Categorias
Copa do Brasil 2020 Resenha dos Jogos

Copa do Brasil Red Bull 1×3 Palmeiras: grande vitória

O Palmeiras iniciou a caminhada na Copa do Brasil nas oitavas de final em Bragança contra o Red Bull. Venceu e bem por 3×1. Pode perder até por um gol de diferença na partida de volta do Allianz.

E foi o melhor primeiro tempo do ano. Jogando rápido nos contra ataques, mortal, certeiro, o time de Andrey Lopes foi construindo a vantagem. Veiga, Wesley (novamente o destaque do time) e Luiz Adriano construíram o resultado.

No 2o tempo o time caiu de produção e o Red Bull equilibrou a partida. Mesmo assim poderíamos ter ampliado com Rony. No final os locais descontaram.

O Palameirense gostou do que viu principalmente na primeira etapa.

Agora as atenções se voltam para a partida contra o Galo. E para a novela do treinador.

Aguardemos.

77 respostas em “Copa do Brasil Red Bull 1×3 Palmeiras: grande vitória”

Fico triste pelo Cebola.
O cara merecia a oportunidade.
Só que o futebol é isso.
Empresários, diretores, presidentes, propinas…..e daí por diante.

Não merecia, ao menos nesse momento: é um interino que mandou o time recuar no segundo tempo, mostrou que ainda não está pronto. Para encarar essa bomba que é o Palmeiras, não tem condições. Duas derrotas e os mesmos que o elogiam pediriam insanamente a cabeça dele, sabe como a torcida é, não?

Kkkk Propina é coisa de doleiro com a rede de esgoto que só rolou por pouco tempo, durante 30 anos.
Abel Ferreira vai revoluciona o futebol do Palmeiras vai da padrão de jogo das categorias de base até o profissional.
Mentalidade européia agora,chega de rifa a bola.

Iremos com o português até o final de 2022. Confirmado.
Boa sorte à ele e ao Palmeiras.
E a nós palmeirenses paciência.
Vamos ver e sentir o trabalho do portuga.

Gostaria muito que ele provasse que eu estou errado, mas duvido que esse portuga dura até o fim do brasileirão. Pelo que a imprensa nacional e principalmente a internacional veiculou dele, não tem perfil pra trabalhar com medalhões como o Felipe Melo. Só lembrar que FM conseguiu demitir o Cuca.

Que tal a diretoria tomar vergonha na cara e mandar esse aposentado que só f*** o time passear???

A treta dos 2 foi na eliminação da copa do Brasil -17 diante do cruzeiro, gol do Diogo Barbosa(só fez isso na vida eliminar o Palmeiras) o Egídio matou um contra ataque se ele toca pro Guerra iria sair na cara do gol, o lateral chutou na lua. No vestiário o Felipe Melo chegou pagando geral, o Cucagão disse que o volante não jogaria mais com ele, o Felipe Melo foi afastado disse em áudio que o calça vinho era cagão e medroso(falou a verdade ) que o Palmeiras não iria ganhar nada com ele . A diretoria de razão ao Felipe Melo que foi reintegrado ao elenco e o Cucagão foi demitido na derrota pro Bahia que o Dudu perdeu 2 gols feitos no Pacaembu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *