Libertadores 2018 Palmeiras 1×1 Boca Juniors: empate amargo

 

O Palmeiras empatou com  o Boca no Allianz Parque. 1×1. Keno marcou para o Palmeiras.

Foi uma partida fraca, com poucos lances de perigo. O time do Palmeiras parecia ainda de ressaca pela final do Paulista. Bem marcado pelos argentinos, não conseguiu criar muitas chances de gol.

Lucas Lima no 1o tempo – no final – teve boa chance e chutou para fora. No 2o tempo Roger Machado colocou William, Moisés e Guerra. O meia venezuelano deu mais velocidade ao Palmeiras e saiu dele o gol de Keno aos 44 do 2o tempo. Mas na sequência a defesa do Verdão falha e Tevez empata.

Castigo aos quase 38 mil torcedores do Verdão no Allianz.

Saudações Alviverdes!

 

149 Comments Added

Join Discussion
  1. lito 13/04/2018 | Responder

    Cadê o Scarpa??? Cadê os dois zagueiros??? Cadê o atacante??? Cadê o presidente??
    Cadê o técnico??? Segunda-feira vamos enfrentar Alberto Valentin, com essa anemia que o time vem jogando, não sei não. Se o Lucas Lima não vem jogando bem, o culpado é o estagiário 2, que manda ele marcar. Ele é jogador de criação. Volta logo Paulo Nobre.

  2. lito 13/04/2018 | Responder

    Os bambis estão contratando um bom atacante, o Ewerton do Flamengo. Taí um atacante que servia muito bem para nós. Enquanto isso não temos zagueiros, falta um atacante, um técnico e um presidente. Fora estagiário 2!!!

  3. Renato 13/04/2018 | Responder

    Gostaria de ver uma mudança no gol do Palmeiras.
    Weverton no lugar do Jailson.
    Está na hora.

  4. Jango 12/04/2018 | Responder

    O Roger Machado testou LL-Moisés e Moisés-Guerra. Seria bom testar agora LL-Guerra desde o começo.

    Aliás, falta um cara na comissão técnica pra pilhar o LL, esse cara está sem vontade alguma. Mesma coisa o Dudu.

    • Philipe Frois 12/04/2018 | Responder

      Sempre fui a favor do bom e velho 4-4-2…com dois volantes , dois meias e dois atacantes. Esse negócio de jogar com três atacantes virou moda no mundo inteiro, tem muito time q tenta fazer e se estrepa. Agora, como foi q o Zidane acertou o Real Madrid? Foi colocando o Casemiro e botando o Balle no banco, as últimas conquistas do Madrid foi com Casemiro, kross, modric e Isco, Benzema e CR7. Qdo jogava com o trio BBC apanhava de todo mundo, depois q preencheu o meio campo equilibrou o time e venceu só 3 Champions. Óbvio q não estou comparando a qualidade dos jogadores q é um absurdo mas estou querendo dizer desde o ano passado q já passou da hora de mudar o esquema tático, nossos jogadores de ponta não sabem marcar, nossos laterais são melhores no apoio do q na defesa, é uma bu.rr.i.ce jogar com 3 atacantes! Jaílson, Marcos Rocha, Dracena, Thiago Martins e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique, Moisés e guerra; Keno e Borja. Este seria meu time pra estrear no campeonato brasileiro contra o Botafogo, acredito q ate o Lucas Lima depois cresceria de produtividade nesse esquema onde ele não tem q se preocupar tanto na marcação. Tem q jogar Felipe Melo, Bruno Henrique e Moises no meio, isso pra mim está claro, quem será o homem de armação aí depende de Lucas ou guerra brigarem pela posição.

      • Thom 13/04/2018 | Responder

        Concordo com você. Mas pra isso precisaríamos de um meia rápido, e não dois lentos.

        Talvez o Dudu ou o Scarpa jogando pelo meio funcione.

        • Philipe Frois 13/04/2018 | Responder

          O Lucas Lima seria uma meia rápido se fosse mais profissional, ja o guerra , esquece, o estilo dele é esse mesmo, sabe jogar , tem visão de jogo mas é muito lento e vive com problemas físicos.

  5. João 12/04/2018 | Responder

    Não sei porque palmerense tem essa tara pelo Felipão. É um técnico mais ultrapassado que o Luxemburgo.

