Brasileiro 2018 R13 Santos 1×1 Palmeiras: decepção

O Palmeiras empatou com o Santos no Pacaembu pela R13 no Brasileiro. 1×1.

Lucas Lima fez o gol do Palmeiras logo no começo da partida. Depois tomamos o empate no 2o tempo.

Era a hora da arrancada! Uma vitória faria o time permanecer no G6 mas diminuiria a diferença para o líder. O gol no início deu essa esperança ao palmeirense mais crente. E o time perdeu algumas chances no contra-ataque. Willian, Lucas Lima, Hyoran….

Mas o time não soube matar o jogo. E permitiu o crescimento do time santista. O gol deles saiu de uma falta onde duas rebatidas encontraram o jogador do lado de lá sozinho. A segunda na pequena área…. gol deles.

Ainda perdemos um gol inacreditável no final da partida.

Resultado decepcionante depois de um mês de espera…

Que venha o fim de semana e uma vitória sobre o Galo.

Saudações Alviverdes!

 

75 Comments Added

Join Discussion
  1. Felippe 20/07/2018 | Responder

    Vendo o jogo ontem: me deu uma dor enorme no coração quando L.Lima recebeu o 3º amarelo, coitado não vai ganhar 25 mil reais no domingo. A tristeza não acabou aí, meu coraçãozinho esta em lágrimas com os salários de 700 mil Dudu e 800 mil para um ex jogador chamado Felipe Melo, muito dó desses “atletas”. O maior culpado é sim a torcida, público ZEROOOOOOOOOOOOOOOOO, eles só entendem o bolso. A torcida se mobiliza ou……..

  2. Paraiba 20/07/2018 | Responder

    Diante do ceara ,o Hyoran de frente com o goleiro não matou o jogo , era 3 a 1 .
    Contra os mulambos o William perdeu um gol incrível, era 2 a 0 .
    Ontem, no último lance do jogo Jean chutou na trave, fora os gols perdidos no primeiro tempo.
    Falta de sorte e precipalmente pontaria.

    • A pontaria ruim revela mais falta de treino que de sorte, algo que deveria ser trabalhado no período da Copa, mas preferiram fazer três jogos contra o vento, a brisa e o orvalho na América Central os quais acrescentaram rigorosamente nada. O Palmeiras não perde apenas chances nas partidas, mas joga fora seu próprio planejamento, aí depois fica difícil.

      • Paraiba 20/07/2018 | Responder

        6 pontos perdidos que vão fazer fazer falta lá na frente. Fora o empate com o botafogo que o Thiago Martins e Felipe Melo vacilaram , empate com a chapecoense e derrota pras cadelas em casa.
        13 pontos garantidos que se foram vai fazer falta lá na frente.

  3. Reynaldo Zanon 20/07/2018 | Responder

    Em jogos fora de casa se percebe uma morosidade, falta de vontade, de gana de vencer os jogos. Por isso desperdiçamos muitos pontos (como contra o Ceará e o Santos, só para citar os mais recentes) que nos dariam hoje a liderança no campeonato. Com essa má vontade, principalmente em jogos como visitante, não há chances de ganhar o Brasileiro.

    • Mais um argumento válido mas com o qual não concordo totalmente. Não fomos capazes de matar o jogo contra o Flamengo e deixamos o Sport virar na nossa casa, isso sem falar no horroroso jogo contra a Chapecoense. Não acho que falte apenas vontade, mas ambição e competência pra liquidar as partida quando as oportunidades aparecem. Isso é responsabilidade dos jogadores que perdem as chances e do treinador que muda apenas quando só os chifres da vaca ainda não atolaram no brejo.

  4. lito 20/07/2018 | Responder

    Fora F Mello, Risadinha, A Carlos, Vovô Drascena, Deyv……., Galinhote etc. Cuca ou Abelão já!!!!

  5. Paulão 20/07/2018 | Responder

    E nosso querido professor teve mais uma vez a coragem de elogiar o time… eu acho que vivo em outro mundo, não é possível…

  6. Paulão 20/07/2018 | Responder

    Historicamente o Palmeiras sempre foi o time que não segura resultado, principalmente pros pequenos. Quantas milhares de vezes fizemos um gol e tomamos o empate nos minutos seguintes… agora, esse time atual ultrapassa todos os limites da indolência e da arrogância de achar que ganha o jogo quando quer!!! Será que nenhum desses vagab.undos assistiu a copa do mundo?

