Categorias
Copa do Brasil 2020

Copa do Brasil Palmeiras 1×1 América: tudo igual na primeira

O Verdão entrou em campo pela primeira partida da semi final da Copa do Brasil contra o América MG do Lisca Doido. 1×1 no Allianz.

Olha…. tomamos um gol no início numa falha bizonha de Emerson Santos. Mas depois só deu Palmeiras. Ok que as chances não foram agudas. Mas o Palmeiras finalizou quase 30 vezes nos 90 minutos. Empatou no último minuto do primeiro tempo, num gol achado de Gustavo Gómez. Mas poderia ter virado no 2o tempo com Luiz Adriano.

Apesar do amplo domínio, alguns jogadores hoje não brilharam. Rony, Veiga, Zé Rafael, não repetiram as atuações das últimas partidas.

Sem problemas. Semana que vem o Palmeiras vencendo com vitória simples estará na final. Empate, decidirá nos penais.

Saudações alviverdes!

Deixe aqui seu comentário. Este será o post do pós jogo.

166 respostas em “Copa do Brasil Palmeiras 1×1 América: tudo igual na primeira”

Infelizmente o covidao é delas. Até o Pedro perdeu pênalti. O duro vai ser aguentar esses caras e a imprensa marrom. Vamos ver nos quarta feira. Portuga pede uns conselhos para o cebola.

A imprensa esportiva bajula os vencedores, sempre foi assim. Nos últimos anos, cansaram de nos colocar como “melhor elenco das Américas” (e muita gente embarcou nessa) até o cheirinho “passar o rodo nas taças” a partir do 2° semestre de 2019.

Não deixa de ser irônico, por outro lado, ver essa mesma imprensa que foi absolutamente implacável com o Diniz depois de cada insucesso dele ser obrigada agora a reconhecer o seu bom trabalho. Não estivesse ele no clube em que está agora, eu me divertiria muito com essa situação.

Gostaria de parabenizar a garotada do sub-20, pela 4ª conquista consecutiva do campeonato paulista, desta vez em cima da gambazada na fazendinha, nos penaltys.
2 destaques, um positivo e outro negativo. O positivo é o já citado aqui goleiro Kaike, que pegou 3 penaltys. E ntro só pra isso.
O negativo é o goleiro Leandro, que falhou feio no tempo normal e já falou que quer jogar com seu ídolo Emerson Arantes do Santos.
Avanti Palexxtra!!

O goleiro que saiu pra decisão nos pênaltis quer jogar com o Emerson Iemanjá, é isso? Tamos bem de referência…

E se existe complô pra ajudar o cheirinho, pela bolinha que estão jogando podem pedir a grana de volta porque esse BR já tem dono.

E já estão ganhando do Tapetense, com Fred e Nenê em campo (a bambizada queria mesmo era ver o Ganso…) e que depois da saída do maionese não vence nem cara ou coroa.

Feliz BR 2021 pra gente…

Pois é, eles já estão com uma mão na taça, do jeito que os rivais entregam a rapadura vão colocar um dedo da outra mão a cada rodada que passar. Infelizmente, já era, agora o negócio é torcer pro Grêmio despachá-los na quarta-feira senão esse final de temporada poderá ser recheado de pesadelos.

Caros amigos. Eu queria dizer Renan e me enganei com o nome. Só isso. E que o portuga, tomara que se aconselhe com o cebola.

Boca Jr. querendo o Bosteli do curinca, e nossa diretoria negando o Borja, vão para P.Q……Continuem cruzando bola para a branca de neve e os sete anões. Diretoria minúscula, presidente que gosta …..

Caro Lito, aqui é o Abel.
Gostei muito de sua sugestão para minha “equipa”.
Já vamos testar o Roni na zaga, junto com o Willian ká no 1. jogo contra o River. pois estamos tomando muitos gols de cruzamentos.

Obrigado pela sugestão, o pá.
Eu ainda não tinha pensado nisso.

Também estou pensando em colocar Marcos 🪨 na lateral esquerda.

