3VV na NFL: SUPER BOWL IS HERE

Por Allan Basso

Caros Deca Campeões Alviverdes, nesse Domingo às 21:30 teremos o Super Bowl da temporada 2018 entre Los Angeles Rams e New England Patriots, com Maroon 5 se apresentando no show do intervalo.

Esse dois times fizeram a final da NFL da temporada 2001 (quando os Rams ainda jogavam em St Louis), no que foi o primeiro título da dupla Tom Brady e Bill Belichick.

De lá pra cá se passaram 17 temporadas, e os Rams nunca mais chegaram ao Super Bowl.
Já Brady e Belichick voltaram outras 7 vezes nesse período, ganhando 4 delas.

No Endzone 51 fizemos um vídeo analisando algumas das jogadas mais importantes da vitória sobre os Saints que classificou os Rams para o Super Bowl 53.

Se você ainda viu, dá uma conferida lá: https://youtu.be/wn9MdUEbnbY

… ou aqui

****

Algumas curiosidades
sobre esse Super Bowl:

– Considerando seus anos como assistente, essa será a 12ª participação de Bill Belichick num Super Bowl. Ou seja, o lendário técnico dos Patriots esteve presente em 22% de TODOS os Super Bowls disputados.

– Caso Tom Brady ganhe o jogo ele chegará ao 6º título na
carreira, e superará o recorde de Charles Haley como o jogador com mais
vitórias em Super Bowls (5). Mas se perder ele igualará o recorde de Jim Kelly
de mais derrotas (4) em Super Bowl para um QB titular.

– Tom Brady é o único QB a chegar ao Super Bowl com 40 anos
ou mais, feito que ele alcançou na temporada passada e repete esse ano. Se
vencer ele se tornará o QB mais velho a vencer um Super Bowl. O recorde ainda
pertence a Peyton Manning, com 39 anos.

– O Super Bowl será uma disputa entre a experiência dos Patriots e a juventude dos Rams. As diferenças de idade de 17 anos entre os QBs (Tom Brady com 41 e Jared Goff com 24) e de 33 anos entre os técnicos (Bill Belichick com 66 e Sean McVay com 33) são um recorde do Super Bowl.

– Com uma vitória Sean McVay se tornará o técnico campeão do
Super Bowl mais jovem da história.

– Esse jogo contará com dois do Top 5 ataques da NFL em termos
de jardas conseguidas e pontos anotados. 
Os Rams foram o 2º melhor em ambas as categorias, e os Pats foram 5º em
jardas e 4º em pontos.

****

Disputas chaves para
a vitória:

– Linha Ofensiva dos
Patriots: pressão pelo meio

Tom Brady sofre quando pressionado pelo meio da linha ofensiva.
Seu passer rating (um indicador de eficiência usado para comparar performances entre QBs) é 118,7 quando a pressão vem pelas laterais (excelente) e 63,1 quando a pressão vem pelo meio (péssimo).

Os Rams tem o melhor índice de pressão pelo meio da NFL
nessa temporada, conseguindo pressionar o QB em 16,6% das jogadas.

Esse sucesso dos Rams se deve muito à performance espetacular
de Aaron Donald, eleito o melhor jogador defensivo da NFL e considerado por
muitos como o melhor jogador “não-QB” da NFL.

Por outro lado, a linha ofensiva dos Patriots é um dos
pontos fortes do time. Segundo o estudo do site Football Outsiders a linha
ofensiva dos Pats é a 3ª melhor contra o jogo corrido e a melhor da NFL na
proteção ao QB no passe.

– Linha Ofensiva dos
Rams: tempo no pocket

Jared Goff e Tom Brady tem estilos muito diferentes de jogo.

Tom Brady utiliza passes curtos e rápidos.
Em média o QB dos Patriots gasta apenas 2,61 segundos do snap até o momento do passe, mas seus passes em média percorrem apenas 7,6 jardas no ar, uma das menores marcas da liga.

Já os passes de Jared Goff viajam em média 8,8 jardas no ar, uma das 8 melhores marcas da NFL. Mas para conseguir isso ele precisa de mais tempo no pocket, demorando 2,94 segundos em média do snap até o passe. Somente 5 QBs gastam mais tempo que o QB dos Rams para soltar a bola.

O pass rush dos Patriots conseguiu pressionar o QB Pat Mahomes em 50% das jogadas na final da AFC. Como Jared Goff não tem a mesma habilidade atlética que Mahomes (quem tem? Rsrs), a linha ofensiva dos Rams precisará fazer um trabalho impecável para o ataque dos Rams funcionar.

Embora 0,33 segundos de diferença  pareça pouco, isso faz uma diferença enorme
para a linha ofensiva, que no caso dos Rams precisará proteger seu QB por um
tempo bem maior (12% a mais) que a linha ofensiva dos Patriots.

****

Agora é isso, caros leitores. Essa semana não teremos palpite.

Desejo a todos um excelente Derby neste Sábado para Domingo podermos todos acompanhar o jogaço do Super Bowl, tranquilos e satisfeitos com a vitória do Verdão sobre seu maior rival.

Semana que vem voltamos para fazer um resumo de como foi o Super Bowl 53.

Sempre lembrando que queremos evoluir a coluna junto com vocês.
Por isso, deixe seu comentário com sugestões e críticas para melhorarmos o conteúdo a cada semana.

E se você já acompanha a NFL mas gostaria de aprender mais sobre o jogo, visite o canal Endzone51 no Youtube: https://www.youtube.com/c/endzone51

4 Comments Added

Join Discussion
  1. Teruo 08/02/2019 | Responder

    Cadê o pós-jogo desse partidasso!!!!!
    Abraços

    • Allan 11/02/2019 | Responder

      Rsrsrs.
      Tô devendo, né Teruo!

      Mas foi uma semana complicada.
      Perdemos o Derby, o Super Bowl foi meio broxante, e esse fim de semana o patrão concorreu à eleição do Conselho.

      Essa semana voltamos à programação normal e até amanhã sem falta colocamos no ar.

      Abraços!

Leave Your Reply

Posts antigos, Por Onde Anda, e Links Patrocinados