    • Pelo número de simulações que vi nesta semana de “volta ao show de horrores do futebol tupiniquim”, não apenas os nossos vagabundos como os dos demais times não viram p%*#a nenhuma de Copa…

  7. Philipe Frois 20/07/2018 | Responder

    Treinadores que eu aceitaria pra assumir agora: Abelão, C.uca ( desde que se livrassem do Felipe Mello por motivos óbvios e do deyverson pra não ter perigo do C.uca querer torná-lo titular rs ) e Luxemburgo. Dos 3 prefiro o Abelão , já fui muito fã do Luxa mas acho q a bolerada hoje não o respeita mais e o C.uca seria minha terceira opção. Bom, pelo que se pode notar não tem nenhum super técnico disponível no mercado mas é necessário fazer a mudança, com o RM não temos a menor chance nessa temporada. Com um fato novo no mínimo criamos uma expectativa maior.

    • Se for pra conseguir ganhar de Ceará e Chapecoense, talvez essa seja a estratégia adequada mesmo, afinal como a maioria se contenta com titica de pombo, vai que dá certo… Mas se for pra aproveitar, a médio e longo prazo e com alguma qualidade, a estrutura que foi montada e os recursos oferecidos pela patrocinadora enquanto eles existem, o ideal passa bem longe disso aí.

  8. lito 20/07/2018 | Responder

    Fora F Mello, Risadinha, A Carlos, Vovô Drascena, Deyv……., Galinhote etc.

  9. lito 20/07/2018 | Responder

    Vamos torcer para não cairmos. Aproveitando ei Mustaphá vai …..

  10. lito 20/07/2018 | Responder

    Enquanto Galinhote ficar preocupado com a reeleição (e não vai ganhar, porque não ganharemos nada com ele), enquanto Mattos trouxer estagiários para técnico como Eduardo Baptista, Risadinha, enquanto o Cuca e o Abelão estão dando sopa; enquanto tivermos esses zagueiros, F Mello, Deyvd….., estamos perdidos.
    Os bambis trouxeram um técnico que estava por ai, está dando certo, o Inter também e nós ficamos com esse Risadinha que é a verdadeira cara do fracasso.
    Não tem pulso, deixa os caras deitarem e rolarem. Mas se o Mattos o dispensar vai trazer com todo respeito Wagner Mancini, Péricles Chamusca etc.
    O único erro do P N foi deixar esse galinhote em seu lugar. Que frustração.
    Fora Risadinha, que venha Abelão ou o Cuca de volta. manda o F Mello para o Rio de Janeiro, junto com todos os zagueiros.

    • Não que eu seja fã do Gru, mas se ele não ganhar você imagina as opções que temos? Não que eu adore o Axe, mas se a solução é Abelão ou Cuca porque estão “por aí”, você imagina onde vamos parar? Tanto num caso como no outro, não dá pra botar “qualquer um” que esteja passando pela rua, foi por causa de pensamentos como esse que demos tantos vexames em boa parte dos últimos 42 anos.

      E sem muito trabalho dá pra fazer uma “listinha” dos erros cometidos pelo pi.lo.to de autorama, que ajudou demais quando não atrapalhou, algo que aliás, em se tratando dos presidentes da recente história palmeirense, é uma dádiva…

  11. Enrico 20/07/2018 | Responder

    Esse Rolando Lero tá tirando o sarro da nossa cara, não é possível…
    Sera que sou só eu que vejo que o Felipe Melo não faz nada no jogo inteiro?ele tem um bom passa e bons lançamentos, ok concordo, mas não marca ninguém, fica trotando pra frente e pra trás, depois que tomou amarelo então, onde estava a bola ele estava a 15 metros, uma vergonha!!!e o Rolando Lero tem medo de tirar ele, só sai quando pede…Fora RM

  12. Só vi os 20min. do primeiro tempo, abri o link 1 minuto antes do nosso gol, nesse tempo, achei o time bem (claro, no parâmetro “fim de feira” do futebol brasileiro atual), quando o jogo acabou, esperava abrir o site e ver uma vitória tranquila, mas não: a b.unda molisse ataca novamente, mas que time preguiçoso, meu deus… Acho que vou aproveitar que estou do outro lado do planeta, e tentar desgarrar desses vícios idiotas que a gente tem no Brasil. Futebol anda um pé no saco…

  13. Philipe Frois 20/07/2018 | Responder

    Esse time é a imagem e semelhança do seu presidente: incompetente e bunda mole. Tecnicamente não vejo o Palmeiras abaixo dos outros times grandes até pq o negócio tá feio aqui no Brasil, mas com essa falta de gana, essa falta de tesão por vitórias e com um estagiário no lugar de técnico não vamos pegar nem G6 no brasileiro. A única chance é trazer um treinador pra agitar e mexer com o ânimo dos caras, se não fizer isso já pode dar adeus a 2018.

    • Se as opções, conforme o gosto popular (e a falta de memória) por aqui, forem Abelão (verdadeiro fetiche por um treinador experiente cujo último bom trabalho foi há pelo menos seis anos) e Cuca (que reconduzirá Deyverson e suas casquinhas à titularidade), o resultado será no máximo sexto lugar no Brasileirão, sem títulos nas outras competições. O ano já era, então que comecem um trabalho decente pra 2019 com Marcelo Gallardo, assim não dá tempo do Mattos “montar” o elenco ao go$to dele, que por sinal nunca deve ter chutado uma bola na vida.

  14. Cássio 19/07/2018 | Responder

    O Palmeiras é tão pioneiro que inaugurou o VAR antes da Copa. 🙁

  15. Meu Deus, se ele é pior que o Vitor Luis, então melhor mudar de profissão. Acho os dois péssimos. Quem já teve Roberto Carlos e junior ver essas duas tranqueiras é de dar dó.

    • Jango 19/07/2018 | Responder

      Tá na posição só por causa do preço. Victor Luis é superior.

      • Então estamos na roça, meu caro, porque Victor Luís não passa de lateral nível Botafogo (qualquer um, pode ser até o da Paraíba), aquele jogador que acerta um cruzamento por mês e leva drible da vaca de letra de jogador meia-boca colombiano.

  16. João Cornetta 19/07/2018 | Responder

    O time não dá liga, não tem ambição e entrega o ouro jogo após jogo. Adeus 2018.

    • Jango 19/07/2018 | Responder

      Tinha que ter trazido Abelão na Copa, agora já era. 2018 foi pro ralo.

      O problema também foi dele, não só da diretoria.

  17. Domingo o descontente que ganha 700 pratas por mês volta. Agora vai. A verdade é que esses jogadores não estão nem aí com o clube. Só pensam na grana a nas folgas. Esse técnico então…

  18. Cássio 19/07/2018 | Responder

    Eu ainda quero que o RM saia. Mas demiti-lo agora seria passar um recibo assinado e reconhecido firma de uma das diretorias mais perdidas da história do Palmeiras.

    • Jango 19/07/2018 | Responder

      Abelão também não ajudou. Não queria sair do Rio.
      Vai ter que ir com esse estagiário mesmo.

    • Concordo. O momento ideal era o final do Paulista, depois da partida que não matamos o campeonato em Itaquera e da incapacidade de superar a retranca rival em casa. Mas mantê-lo até dezembro pode nos dar um 2019 sequer sem Libertadores. O que vai ser, Gru?

  19. Reynaldo Zanon 19/07/2018 | Responder

    Empate fora de casa, ainda mais em um clássico, seria bom resultado. Mas como já ficamos consideravelmente para trás na tabela, o resultado não ajuda em nada.

    • Se o jogo fosse na Vila, o Santos estivesse na vice-liderança e o Palmeiras buscasse o gol de empate na raça no final, aceitaria o argumento. Só que não foi nada disso, então não há desculpa. Estamos caprichando pra começar 2019 disput.ando primeira fase de Copa do Brasil, e para um clube que atingiu nosso nível de investimento (proporcional, aliás, aos de soberba e incompetência), será um fracasso retumbante.

  20. Lito 19/07/2018 | Responder

    Manda esse f mello embora traz o cuca de volta. Já que não tem competência para trazer o abelao. Fora risadinha.

    • Philipe Fróis 19/07/2018 | Responder

      No momento prefiro o Abelão mas tbm não acho má idéia emprestar o Felipe Melo pra qualquer time e trazer o Cu.ca de volta. Porém seria pedir demais pra um bunda mole feito o Galliote. Sabe o que vai acontecer? Nada! O Palmeiras vai ganhar do patético mineiro no fim de semana , o Mocorongo do RM vai continuando e o ano vai acabando e o Palmeiras patinando.