    Roger Machado, Abel Braga ou Alberto Valentim são os melhores pro Palmeiras com esse elenco.

  6. Renato 12/04/2018 | Responder

    Alguém assistindo agora , o Fox Sports?
    A batata do Roger Machado está assando lá no Palmeiras.
    Conselheiros estão fazendo pressão e querem Felipão no lugar.

    • Milton Burrao 12/04/2018 | Responder

      Um dos melhores treinadores, na mesma linha do Tite e Europa é o Fernando Diniz, quem com meia duzia de jogadores regulares aos poucos tá formatando um belo time do ACP

    • Matheus 13/04/2018 | Responder

      A melhor ideia é , trocar de técnico a cada 4 meses. Padrão Europa.

  7. LGO 12/04/2018 | Responder

    Faltou o
    5. Alexandre Mattos entender as deficiências ( zaga ) e corrigi-las, e aumentar as cobranças sobre técnico e jogadores, já que o Galliote é um peso morto…

  8. LGO 12/04/2018 | Responder

    Pessoal
    Se tivéssemos ganho domingo, mesmo que nos pênaltis estariam todos falando que o time é maravilhoso.
    De fato tem muita coisa para corrigir, mas o time é bom e vai nos dar alegrias. Não adianta criticar a tudo e a todos que isso só faz mal ao time e desagrega a torcida.
    Segue aqui as ações que julgo ser suficiente para nosso bom time:

    1. Lucas Lima é bom jogador, mas não dá para aguentar o descaso. Ele precisa ir pro banco urgente e resolver logo o assunto do Scarpa para colocar no lugar dele.
    2. Contratar urgente dois zagueiros bons e experientes ( de 28 a 30 anos ), ou pelo menos um. O Antônio Carlos ainda tem salvação, pois vinha bem, desde que com um bom zagueiro ao lado.
    3. Realmente trocar o quanto antes o Roger Machado. Me parece ser conhecedor e boa pessoa, mas jogador brasileiro só funciona se estiver extremamente motivado, e nenhum deles é profissional. Ou motiva com ações ou com porrada e o Roger não consegue fazer isso.
    4. A torcida tem que fazer a sua parte. Vou em todos os jogos no Allianz e alguns fora. Dizer que lotar como lotamos ontem é suficiente acho pouco. Já no primeiro tempo tinha mais vaia do que apoio. E apoiar não só gritar ou deixar de vaiar, e sim parar de falar mal e ter pensamento positivo. Tudo isso estou falando em relação ao Borja que é um bom jogador e que a torcida não gosta desde seus primeiros jogos.

  9. XXXD.G.XXX 12/04/2018 | Responder

    Nada ta tudo certo. Daqui dois anos ganhamos o paulistao 2018 nos tribunais, aquele que foi perdido em campo. Mas é claro, o futebol ta de primeira, diretoria ficou um ano falando do juiz e a torcida só pensa nisso. Agora o futebolzinho contra o santos e contra o corinthians ficou em terceiro plano. Parece que ontem a torcida abriu um olho. quem sabe na décima rodada do brasileiro abre o outro.

  10. Philipe Frois 12/04/2018 | Responder

    Já passou da hora de Lucas Lima e Dudu darem uma sentadinha no banco né. Dudu é esforçado, é raçudo e tal mas faz 1 ano que erra tudo o que tenta e o Lucas Lima , meu Deus, acho q ta se afogando na cachaça pq não consegue correr, não tem força pra chutar e perde todas contra os volantes adversários no meio campo. Já na zaga, sinceramente nem sei o que fazer, talvez colocar o Dracena , mas se trata de um praticamente ex jogador em atividade, é mais fácil ele entrar e perder na corrida pra qualquer atacante . No próximo jogo seria bom entrar com guerra no lugar do Lucas Lima, ataque com William, Keno e Borja ( não tem outro ), e na zaga sei lá, se der tempo de contratar um e já botar pra jogar que seja, senão faz qualquer coisa q vai dar na mesma.

  11. Cassio 12/04/2018 | Responder

    Só pra constar acho o Antonio Carlos e o Thiago Martins bons zagueiros. Apenas são jovens, precisam ser corrigidos, reposicionados, melhor protegidos.E o Roger não vem conseguindo fazer isso. O Marcos Rocha é bom lateral mas deixa um buraco gigante nas costas dele, que em geral estouro no Antonio Carlos. Todo treinador míope vê isso e explora. Mas o Roger ainda não entendeu que pra jogar com essa formação tem que proteger melhor a defesa e mudar a forma de jogar. Tirar o Lucas Lima que tem se arrastado em campo. O Borja correu por dois jogos e depois voltou a ser o caneludo cansado. O Corinthians joga o óbvio desde o ano passado. Como um sanfona. Se aproxima todo sem a bola,e mesmo com a bola troca passes próximos para evitar o erro. Quando enxerga um espaço já tem as peças certas e se abre pra enfiar a bola nos vazios deixados ou fazer triangulações com os meias, laterais e volantes infiltrando. Com os jogadores que tem. Por isso, questiono tanto o Roger, ele tem mais opções, é um mestre na teoria, mas na prática, é feio ver o Palmeiras jogar. Desorganizado.

    • Acho que o Antônio Carlos, do lado de um Mina, serve perfeitamente. Mas o Thiago Martins, esse não tem jeito, nunca demonstrou potêncial em lugar algum. Depois de trocentos jogos de titular, continua nervoso, descuidado, faz ca.gad.a… nunca jogou coisa alguma em lugar nenhum… potêncial nele, não vejo.

    • Thom 13/04/2018 | Responder

      Discordo levemente. Acho que tanto Thiago Martins quanto Antônio Carlos seriam muito bons ao lado de um zagueiraço. Mas um ao lado do outro, funciona algumas vezes, mas acontecem erros outras algumas vezes. Fica dificil.

      Mesma coisa o ataque. Borja, Dudu e Keno jogariam monstruosidades ao lado de um craque em qualquer uma das 3 posições.

      Na minha opinião, traz um centroavante alto e goleador. Craque. Abre a mão e traz.

      É um zagueiro nível “injustiçado que não vai pra seleção” já estaria ótimo.

      Na minha opinião, o elenco perfeito pro Brasil é quando tem 3 craques e 8 bons jogadores. No meio, temos Felipe Melo. (Melhor seria ter um craque camisa 10, mas ok). Um zagueiro e um atacante e resolve a maioria dos nossos problemas.

      Não temos um time ruim, mas como já bem disse o Gustavo uma vez, não temos ninguém que, sozinho, pode desiquilibrar uma partida. Falta isso.

  12. Cassio 12/04/2018 | Responder

    Roger ainda é um grande teórico. E treinadores assim tem que conseguir implantar um esquema tático quase infalível. Não é o caso. Nesse momento o Palmeiras precisa não apenas corrigir o óbvio que é o lado direito da defesa, tirar o Lucas Lima, e etc. Precisa de um treinador que chacoalhe o time e mantenha o time focado e correndo o tempo todo. Contra o SP o time jogou aquilo tudo porque estava mordido. Não foi o treinador que pilhou o time. Infelizmente, não acho que é o momento do Roger no Palmeiras. Ele vai continuar fazendo as mesmas coisas. O Palmeiras vai continuar batendo nos bebados e falhando nas principais fases. E aí o time entre em crise até o fim do ano. Ou troca agora, o será tarde demais.

  13. lito 12/04/2018 | Responder

    Está na hora do A Mattos acordar. Caramba em três jogos, o Palmeiras teve um lucro de 11 milhões. Será que não dá para trazer dois zagueiros de ponta?? E mais um atacante?? E principalmente um técnico e um presidente de verdade? Com esse estagiário com seus zagueiros, e seu esquema não vamos ganhar nada. Nas suas entrevistas o estagiário 2 só fala de equilíbrio. Ainda somos objeto de gozação dos gambás, com o supertime que tem. Só que o técnico deles faz diferença. Traz o Abelão!!! Cadê o Scarpa?

  14. Wagner 12/04/2018 | Responder

    Fez o gol e relaxou. Pensaram que o jogo tivesse acabado.
    Há problemas, mas creio que este time ainda vai melhorar.
    Saudações Palestrinas

  15. João Cornetta 12/04/2018 | Responder

    Roger até melhorou o padrão de jogo, mas não progrediu em absolutamente nada nas questões que nos atormentaram em 2017. A falta de frieza para lidar com a adversidade e a ausência total de mentalidade vencedora ainda salta aos olhos. A queda de rendimento de jogadores como Antônio Carlos, Lucas Lima, Dudu e Borja em jogos parelhos e decisivos é assustadora. Ou seja, o aspecto emocional/psicológico, no qual Luxa e Felipão eram mestres e Carille (pqp) parece ter incorporado, aparenta ser uma coisa completamente desconhecida para Roger.

  16. lito 12/04/2018 | Responder

    Jailsão da massa, guarde bem a camisa do Tevez com você.

  17. lito 12/04/2018 | Responder

    Fora estagiário 2, você está matando o Lucas Lima, e aproveita leva os dois zagueiros juntos com você.E Você Mattos, traga zagueiro para o Palmeiras. Volta Paulo Nobre.

  18. lito 12/04/2018 | Responder

    Hoje para o Palmeiras seria Mano Menezes, Abel Braga. Quem sabe o Cuca de 2016?

  19. lito 12/04/2018 | Responder

    Faz tempo que venho dizendo, não temos zagueiro. O pior de tudo é que o estagiário 2 não faz nada. Coloca o Dracena. E o Emerson, porque não joga. O Mattos deve estar brincando. Perdemos o MIna e o V Hugo e ficamos com dois zagueiros horríveis, que seriam dispensados.
    Precisamos ainda de um atacante e principalmente do Scarpa, para deixar o L Lima um pouco no banco. Apesar que eu acho que no esquema do estagiário 2, está matando o futebol dele. O pior é que segunda é contra o time do Valentin, sei não. Antonio Carlos por favor, peça o boné e leva o estagiário 2 com você. Zaga horrível.

  20. Não acho que o problema seja o Roger. O problema é que nosso ataque é ruim, e nossa defesa também. O meio de campo é muito bom: apoia a defesa, nossos bons volantes, diminuindo o número de gols tomados, enganando a todos que a dupla de zaga eh que eh boa, e municia bem o ataque, fazendo com que peladeiros caneludos façam gols, fazendo o ataque parecer bom. Ou seja, temos 1 terço de bom time. Por isso os resultados não vem. Com uma dupla de zaga realmente boa, já seríamos campeões. Com uma dupla de zaga boa, e um ou dois atacantes de primeira linha, seríamos quase imbatíveis no Brasil.

    Detalhe: sabem pq o Dudu não acerta um bendito cruzamento ou passe pra área? Ele bate de cabeça baixa, ele literalmente joga a bola na área e reza para chegar em alguém de verde. Esse é o tipo de craque que idolatramos no Brasil hoje…

    • João 12/04/2018 | Responder

      Concordo. Nosso meio campo e laterais são os melhores mesmo.
      Zaga é horrível e ataque só precisa de um centroavante, porque os outros atacantes são bons. Borja é muito caneludo.

      • Felippe 12/04/2018 | Responder

        Pode por CR7 de centroavante a bola não chega.

    • Gustavo Aroni 12/04/2018 | Responder

      Concordo, principalmente na parte do Dudu, e dentro dessa fatia de ⅓ de bom time, os volantes são (ou estão) dez vezes melhores que os meias.

    • mario luiz 12/04/2018 | Responder

      Nossos problemas são culpa do Roger sim, pois ele insiste com Antônio Carlos e Thiago Martins na zaga, sendo que o Dracena já foi liberado pelo DM faz tempo. Quanto ao meio de campo, enquanto ele insistir com o Moisés, continuaremos na mesma, ontem o Guerra mostrou que pode ser muito mais útil do que ele (só o Roger não vê isso), já em relação ao ataque, acredito que não fazemos mais gols por erros de finalizações, algo que deveria ser treinador e corrigido pelo Roger, e pelo geito não está sendo. Moral da história: Roger parece um treinador promissor, mas ainda não está pronto para segurar a bucha que é treinar e comandar o Verdão.

  21. Reynaldo Zanon 12/04/2018 | Responder

    Acho que o Roger não está conseguindo extrair todo o potencial do elenco. Este time não tem cara de campeão. Nunca fui a favor de sua contratação. É melhor mudar já antes dos mata-matas da Libertadores e Copa do Brasil, ou antes de ficarmos muito para trás no Brasileiro.