Se o Rony vai ser aproveitado como zagueiro, não sei. Mas que o Gustavo Gómez tem sido nosso melhor atacante, principalmente quando a coisa tá feia (vide jogos contra Libertad lá e América MG aqui), disso tenho zero dúvida.

O campeonato em que é preciso jogar um pouquinho de bola pra vencer já era, então não vou criticar falta de futebol pois a gente vai até se acostumando a isso com o tempo, tanto que a mínima evolução parece o máximo de qualidade, e não é bem assim. Por outro lado, até por uma questão de coerência se eu não tolerava algumas invencionices do antigo treinador não será pelo sotaque lusitano que elas serão aplaudidas agora.

Treinador de time profissional não faz jogador aprender a jogar bola, assim como professor de faculdade não ensina aluno a escrever ou a fazer cálculos aritméticos básicos. Mas tanto um como outro deve estabelecer o seu próprio limite do quanto tempo quer e pode perder com quem não está nem aí pro seu trabalho.

Portuga, está na hora de você trocar umas idéias com o cebola. Escuta uns conselhos dele. Acho também que está na hora do Roni voltar na zaga com o Gomes e o veron sentar um pouquinho no banco. Emerson Santos vai

Ainda em tempo, um Feliz Natal a todos, sempre celebrando o verdadeiro signficado da data: o nascimento do salvador, Jesus Cristo.

Quero deixar aqui o meu ensejo de uma noite fraterna de Natal à todos.
Com muita paz, amor e saúde.
Um Natal Feliz e que o Cristo Jesus esteja no coração de cada um de nós.

Amém, Renato. Pra vc e pra todos nós. E uma ótima recuperação, em primeiro lugar pra você com sua saúde e num contexto mais amplo para o Palmeiras com seu futebol.

Amém 🙏🏻
Eu sei que irei ficar bem.
Já o nosso time eu não sei.
Acho que o molho do bacalhau está azedando.
Obrigado pelo carinho Yoda.
Que todas as famílias possam estar reunidas não só hoje especificamente no Natal e sim todos os dias.

Feliz Natal a todos! Nunca nos esquecendo do aniversariante, Jesus Cristo. O Caminho, a Verdade e a Vida!!!

Apesar do resultado de ontem, acredito que vamos passar pelo América Mineiro. Porém, em relação ao confronto com o River Plate, depois das últimas atuações, fiquei preocupado. Há 10 dias estava bastante confiante. Se passarmos, enfrentaremos o Boca Juniors na final. Não acredito no Santos. Ou seja, a conquista dessa Libertadores será épica, com eliminação do River Plate e, enfim, vencendo uma decisão contra o Boca Juniors (caímos duas vezes para eles nos pênaltis e em 2018 por covardia), em pleno Maracanã. Que assim seja!

Pq o time só faz cruzamento baixo e rasteiro, facilitando para todo adversário …..que já sabe disso?

Ataque anão.
Willian
Ruinny
Gabriel Silva.

Palmeiras manteve o nível.
De entregar a rapadura e ser a mãe dos 4 últimos colocados da Série B….. e os primeiro da série B.
É tudo um bloco só.
E de quem precisar ser reabilitado.

O Portugal já está começando a ficar irritado com os perebas.
Uma hora ele pega os copos que coloca no chão e atira nos amarelões.

O cara tem um BMW com peças de ferro velho, compradas com preço de Lamborghini …. na hora H, fica na estrada.

O portuga precisa colocar time reserva domingo. O veron também precisa jogar um pouco mais. Emerson Santos vai ……

Que fase, hein! Poupar num jogo de Série A pra enfrentar um time de Série B. Mas como o Assaízão já era mesmo, poupa. Eu pouparia com: Jaílson, M. Rocha , Valdiviovitch, Peru e Scarpa; E. santos, Zé Marreco e Lucas Lima; Centroavante anão, Willian e Breno. Deixaria todos jogar os 90′

Em 99 empatamos 1×1 em casa contra o campeão da libertadores de 98, Vasco, e goleamos fora.

Será tão difícil ganhar de 0x1 do América? Calma

Em 99 tínhamos Alex, Paulo Nunes, Evair, Arce e Júnior. Jogadores vividos que já tinham provado seu valor em outras conquistas e as ratificaram naquele Palmeiras. Hoje temos Veiga, Scarpa, Lucas Lima, Rony, Bigode e Marcos Rocha, alguns deles até bons jogadores, mas a comparação é cruel.

Também acredito na vitória. Aliás, nos títulos, e para alcançá-los a bem da verdade não precisamos necessariamente de mais nenhuma vitória. Se passarem o pouco tempo livre disponível arrumando a defesa e treinando pênaltis, estamos a oito “0x0” e a seis vitórias nos pênaltis da tríplice coroa…

Depois de ser testado como volante, o sucesso subiu na cabeça de Emerson Édson Santos, e este imaginou que poderia alçar vôos maiores….. que poderia ser MEIA.
E mostrou com o passe de mágica, colocando o adversário só, diante do goleiro.
…. tem talento.

Então tá explicado, o Cerezo (que tá vivo) “baixou” no Emerson Edson Santos e o Paolo Rossi (que já se foi) “incorporou” no Ademir. Só faltou saber quem era o Júnior Capacete da vez.

Todo mundo mete o pau no Toninho Cerezo, no Waldir Perez, no Luisinho, no Chulapa, no Telê, mas no primeiro gol da Itália o Júnior não segue o Rossi, que entrou na área pelo setor dele, e no terceiro ele é o primeiro a levantar a mão pedindo impedimento mas o único que ficou embaixo da trave dando condições ao atacante italiano. Como jogava no Flamengo, tinha salvo-conduto da mídia bairrista pra errar à vontade sem ser molestado.

E tem outra coisa que já falo aqui há alguns anos. Esse Gustavo Scarpa é outra mentira. Já é um pinóquio na posição original, e agora cismaram que o cara é lateral. É um reserva útil, nada além disso.

Gostaria que você escalasse o time que considera ideal para o Palmeiras entrar em campo até o final da temporada e dispu.tar os títulos com chance de conquista. Não vale Evair, Rivaldo, Alex, Ademir da Guia, Jorge Mendonça, Gabriel Jesus, Dudu (o dos anos 2010, embora tenha certeza de que esse vc não escalaria mesmo…) ou qualquer outro aposentado, falecido ou não mais vinculado ao atual elenco, além dos lesionados que só voltarão depois do Carnaval. Também aconselho não contar com Messi, Cristiano Ronaldo, Lewandovski, Alexander-Arnold, Salah, Van Dijk (esse também tá no DM), De Bruyne ou Mbappé pois talvez essa turma não consiga passaporte ou registro no “BID” da Conmebol a tempo pro primeiro jogo das semifinais da Libertadores…

Reclamar o tempo todo o cachorro da minha vizinha também sabe – pelo menos o lazarento fica latindo a noite inteira aqui do lado…🐕

Não dá pra escalar o time porque não tem onze jogadores que mereçam vestir a camisa do Palmeiras. Escaláveis são Weverton, Gómez, Luan, Menino (não de lateral), Patrick (descongelado), Wesley, Veiga e Verón. O resto pode mandar embora. O Abel é funcionário e ganha muito bem para escalar o Palmeiras (eu não) e fazer meia-boca jogar bem e ser campeão, e ainda ter que ouvir torcedor mimado, bipolar e reclamão.

Eu já imaginava que você fosse escrever isso. Não está de todo errado, afinal não somos um “celeiro de craques”, eu mesmo não consigo entender como alguns desses jogadores foram parar no Palmeiras, porém faz perder todo o sentido da nossa torcida. Se vamos ganhar tudo ou passar vexame nesta temporada, será com esses caras, gostemos ou não deles.

Não vou alongar a discussão, já está tarde, amanhã é Natal e não vale a pena. Como escrevi, só reclamar o cachorro da vizinha também sabe, pelo menos o problema dele parece ser fome ou falta de atenção, já o de quem acompanha todo jogo mesmo achando tudo um lixo esperando que um dia as coisas vão mudar eu não sei qual é. Só acho “ele ganha pra isso, não eu” um argumento bem pobre, mas devo respeitar outras opiniões. Quem sabe se voltarmos a ter Eduardo Baptista, Celso Roth, Oswaldinho, Rovílson, Adriano Chuva, Márcio Careca, Marcinho Guerreiro e outros do mesmo nível e lutarmos pra não cair esse pessoal sossegue e embarque menos na onda do “eu já sabia”.

Você tem razão, o argumento é pobre, mas eu não tinha outra resposta pra te dar. Por exemplo, na lateral direita, ou é o Marcos Rocha que é ruim ou o Menino que não sabe marcar. Quem eu escalo? Na esquerda, ou é o Vina que se manda e depois corre atrás, ou o Scarpa. Quem eu escalo? Agora o Abel tem que escalar, ele aceitou o emprego. É f.o.d.a! O melhor mesmo é ir dormir.

Eu entendo você, Gustavo. E só falei da pobreza do argumento porque sei que você é capaz de mais, e até por isso se dignou a responder, poderia ter ignorado. Tem um energúmeno com nome de ex-treinador que “escreve” (o verbo seria outro 💩, mas deixa pra lá) aqui só metendo o pau em tudo e em todos, nem sei se é palmeirense mesmo, deve ter tentado suicídio quando ganhamos o BR em 2016 e 2018, cujos argumentos são tão profundos quando uma folha de caderno. Ontem mesmo, tinha postado meia dúzia de 💩, depois do Palmeiras empatar ele sumiu. Criticar faz parte e às vezes é até necessário, mas um determinado nível de negativismo eu acho que só faz mal, e ainda por cima contagia os demais.

Eu só sei que cobro muito do Verón, do Gómez ou do Wéverton quando eles vão mal porque sei que podem dar mais. Não espero nada de Emerson Edson Iemanjá, Mayke, Rony e uma dúzia de caras que o treinador já deveria saber que só deve usar depois do último caso. Por outro lado, o Internacional de 2006 tinha Alexandre Pato, Fernandão, Rafael Sóbis e o nosso Luiz Adriano mas foi campeão mundial graças às defesas do Clemer e ao gol do Adriano Gabiru. Então, enquanto houver chance eu vou acreditar, mesmo com um monte de caneláveis nesse elenco.

Também acho. Sempre falei, não entendi porque tanto esforço pra tirar ele do Fluminense. Como lateral, ele é só menos pior, mas daí a ser bom, passou longe. Jogador com físico de pernilongo, cara de assustado, e futebol mais ou menos. No time atual, sim, ele tem de ser titular. Pro ano que vem, que o portuga vai fazer o planejamento, sei não…

Ano que vem venderemos os melhores garotos da base, e pelo nível do Gabriel Silva já deu pra ver que a safra que vem aí já não é das melhores. Além disso, muitos dos “cinco anos de contrato” vão vazar e não acredito que num ano pré-eleição com a tia Leila precisando receber pra não concorrer como credora teremos contratações bombásticas. Assim, a menos que aconteça um fato inesperado em 2021 teremos um time pior que o de 2020.

Quem será o autor da “cag.adi.nha” já tradicional entre os perna de pau em momento decisivo… contra o River?

Aquela entregadora básica que já estamos acostumados, por insistir há anos em contratar esses “Losers”.

Weverton?
Marcos🪨?
Edson oferenda de Iemanjá Santos?
🍷?
🦃?
Ruinny?
Ruinnwillian?
Ruinnadriano?
Mike?
Veiga, LL…
Abel?

Quem será o felizardo?

É, eu também desejaria jamais tê-lo conhecido jogando com a camisa do Palmeiras, viu?

Depois daquele bicão pra arquibancada vazia no final do primeiro tempo, eu só entendo a atitude do treinador em não tirá-lo de campo pelo ponto de vista humanitário, pois se fizesse isso acabaria com a carreira do cara. Por outro lado, prestaria um serviço ao futebol…

Gosto do Weverton, mas ele é candidato a fazer ca.g.adinhas, já tem precedente. Assim como é quase certo que, vamos ter poucas chances, e algumas bem claras vão ser desperdiçadas de forma bisonha pela dupla Willian/Luis Adriano. É certo que o Ruinny vai desembestar a correr, e tomar as decisões mais erradas possíveis pra passar/chutar a gol.

