Hora de rever os conceitos?

Por Vicente Criscio

A derrota para o Corinthians na tarde de sábado no Allianz pode não ser uma tragédia. Mas deveria ser encarada por todos que transitam em volta do futebol palmeirense como uma (dura) mensagem a ser digerida.

Carille não tem nada de bobo. Sabia que seu time não tinha condições de jogar de forma aberta contra o Palmeiras. Nem no Allianz nem em Itaquera. Mas se fosse na zona leste teria que se abrir. Ontem não. Era claro que jogaria com 11 atrás e no erro do Palmeiras. E novamente conseguiu mais uma vez fazer um gol no início da partida.

Depois foi um domínio palmeirense. De posse de bola, de finalizações. Mas todas infrutíferas.

E com isso perdemos mais uma pra eles.

Por sorte a derrota foi em fevereiro em uma fase que vale nada para as aspirações no Paulista. Antes da partida, tanto quanto depois, todos nós sabemos que os quatro grandes irão se classificar nos seus grupos.

Então o que fica para nós?

Talvez alguma lições.

A primeira e mais importante: ganhar e perder clássicos com enorme vantagem ou desvantagem, não foi inventado agora. Sempre existiu, desde que o futebol foi inventado. Então que ninguém caia na tentação de “caçar bruxas” inexistentes. Perdemos uma pequena batalha. Mas a guerra nem ainda começou.

Outro ponto: alguns jogadores nem estrearam. Goulart e o atacante Arthur Cabral, pra ficar somente nesses dois.

Porém… ah porém… nessa hora reconhecer as fragilidades é o principal fator para que se aprenda sobre as derrotas e que elas não sejam mais tão corriqueiras, como as últimas. Principalmente em nossa casa.

Poderíamos fazer as perguntas aqui. Sobre fragilidades em certas posições do elenco ou do preparo emocional de alguns para vestirem nossa camisa e disputarem um jogo tão importante. Então minha humilde sugestão é que, sem alarde, sem caças às bruxas, mas com profunda reflexão por parte de Felipão, comissão técnica, diretor remunerado de futebol e diretoria executiva, alguns temas sejam revistos.

E principalmente: será que não estamos em cima de um enorme (e mentiroso) salto alto?

Vamos em frente…. com uma certa dor de cabeça neste domingo.

Saudações Alviverdes!

Posts antigos, Por Onde Anda, e Links Patrocinados