Libertadores 2018 Alianza Lima 1×3 Palmeiras: em ritmo de treino

 

O Palmeiras ganhou do Alianza Lima por 3×1 em Lima e garantiu a liderança do grupo com 13 pontos. 3×1.

Foi um jogo em ritmo de treino. Com quase todo o time reserva o Palmeiras – Jailson e Borja eram os representantes dos titulares dentre os 11 – o time de Roger Machado jogou solto, sem pressão. William, Hyoran e Borja marcaram os gols.

O time do Alianza é fraco? É! Mas é nessa hora que vemos a força do elenco. Os jogadores reservas jogaram com tranquilidade e se tivessem maior capricho na finalização a goleada seria inevitável.

Agora é dar foco no Brasileiro. E deixar para a última rodada para garantir a liderança geral da Libertadores. Ou para entrar com os reservas do reservas… para desespero do Boca que vai ter que torcer pro Palmeiras tirar pontos do Junior Barranquilla.

Saudações Alviverdes!

103 Comments Added

Join Discussion
  1. Jango 06/05/2018 | Responder

    E mais uma vez o cenário do último confronto do ano passado e do Paulistão vai se repetindo. Um Corinthians a beira da crise, um Palmeiras embalado e um confronto marcado daqui 1 semana.

    Tem que entrar com raiva, concentrado e matar o jogo ainda no primeiro tempo.

    • Pensei o mesmo. Roteiro de filme adolescente de terror, a mesma história com final previsível. Ou será que não? Será que nossos treinadores precisam tomar aula comVágner Mancini (treinador medíocre e com recordes de participações em campanhas de rebaixamento) sobre como enfrentar os gambás no campo deles seguidamente sem sofrer derrotas? Pra muitos será só mais um clássico, pra nós será a hora da verdade.

  2. Reynaldo Zanon 05/05/2018 | Responder

    O presidente tem de ir até as últimas consequências sim. O time da bandidagem – fazendo jus à sua história – foi favorecido com a interferência externa e isso é inadmissível! Eles ganharam muitas taças na base da picaretagem e se ninguém nunca fizer nada, continuarão ganhando. Chega! Na política o Brasil já mudou bastante, agora é a hora de moralizar o futebol, exigir o VAR nos campeonatos – que vai aposentar finalmente o maior jogador da história do SCCP, o Apito Amigo -, defender a lisura nas partidas e ser intransigente com a pilantragem tão corintiana. E é o Palmeiras o clube que vai liderar essa transformação. Avanti Galiotte!

  3. Jango 05/05/2018 | Responder

    Vasco perdendo para o América-MG.
    Não se pode subestimar nenhum jogo em competições por pontos corridos.

  4. Felippe 05/05/2018 | Responder

    Sobre o campeonato Paulista de 2018, o Palmeiras perdeu na bola e ponto final. Se tivéssemos um presidente que assumisse seus erros nada disso tinha acontecido. Muitos clubes em todo o mundo foram prejudicados pela arbitragem mas nenhum chegou ao ponto de ir até aos últimos tribunais. Tudo que essa diretoria esta fazendo, esta indo contra o Palmeiras e sua torcida. A diretoria esta nos colocando numa guerra já perdida, ou alguém acha que a mídia esta preocupada se o Palmeiras vai jogar o campeonato Paulista com o time titular? Temos que aceitar as regras do jogo e tentar ganhar alguma vantagem. Nossa diretoria é fraca e joga nas costas da mídia e federações seu fracasso. Se não pode vencer, junte-se a eles. Espero ter ajudado.

    • Marcio 05/05/2018 | Responder

      Se existe dúvida sobre interferência externa e se interferência externa é proibido, tudo que o Palmeiras está fazendo é buscar a elucidação dos fatos e os seus direitos. Tenho muito orgulho da postura da diretoria e de boa parte da torcida que entende que o que ocorre no futebol brasileiro e mundial não pode continuar acontecendo.

    • Que perdeu na bola, nunca tive dúvidas. Fizemos um gol no 5º minuto de 180 dispu.tados contra um time absolutamente limitado (embora muito mais organizado e ciente de seu potencial que o nosso) e depois disso o goleiro adversário mal foi incomodado. Porém, as regras do jogo foram violadas, e mais uma vez a grande mídia quer fazer tudo passar batido porque acabaram “cometendo” um acerto por vias erradas. Ser campeão com gol impedido e pênalti duvidoso em partida crucial do campeonato vale porque são “erros de jogo”? Fazer gol de mão e por causa dele ser artilheiro de campeonato pode porque “faz parte do processo”? Não quero favorecimentos, aliás não quero nem taça de paulistinha nem nova partida (perder seria um vexame cem vezes maior), quero apenas regras iguais para todos, em todas as competições e sempre, pois a partir daí vence o critério “competência de cada um”.

  5. Jango 05/05/2018 | Responder

    Vamos acreditar nesse time e continuar cobrando os jogadores, o técnico e o Mattos. Temos potencial de ganhar algum título importante esse ano.

    • Eu não acredito mais “100%” que nem acreditava, que esse time tem um potencial latente, não explorado. Começo a acreditar que todos já estão executando seu melhor, e isso tem sido insuficiente. Agora, sinto apenas uma desconfiança, que ainda possa haver um potencial a ser extraído, mas não sinto convicção.

      • Vou acreditar se sairmos de Itaquera no próximo domingo com os calções brancos (ou sujos de grama, que seja) e não marrons, pois em duas ocasiões neste 2018 (e estamos apenas no início de maio) a maioria da torcida caiu no conto do “entreguem as taças” justamente até perdermos dois Dérbis, e depois deles praticamente precisamos “recomeçar do zero”. Potencial existe e vontade não falta, mas Alianza Lima não é referência pra nada no futebol de hoje.

  6. LGO 05/05/2018 | Responder

    Pessoal não quero voltar ao assunto Simon, porque isso me revolta muito!!!
    Mas não aguento!!!!
    Algumas coisas tem que ser ditas!!!!
    Apesar de muitos pontos perdidos de forma ridícula o título foi sim nos tirado por esse safado do Simon! Contra fatos não há argumento!!!!
    Se tivéssemos ganho 3 pontos contra o Fluminense simplesmente não perderíamos a liderança em nenhum momento até a última rodada.
    Se chegássemos na última rodada dependo de uma vitória simples contra o Botafogo, que brigava para não cair, para ser campeão seria outra história!
    Sem contar que se não perdêssemos a liderança provavelmente não teríamos desestabilizado tanto e talvez chegássemos já campeão nessa rodada…
    O jogo com o Flamengo de fato não deveríamos perder, mas o gol do Pet foi no fim do jogo e já estava 1×0 para eles!!!
    Portanto não tem como não afirmar que o Simon nos tirou esse título! Os que achavam diferente depois desse meu relato histórico tenho certeza que concordarão comigo!!!!

  7. adilson sartori 04/05/2018 | Responder

    o TJD (TAMO JUNTO DUALIB) julgou improcedente a ação de interferência externa alegando prescrição..assim fica mais facil, pois julgando o merito seria dificil dizer que nao houve nada.

    • Ivan da mooca 04/05/2018 | Responder

      mas com mais essa negativa em acolher a denuncia , mais uma vez quem sairá perdendo será a FPF, pois provado que houve interferência já esta e terão que enfiar a cara na b…..a……….e a FPF virou uma panela de uma turma e os clubes que foram os fundadores perderam a força…..

  8. Felipe 04/05/2018 | Responder

    nota-se que nossos jogadores não conseguem trocar mais que 2 ou 3 passes e a bola passa a queimar, talvez um intensivão “a la fernando diniz” aumentaria ainda mais o tempo de bola ou então que nossos atletas levem a bola para casa para a famosa decoreba…………..

    • Eu não ligo que o time dê só 2, 3 passes, desde que o faça com simplicidade e objetividade, buscando o ataque sempre. Melhor do que trocar 20 passes de lado (como o time vem fazendo). Agora, claro que a situação ideal, seria trocar bastante passes, desse jeito que eu falei, com objetividade. Só estou em dúvidas, agora, se esses jogadores são capazes disso ou se o Roger é capaz de extrair isso do time.

  9. Philipe Frois 04/05/2018 | Responder

    Sei que isso não ajuda em nada, mas ontem eu esqueci. Só pra não perder o costume: Pqp como esse Borja é grosso!

  10. E agora, se o Fluminense pedir o Hyoran como moeda de troca pelo Scarpa? Não sei se o Palmeiras deve liberar. O moleque foi bem em todas que entrou.

  11. Mario Galhardo 04/05/2018 | Responder

    Adversário fraco mas o time voou. Tche Tche e Thiago Santos voando em campo deram espaço para os avanços do Moisés. Preparo físico nesse momento deveria ser um critério para definir o time titular. Felipe Melo e Bruno Henrique estão desgastados. O time ontem tava leve e solto. Muito parecido com o time que ganhou do Oeste no Paulista, quando o time tb voou em campo e o scarpa se destacou. Diferente do jogo cadenciado do atual titular. Colocaria mais esse time para jogar. Aliás, não podemos esquecer que esse foi o meio campo em muitos jogos do BR 16 em que fomos campeões: thiago, tche tche e moises; na frete eram dudu, R. guedes e Jesus. Repetiria esse meio em algum dos próximos jogos com dudu, keno e borja (ou bigode) à frente para testar. Acho que seria infernal.

    • João 04/05/2018 | Responder

      Concordo. Só falta o RM enxergar isso.

  12. adilson sartori 04/05/2018 | Responder

    a saida do FM e LL fez o time ficar mais leve, ta certo que havia uma avenida no meio de campo, que os caras sao fracos, mas pode ser uma alternativa em jogos contra os “cearas” da vida.

  13. Danilo Peressim 04/05/2018 | Responder

    Parafraseando meu grade avô: “Futebol se vence no meio campo”. Thiago Santos, Tchê, Moisés e Hyoran dominaram a meiuca! Espero que essa formação seja mantida para os próximos jogos, pode até alternar os jogadores mas Lucas Lima precisa de alguém pra dividir o espaço, como foi ontem Moisés e Hyoran! Jogar com 3 atacantes e apenas um cara armando é um desperdicio gritante! Bora Roger, essa libertadores é nossa , cazzo!

  14. Renato 04/05/2018 | Responder

    Um excelente teste para esse time reserva/alternativo que jogou ontem é entrar em campo e enfrentar o atlético paranaense em Curitiba.
    Precisamos recuperar os pontos perdidos no campeonato brasileiro.
    4 pontos perdidos de 9 possíveis é muito.

  15. Manchete do Grobo Esprote:

    “À FRENTE DE TODOS

    Palmeiras vence o Alianza em Lima, garante a primeira colocação do grupo 8 e, por enquanto, tem o melhor aproveitamento da Libertadores”

    SE fosse o gambá:

    “Curica vence o Independiente, garante a primeira colocação do grupo 5 e, garante o melhor aproveitamento da Libertadores

Leave Your Reply