Não tá fácil. Torcer pra esse time, montado nas coxas, requer uma dose cavalar de paciência. Mas vai ver, isso é bom, ajuda a aprender a ter auto controle….

Resultado decepcionante, colocando mais um pouco de realidade na nossa rotina. Ainda não estamos preparados para desafios maiores. Por outro lado, nenhum título está perdido. Ainda.

Sei que vou parecer mais anormal que o costumeiro, mas considerando nosso costumeiro (e justo) hábito de malhar as arbitragens gostaria de fazer uma menção honrosa ao Leandro Vuaden. Ele não é mais que um árbitro nota 5,5, mas perto da média nacional que é nota 2 o cara é dos poucos que não apita qualquer faltinha nem tem ataque de estrelismo em campo. Está muito longe do ideal, mas acerta muito mais do que erra, por isso gostaria que outros muito mais incompetentes porém com maior prestígio estivessem pelo menos nesse nível.

A vitória do Boca Juniors não surpreende. É o que se espera de time desse tamanho, ganhar na hora que precisa. Hoje a chance da reedição de uma final portenha fora de Buenos Aires é muito grande, resta aos demais concorrentes provarem que podem superar suas limitações.

O Palmeiras decepcionou e a classificacao a final e obrigatoria. O Racing tambem decepcionou. E considerado grande na Argentina, mas deve ser grande tipo Atletico-MG.

É mais ou menos isso mesmo, o Racing é como um Atlético Mineiro da Argentina. Por ser de Avellaneda, uma província da região metropolitana da Grande Buenos Aires, também pode ser comparado ao Santos. Foi o primeiro clube argentino a ser campeão mundial, tem uma tradição enorme mas nos últimos 60 anos ganhou o campeonato nacional quatro vezes, duas delas nesta década (2014 e 2019). Esteve à beira da falência algumas vezes, se reergueu e voltou a incomodar os maiores do país. A diferença é que o Flamengo menosprezou e o Boca não…

Se passarmos pelo River Plate – ha 10 dias estava muito confiante, hoje muito preocupado – vamos pegar o Boca Juniors na final. Nao acredito no Santos. E a nossa grande chance de vencer uma partida decisivaem cima do Boca Juniors. Caimos duas vezes nos penaltis e em 2018 por covardia. Mas o Palmeiras tera que voltar ao seu melhor momento.

No 1° tempo o Palmeiras jogou demais, e o gol do América foi uma fataliade rara, o atacante disp.u.t.ou a bola com E. Santos, ele ricocheteou e entrou no canto. Empatamos merecidamente num golaço de lateral. No 2° tempo, jogamos o fino da bola, digno da Academia de Ademir da Guia e cia.. Que espetáculo! Merecíamos golear, oito a um seria o justo, mas a bola teimou em não entrar. Acontece.

Concordo um pouco com a indignação! Resultado foi frustrante, mas ainda temos totais condições e repito nosso jogo não foi essa tragédia toda.
Já já vai pedir a cabeça do português…

Não sou eu. É o próprio português que está começando a trilhar o caminho de sua demissão. A continuar nesse estado de “luxemburguização”, da negação ao bom futebol que herdou do cebola (Jesus! Eu disse isso?), insistindo com Marcos Rocha, Zé Rafael, Willian, Lucas Lima, (que já deveriam ter dado pista na virada de 19 pra 20) muitos jogando 90′, não conhecerá a colomba pascal. Só falta a retranca para ser o espelho do Pofexô, e o River o obrigará a isso.

O português não tá nem aí pra colomba pascal.
Ele vai se lamentar se perder a bacalhoada, se bem que na terra dele deve ser melhor.

