protegendo o filhote no no ninho.
O Palmeiras indo pra Esporte Interativo, vai atrair mais patrocinadores , vai quebrar a emissora câncer.

Perfeito…. Vão narrar o jogo dos estúdios? Bandos de picaretas, torcem na cara dura.

Final do campeonato mineiro. Primeiro tempo 3×0 pro Galo com 3 participações decisivas do Aedes Egídio kkk….e depois é a torcida do Palmeiras que é chata demais, pega demais no pé dos caras e tal…

Não acompanhei nada de futebol hoje, só estou vendo os resultados agora. O Paulistinha ainda não está decidido, todos nós sabemos disso, mas é impressionante como alguns dos nossos atuais “rivais” ao título do Brasileirão deste ano (Cruzeiro e Flamengo) estão se estrepando na hora da verdade. O Palmeiras precisa aproveitar o embalo, principalmente se o título estadual vier, e fazer nas doze primeiras rodadas do campeonato o máximo possível de pontos (poupar time só se for inevitável, e jamais entrar só com reservas, como a partida contra o São Caetano já mostrou). Acredito que neste ano o desempenho nesse período da competição vai determinar o campeão.

Esses jogos antes da Copa serão fundamentais e a metemática todos sabem: média de 2 pontos por jogo leva à conquista do campeonato. Então teremos de ter em torno de 24 pontos após os 12 jogos, ou pouco mais, pouco menos.

Dá pra fazer mais que 24 pontos. Aliás, se quiser fazer a diferença na tabela, deve. Os jogos mais complicados desse período serão Atlético PR, SCCP, Cruzeiro, Grêmio (todos fora) e Flamengo (em casa). Todo ano é um oba-oba de “melhor elenco do país” e ficamos devendo. Passou da hora do Palmeiras se impor como time que ganha jogos grandes fora de casa também, sem que para isso precise enfrentar equipes reservas.

O que dizer do narrador da sport TV que usa o microfone pra bosteja e torcer na cara dura pro curintia , esse Milton gamba leite sempre que ouve falta a favor da escória , soltava essa ” O Marcos Rocha tem licença pra bater, o Thiago Santos idem ” e o Gabriel que era pra ter sido expulso, que fez 4 faltas violentas pra ganhar um amarelo, e a linha imaginária que inventaram pra falar que foi pênalti do Antônio Carlos, na Espn , mostrou claramente que foi fora da área.
A RGT vai fazer de tudo pra prejudicar o Palmeiras, com o acerto do Verdão com a EI , vai atrair os patrocinadores, que vão investir onde haja profissionalismo, não picaretagem e favorecimento pra 1 time .

Os comentários estão desativados.