Categorias
Jogos Paulista 2019 Pré Jogo

Paulista 2019 Palmeiras 0(4)x(5)0 São Paulo: eliminado nos pênaltis

O Palmeiras empatou com o SPFC no Allianz e nas penalidades foi eliminado.

Pouca coisa a se falar do jogo. Houve um domínio de posse de bola do Palmeiras. O SPFC veio reconhecendo suas limitações e para empatar ou vencer em uma bola. Os primeiros 20 minutos do Palmeiras em campo foram intensos. Mas a superioridade não era suficiente para criar chances agudas de gol.

Aos poucos o jogo foi diminuindo de intensidade. Veio o 2o tempo e Cuca continuou buscando jogar no erro do time de Felipão. No início um gol em claro impedimento do SPFC foi invalidado pelo VAR. Nem precisaria. Era clara a posição irregular.

Aos 34 Deyverson recebeu grande bola de Diogo Barbosa e marcou. O juiz ficou aguardando 5 minutos para anular o gol. O pé de Deyverson estava ligeiramente à frente do último zagueiro.

Nos penais a loteria… Goulart perdeu. Prass pegou a última e deu esperanças. Mas Zé Rafael também perdeu.

Fim de papo. Fim de Paulista.

Que comece a temporada!

262 respostas em “Paulista 2019 Palmeiras 0(4)x(5)0 São Paulo: eliminado nos pênaltis”

Ainda bem que ele colocou o Saci Pererê da China no banco.

Time escalado, gostei da entrada do De Rafael aberto e o Scarpa centralizado. Só faltou meter o Goulart de centro avante.
Vamos ver se hj Dudu joga alguma coisa, pq esse ano ainda não começou pra ele.
Avante Palestra!

Hoje assisti Ajax x Juventus.
Além da diferença técnica significativa a diferença de entrega e disposição é abissal.
O jogo tem outra velocidade,aqui no Brasil a maioria dos jogos é cansativo pq simplesmente não tem jogo.
É pura enrolação.
O que mais me agrada é isso,todo mundo quer jogar.Não tem mimimi,cera,confusão,simulação.

É verdade, Ed, mas segundo alguns argumentos não podemos fazer qualquer comparação com o futebol europeu. Aqui se joga outra coisa, é assim e acabou.

Queremos título mundial sem sequer cogitar superarmos os melhores times do planeta jogando bola, é só apelar para a sorte, o acaso, a fé e a superstição.

boa tarde envie um comentario com um link, e esta em moderaçao. é permitido link?

Adilson, não posso falar pela moderação, mas por experiência própria sei que todo comentário contendo link fica pendente para verificação (sem link já lemos umas coisas doidas por aqui, imagine com…). Estando tudo certo, até o dia seguinte tá liberado.

Obrigado Eduardo..era uma matéria sobre o desempenho do Felipão.. mas o importante hj e ganhar e convencer..ainda estou na esperança q o time não levou a sério o paulista

boa tarde senhores,

nem tanto ao ceu, nem tanto a terra. Futebol bonito realmente nao temos, mas vejam os numeros, em materia publicada pelo Terra. o que perdemos de importante nessas 4 derrotas? A copa do Brasil com ajuda do VAR? ou agora o paulista é o torneio mais importante do ano?

Eu sinceramente, apesar de nao estar jogando nada o nosso time, nao mudaria o tecnico.. vai colocar quem?

https://www.terra.com.br/esportes/palmeiras/nos-50-jogos-felipao-e-o-4-treinador-que-menos-perdeu-na-historia-do-palmeiras,b5552d33d56ba2447cdfb4739be8d442vy2vt6el.html

abraços a todos

Difícil discordar do Marin nesse ponto. Zoeiras fazem parte do futebol. Não pode ser chorão, perder faz parte, aceitar as zoeiras tb.

Deixem zoar, acabamos de zoar todo mundo há 4 meses, tem que trabalhar pra ganhar e zoar de novo.

Sem mimimi

Até porque há não muito tempo atrás o Nobre zoou o São Paulo, retrucando do Haidar dizendo que o mundo dava voltas. Pois é, o mundo deu outra voltinha, e os caras é que estão zoando, amanhã pode ser nós de novo…

Não resta a menor dúvida de que a zoeira faz parte do futebol. Mas determinadas zoeiras têm lugar e hora. Acho que o Nobre perdeu uma oportunidade de ficar quieto, só isso. A vitória no Panetone ano passado que nos colocou na liderança do BR e acabou com um tabu de 16 anos merecia uma zuada muito maior. Ali não havia mais possibilidade das equipes se encontrarem, e os bambis davam claros sinais de queda livre.

Quando ganhou o brasileiro os jogadores ficaram rindo em frente a loja do Framengo no aeroporto. Tem que saber perder também.

Quem é que pode demitir, mandar embora, dar um pé na bunda do Maurício Galliote?
O cara é um péssimo gestor.
Não sabe se impor.
Não banca e não honra sua palavra.
Não exige do Alexandre Mattos.

Do mesmo jeito que se questiona a troca de treinador (e na minha opinião, nesse caso temos opções bem melhores), eu pergunto: tirar Galiotte pra colocar quem?

Vocês estão esquentando a cabeça com oque diz jogador do São Paulo. Time que não ganha
um
troféu a 10 anos. Faça me um favor, palmeirense tem que se chatear com comentário de jogador de time grande.

Aí eu sou obrigado a concordar com vc Sérgio. Qdo o Palmeiras elimina outro time e ganha título a torcida adora ver a lessie do Felipe Melo dando entrevista debochando do adversário. Então qdo é com a gente tem q aturar.

E tivemos muros pichados. “Fora Leila!” “Fora Borja!” “Muito $ pouca obrigação.” “Time pipoqueiro”. “MV vendida”.

O camarada pra pichar fora Leila só pode estar louco ,desses que rasga nota de 100 dólares. Um patrocínio desse nunca mais o Palmeiras conseguiria. Com certeza é da turminha do musgambá.

Pois é, merecemos que a Leila caia fora e que venha a turma do patricinador chinês (nem lembro mais o nome) de um bilhão. No primeiro ano montaremos um time de estrelas, lá pro terceiro a Polícia Federal estará batendo na nossa porta.

Lembro do início de 1999 quando um colega de faculdade palmeirense me mostrou um “manifesto” da Mancha pedindo “Fora Parmalat” e “Fora Felipão”. Imaginem se eles tivessem sido ouvidos.

E ainda tem gente que acha que só quem vai ao estádio pular e gritar é torcedor de verdade…

Tutancâmon Scolarion foi consultado para treinar o Pyramids do Egito; contrato de 15 anos. Ficou de responder. Tudo a ver.

Por isso que o time dos bambis é odiado. Até esse tal de Igor não sei o quê está tirando sarro do F mello. Aliás tomara que o Palmeiras não renove mais com ele. Já deu o que tinha que dar. Está na hora de dar uma chance ao Mateus que veio do Botafogo, ou traz o Pituca dos sardinhas.

Será que hoje tem pipoca? Será que nossos craques irão repetir o belo futebol que vem jogando? Será que o papai Scolari vai mexer no time? Raça e vontade isso é o mínimo que a torcida deseja.

Palmeiras não tem gestão de pessoas. Presidente é um cretino, Mattos só aparece quando ganha, não dá uma entrevista, esse Cícero ninguém sabe ninguém viu, um bando de jogador cuzão e folgado que escolhe quando quer jogar, aí depositam tudo nas mãos de um treinador esclerosado, parado 20 amos no tempo. Resultado: Time à deriva, bagunça total, perspectiva zero!

Isso aqui é um site de torcedores do Palmeiras onde cada um tem a sua opinião . Ninguém é obrigado a concordar com o outro, porém, de engraçado isso não tem nada , já que pelo menos os meus comentários são sérios e de acordo com oque penso. Se eu defendo o treinador é porque ele tem uma grande história no clube, todas às vezes que retornou foi campeão , pode dar a volta por cima e não deve nada a treinador nenhum do mundo. Agora, se você acha isso engraçado o riso é seu.

Ok. Em momento algum a intensão foi ofender, e com certeza cada um tem sua opinião e deve ser respeitada. E para mudar o termo então, só acho estranho (e não engraçado) alguns defenderem um trabalho absolutamente ridículo e com resultados absurdamente ruins. Quanto ao histórico dele concordo com você.