Pelo que estou vendo não está nem aí mesmo. Apesar que hoje, acho que uma coruja cagou na cabeça dele e deu um estalo em sua mente: “ora poos, poos, vou tirar esse Zé Rafaiel e este Bigodudo que só roda roda viram e não fazem nada.” Quem sabe não foi um sinal de melhora.

Se bobear e perder do América não vai ter colomba, vai ter gente pedindo pro portuga devolver o panetone de Natal mesmo. Aí a gente tem a opção de dar chapéu no Inter e trazer o Miguel Ángel Ramírez, ou quem sabe continuar no sul e ver o que Celso Roth e Dunga andam fazendo da vida. Talvez, começar a rodar a velha lista de sempre, com Dorival, Oswaldinho, Abel Braga, quem sabe daqui a pouco o Felipão sai do Cruzeiro, e assim segue a vida…

Se perder do América é panetone de chocolate. Rabanada de ovo de páscoa, coelhinho no trenó, caixa de bombom da Lapônia. E o Abel na frigideira com azeite argentino. Mas ganharemos a Libertadores.

Claro que o resultado não agrada, mas o jogo do Palmeiras, principalmente no segundo tempo, não foi ruim!
O América não fez absolutamente nada nesse jogo. Tivemos 70% de posse e 3 vezes mais finalizações. Se o Luiz Adriano não estivesse voltando de contusão teria feito aquele gol. Além do que me parece que aquela bola do primeiro tempo entrou.
Pelo menos o resultado serve para colocar um pouco de ordem na cabeça de todo mundo. Dá para beliscar sim as copas, mas não somos favoritos em nenhuma delas.
Marcos Rocha hoje jogou melhor que sábado.
Prefiro ele na lateral e o Vina na outra, e o meio de campo com Danilo, Menino, Veiga e Scarpa, no ataque Veron e Rony.
Foi assim pelo menos que apresentamos os melhores resultados do ano.
Vamos chegar lá na volta. O América joga muito pior em casa.
Saudações alviverdes e feliz Natal a todos!!!

Feliz Natal, LGO!
Se você foi um bom menino, peça a classificação pro Papai Noel na próxima 4a. feira!

Kkkk
Contra o América não tenho coragem de pedir. Acho que temos a obrigação de passar.
Contra o River eu já pedi…kkkkk

Beleza!
Então vou pedir pra pegar o Boca na final, pois será insuportável perder pro Santos no Maracanã!!

Se o América não fez absolutamente nada em campo e o resultado final foi um empate, quem foi mais incompetente?

Não é tão comum, mas concordei com tudo que você disse. Acho que nossa classificação depende mais da gente do que do América. Eles vão fazer o que podem, amarrar o jogo, retranca e correria. Somos nós que temos de apresentar um bom futebol, e ganhar jogando bom futebol.

Eu dispenso o bom futebol, pode vir só a vitória mesmo.

Se o América não fez absolutamente nada e o resultado final foi empate, o mais incompetente foi o Palmeiras como um todo. O treinador que escalou errado, a defesa que deu o gol de presente ao adversário, o meio de campo que criou pouco (as maiores chances foram nas bolas longas, ligação direta ou alçadas na área) e o ataque que foi ineficaz. Ninguém vai ser menos torcedor se admitir isso.

Que é exatamente o que eu disse (não entendi se você tava concordando ou emitindo opinião diferente). O América vai fazer o papel de time pequeno dele. Cabe ao Palmeiras resolver jogar bola. José bom futebol que eu digo, é não errar passe de 2 metros, encostar no companheiro pra ajudar na jogada, e quando estiver na cara do gol, não chutar no espaço inferior da bola, mandando ela pra lua, e sim mais próximo do meio dela, de forma que se for pra subir, subir ainda na altura do gol. Hoje o time praticou qualquer coisa, menos bom futebol…

É verdade, o América joga melhor fora de casa. Eliminou Corinthians e Inter com vitórias fora de BH, em casa empatou com ambos. Na última rodada da Série B do ano passado dependia de uma vitória no Horto contra o já rebaixado São Bento pra subir e perdeu.

O contraponto é que, até aqui, o time do Palmeiras dirigido pelo Abel Ferreira também joga pior quando atua fora de casa.

