Categorias
Brasileiro 2020 Jogos

Brasileiro 2020 Palmeiras 1×1 Vasco: empate, jogo fraco e só pensando naquilo

Em jogo atrasado da R01 o Palmeiras empatou com o Vasco por 1×1 no Allianz. Gol de Breno Lopes no 1o tempo.

Jogando com o time reserva perdemos muitos gols. Mais uma vez a finalização foi nosso ponto fraco. Felipe Melo e depois Breno Lopes perderam chances incríveis. Depois o mesmo Breno Lopes abriu o placar mas logo depois o Vasco empatou num gol de falta (era defensável?).

No 2o tempo o jogo ficou muito fraco. Empate justo e agora vamos pensar apenas naquilo….

Sábado, Maracanã, 17 horas.

Saudações Alviverdes!

163 respostas em “Brasileiro 2020 Palmeiras 1×1 Vasco: empate, jogo fraco e só pensando naquilo”

Santos oferece 15 milhões de premiação.
Palmeiras 24 milhões.

Só faltam entrar desconcentrados.

Meu medo é o Luan finalmente conseguir fazer o gol contra que tentou fazer nos últimos jogos.

Com um pingo de esperança de ver o Wesley em campo… mas nunca Felipe Melo.

Ele já fez contra os urubus. terceira cerveja descendo que nem água. Pelo amor de Dios, só hj, aceito 2021 sem ganhar mais nada.

Abrindo a primeira de muitas cervejas. Nunca pedi nada San Genaro(rsrsrsrs), nos dá hj a alegria de gritar campeão.

Vencemos a batalha das luzes no Maracanã.
Tomara que essa pequena vitória possa iluminar a mente dos nossos jogadores, sobretudo do nosso candidato a Rei da América.
Hoje sou Rony e mais 10 !!!
Avanti Palexxxtra!!!

Vejo o Palmeiras como favorito ao título. O Santos chegou à final de maneira que nem eles próprios sabem como. O Palmeiras não pode perder essa oportunidade de ouro de ganhar mais uma Libertadores da América. Simplesmente isso.

Eu sei como eles chegaram. Com 3 atacantes rápidos, goleadores e 2 deles dribladores e que invariavelmente vão pra cima da defesa adversária. E não tremem dentro de casa.
Se o Abel conseguir anular 2 destes 3 atacantes, temos grandes chances de levar o bi nos 90 minutos.
Nossa defesa e meio de campo são melhores.

Assim como o Porco Nervoso, eu também sei bem como eles chegaram. Jogando muito bem. Mas sabe que, se analisarmos com mais frieza, no papel, eles pegaram grandes pedreiras (Grêmio e Boca), mas se você parar pra analisar só o futebol praticado, Grêmio e Boca estão de mais ou menos pra baixo.

A gente só empatou com o Grêmio no Brasileiro, porque pra variar, o time jogou fora um caminhão de chances de gol. Mas pode-se dizer que nós massacramos eles. E o Boca, bom, todo mundo assistiu aí, algumas partidas deles. Time totalmente apático, lento, dependente de contra ataques e um aposentado no ataque (Tevez). Talvez o Santos realmente não esteja esse bicho papão todo que deu a impressão .

Mas claro, Palmeiras tem de jogar muito, sendo o Santos muito bom ou não.

Faltam 5 horas pro jogo, já estou com a água que passarinho não toma e os salgados prontos, manto verde no peito, e sono invertido (aqui o jogo começa às 5 da manhã). Espero ter um domingo de ressaca mas com muita alegria.

O Santos não é bicho papão nem galinha morta, acho que ninguém jamais afirmou tais exageros por aqui. Saber disso e do potencial que eles têm, principalmente entrando em campo na condição de “não temos nada a perder”, já é meio caminho andado.

Os caras estão cozinhando ovos à temperatura ambiente no Rio de Janeiro.
Temos que ter inteligência e paciência pra jogar nessa temperatura.
Sem correria no 1º tempo, por favor.

Não dormi direito . Fui deitar as 4 da manhã e ficava acordando o tempo todo….pelo menos num desses cochilo sonhei que vencemos por 1×0. Que assim seja! 🙏🏻

Estou bem confiante no jogo, mas uma coisa que tenho muito medo é devido a essa tensão algum jogador nosso acabar expulso. Espero que o master chefe bacalhau esteja trabalhando isso na cabeça dos nossos jogadores!

Então de acordo com os sonhos: sonhei com um 2 x 0, vive com um 1 x 0 e o Moronao com um singelo 4 x 0 kk. Aparentemente, está todo mundo confiante. Só resta ao Palmeiras fazer a gente acertar esse bolão “dos sonhos”.

Ansiedade a mil!
Sonhei com um jogo pegado no começo e o Palmeiras abriu o placar e logo fez o segundo.
Isso desestabilizou o Santos e aí veio o carreto. Final e jogo no Sonho 4×0!
Foi fantástico! Agora partiu realidade!
É muito interessante como o cérebro consegui recriar todas as sensações. Da alegria extrema ao choro!

E que continuem jogando o favoritismo no Santos! Tira essa pressão desnecessária do nosso lado!

Estou confiante! Estou sentindo a vibe de campeão! E só nosso meio campo jogar centrado focando na marcação e encaixar os contra ataques certos que a coisa vai!

Hoje eu nunca duvidei dos nossos atacantes! Sintam a energia que vocês são os caras e que vão entrar pra história!

Vamos palmeiras!

O galo anunciou o Hulk. Será que pode dar um dopping psicológico bom pra gente? Os atacantes sentirem que a diretoria confia neles.

De resto, estou vendo pra todo lado, darem o favoritismo pro Santos. Não gosto muito, mas é sabido que isso também costuma dar um “up” no outro time.

Se a história é dar um dopping psicológico, disso estamos bem abastados.