Segundo LGO: “trabalho absolutamente ridículo” e “resultados absurdamente ruins”. O Palmeiras foi campeão brasileiro há apenas 4 meses com o Felipão sem perder sequer um único jogo! Difícil entender.

Sim foi, mas de lá para cá só pioramos e muito nosso nível não chegando nem na final do paulistinha e ainda em segundo na libertadores num grupo bem fraquinho…
E o que me assunta é a perspectiva ruim na continuidade desse trabalho.
Ainda prefiro as exigências interplanetárias do que me contentar com o péssimo futebol do Palmeiras em todos os jogos de 2019 sem exceção.

Não quero ficar comentando a discussão dos “amigos”, mas eu não aguento, pois chega ser engraçado!!!
Porque um fica defendendo o indefensável Felipão, que apesar dos bons e relevantes serviços já prestados a nós no passado, esse ano é um dos maiores fiascos dos últimos tempos. Seja pela falta de resultado seja pelo futebol ridículo apresentado.
Por outro lado vem o outro falar absurdos de outros times. Como o Athletico que ganhou uma sul-americana na bacia das almas ganhando nos pênaltis do mesmo Junior que todos afirmaram aqui ser um time ridículo porque esse time perdeu um pênalti faltando 2 min para terminar a prorrogação. Esse time ficou em sétimo no Brasileirão. Ou como o River que na semifinal da libertadores fez dois jogos péssimos com o Grêmio e só se classificou porque o Grêmio já em decadência perdeu inúmeros gols e conseguiu tomar dois gols nos último 5 min do segundo jogo sendo um de bola parada e outro de um estranho pênalti marcado pelo VAR.
Ou o próprio Racing que pelo menos em números (sei que o amigo não gosta deles) não foi melhor que o nosso título no ano passado e que tem uma sequência de eliminações em mata mata tão feia quanto a nossa!!!
Resumindo:
Um defende um técnico que no momento só nos prejudica e só enterra nossas esperanças e o outro, que apesar de correto na luta pelo bom futebol, só enxerga coisas boas em outros times e ainda tem um nível de exigência da liga interplanetária como ele mesmo gosta de dizer!!!!

Eu analiso capacidade de praticar bom futebol, meu caro. De quem quer que seja, até do Corínthians se for o caso (e faz tempo que não é). História do clube, rivalidade, peso da camisa e cidade-sede do time são quesitos que não entram nesse contexto. E placar nem sempre reflete o que acontece em campo. Paciência.

O mundo do futebol não se resume a Palmeiras. Se você não tem capacidade pra entender isso a culpa não é minha.

Paulo Nobre tirou o clube de um atoleiro que nem a Crefisa tiraria graças a Tirone, Frizzo, e a velharada cujo maior desejo era destruir o futebol do clube. Colocou 200 milhões lá dentro a juros irrisórios. e salvou o Palmeiras da falência. E tem gente que critica o cara porque ofendeu o time do Vaidar dizendo que usaram isso pra incentivar o sub 20 das meninas. Oque nos tirou da final foi o penalti que voltaram atrás graças ao Rafael Klaus e a esses jogadores preguiçosos que andam em campo e não tem gana de vencer. O cara critica o Felipão, o Nobre, tu debe ser amiguinho do turco.

Mais reforços pra que A folha de pagamento já está em 16 milhões. Daqui a pouco tem que vender o estádio ´ pra pagar o salários desses vadios.

Não é preparo psicológico. É que na dúvida eles sabem que a arbitragem os favorecerá. Isso gera uma imensa tranquilidade.

Sérgio, durante o jogo isso ajuda bastante, mas o Frois mencionou especificamente os pênaltis, as últimas decisões por pênaltis, em comparação com as nossas.

E quem é esse tal de profeta pra falar do Palmeiras. Jogadorzinho velho e bichado. Vocês ligam pra cada besteira.Nem na China o cara fez sucesso.

E o Felipão não quer reforços. Esta contente com a família Scolari.

Até porque se ficarem falando muito nesse assunto, pode ser que o Palmeiras comece a se reforçar pelo técnico…

É o “Projeto 7×1” em pleno andamento. Depois de vencer a importantíssima Copa das Confederações, o Iluminado se achou o próprio Dom Sebastião, manteve o grupo que o levou a um título improvável unido e impenetrável mesmo diante de todas as evidências e quando percebeu só tinha a carta da Dona Lúcia pra lhe consolar. Pessoas previsíveis e ultrapassadas não mudam suas atitudes.

Até o tal de profeta dos bambis está tirando sarro. Tudo isso graças ao nosso time anêmico, sem raça, sem vergonha na cara. Ganham horrores e jogam essas bolinha. Outra coisa o Felipão perdeu o vestiário. Traz o Sampaoli, nem salário o cara recebe nos sardinhas. E nós vamos de Weverton, A Carlos, F Mello (graças a ele perdemos o Cuca), Vovô Drascena, F Pires, Carlos Eduardo, Juninho, Fabiano, Borja, Lucas Limae Dayvdson Prateado. Olha que baciada para trocar com o Pedro do Fluminense, trazer o Pituca e o Vanderlei do Santos, Balbuena, Gil, Keno. Volta Paulo Nobre. Acho que até o Luxa ia bem.

Ninguém quer sair do Palmeiras.
Ganham bem ,recebem em dia,mal precisam entrar em campo,hotel 5 estrelas,SPA,etc.
Recusaram propostas milionárias até da China ,acha que iriam pro Fluminense?

Seu amigo Paulo Nobre foi tirar sarro da banana do Aidar depois de uma vitória comum num jogo inútil, você acha que isso não foi usado pra que a garotada bambi segurasse o máximo que podia contra nós? O cara é totalmente sem noção, fez uma administração sem qualquer planejamento, não fosse a incompetência do Vitória em dezembro de 2014, a chegada da Crefisa em janeiro de 2015 pro Mattos fazer 500 contratações (acertando em meia dúzia) e um título nos pênaltis no final daquele ano o Palmeiras estaria hoje vivendo de recordações e saudade junto com Vasco, Botafogo e Fluminense. Não se iluda.

O principal culpado do fracasso desse ano é a diretoria ao permitir o Mattos contratar jogadores limitados de empresários a preço de ouro. Além de renovar contratos milionários por muito tempo, precisa ser no máximo 2 anos.

Depois é o Felipão. Jogador é acomodado e folgado por natureza. A diretoria chamou o Felipão por ser um técnico medalhão e ele não está conseguindo se impor no vestiário. Jogadores sem vontade nenhuma e ele não os troca. Jogadores que ninguém ouviu falar servem para assustar a titularidade dos estrelas.

Esse ano está conseguindo ser o pior de todos, muito pior que 2017.

O Mattos sempre contratou baciadas de jogadores medianos, das 500 negociações que fez acertou em meia dúzia. Já era assim no tempo do Nobre. Isso é um problema grande, mas que não nos impediu de ganhar títulos nos últimos anos. A diferença fundamental hoje é que temos falta de repertório tático e alguns jogadores técnicos que poderiam fazer a diferença mas ficam limitados à falta de recursos do treinador e o obedecem cegamente com medo de perder lugar no time. Mas o pior do pior de tudo é ver gente pedindo Luxemburgo. Onde vamos parar, meu Deus? Torcedor só quer olhar pra trás, para dias que não existem nem voltam mais.

O futebol que os gambás vem apresentando não merece nenhum comentário, está abaixo do nosso até. Mas quero levantar uma questão. Por que eles vem tendo êxito em praticamente todas as dis.p.utas de pênaltis que eles vem participando? Venceram o SP ano passado, o Palmeiras na final, esse ano venceu a ferroviária e o Santos ontem. Na dis.p.uta de ontem eles bateram 8 pênaltis e perderam apenas 1. Em compensação por aqui , só fracasso nas últimas contra Barcelona genérico, contra os gambás e contra os bambis. Nosso time não consegue acertar os 5 pênaltis em nenhuma vez, e olha que nossos goleiros sempre garantem pegando pelo menos 1. Já vimos o Deyverson pipocar , já vimos o Dudu pipocar, já vimos o Felipe Melo pipocar. Será q pênalti é loteria ou o Palmeiras hoje virou um grande Resort onde os jogadores tem tudo do bom e do melhor e não se preocupam em treinar ?

Há várias possibilidades, Frois, da razão de isso acontecer. Mas acho que os gambás tem um preparo psicológico melhor pra jogos decisivos. Isso já vem de anos. Tanto que nos jogos menores geralmente eles se complicam, vide o que aconteceu contra o Ceará, em que uma classificação “garantida” quase se transforma em vexame.
E outra, o time deles é fraco e joga sempre no limite, então a tendência é a casca ser mais grossa nestes casos.

O Carille mesmo falou, eles sempre treinam pênalti, toda semana. Treinamento traz confiança, que se reflete em bom aproveitamento. O Felipão só sabe entregar colete e fazer coletivo. Por isso que na hora da decisão, o jogador se sente inseguro: ele não foi instruído e treinado, logo, não sabe o que fazer, some, e assim é eliminado, de novo e de novo.

O Racing foi eliminado pelo time de retranqueiros do Carile na primeira fase da sulamericana. Mas pra alguns
a grama do vizinho é sempre mais bonita que a nossa.

Já elogiaram o Ralf aqui, Sérgio. Elogiar o Racing é tranquilo.

Gustavo, não adianta explicar, meu amigo. Pra analfabeto número é letra e vice-versa.

Tem que virar a página mesmo e esquecer o “Paulistinha”. Fizemos isso no ano passado e deu certo. Acredito que vai dar certo de novo.

Reynaldo, acho que o que você ainda não entendeu sobre algumas críticas (pelo menos as minhas) é que elas independem de competição. Estou c@gando pra campeonato paulista. O problema é o futebol, no caso a falta dele. É o temperamento da equipe em jogos decisivos, qualquer que seja. Mesmo depois da conquista do Brasileiro uns poucos malucos (eu inclusive) alertavam sobre o fraco repertório da equipe e que isso faria diferença para desafios maiores. É apenas o óbvio que está se comprovando. Não é esquecendo fracasso que vamos conseguir sucesso, mas lembrando de como se joga futebol. E sinceramente não consigo vislumbrar esse caminho neste momento.

Por favor, meu segundo comentário estava sob aprovação.
O que houve ?
Obrigado.

Felipão disse que não precisamos de reforços. É isso aí, vamos de Antonio Carlos, Jean etc…. Volta Paulo Nobre.

O Gru gasta e não sabe comprar, o Nobre não podia fazer loucuras e nem ser refém da Libertadores. E o Criscio não quer ser presidente. F.u.de.u.

O Nobre não podia ser refém do centenário. Libertadores mesmo ele mal sabe o que é. Nos seus mandatos o Palmeiras participou de duas (2013 e 2016), com campanhas pífias. Até Tijuana e Independiente Del Valle foram mais longe.

Será que amanhã tem pipoca?
Será que nosso time milionário vai empatar novamente?
Como é que pode sairmos fora do campeonato por causa de um penalti roubado e uma ponta de pé. Dava para ter enfiado uma sacola nestes bambis (pelo menos acreditávamos). Mas nosso general (acho que tá na hora de pegar o boné e voltar para China) quis empatar.
Precisamos de um goleiro (Gatito do Botafogo, Vanderlei dos Santos), no lugar do mão de pau do Weverton, vovô Prass), um zagueiro (fora A Carlos, Vovô Drascena, esse Luan pode ficar de reserva), um lateral esquerdo (Felipe Luis, fora Diogo Barbosa), um volante (fora vovô F mello, graças a você perdemos o Cuca), um 9 (fora Borja e Dayvdson Dourado), um 7 (Keno), fora Felipe Pires e Carlos Eduardo e por fim, com tristeza fora Felipão. Que venha Mano Menezes, Renato Gaúcho, Sampaoli, quem sabe se ele estiver a fim de trabalhar o Luxa. Outra coisa, Dudu deixa de ciuminho do Goulart, Bruno Henrique volta da China, Moisés, tira a calça jeans. Até agora não deu para engolir essa desclassificação para os bambis. Enquanto isso, Tio Chico e Mattos zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz. Volta Paulo Nobre.

Mudando um pouco de assunto, você já cancelou seu PFC? Agora que caímos fora do “paulistinha”, é um tema interessante para ser comentado. Do jeito que está, ou não está acordado, não teremos jogos do Palmeiras transmitidos nem no PFC nem na Globo.

O Racing acabou de ser campeão argentino jogando bom futebol. Não é achismo, vi três ou quatro jogos da equipe neste ano, inclusive o clássico contra o maior rival Independiente (vitória de 3×1). Buscaram a vitória no campo do adversário o tempo todo, ninguém se borrou de medo nem ficaram tentando chutão pra algum débil mental pegar de casquinha. Percebe-se que durante a semana o treinador realmente treina, não fica criando factoides pra disfarçar a incompetência.

O River Plate foi campeão da América ano passado jogando bem, principalmente quando valia. Teve altos e baixos, mas mesmo privado de jogar a final no seu estádio não se borrou na Bombonera e virou a partida no Bernabéu de forma inquestionável.

Vi o Tigres e o Monterrey atuando pela ConcaChampions (que não é torneio entre amigos do Conca, só pra constar) semana passada, não acompanho futebol mexicano mas gostei da disposição tática e técnica das equipes. Faz a gente se interessar em assistir a partida.

O Athletico Paranaense, atual campeão da Sul-Americana, botou o tão temido Boca na roda, e há tempos também mostra um futebol prazeroso de se ver. Se vai ganhar o mundial e depois partir para ligas interplanetárias como alguns imaginam ser o destino do Palmeiras nas mãos do “Iluminado” eu não sei, mas futebol também é satisfação para os olhos.

Racing, River Plate, Monterrey, Athletico Paranaense e certamente mais alguns times perdidos pelo mundo jogam bem, ganham títulos e não dispu.tam Champions League. Aliás, suas sedes nem ficam na Europa. Parece óbvio, mas pra alguém com seu nível de argumentação não custa lembrar.

O anarfa pelo visto ainda não procurou o Aurélio pra saber oque é tradição.

Mas é isso que você tem que fazer mesmo. Torcer pros times da Champions League como você citou. Aqui no Brasil é futebol de resultado e quem joga bonitinho normalmente perde, vide Telê Santana em 82 e 86..

Bom futebol (bonito ou não é consequência) ganha título, sim, em todo lugar do mundo. Barcelona, Juventus, Manchester City. É só tirar as bolas do Felipão da frente dos olhos que dá pra enxergar isso tranquilamente.

Aroni torcendo pro Felipão morrer. Calma velho, é só um esporte.

Que isso, Marin! Não desejo a morte de ninguém. O tempo se encarregara de demití-lo…kkkkk

Tá aí a prova de que futebol bonito não ganha nada. Sardinhas eliminadas junto com o grande Sampaoli.

Foi bom ficar de fora pra se começar a perceber que somos tão limitados como os outros três grandes grandes, e atualmente, jogando o pior futebol dos quatro. A continuar com essa letargia tanto dentro, como fora de campo, não pega nem vaga pra LA20. Do Felipão, o tempo se encarregará muito em breve.

Na verdade, somos tão limitados quanto os outros 19 times da Série A. Quem não faz gol nos juvenis do SPFC nem no horroroso time do Papa não tem moral pra pleitear favoritismo de nada.

Você escreve que o tempo (desgaste com diretoria, jogadores e torcida é meramente questão de tempo) vai cuidar do Felipão, o energúmeno entende que vc quer a morte dele e o “anarfa” sou eu…

Kkkkk. O tempo se encarregará muito em breve de tirá-lo do Palmeiras, pois tomando um cálice de vinho de Caxias todo santo dia, vai viver 100 anos no mínimo.

Duas conclusões da final do paulistinha:
1- foi bom ficar fora pois a chance de derrota em casa de novo para o Curica seria enorme.
2- apesar de ter sido o pior desempenho de longe entre os 4 semifinalistas tenho certeza que a turma que gosta já vai começar a elogiar o curica por aqui.

E assim será a final do paulistinha de M
Um time formado por homossexuais contra um time de bandidos ladrões.

Não é seu caso, Renato, mas agora o campeonato é de M porque fomos eliminados de forma ridícula em casa com o treinador criando factoides pra desviar o foco da própria incompetência. Se chegássemos à final e vencêssemos, seria assim “Só temos 23 títulos paulistas graças ao Felipão”…

Embora tenhamos perdido, foi bom o Dudu não batido. Ele é um péssimo batedor, não vejo como omissão, mas capacidade de reconhecer seus pontos fracos. Edmundo era péssimo batedor TB.

É curioso como ocorrem as ondas de amor e ódio nós torcedores do futebol.
De uma forma geral depois da eliminação a “hola” do ódio vem avassaladora até quebrar na praia do amor, bastando apenas duas ou três vitórias , se tanto.
Às vezes o fanatismo cega, e o principal
que é o futebol jogado dentro do campo não é visto.
Há tempos o Palmeiras não pratica um futebol digno de se ver, os resultados vem em ondas do acaso. E o acaso, na maioria das vezes ganha jogos, e não batalhas.
Felipão vive no futebol de táticas do acaso, nada é planejado, treinado e executado xompandam os fundamentos de um futebol moderno.
Os seus critérios é que valem, embora esses já não fazem efeito atualmente.
Se põr um acaso derem certos a onda do amor será perfeita para os surfistas de resultados, sinão, salve-se quem puder, porque futebol mesmo jogado, só por acaso.

E esse ano está se encaminhando pra uma enorme decepção: jogadores descompromissados e limitados, técnico teimoso e ultrapassado, e futebol zero. Nem sonhem com título de Assaízinho que não virá. E acho bom ganhar do Barranquilla aqui, senão não sei não.

Vc tem toda razão, se não ganhar do Junior a coisa pode complicar. Caso o fraco Melgar vença o fraquíssimo San Lorenzo fica tudo embolado (em caso de derrota para o junior podemos terminar a rodada fora da zona de classificação, em terceiro lugar).

Respeitem o Felipão. O cara tirou esses jogadores preguiçosos do comodismo no ano passado e fomos campeões. Esse ano esses vadios voltaram com a mesma má vontade do ano passado. Tem que afastar os que não querem nada com nada e não o treinador.

Se afastar quer não quer nada não restarão onze pra por em campo…

Conseguem perceber agora o erro fatal de renovar contratos milionários por tanto tempo?

Dudu está com a cabeça nas propostas que recusou, além de estar com invejinha do Goulart. Moisés não voltou das férias. BH está com a cabeça na China. Goulart já tem dinheiro garantido por vários anos e não vai correr tão cedo. LL devia ter sido vendido pra qualquer lugar no fim de 2018.

E o pior de tudo é o Felipão. O cara é famoso em conseguir colocar os jogadores na linha, mas não está nem aí. Isso é pior ainda do que estar ultrapassado porque com esse elenco pode ficar até sem técnico que é capaz de ganhar a maioria dos jogos.

Pois é. Time repleto de Jackson Five (e Four no Blondes), e o técnico insistindo no samba de uma nota só. Jogadores com o burro na sombra, sem compromisso algum, fazem o que quer, sem nenhuma cobrança. Torcida omissa e deslumbrada , presidente bonzinho, patrocinadora alienada e diretor só mamando na teta, e o futebol mais rasteiro que pé de mandioca. Depois que levar de 6 de um Fortaleza da vida, a Inês já foi cremada…

Você por um acaso teria paciência com relação ao planejamento , na segunda derrota estaria esperniando como todos aqui.

Exatamente Sérgio…vc não deve ter lido outros comentários que eu fiz. Disse exatamente isso. Que o ideal seria um planejamento a longo prazo mas aqui no Brasil nem eu nem ninguém teria paciência pra aceitar a primeira eliminação. Por isso sou a favor de manter o Felipão mesmo com esse futebol paupérrimo , trazer uns 3 jogadores que realmente façam diferença na hora da decisão e sumir com um monte de enganador que tem nesse elenco. Ou então faz o que o Aroni já sugeriu, monta um time decente com jogadores realmente bons e põe um cone no lugar do Felipão.

Os comentários estão desativados.