  22. Philipe Frois 12/04/2018 | Responder

    Acho o RM um bom técnico, torço pra ele conseguir vencer no Palmeiras pq o acho um conhecedor de tática, um cara educado e um cara q realmente entende de futebol. Porém tbm acho q ele tem um defeito grave. Ele se apega muito no aspecto tático , na parte didática do jogo e esquece de participar da partida com os jogadores. Esse perfil dele daria certo na Inglaterra ou na Alemanha com jogadores inteligentes que conseguem ler a partida dentro de campo mas aqui no Brasil os jogadores além de fracos tecnicamente , são bu.rr.os tbm. Os gols q tomamos contra Corinthians e boca foi de pura burrice. Um foi com 1 minuto de jogo, nossos jogadores entraram dormindo numa final de campeonato contra nosso maior rival e o outro foi numa libertadores aos 46 do segundo tempo depois de muito esforço pra abrir o placar aos 44. Um treinador mais enérgico e participativo não deixaria isso acontecer, pois estaria na beira do gramado gritando feito um louco com os jogadores , avisando q faltava 1 minuto pro fim e era pra ter atenção total, era pra voltar todo mundo e segurar o resultado, mas o Roger fica lá sentado no banco com a mão no queixo pensando que sua prancheta é o suficiente pra ganhar jogos grandes como os de domingo passado e o de hj. Acho q se ele não mudar esse jeito dele jamais se tornará um grande treinador.

  23. Trocar o RM acho precipitado. Mesmo porque nos dois últimos resultados ruins tivemos duas falhas individuais do mesmo jogador que comprometeram muito. Tem que dar um banco no Antônio Carlos e no Lucas Lima. Agora, se o RM insistir no erro, fica complicado. É ruim queimar um jogador, mas será que o Antônio Carlos não aguenta o peso da camisa?

  24. Paulão 12/04/2018 | Responder

    Acho que demitir treinador só em último caso, mas se nosso professor escalar esse tal de António Carlos no próximo jogo tem que mandar embora na hora, antes mesmo do jogo começar. Time todo merece críticas, mas esse cara entregou um gol domingo e outro hoje, um título e uma classificação antecipada jogados no lixo.

  25. Cássio 12/04/2018 | Responder

    Assistindo as coletivas pós jogo, tirando o Felipe Mello, parece que o Roger e os jogadores estão passando por uma epidemia depressiva. Repito, Abel nunca esteve tão suscetível a sair do Fluminense. Não é um mestre da estratégia mas é um treinador daqueles que tira leite de pedra, peita até a torcida pra defender os jogadores. Muda a cara do Palmeiras em decisões em um mês.

  26. Jango 12/04/2018 | Responder

    O Guerra precisa estar em campo desde o início. Moisés não é mais o mesmo. Lucas Lima precisa de mais algumas chances, se ele não corresponder, entra Moisés.

    Borja é muito ruim. Caneludo que dá dó. Contrata outro centroavante que ele já deu.

    Precisamos de um zagueiro bom urgentemente. Tinha que ter contratado o Pablo, falava isso direto no começo do ano.

    Roger Machado precisa ser mais interativo com o time, não ficar sentado no banco de reservas. Tem muita opção de jogadores, entendo que é difícil, mas é trabalho dele. E lógico, mexer melhor, mas hoje já mexeu bem melhor.

  27. Cássio 12/04/2018 | Responder

    Felipe Mello pra dar entrevista tem mais inteligência e jogo de cintura que o Roger. Nem acredito que estou falando isso. Kkkk

  28. Cássio 12/04/2018 | Responder

    A diretoria confia tanto no Roger que botou o Felipe Mello do lado dele na coletiva pra dar mais brios as respostas. O Roger fala taticamente brilhante. Parece uma aula. Mad na prática não sai.

  29. Cássio 12/04/2018 | Responder

    E o Roger tá orgulhoso do time . Só ele. Põe o Felipe Mello de técnico. Tem mais brios.rsrs

  30. Cássio 12/04/2018 | Responder

    1.Abel tá furioso com a Torcida do Fluminense.
    2. As entrevistas do pós jogo mostram, os jogadores estão psicólogicamente destroçados depois do que aconteceu domingo. O Roger vai ter que ser mágico pra recuperar a cabeça dos caras.