De qualquer forma, eu mesmo não estou confiante. Comparando os dois times, o Palmeiras é uma máquina de criar oportunidades claras, e desperdiçar. O Santos é o contrário, onde parece que não dá pra fazer um gol, eles fazem o gol aparecer. Se pelo menos 1 dia, nossos jogadores pararem de enfiar bicuda de dedão na bola com a cabeça baixa, e começar a bater colocado com a cabeça erguida, poderíamos até golear… Mas o jeito é torcer pra bicuda de dedão com cabeça abaixada entrar de qualquer forma…

Não sei onde você andou vendo darem o favoritismo ao Santos. Nos poucos veículos aos quais assisti (hoje mesmo não estou vendo absolutamente nada, só vou ligar a TV às cinco) a maior parte dos jornalistas, inclusive torcedores rivais da capital, salientaram o equilíbrio mas colocaram o Palmeiras com leve favoritismo, considerando o fato de ser partida única.

O final de semana de festa verde começou. A Chape, que ganhou um pouquinho do coração de todo palmeirense, é campeã da Série B. Detalhe: o gol do título veio de pênalti com cavadinha! O vice América também tem verde, mas uma “segunda cor” ali na camisa não ajuda muito… Aliás, se Coritiba e Goiás vão embora, outros dois “verdes” subiram, Juventude e Cuiabá.

Muito bom ver a manifestação dos funcionários do Palmeiras dando força aos jogadores e comissão antes do embarque da delegação rumo ao Rio de Janeiro.

Isso foi consequência natural da consideração que o clube teve ao não demitir nenhum funcionário no auge da pandemia, mesmo o futebol tendo parado por três meses e com as receitas do clube comprometidas e com os jogadores aceitando reduzir 25% dos seus vencimentos para colaborar para a manutenção dos empregos do pessoal.

Sou um crítico da gestão do Maurício Galliote por diversos motivos, mas tenho que reconhecer que a postura do presidente do Palmeiras durante a pandemia foi exemplar!

O Palmeiras, em toda sua história, sempre foi pioneiro e esteve à frente em atitudes virtuosas. E nem o Galiote foi capaz de contrariar o caráter e a história do clube.

Estou ansioso para a final do dia 30, mas se perdeu perdeu meu pai conseguiu me deixar mas tranquilo, ñ para de pensar na final.

Falei pro meu filho Arthur que será bom demais ganhar, mas futebol é futebol e infelizmente a derrota pode vir.
E como falou o Yoda “ o Palmeiras continuará vivo dia 31/01 com vitória ou com derrota!
Vamos com fé que temos tudo para ganhar!!

Pois é, meus caros. Venha o Botafogo com uma tremenda melancolia ou o Tigres com uma baita ressaca, o Palmeiras continuará existindo quando terminar o jogo deste sábado. E assim como espero que aconteça com todos aqui no 3vv, independentemente do resultado, cada vez mais forte.

Não vou prometer parar com a cornetagem se o título vier porque ela não é gratuita nem sem sentido, eu vou continuar querendo que o Palmeiras supere cada vez mais desafios e que definitivamente internacionalize seu nome, ganhando copas e torneios e formando times que sejam cada vez melhores e temidos por qualquer adversário.

Carlinhos Vidente crava que o Palmeiras vai ser o campeão. “Palmeirense, pode preparar a faixa, vai ser um jogaço, e o Palmeiras ganha a Libertadores”, disse o vidente. Lembrando que ele acertou na nossas conquistas da Copa do Brasil em 2015 (quando o Santos era o favorito), dos Brasileiros de 2016 e 2018 e cravou que o Flamengo venceria a Libertadores de 2019, entre outras previsões. Se serve de alento aos desesperados…

Só conheço o Carlinhos Vergueiro, cantor e compositor carioca, tricolor e pai da (bela) Dora Vergueiro…

Falando sério, depois do “polvo Paul” na Copa da África do Sul não me espanto com mais nada vindo do campo do esoterismo. Não duvido nem perco meu sono por causa disso, mas mal também não faz.

O célebre Robério de Ogum previu no início de 2020 a queda do JJ no cheirinho e um título internacional para o Palmeiras. De qualquer maneira, por determinação da Conmebol a gente já sabe que o Palmeiras não jogará com meias brancas amanhã…

Kkkkkkkkkk…..Esse negócio de vidente dá um medo. Pensa nuns caras q vivem errando kķkkk…..espero q esse Carlinhos esteja calibrado dessa vez.

Tomei conhecimento de alguns comentários de palpiteiros da imprensa, de muitos torcedores rivais e até de alguns palmeirenses fazendo a análise de que o time titular das sardinhas é melhor que o nosso. Fazendo uma análise bem realista e sem clubismo podemos falar:

Weverton é muito mais goleiro que Jhon Victor e João Paulo;

Gustavo Gomez é melhor que todos os zagueiros do Santos, embora o Lucas Veríssimo seja um zagueiro de bom nível também;

Viña é melhor lateral do que Felipe Jhonatan;

Danilo, Patrick de Paula e Gabriel Menino são jogadores de meio-campo melhores do que o Santos, embora o Pituca e o Alisson estejam bem entrosados;

Marinho e Soteldo são dois melhores segundos atacantes que os nossos jogadores da posição, embora o Gabriel Veron pode evoluir e superar o dois;

Luiz Adriano é melhor centroavante que Kaio Jorge e Lucas Braga, embora os dois garotos do Santos também podem evoluir bastante;

Obs: Marcos Rocha e Pará destacam-se pela ruindade e estão nivelados por baixo. Abel Ferreira e Cuca estão nivelados por cima, embora o português poderá ter uma carreira superior ao treinador santista.

Levando-se em consideração essa análise, o Palmeiras leva vantagem técnica em relação ao seu adversário. O fato de ser um jogo único em um campo neutro e a questão psicológica ser também um fator determinante, torna a decisão mais equilibrada do que seria em dois jogos. Estou confiante no Verdão, mas creio que não será um jogo fácil…

Essa história de “cara x cara” é coisa de programa da ESPN pra encher linguiça. Lembro que às vesperas da final do Paulista de 2018 fizeram algo do tipo e deu Palmeiras de goleada. Não é assim que se avalia nível técnico de time, mas pelo efeito resultante da junção de peças de qualidades diferentes.