      • Perdemos do Sport e empatamos com Chapecoense e Ceará, o que lhe faz crer que ganharemos do Atlético Mineiro? O desfalque do “craque” que não deveria ter sido contratado ou a volta do “craque” que queria ter ido embora?

        • Philipe Frois 20/07/2018 | Responder

          O que me faz crer q venceremos o Atlético é que o Palmeiras é zicado. Se tiver um pouquinho de sorte, perde no final de semana , o Roger cai e aí quem sabe chega alguém pra salvar o ano. Mas vamos vencer sim e será mais uma vitória ilusória q nos manterá nesse chove não molha até o fim do ano.

  21. Lito 19/07/2018 | Responder

    Diretoria de merda. Pega f Mello, Antônio Carlos, vóvo Dracena, deyvdson (assim mesmo, nem o nome dele dá para acertar) e principalmente esse cone de técnico e ….. Galinhote enganador. Fora Roger risadinha. Abel Braga já.

  22. Estou decepcionado e largando mão do Brasileiro. Esse elenco e esse rascunho de treinador não nos levarão a lugar algum, pois falta competência e ambição. Quase quarenta dias de paralização e tudo o que conseguimos foi sair do G6. Deu.

    Nos torneios mata-mata podemos até conseguir alguma coisa, afinal Péricles Chamusca já ganhou Copa do Brasil e Celso Roth conquistou Libertadores, mas competição em que é preciso competência e regularidade, com essa turma podem esquecer.

  23. Cássio 19/07/2018 | Responder

    1 x 1 pré copa. 1 x 1 pós copa. Precisa desenhar para o Galliote e o A.Mattos entenderem o óbvio.

    • Esqueça, meu caro. Nem desenhando. Um só pensa na eleição e o outro em arrecadar dinheiro pra campanha. Mas ano que vem ganharemos tudo (parte III)…

  24. Sempre a mesma coisa, sai na frente, se acomoda, recua e toma o gol, aí tenta jogar de novo e perde um monte de gols. Jogadores acomodados e um técnico sem autoridade. Vejam o Aguirre nos bambis.

  25. Wagner 19/07/2018 | Responder

    Além de tudo o time não dá sorte. Bola na trave aos 48

  26. Cássio 19/07/2018 | Responder

    Parabéns à diretoria pela brilhante excursão pela América Central. RM recuperou o Deiverson e o LL. Patético. Parabéns Galliote por insistir com um treinador Trainne e jogar mais um ano fora.

  27. Eduardo 19/07/2018 | Responder

    Palmeiras, o time que não tem gana de ganhar. Time ridículo, perdemos todas as bolas levantadas na área, o time cansou e o idiota não mexe. Muita vergonha, muita falta de vontade de ganhar

    • Jango 19/07/2018 | Responder

      Capaz da diretoria trazer o Luxa do jeito que são.

  28. O Palmeiras tem dado shows de preguiça e improdutividade no ano, em especial neste Brasileirão. Quando sai na frente não consegue matar os jogos, quando sai atrás é um desespero só. Hoje o roteiro de terror se repetiu pela enésima vez, estava mais do que na cara que o Santos empataria. A rodada nos dá uma chance de embolarmos a classificação até domingo, mas estamos jogando fora e patinando sem sair do lugar. Triste.

    • Só cansaço pra quem tá voltando hoje depois de 37 dias sem campeonato não é desculpa. E depois que esse jumento de treinador coloca em campo um inútil que já entra com cartão amarelo, não dá pra aliviar.

  29. Philipe Fróis 19/07/2018 | Responder

    Um time fraco, com uma zaga fraca com um ex jogador no meio campo, um técnico cabaç.o q espera tomar o gol pra mexer no time, jogadores q não sabem segurar uma vitória é uma diretoria pra lá de omissa. Dá pra acreditar em alguma coisa? Que venha 2019!

  30. Não sei se algum dia esse Rodrygo será melhor jogador que o Neymar, mas pelo menos no quesito “mergulho” ele já faz frente ao namorado da Marquezine. Triste retrato do nosso futebol, que por sua vez reflete uma sociedade viciada em “levar vantagem” não importa como.

    E nossa defesa continua um Deus nos acuda pelo alto. Ainda acho que é problema de posicionamento e que só se resolve com treinamento, então não vai mudar até o final do ano.

Leave Your Reply