    3. O Abel nunca esteve tão fora do Fluminense, se não for agora não vai mais.

  31. Sem deixar de reivindicar os direitos do clube, está na hora de fazer observações mais aprofundadas a respeito do desempenho do time e de alguns profissionais. Farei aqui uma breve lista de pessoas que precisam ser mais cobradas:

    Lucas Lima

    Antônio Carlos e principalmente Thiago Martins

    Roger Machado e a sua teimosia com determinados jogadores e um esquema tático pra lá de batido

    Os psicólogos do clube que acompanham os jogadores, já que esse time demonstra uma séria instabilidade emocional nos momentos decisivos

    Alexandre Mattos, precisa contratar urgentemente um zagueiro de nível para o segundo semestre e ter mais pulso firme para cobrar resultados.

  32. Cássio 12/04/2018 | Responder

    O Roger será um grande treinador mas vai levar tempo. A torcida do Palmeiras está disposta a esperar? O Carille deu sorte, ganhou o Paulista passado e montou um time letal com o que tem na mão. Fez o Jo ser indispensável. Ou seja não precisou de anos pra dar cara e ter resultados táticos e técnicos em um ano. Fez o Romero ser útil.

  33. Ricardo Gogel 12/04/2018 | Responder

    1 x 0, aos 44 do segundo tempo. O que os jogadores têm que enfiar na cabeça deles?
    NINGUÉM mais vai passar por aqui… Se passar, vou no meio do cara! Vou ser expulso? Dane-se! Falta experiência. Falta técnico que esteja na beira do campo, berrando, enchendo o saco do juiz, chamando o jogo para a beira do campo.

    • Zek 12/04/2018 | Responder

      Falta inteligencia, aos 44 segura a bola, cai, mas é um nervosismo, uma falta de maturidade…

    • Philipe Frois 12/04/2018 | Responder

      Modéstia a parte , acho q eu utilizo a palavra mais apropriada pra esse time: Cabaços! É um time de Cabaços!

  34. Cássio 11/04/2018 | Responder

    Tem elenco pra ter variação tática, não depender de um centroavante que corre quando quer. De um meia que saiu do Santos e anda em Campo. As peças são muito boas, mas nitidamente o Roger não tem o grupo na mão. Todo jogo grande o Palmeiras negou fogo. É preciso um treinador que não só conheça de tática mas saiba controlar o grupo caro do Palmeiras. É duro constatar mas até o Roger se achar, vamos talvez brigar pela Copa do Brasil. Insistir com o Lucas Lima e não dar chances ao Guerra. A minha opinião sobre um novo treinador… do que tem no mercado tem que ter um baita fator psicológica e dê alma, cara e pegada a esse time. Adoraria dizer que precisamos de novos técnicos, novas cabeças, mas já tentamos isso nos últimos 3 anos. Eduardo Batista, Roger e Marcelo Oliveira que ganhou a Copa do Brasil graças ao Prass. Abel não sai do Fluminense. Renato idem. Fica se perdeu. Mano Menezes não sai do Cruzeiro. Me xinguem a vontade. O Felipão ganhou uma Copa do Brasil com M.Assuncao batendo falta é Betinho de centroavante. E com um presidente que dispensa comentários. Com uma gestão profissional, elenco é esse estádio eu traria amanhã.

    • Paulão 12/04/2018 | Responder

      O felipao do rebaixamento de 2012 ou o do 7×1 de 2014? O de 1999 não vale, esse já não existe faz tempo…

  35. Zek 11/04/2018 | Responder

    Nosso problema, vai além da arbitragem, defesa fraca, meio campo sem criação e lateral que não marca…

  36. Daniel 11/04/2018 | Responder

    Time que dá sono. Não cria uma chance de gol. Zaga ridicula. Vou dormir pq esse time não vale o comentário. RM é um EB, o retorno do estagiário. Não dá nem vontade mais de assistir a esse rime.

  37. Philipe Frois 11/04/2018 | Responder

    Cara, como um diretor q é responsável por montar o time tem a ambição de ganhar uma libertadores com uma dupla de zaga formada por Antônio Carlos e Thiago Martins???? E o pior é q no banco tem Luan , Juninho e Dracena com 36 anos. Não tenho coragem de culpar o Roger, a culpa é todinha do Alexandre Matos . Nosso elenco é uma grande mentira. Nossa zaga é fraquíssima , nosso meio é razoável e nosso ataque é meia boca . Nossos laterais são razoáveis tbm, nada além disso. Não conseguimos vencer nem paulistinha e tem gente q sonha com libertadores ainda. É muito amadorismo!

Leave Your Reply