Um fato que merece ser mencionado nessa decisão é o intenso calor que está fazendo no Rio de Janeiro nessas últimas semanas e que pode ser um fator que poderá até interferir na escalação inicial na decisão de Sábado. Talvez, os garotos levem vantagem nessas condições, como por exemplo o carioca Patrick de Paula começar jogando no lugar do Zé Rafael.

Sensação térmica beirando os 50 °C, baixa umidade de ar e clima bastante seco. Espero que os jogadores do Verdão estejam preparados, pois isso poderá afetar o rendimento daqueles que não estejam com bom condicionamento físico.

Muito bem observado, Ademir.
Também escalaria o P. de Paula por conta do calor absurdo. No 2o. tempo, após das 18:00 hs, podemos pensar em outros jogadores.

Acho que o 3vv já deveria abrir um post do jogo de amanhã pra nós começarmos expressar nossas opiniões, sentimentos, angústias e aflições. Creio que nenhum dos nossos colegas estejam de boa! Tá todo mundo com na ansiedade e apreensão! Bora palmeiras! De a sua vida nesse jogo!

Não sei se é boa ideia. Às vezes mesmo com vitória do Palmeiras os ânimos por aqui já se exaltam, com gente que tem opinião própria sendo chamado de “gambá”, imagine agora, com todos nós segurando os nervos no limite…

Não sei o preço que vão pagar por ele, mas gostaria que ele fosse nosso atacante, explico: L.Lima ganha mais de 1 mi, F.Mello é outro que ganha bem. Era facinho mandar essas perebas embora e ter dinheiro de sobra para traze-lo. Força Palestra, chega de ser cagão.

felippe, Hulk é um atacante pesado, com quase 35 anos de idade e técnica nota 7. Já temos L. Adriano e Bigode com mais de 30 anos.
Gostaria de um atacante mais jovem, se for pra contratar.

Rio 40°C
Sensação térmica de 52°C
Mais um componente desse grande jogo.

Amanhã é dia. Dá-lhes portuga. Só espero que ele entre com o Danilo e o Patrick no meio, Gabriel Menino na lateral. Nada de F Mello como titular. Já basta sofrermos com Luan, Marcos Rocha etc.

Eu gosto mais do Menino no meio campo, mas o Marcos Rocha na lateral me dá calafrios, portanto nem sei o que pensar.

Gostaria de saber como vocês estarão no dia 11 de fevereiro, na possível final do Mundial.

Dada a diferença técnica na final do mundial, uma derrota não doeria tanto assim. Agora perder do Santos seria ruim demais, não gosto nem de imaginar. Queria estar confiante igual aos demais colegas kk

Só ia achar ruim uma derrota por 5, 6 gols….de resto, contro o Bayern, é lucro!

Flamídia está humilhando o Grêmio no RS. Pro campeonato é horrível para nós, mas como é bom ver o Renato Gaúcho levando vareio com toda sua soberba.

Pois é, só vi o segundo tempo, mas foi um massacre. Melhor partida do Gabigol no cheirinho, embora não tão decisivo como na final da Libertadores de 2019. Sorte a nossa que o Flamídia só conseguiu ser um time de verdade em poucos momentos na temporada, pois quando isso aconteceu não teve adversário. Fica bem claro que, mesmo com 4 pontos de vantagem antes do confronto direto, o título ainda não é do Inter.

Essa história da soberba do Renato é meio relativa. Acho o Ceni, o Diniz, o Luxemburgo e principalmente o Jorge Jesus (que se acha a reencarnação do inventor do futebol) muito mais arrogantes que ele, mas assim como o Mourinho ele incorpora um personagem, principalmente nas coletivas.

Pelo lado do Grêmio, a ausência do Geromel deixou a defesa deles bagunçada. O Palmeiras pode se aproveitar disso nas finais da CB.

E deixo aqui meus parabéns à CBF. Pela primeira vez em 174 dias de dispu.ta, o Assaízão 2020/21 tem uma classificação real, com todos os times com o mesmo número de jogos. Digno de entrar pro Guinness.

Concordo contigo, pra mim essa marra toda do Renato é mais do personagem do que dele próprio. Ceni é a imagem e a personificação da arrogância e da empáfia, e Luxemburgo e Jesus certamente não ficam atrás.

Ainda está muito embolado, mas pra mim realmente já deu pros bambis, essa eles vão engolir gostoso!!

Eu sei que o foco é a Liberta, mas gente, eu vou confessar uma coisa pra vocês: eu to ansioso pela Copa do Brasil. Sério. Quero (queremos, né) muito essa conquista. O tetra. Copa do Brasil pra mim é um campeonato especial. Ganhamos a Libertadores em 1999 vencendo a…..Copa do Brasil.
Em 2012, um time horroroso foi capaz de nos dar um espasmo de alegria num ano caótico para o clube, vencendo a….Copa do Brasil. Em 2015, ano da reconstrução da nossa marca, com patrocínio milionário e um estádio top das galáxias, demos o pontapé ganhando a….Copa do Brasil. É um campeonato simpático pra mim e sempre será. Com carinho. Quero muito o tetra, muito mais que o bi da Liberta (podem me chamar de louco). E que o Palmeiras conquiste o único titulo nacional que lhe falta: a Supercopa do Brasil.

Campeonato Brasileiro mais fácil de ganhar que esse não existe. Diretoria jogou no lixo, agora depende de mata mata para ser campeão. Erro grotesco de planejamento. Pontos perdidos por falta de entender o futebol, até a m.e.r… do Inter c Abelão esta na frente. Galiotte pode se tornar uns dos maiores presidentes da SEP ou um dos piores. Ia me esquecendo um axé Bahia.

O colombiano Ramirez humilhou a defesa dos gambás,kkkk..
Golaço!
Por enquanto, 2×0.

Ansiedade tá tanta q já estou pensando seriamente em não assistir o jogo. Gostaria de dormir e acordar só depois das 8 da noite de sábado, como isso não será possível, acho q vou dar uma sumida, pegar o carro , ir pra algum lugar no meio do Mato onde não dê área no celular e voltar só tarde da noite.

Ser perder, você ficará satisfeito com a escolha. Mas… se for campeão, vai se arrepender pro resto da vida e não haverá VT que tire esse arrependimento da moleira kkkkkkk

Fróis, na final de 1999 eu fiz exatamente isso, peguei o carro e comecei a rodar pela cidade e ainda tentava adivinhar se as gritarias e os rojões que ouvia seriam a favor ou contra o Palmeiras. Simplesmente não consegui assistir na televisão. Estava tenso demais. Kkk

Zanon e Fróis não podem mais chamar jogadores de”pumpers”, ahahahhahh….

O Palmeiras tinha sido campeão pela última vez no dia em que fiz 12 anos. Foi um presente e tanto, mas depois de 17 anos de fila, dos quais pelo menos 10 eu acompanhei muito de perto indo aos estádios sempre que possível, achava que havia algum tipo de maldição por causa disso. Em 1993 fui ao primeiro jogo da final do Paulista, gol do Viola, e na quinta-feira, dia 10 de junho (feriado de Corpus Christi) viajei com a namorada pra Campos do Jordão. A intenção era ficar isolado, não ver nada e só voltar no domingo à noite, mas naquele dia dos namorados eu acordei confiante e decidi ver o jogo pela tevê. O resto é história.

Em outra época, estaria sem dormir há alguns dias. Hoje, isso me afeta menos. Não apostaria meu dinheiro nisso porque o momento não permite essas extravagâncias, mas estou confiante que ganharemos esse título.

Bom dia a todos!
Cara.lho !!! Fui pra piscina 🏊🏻‍♂️ hoje realizar o meu treino pensando que hoje já fosse sexta-feira.
Olha só o tamanho da minha ansiedade!
Já recebi vídeos do Instagram mostrando a saída do ônibus lá na academia de futebol.
O Galiotte com a bandeira do Palmeiras na saída do avião.
Os torcedores recepcionando o time na chegada ao hotel.
Que o Palmeiras não nos decepcione.
Avanti Palestra!

Eu estou sonhando todo dia com o jogo. Essa noite, o sonho era que nem conmebol, nem ninguém estava organizando a partida, e ela seria em um campinho, com area de churrasco do lado kk. Eu ficava p… da vida e começava a aparar a grama, tirar as cadeiras de plástico da beirada do campo, colar os escudos dos times no placar de madeira no canto do campo. Muita ansiedade

No sonho, dava 2 x 0 Palmeiras.

Caro PCM51, na verdade você teve um “insight”, uma visão distópica da organização mambembe do futebol nas federações latino-americanas, que não passa de uma grande “churrascada” com alguém trocando nomes e números no placar enquanto a bola não para de rolar, seja em gramados que mais parecem pântanos ou que ficam a quilômetros de altitude.

Essa gente adora importar ideias da UEFA, como final única num continente em que a rede de transportes é pré-histórica, mas o que deveria ser copiado como a extrema organização, ah, isso não dá…

Muita coisa em jogo, um time que disputou 4 liber e ganhou 3 e outro que disputou 4 e ganhou 1. Essa quinta Liber é um divisor do tamanho de cada um, é também o respeito para cada time. O torcedor vai ter que ver de uma vez por todas até onde a paixão engana. Hora de ver quem é Golias e quem é Davi.

Se um clube que no sábado pode se tornar o maior campeão brasileiro da Libertadores da América (toc toc toc na madeira!), que é octacampeão brasileiro (atrás apenas do Palmeiras, com quem empatava nesse quesito até 2016), que é bicampeão mundial, que teve o maior jogador de todos os tempos e que é o time brasileiro mais conhecido do mundo não é grande, quem seria, o São Caetano? O Bangu? O Delfín?

Não se pode confundir grandeza de torcida com grandeza histórica do clube. O Santos é ao lado do Palmeiras o único clube a ganhar todas as competições nacionais que já existiram com pelo menos cinco edições, mesmo não sendo de uma capital, mesmo sem ter a simpatia e a complacência da mídia nem poderio financeiro para grandes investimentos e mesmo contando com um estádio megaultrapassado para mandar seus jogos. Poderia perfeitamente ter se tornado um Botafogo ou um Vasco, renegados a eventuais estrelatos estaduais entremeados por rebaixamentos constantes à Série B, mas insiste em sobreviver com dignidade absoluta. Até quando, não sabemos, mas por ora é assim.

O Santos não é grande, é gigante. Isso não o torna nem mais nem menos perigoso para o jogo de sábado, mas deixa a certeza de que superá-lo, em qualquer contexto, só valoriza o oponente.

Concordo, Yoda. A grandeza de um time não se dá pelo tamanho do patrocínio, ou pelo número de likes no Facebook, mas pela sua história, sua importância nos alicerces da fundação desse esporte. Claro, momento a gente pode debater, mas tem de lembrar a história.

Yoda e PCM51, a grandeza de um clube com certeza se mede pelas suas conquistas. Não reconhecer as do Santos seria uma estupidez. Inclusive considero que as conquistas são o fator de maior peso para se avaliar o tamanho de um clube. Porém, a Roda da História continua a girar (seja nas nossas vidas pessoais, nas nações do mundo ou em clubes de futebol). Asim como grandes potências e impérios ruíram, também vários clubes de futebol antes tidos como grandes se apequenaram. Sem querer desmerecer a Libertadores da América, aqui no Brasil se dá importância excessiva a ela. O Estudiantes tem 4 taças (mais que qualquer clube brasileiro), e não é considerado time grande na Argentina. O Santos, com sua torcida muito diminuída, receitas que são um terço das do Palmeiras, se tanto, de patrimônio obsoleto, projeção de mídia pifia (muito reclamada pelos torcedores
daquele clube) e dívidas bem acima das receitas, os deixa bastante vulneráveis. E não vejo no horizonte possibilidades de reversão.
Terem chegado à final surpreendeu a todos (inclusive dirigentes e torcedores do próprio Santos). Como escrevi dias atrás, não é tão incomum times menores chegarem à final da Libertadores da América. Lanus, Dell Vale e até o São Caetano já chegaram. Portanto, na minha opinião, hoje, repito, hoje, o Santos deixou de ser clube grande.

E na minha opinião, o Santos é ainda mais gigante por continuar no topo mesmo sem ter diretoria, dinheiro, patrocínio, estádio, badalação da mídia e principalmente torcida tão numerosa. E se quer saber, considero a história santista maior que a de Corínthians e Flamengo, que têm no mínimo 50 vezes mais visibilidade na mídia e, juntos, quase oito vezes mais torcedores que o time da Vila Belmiro.

A gente não sabe o que o futuro reserva para nenhum dos clubes brasileiros, especialmente dentro do que será a “Nova Ordem Mundial”. O Santos hoje tem mais dívidas que receitas, mas quem garante que não pode mudar daqui a quatro, cinco anos? E o Palmeiras, depois que a Crefisa sair (e um dia isso vai acontecer), vai se estruturar o suficiente pra não depender mais de muletas financeiras pra ganhar títulos? Ou será que todo mundo esqueceu que nos últimos 45 anos o clube venceu apenas uma Copa do Brasil e duas Séries B sem vultosos aportes financeiros, e que há pouco mais de seis anos, quando completou seu centenário, viveu momentos pré-falimentares? A Roda da História gira, mas a mente de algumas pessoas parece não sair do lugar, o qual geralmente divide com a soberba e a arrogância, que é o caminho mais curto para o fracasso. Entre os “consiglieri” e pessoas influentes na cúpula palmeirense, por sinal, a presença de pessoas assim é abun.dante.

Os argentinos não consideram o Estudiantes de La Plata grande porque na visão deles só times de Buenos Aires podem atingir esse patamar, é uma questão que além de certa soberba envolve aspectos sociais, nada muito diferente do que se vê no Brasil, por sinal. Só para se ter uma ideia da grandeza e da inveja que isso desperta nas equipes da capital, o Estudiantes tem apenas 5 títulos nacionais pós-Amadorismo, mas possui igualmente 5 títulos internacionais no “currículo”. Nenhum outro clube argentino tem essa proporção.

Quem não é mais clube grande hoje no Brasil é Botafogo, é Vasco da Gama, é Fluminense e o mais novo integrante da lista, o Cruzeiro, cujo calvário está apenas no começo. O Santos, no máximo, continuará sendo (como se diz em espanhol) o “más pequeño” entre os gigantes.

O Santos, de fato, tem mais história do que Flamengo e Corinthians. Cada um com a própria opinião. Respeito a sua mas penso diferente. Há tempos ouço sobre o “mas pequeno”, quando se se refere ao Botafogo. Seria o Botafogo o menor dos grandes ou o maior dos pequenos?

Infelizmente, hoje em dia o Botafogo só é referência de como se destruir um patrimônio histórico incomensurável.

Já ia me esquecendo do Racing, primeiro campeão mundial vindo da Argentina, que embora seja considerado um dos cinco grandes do país ao lado de Boca, River, Independiente e San Lorenzo (que só foi ter alguma conquista fora do perímetro nacional bem depois de Estudiantes, Argentinos Juniors, Vélez Sarsfield e até de Lanús, Rosario Central e Talleres de Córdoba) também quase foi à bancarrota na virada do século, mas conseguiu se reerguer e hoje luta quase que de igual para igual com os dois gigantes, sendo uma espécie de “Santos” portenho. O futebol é cíclico em todos os lugares, mas parece que a incompetência administrativa é permanente na maior parte deles.

E só queria complementar dizendo que respeito muito a sua opinião, mesmo divergindo dela, pois você demonstra argumentos consistentes sem ofender os seus antagonistas. É assim que deve ser o debate.

Luis Adriano
Rony Willian
Veiga
Patrick Danilo (Felipe Melo)

Vina Gomez Luan Menino
Weverton

O Abel Ferreira tem que reunir o elenco e dizer: “só lhes peço que ganhem os três próximos jogos. Só isso, não estou pedindo muito, só três joguinhos”. E assim, em poucos dias (exatamente 15 dias), seremos novamente campeões da Libertadores e Mundial.

Zanon, 3ª feira às 16:00 hs jogaremos com o Botafogo no Allianz, se Deus quiser antes do embarque do time para o mundial. Claro que você esqueceu deste jogo, kkk..
Mas se acontecer o milagre que você falou, não cobro mais nada do clube até o fim de 2022. Só permanência na série A.
Pode anotar!

Porco Nervoso, acredito que o jogo contra o Botafogo será adiado. Se não for, coloque o time C para jogar contra eles, até porque para nós não valerá mais nada e, mesmo para o clube carioca., provavelmente também não, já que deverão estar virtualmente rebaixados.

Se tivesse que ser adiado já teriam feito.
Deve ir o sub 20 pra campo em caso de título da Libertadores.
O mais estranho é o horário ( 16:00 hs ) e com transmissão da RGT em plena 3a. feira.

Desse time ontem, tirando os meninos, dá para fazer uma barca grande. Traz o Gatito para a reserva do Weverton. O Scarpa no meio de campo melhorou muito. Agora esse Lucas Lima não é possível, esse cara deve estar com anemia. Não é possível.

Fora Jailson!
Vá torcer com a sua mãe pelo gambá.
Suma do Palmeiras.
É um favor que você faz.

Que raiva é essa do Jailson? O cara nunca foi displicente, com um LL por exemplo. Sempre representou. Mas acabou a vida como profissional de alta performance. O clube deve encerrar o vínculo agradecendo os serviços.

Esse rapaz não me representa.
Depois daquela matéria no GE onde mostrou a mãe dele gambá na semana da decisão do paulista 2018, pra mim esse cara não serve.
O Palmeiras é conhecido como a grande escola de goleiros.
Fora Jailson! Nem deveria ter vindo um dia para o Palmeiras.
Eu vi Zetti! Invicto por mais de 800 minutos. Vi um pouquinho de Emerson Leão.
Acompanhei Velloso, Sérgio e Marcos.
Fernando Prass na série B.
Esse Jailson é uma piada de mau gosto.
É goleiro pro Ferroviário-CE.

Esqueceu 2016? O Jaílson assumiu a bronca e foi um dos grandes responsáveis por tirar a gente da fila de brasileiros.

Eu concordo com você, Matheus. O Jaílson fechou o gol, entrando na maior fogueira, e foi sim, um dos principais responsáveis pelo título de 2016. Hoje, é laranja que já deu suco.

Não sou nem nunca fui fã do Jaílson, insisto que o mérito defensivo pelo segundo turno de 2016 se deve muito mais à zaga com Mina e Torugo no seu melhor momento e às atuações regularíssimas e acima da média de Tchê Tchê e Moisés. Vilipendiar o goleiro lembrando a preferência clubística de seus familiares apenas por um gol que TALVEZ o titular tivesse evitado numa partida com importância bastante reduzida neste momento me parece um exagero.

Não estou comparando os profissionais, mas todo mundo sabe que Edmundo, Zinho, Paulo Nunes, Alex, Djalminha, Rivaldo, Felipão e Luxemburgo não nasceram nem cresceram palmeirenses, tampouco têm famílias recheadas de palestrinos. O próprio Rony, que pode se tornar de maneira insólita o “Senhor da América”, no início do ano passado enquanto as negociações estagnavam havia dado indícios de ser corintiano. O que me interessa é o que esses caras fazem quando vestem a camisa do Palmeiras, dentro de campo quero que todos me representem e que façam o melhor, seja Verón, Luiz Adriano, Menino, Gustavo Gómez, Breno Lopes ou o trio ZéBiLu. A crítica deve ser técnica, e válida pra qualquer um que não corresponder.

Em 2019 Jailson tomou um gol do time do Goiás lá em Goiânia, onde ele subiu e caiu igual a um saco de esterco.
Ontem à mesma coisa.
São opiniões.
Eu não gosto de vê-lo defendendo o gol do Palmeiras.

Se vamos pegar apenas as falhas dos goleiros do Palmeiras, a discussão vai longe. O Wéverton saiu catando borboleta em pelo menos duas partidas recentes, uma contra o Bahia nos acréscimos do jogo do turno e a outra não me recordo, mas a jogada foi bem parecida, e tenho certeza de que nos dois casos as falhas custaram pontos. Fora o frangaço que levou no primeiro jogo pós-quarentena, no Dérbi que ressuscitou os gambás, mas pelo menos ele acabou compensando pegando dois pênaltis na final e sendo protagonista do título paulista.

Você não gosta do Jaílson, assim como o Aroni não gosta do Bigode nem do Dudu, eu acho que o Rony não deveria nem passar perto do Allianz Parque e assim por diante. As opiniões devem ser respeitadas, mas muitas vezes a antipatia pessoal atrapalha o parecer meramente técnico. Pra mim, caras como Rony, Breno Lopes e Emerson Santos seriam presenças justificáveis no nosso elenco apenas se ainda vivêssemos aquela fase de uma Série B a cada dez anos e de meio de tabela pra baixo na Série A no período entre elas, mas não porque usam gel no cabelo, tiveram vidas difíceis ou qualquer coisa assim, apenas porque são tecnicamente muito ruins.

Só sei de uma coisa.. lendo os comentários dos posts a cada jogo fica cada vez mais claro: o Palmeiras JAMAIS iria pra final da Libertadores E da Copa do Brasil caso tivéssemos torcida no estádio. Vocês são chatos pra car***o!! Time reserva, sem entrosamento. Concordo que temos perdido muitas chances, mas lendo os comentários dos JêNiOs por aí me parece que estamos no Z4.
Na boa.. vão catar coquinho!
E bora ser campeão! E sem torcida no estádio, graças a Deus, caso contrário teríamos caído nas quartas já.

Só sei de uma coisa.. lendo os comentários dos posts a cada jogo fica cada vez mais claro: o Palmeiras JAMAIS iria pra final da Libertadores E da Copa do Brasil caso tivéssemos torcida no estádio. Vocês são chatos pra car***o!! Time reserva, sem entrosamento. Concordo que temos perdido muitas chances, mas lendo os comentários dos JêNiOs por aí me parece que estamos no Z4.
Na boa.. vão tudo a m****!
E bora ser campeão! E sem torcida no estádio, graças a Deus, caso contrário teríamos caído nas quartas já.

Não assisti o jogo, estava trabalhado , mas pelos melhores momentos q vi acho q a diretoria pode fazer com o Jailson o mesmo q fez com o Prass, agradecer pelos serviços prestados e Tchau e bença. Vi 3 saídas de gol ridículas e o gol de falta lá do meio da rua colocada não tão no canto sem tanta força, o Jailson demorou 1 ano pra ir pra bola, totalmente sem explosão, nem sequer consegue saltar de tão pesado . Já deu né?! Pode ir buscar o Tadeu do Goiás ou o menino lá do Ceará que parece promissor. Veterano mamando e engordando no clube não ajuda em nada !

Olha Frois, o Jaílson é laranja que já deu suco, tem que vazar mesmo, a torcida ficou do lado do Prass (outro que não tenho como ídolo, assim como Jaílson, Dudu, Willian, e meias-bocas ltda.), mas a falta era indefensável.

Meia bocas Ltda kkķk….O problema do Palmeiras nos últimos anos é exatamente esse, a quantidade de jogador meia boca . Incrível q esse ano é ano que mais tem jogador meia boca e chegamos em 3 finais, sinal que os outros times tem o tanto ou mais meia bocas que nós kķkkk. Quanto a falta não achei indefensável, achei q seria uma grande defesa caso co seguisse pegar . O Weverton mesmo fez uma contra o grêmio na batida do Diego Souza. Mas o fato é que concordamos no fim, Jailsao da massa não dá mais, se depender dele entrar num jogo decisivo , tamo fu…

A falta contra o Grêmio foi mais perto e a bola foi mais colocada. Mais fraca.

A falta não era indefensável. Um goleiro com mais ritmo de jogo (e tudo o que isso engloba) teria alcançado. O que é diferente de dizer que foi frango.

Eu particularmente não idolatro ninguém, seja em esporte ou na vida. Vejo nessas coisas de “seguidores” de redes sociais algo que é inerente ao nosso povo e à nossa cultura, uma necessidade de se apegar a algum exemplo pra ser seguido, de algum guia ou “guru” para a vida. Pra mim isso denota falta de personalidade. Tento seguir o que me ensinaram meus pais, que dentro das limitações culturais da época em que resolveram se casar e ter filhos fizeram o que muita gente hoje, com muito mais recursos, não tem capacidade de fazer.

Ademir da Guia foi ídolo, eu cheguei a ver pessoalmente porquê. Talvez Marcão e mais dois ou três possam ter esse status na história palmeirense, não mais que isso. Todos os outros, incluindo Prass e Dudu, foram no máximo jogadores extremamente decisivos e marcantes de períodos vencedores.

Eu continuo achando indefensável. Talvez um goleiro excelente e muio alto como o Neuer ou o Dida pegaria. E tenho uma dúvida, que jamais deve ser tirada, sobre a velocidade da bola. Todo mundo está dizendo que a bola foi fraca, e eu afirmo com convicção que não foi. E não estoi defendendo o Jaílson, não. O goleiro só pegaria se soubesse, antes, onde a bola iria.

Continuo absolutamente convicto de que a bola era defensável, mas fica o registro, e o debate se faz assim, com argumentações antagônicas mas cada um explicando os motivos que levam a cada conclusão. Ninguém precisa apelar pra “Seu gambá! ou “Seu bambi!” pra refutar opiniões divergentes, basta ter coerência, conteúdo e argumento.

E como está a recuperação da dengue?

Melhorando um pouquinho por dia. Ontem, voltei no hospital, pois não conseguia dormir de tanta coceira, e quando acordei meu corpo estava completamente tomado de bolinhas vermelhas. Me aplicaram Fenergan e hoje as bolinhas começaram a sumir.

12 jogadores foram poupados hoje e, como esperado, a dúvida pro time que vai começar a grande final está no meio de campo: Danilo, G. Menino, Zé Rafael e R. Veiga. Desses 4 deverão iniciar 3.
Aí o time fica assim:
Weverton, M. Rocha, G.Gomez, Luan e Vina;
Meio de campo a definir;
Bigode, L. Adriano e Rony.
Não é o time que eu gostaria, mas deve ser o time do Abel.

Eu ainda acho que o Felipe Melo sai jogando, e de faixa. Zé também.

Traz o gatito do Botafogo. Agora Lucas Lima, Breno Lopes etc. Meu Deus. Sábado já vai ser duro ter Luan no time. Só espero que o portuga não invente de colocar Marcos Rocha e Felipe Mello.

Respeito sua opinião, mas não entendo essa obsessão por Gatito. Goleiro nota 5,5 que é bom pegador de pênaltis e que quebra o aparelho do VAR (pra muita gente isso é requisito indispensável…). Lembra muito aquele goleiro argentino da Copa de 1990, levou a seleção até a final junto com Maradona pegando pênaltis, mas era bem fraquinho.

Dá pra encontrar gente BEM melhor que Gatito no mercado, tranquilamente.

Os caras que não vāo jogar…. estavam se poupando hoje ou é falta de qualidade mesmo?

Quarta alguém fará 4:0 no primeiro tempo.
Será glória ou o vexame desse século.

Vamos ver se Sotelo e Marinho são realmente os perebas que alguns dizem ser.

Tomara.

Esse jogo só serviu pra confirmar a baciada que tem que sair do Palmeiras.

Exatamente. E a caçamba não sera pequena, não.

Serviu também pra confirmar a cara de pau daqueles que acham que os jogadores do Palmeiras nunca fazem faltas, somente as sofrem. A mesma jogada do FM, se fosse no meio de campo ou se não resultasse em gol, sequer seria citada pelos profetas das conspirações, mas é claro, qualquer resultado do Palmeiras que não seja vitória é fruto de roubo.

O Jaílson está, na melhor das hipóteses, no penúltimo degrau da carreira, provavelmente vive seus últimos dias num clube grande, provavelmente vai encerrar a carreira como titular de uma equipe de menor expressão. Por outro lado, tem muita gente com no máximo 30 anos nesse elenco que já atua em ritmo de aposentadoria faz tempo, esses sim precisam encabeçar a lista – ou, se preferirem, compor o fundo da caçamba…

Goleiro reserva urgentemente. Jailsão já era. Parece que o menino no gol do Ceará é bom!

Já faz tempo que venho pedindo um reserva novo e promissor, pra suceder o Weverton quando ele parar, não adianta nada, na minha opinião, ter um reserva veterano que não consegue mais se manter no ritmo. Se o Weverton se machuca ou fica suspenso estamos muito ferrados.

O pessoal se apega ao segundo turno do BR 2016 pra justificar a permanência do Jaílson, mas pra mim sempre foi mediano. Surfou na onda da ótima zaga que tínhamos naquele momento. Assim como o Sérgio, goleiro titular dos três títulos de 1993. Ótima pessoa, grande caráter mas um goleiro nota 6,5.

Não estou comparando os estilos, mas até hoje o SPFC paga o preço pela ganância do Ceni em quebrar recordes quando deveria fazer seu sucessor.

Ok, vai, vamos relevar. Vasco tem camisa também, e tá lutando pra caramba pra não cair. A gente tá com o time quase C, não dá pra exigir vitória. Resultado indigesto, mas faz sentido….

Tá realmente me irritando. A gente cruza e não tem ninguém na area, ninguém na cabeça da area pra segunda bola, fica 1 sozinho na area marcado por dois, mas que preguiça hein…

Sábado vai alguém vai fazer 4 gols no 1. Tempo.
A pergunta é quem fará.

Esses caras novos da base que estão em campo não vai dar caldo nunca.
Quando é bom mostra logo de cara.

Scarpa voltou ao nível daquele jogo que caiu só.

Com uma novidade: Agora entrega a rapadura.
Tem sido um verdadeiro delivery para os adversários nos últimos jogos.

Tem que ser Patríck, Danilo é Menino no meio sábado.
Se inventar Felipe….vai tomar baile da garotada adversária.

E como esse time perde gol.

O Scarpa tá meio cabisbaixo. Sabe que será banco na final, porque falhou contra Flamengo e Ceará. Mas pode ser uma boa opção (jamais na lateral, assim como o Menino) no 2° tempo de sábado.

Com esse gol, o Breno já ultrapassou o Willian, no meu conceito. 🌝

Kkkkkk.
E sábado a dúvida é Willian ou Ruinny.
Eu queria o Wesley com uma perna.

Kkkkk. Olha que daqui a pouco, até o centroavante anão vai ultrapassar também. 🌝

F. Melo leva solada e a falta é dele?
Parabéns Daronco, continuas o mesmo.

Pois é, mais uma posição em que não temos reserva. Aliás, é incrível estarmos neste momento iluminado dado o elenco que temos.

Há uma possibilidade de os próximos três jogos serem os mais importantes da nossa história, será que alguém apostaria nisso um ano atrás?

Nem três meses e pouco atrás, quando ainda éramos capitaneados pelo Pofexô “pic.a apontada pô xéu”. Kkk

Acho que pegaria. Ele se posiciona muito bem e tem mais explosão. Só é ruim em saída de bola nos cruzamentos kkkkkkkk

Olha, se tem gente achando Breno melhor que o Bigode só porque ele descobriu onde fica o gol no Allianz, não vejo nada de errado em quem critica um goleiro bem mediano como o Jaílson em detrimento do Wéverton, que de fato tem melhor colocação e mais explosão muscular que seu colega. Se pegaria aquela bola? Não sei.

Não pegaria, Yoda. A falta do Benítez foi no ângulo, saindo de dentro pra fora e com muita velocidade, pela longa distância. Quem sabe o Oberdan, ou o Waldir Joaquim de Moraes.

Milagre, gol da contratação de empresário! Quem sabe agora para de sair com a bola pela lateral toda hora, já que tirou a “zica”…

Na camisa do G. Silva está escrito “recursos humanos”.
Sugestivo, não?

Pronto, já perdemos os dois gols feitos usuais, Felipe Melo e Breno Lopes.

Agora vem aquela hora que a gente toma o gol por não ter feito…

Não adianta ficar entusiasmado com a perspectiva de ter o Abel desde o início do próximo BR se ele continuar tendo essas opções (na verdade, a falta delas) pra montar uma equipe capaz de aguentar a nova maratona que virá por aí. Precisamos urgente de dois zagueiros, dois meias e dois atacantes nota 7 pra cima, quer venham da base ou de fora.

Me dá um negócio em ver Jailson no gol do Palmeiras.
Pra quem viu Gilmar, Zetti, Sérgio, Velloso, Marcos.
Que vergonha!
Jailson é goleiro de Ferroviário-CE.
E não de Palmeiras.

Tirando o Marcos o resto é meia boca, firmes mas com zagueiros ótimos. Jailson foi um dos responsáveis por um Brasileiro sem o time da Parmalat. Eu seria mais Prass na reserva mas o problema é a idade.

…e já perdemos uma chance incrível, dessa vez, o Felipe Melo.

O FM pelo menos não é atacante. Já o problema do atacante de Série B que contratamos é que ele ainda está em fase de reconhecimento da bola e da localização do gol, na hora em que ele sincronizar os dois ninguém segura…

Teoria PVC, sempre repito, quem contrata jogador medíocre, quando precisar dele, vai colher resultado medíocre. Não tem mágica.

A única utilidade deste jogo é dar um pouco mais de ritmo para o Felipe Melo. De resto, o que importa é sábado.

O Abel Ferreira acertou em cheio ao poupar o time titular e colocar esse time reserva para o jogo de hoje. Essa estratégia poderá ser fundamental para a conquista do título no Sábado, já que eu considero o elenco do Verdão superior tecnicamente e não fará com que as sardinhas levem vantagem na preparação física.

Meu palpite para o jogo de hoje: Palmeiras 2 x 1, gols de Lucas Lima e Breno Lopes. AVANTI PALESTRA!

Se acertar os em cheio ( não só o placar, mas quem fará os gols ), você gastará toda sorte de palpites da sua vida kkkkkkkkkkkk

E provavelmente o Breno e o LL também gastarão todo o restante do estoque de gols das carreiras deles.

Pois é colega palestrino, acho que meu estoque de palpites acabará hoje então. O Breno Lopes já desencantou e se o Lucas Lima fizer o dele, vou jogar pela primeira vez na loteria. Kkkkkkkkkkkkkkk

Ademir, só faltou o gol do Lucas Lima!
Ainda bem que você não acertou, seria impiedosamente massacrado por um zóyo grande aqui…

Jogo para ganhar, mostrar que é time grande e não engatar 3 derrotas seguidas. G6 é obrigação.

É serio que o Palmeiras para mostrar que é ”time grande” precisa ganhar hoje cheio de reservas e juvenis? O fato de estar na decisão da Libertadores e Copa do Brasil já não seria suficiente para provar isso?

Meeeeeu Deus!

Desculpe amigo, pelo seu avatar vc deve ter problemas de visão. Não viu a escalação. Time grande quando joga em casa não pode dar mole, ainda mais que é o 2º colocado no mundo. Quando se acha que a derrota é normal vc perde a vontade de ganhar.

Ademir Divino, não leve a sério o que diz o colega. Caso o Palmeiras perca hoje e principalmente no sábado ele vai fazer umas 50 postagens iguais, caso vença a Libertadores e depois o Mundial nunca mais o veremos por aqui – ou, pelo menos, até a próxima derrota…

Luxemburgo antes de sair disse que não dava pra jogar bonito com este elenco.
Será?

Bom, vou assistir porque, Palmeiras né. Mas é mais só pra matar a ansiedade pra sábado. Jogo com quase nada a ganhar, e muito a perder (caso joguem possíveis titulares e se lesionem).

Os comentários estão desativados.