É verdade, tinha esquecido. Vamos combinar que com aquele gol do Inter aos 50 e tanto do segundo tempo e a derrota nos pênaltis passou despercebido, parecia cena pós-créditos no final de filme da Marvel…

Melhorou no segundo tempo, mas resultado muito decepcionante. Deixar de ir a final sera um fiasco. Preocupa muito para os confrontos contra o River Plate.

Resultado normal. O América entrou com espírito guerreiro e jogou com a faca nos dentes, o jogo de sua vida. Além disso, nossos jogadores estão cansados devido a maratona exaustiva de jogos. O Abel foi magnífico, escalou Willian e Zé Rafael de titulares e eles corresponderam bem. Tomamos um gol de puro azar e fizemos um golaço de lateral. Nosso time é o melhor e não me preocupo com esse América, muito menos com o River, que só ganha quando tem alguém expulso. E se o América nos eliminar, normal também, pois jogar no horto, mesmo sem torcida, é sempre muito difícil.

Empate com gosto de derrota. Mas adversário muito limitado. Com um mínimo de seriedade, boa vontade, e deixando a burrice no armário em casa por 90 minutos, vamos voltar de Minas classificados.

Um oceano atlântico de água fria. Não sei se teremos força, futebol e cabeça pra vencer a seleção do lisca em MG.

Emerson Santos na partida: uma entregada monstro que resultou em gol, um chute de fora da área pra lua, 2 faltas perigosas no entorno da grande área, 0 desarmes importantes.

Onde que o Palmeiras vai arrumar essas porcarias…?

Essa especificamente foi no Botafogo, clube que está caminhando pro seu terceiro rebaixamento e que pelo andar do féretro não volta tão cedo. O pior é que já tinha provado que era ruim há quase três anos, mas como deve ter sido mais uma das mirabolantes contratações “padrão cinco anos” do Sr. Mattos, numa hora de aperto acaba voltando ao elenco e, pior, sendo usado em momento decisivo.

Deve estar pau a pau. Hoje acho que a Chape ganha do Libertad, o América é melhor que o Olimpia (que conseguiu ser eliminado pelo Delfín, vamos lembrar…) e o Cuiabá não faz feio contra o Cerro Porteño…

Time parece mais acordado no segundo tempo. Mas… precisa fazer um primeiro tempo tão ruim pra acordar? Vai ter sempre de desperdiçar o primeiro tempo pra dar jogo?

Só sei que, mais uma vez, repito, não vejo adversários tão superiores a gente pela frente, mas quanto digo isso, falo pensando no Palmeiras entrando ligado e jogando de acordo com as melhores partidas que a gente já viu esse time jogar. Entrando assim, como entrou hoje, vixe… River, Grêmio, Boca, Santos, vai meter 2 x 0 no primeiro tempo.

“Vamos dar a nossa vida”

Momento decisivo…. aparece a ca.gar.a básica de todo perna de pau.
É sempre um revezamento de quem entregará a rapadura.

Ruinny is the Hope!

Nosso gol foi um achado, mas o deles também foi, afinal.

Aí não sei se o time precisa se encontrar ou se esse aí é o teto que esse time pode alcançar. De todo modo, decepcionante até agora.

Foi muita qualidade dele também. O Palmeiras sempre contrata só um zagueiro fora de série, o outro é sempre capenga. Ou dois capengas, as vezes.

Menos mal. É o tipo de gol que nem consigo comemorar. Tomara que o segundo tempo o time faça o contrário de 100% do que fez nesse primeiro tempo.

1-1 Enquanto entramos todo jogo com dois a menos, o Goméz joga por dois, e leva mais perigo que os três do ataque. Salva na defesa, salva no ataque.

Se o mais importante do futebol é o gol, como não ter uma câmera em cima da linha? E jinguém fala nada nessa b.o.s.t.a de imprensa. V.t.n.c!

Eu não tenho tanta certeza, mas no ponto mais fundo que a bola passa a linha, tive a sensação que passou inteira. Mas de qualquer forma, o time tá péssimo, não dá pra depender só dessa bola. Jogador tá rodando sozinho procurando a bola, não tá chegando ninguém pra ajudar nos ataques pelo lado, segunda bola ninguém fica na cabeça de área, mais os erros técnicos de sempre (chuta errado, inverte o jogo errado, chuta errado, cabeceia errado…)

É o q a gente sempre falou por aqui. Quando você tem um elenco mediano com jogadores medianos e pipoqueiros a chance de acontecer isso q tá acontecendo hoje não é nada pequena. Enquanto a diretoria não formar um time de verdade com jogadores de verdade a gente vai continuar vendo esse filme ano após ano. Já foi assim com o Luan , já foi assim com o António Carlos zagueiro contra os gambás em 2018 . Hoje foi a vez do fraquíssimo Emerson Santos.

O Palmeiras que vinha jogando bem, tava bem mais vertical. Hoje, e contra o Inter, tá um tal de tocar a bola pro lado, em vez de pra frente, segurar muito a bola, em vez de tocar. É tudo que o adversário quer, que você fique encerando, encerando, e nada acontece.

Acabou o gás? É culpa do corona? Os jogadores se uniram por pouco tempo pra provar que o Pofexô tava errado ? Os outros times já sacaram qual é a do portuga? Até acho que nas copas até pode ganhar por ser tiro curto, mas para o ano que vem tem que mudar muita coisa…

Acabou o gás, os jogadores estão cansados, coronga, América jogando o jogo da vida, nunca ganhamos de um tume com mascote de 🐇 no gramado sintético, e por aí vai.

Faltou dizer que hoje é praticamente sábado, e sabemos que sábado às nove e pouco o Palmeiras sempre joga mal kkkkkkkkkkk

Independentemente de quais sejam as respostas pras suas perguntas, a sua afirmação final é verdadeira. O que o Abel tinha de coelhos pra tirar da cartola com esse elenco ele já tirou, ou muda muita coisa (pra melhor) na próxima temporada ou nem no “quase” vamos chegar.

Tem gente que ainda prefere esse Emerson do que o Luan. Com um pé amarrado, o ex-zagueiro do Vasco é bem melhor – e olha que é bem meia-boca mesmo. Não foi a toa que esse Emerson nem inscrito foi pro Paulista de 2018, é mais um dos tantos refugos que vamos buscar em times decadentes.

Tá na hora de mostrar se vamos ser o time que só trucida galinhas mortas e treinadores suicidas parando no “quase” ou se tem gente que decide jogo duro aí nesse elenco.

Entrar com Willian do Bigode e Zé Rafael, e começar com 9. Aí o beque me entrega um presentaço. Abel, Abel. Acorda!

Pqp, que desgraçado… Por que meu filho, por que vc me cruza essa bola na frente do gol????

Um pouco dos dois. Não é possível que os outros zagueiros sejam piores, mas só mesmo tempo, por pior que você seja, é muita cabacisse cruzar essa bola desse jeito.

Desculpe, mas quando esse Emerson reapareceu no elenco eu fiquei preocupado. Toda vez que o tinha visto em campo, suas atuações foram fracas. Tinha que ser a última opção, se os demais zagueiros do elenco já estiverem clinicamente mortos. Errou quem escalou, como disse o Levi.

Não discordo que ele seja ruim. Só acho que todos são…

O Luan e os outros dois não são muito melhores não. É triste dizer, mas por mais perigoso q seja ter o Felipe Melo, uma dessa ele não fazia

Sobre o lance, tenho a sensação que a bola entrou, mas por muito pouco, tá meio difícil mesmo.

1min de jogo, contra ataque do América, quase gol. Motivo: Palmeiras estava indo pro ataque, embolou com a marcação, em vez de colocar a bola no chão, passar ela, quiseram ficar fazendo briga de foice. Se vai tentar jogar feio, vai ser punido.

A equipe maior e mais cara, supostamente, tem de jogar melhor, mais tecnicamente.

Basta dois 0-0 e ganhar nos pênaltis lá. Não precisa nem fazer gol, muito menos jogar bom futebol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *