Categorias
Jogos

Mundial 2020: Palmeiras 0x1 Tigres: fim do sonho

O Palmeiras perdeu para o Tigres do México em Doha pela semi-final do Mundial interclubes. 0x1. Gol do francês Gignac de pênalti.

O time mexicano foi melhor boa parte do jogo. Hoje Zé Rafael e Menino não estavam bem. E Abel parece ter domorado pra mexer. Weverton já havia feito três grandes defesas no 1o tempo quando Quiñones e Gignac entravam com facilidade pelo lado direito da defesa palmeirense. Do lado do Palmeiras apenas um chute a gol de Rony com perigo.

No 2o tempo não era diferente. Até o pênalti feito por Luan. Weverton quase pegou. Aliás o goleiro foi o melhor em campo.

Depois entraram Felipe Melo, Patrick de Paula e Willian. O time melhorou. Chegou a ameaçar e dominar o meio-campo. O time mexicano jogava no contra-ataque. Luiz Adriano não dominou duas vezez aquilo que poderia ser o gol de empate.

No final a vitória do lado de lá pareceu justa. O sentimento da maioria dos palmeirenses é que chegamos longe. Agora é fazer as finais da Copa do Brasil e reforçar para retornar a esse Mundial em 2021.

Saudações Alviverdes!

222 respostas em “Mundial 2020: Palmeiras 0x1 Tigres: fim do sonho”

Não lembro quem profetizou que o campeão esse ano precisaria de apenas 72 pontos. Começo a achar que nem isso será necessário, muito ridíc.ulo.

Diogo, algumas rodadas atrás fiz uma projeção de 71 pontos devido às oscilações de todos os times, com a esperança de que o Palmeiras buscasse o hendeca, só que não esperava que o time fosse abandonar o brasileirão dessa forma.
Acredito que se o time tivesse foco naquele momento daria sim pra buscar, mas só se pensava em Libertadores e mundial.
Agora tem que jogar tudo na Copa do Brasil mesmo, não tem jeito.

Olha, vendo esse final de Campeonato Brasileiro, eu passo a concordar com a estratégia do Abel antes da final da Libertadores.

Dava pra ser campeão brasileiro também.

Ignorando o começo ruim, até porque o técnico era o Luxa e não adianta chorar o leite derramado, apenas 03 (três) jogos anteriores à Liberta foram suficientes para decidir o campeonato contra nós: Flamengo, Ceará e Vasco. Seriam 7 pontos a mais e nós certamente seríamos campeões pela 11ª vez.

Não deu, paciência.

Agora é hora de manter a cabeça erguida, poupar o time porque não temos nenhuma pretensão no BR e deixar o time arrumadinho pra buscar o TETRA.

QUEREMOS A COPA!

Sonhei que o Luiz Adriano fez o gol do TETRA. Independente do jogo de hoje, vamos com tudo pra mais essa final!

Meu sonho de time pra final com o que podemos ter de jogadores à disposição:
Weverton, G. Menino, G.Gomez, Kuscevic e Viña;
Danilo, P.Paula e G.Scarpa;
Veron, Luiz Adriano e Wesley.
Isso lamentando muito a falta de um bom lateral direito, um zagueiro melhor ao lado do Gomez e um meia de criação estilo Mago.

nem precisaria muito, somente os 2 jogos ultimos jogos contra Vasco e Botafogo nos dariam mais 4pts e com 2jogos a menos. acredito que daria pra disputar.

Portuga, chega de Luan e Marcos Rocha. Não dá mais, chega. Coloca o Menino na lateral até que venha um especialista na posição e chileno de quarto zagueiro. Esses dois já entregaram muito. Obrigado pela dedicação, tchau, além de mais uma meia dúzia. Acorda Portuga. E o timinho do Jardim Leonor. Tiraram tanto sarro nosso e daí? O mesmo se aplica para os gambás. Chupa.

Nós ficamos tão fixados no nosso time, que esquecemos que nossas mesmas, na verdade, não são nossas apenas, mas do futebol brasileiro e a personalidade de vidro dos brasileiros mais jovens.

Explico: Assisti Inter x Sport. Assisti Inter x São Paulo. Ambos tiveram o título na mão e vai deixar escapar. O Palmeiras, foi bem até virar favorito, só meter 3 x 0 no River. Apareceu a responsabilidade, acabou o futebol, e prevaleceu o medo. Tomamos 2 x 0 na volta e graças aos céus, hoje existe o VAR. Na final da Liberta, repetimos o medo, e como eu disse, esse medo é generalizado, atingiu o Santos também. Ambos times travados, com medo, fazendo a pior de final de libertadores na atualidade. Contra o Tigres, de novo o medo.

Não é surpresa que essa geração é tão afeita as ideias progressistas. É um coitadismo, vitimismo, uma geração de pessoas cag.onas. Isso é resultado de passar a mão na cabeça demais. Os pais protegendo (além da conta) os filhotes. O técnico paizão. O empresário que faz o moleque pensar que é intocável.

Não há mais Edmundos, Edilsons, Paulo Nunes no futebol.

PS: lendo o 3vv do Inter (Blog Vermelho), tirando as cores, é igual aqui normalmente (claro que esse ano é diferenciado pra gente, então eles estão mais depres, mas quando não estamos com uma taça recente na estante, o sentimento lá e aqui é o mesmo).

E nossos rivais comediantes continuam se arrastando em busca de… NADA.

PCM51, é a geração mimimi. Não se pode dizer mais nada, não se pode fazer mais nada, não se pode cobrar mais nada. O mundo está ficando chato demais.
E no futebol a coisa piora, pq a maioria dos jogadores (brasileiros principalmente) se tornam preguiçosos (pra não dizer vagabundos), não querem trabalhar, não querem responsabilidade. Eu venho dizendo pros meus amigos há um bom tempo “quem viu o Brasil ser campeão do mundo viu”, pq da forma como o futebol brasileiro caminha, nunca mais será.

Quando um Palmeirense reclamar de um adversário q não esta nem aí e “treinar” contra outros times prejudicando o time rival …aff….depois do vexame dos tigres espero um pouco de hombridade desse elenco e da torcida. Jogo é para jogar e ganhar. Sei que o elenco é fraco, mas arrastar em campo é demais. Olho no técnico e na diretoria para contratar jogadores que são pelo menos na média.

Quando eu avisei que essa taça ainda não era do Inter muita gente achou besteira. Os gaúchos têm chance desde que vençam os cariocas no Maracanã, pois contra o desesperado Vasco e os traiçoeiros gambás não sei se terão sucesso.

Os 2 gols do Sport foram duas mega entregadas piores que a do Luan, parecia time amador ou coisa pior.

Pois é, se tem palmeirense revoltado com o time porque levantou apenas 3 taças na temporada (por enquanto) e perdeu o mundial, imagina os torcedores do campeão mundial do beira-rio, que acaba de mazembar em casa contra o Sport de Munique e pode continuar na fila de mais de 40 anos no brasileirão.

Finalmente consegui tirar férias!
Ufa! Essa pandemia está de lascar.
Amigos ficarei literalmente desplugado.
Serão 30 dias sem internet, notebook e celular.
Descanso total e merecido.
Esse último domingo confesso que a minha grande expectativa se transformou numa enorme decepção.
Então quero aproveitar e esquecer e desligar um pouco de futebol.
Meus próximos dias serão no meio do mato na beira do rio.
Minha preocupação será achar minhoca e pescar.
Um grande abraço a todos.
Fiquem com Deus.
Não sei não, se eu gostar da ideia de ficar sem contato com o mundo digital, talvez minhas aparições por aqui serão escassas e raras.
Porém sempre torcendo para o Palmeiras estar lá no topo.

Aproveita! Estou de férias e celular não pára um minuto… Quem mandou não estudar kkkkjj

Boa! kkkk!
Eu estou precisando fazer isso.
O famoso botão do fod….
E amanhã que o elegantíssimo elenco do Palmeiras honre a camisa e tragam o 3º lugar.

Caro Renato, faz muitos anos (quando não havia internet ou celulares) fiz um cruzeiro de dez dias. Tirando duas ligações para a família pra dar sinal de vida, fiquei isolado da “civilização” nesse período. Jamais tive novamente a mesma sensação de leveza na vida. O mundo moderno não nos permite mais esses isolamentos planejados, então aproveite ao máximo. E minhocas, só pra pescar, não pra encher a cabeça!

Vou tentar Yoda.
O futebol me consumiu muito nesse domingo contra o Tigres.
Para falar com os meus pais vou pedir para usar o telefone do seu Zé lá no rancho.
Dessa vez quero esquecer.
Ouvir passarinhos e a água do rio. Olha que felicidade!
Felicidade essa que o nosso Palmeiras até nos deu. Só que a decepção e o desgosto foram maiores.
Perder do Bayern seria normal.

Boas férias!
Se Deus quiser voltará com mais um título do verdão na copa do Brasil!

Portuga, chega de Luan e Marcos Rocha. Não dá mais. Coloca o Menino na lateral até que venha um especialista na posição e chileno de quarto zagueiro. Esses dois já entregaram muito. Obrigado pela dedicação, tchau, além de mais uma meia dúzia. Acorda Portuga.

Quero que o time volte a jogar futebol, mas olha esse calendário:

Al Ahly – 11/02
Fortaleza – 14/02
Coritiba – 17/02
São Paulo – 19/02
Atlético GO – 22/02
Atlético MG – 25/02
Grêmio (Ida) – 28/02

Parece piada.

Matheus, calendário tranquilo, são 6 amistosos até a primeira partida da final contra o Grêmio daqui 18 dias! Dá muito bem para ajustar e usar o time titular somente em duas dessas partidas, usar essas duas partidas como treino para manter o time em ritmo de jogo! E digo time titular não somente os 11 titulares, mas talvez aí uns 18 jogadores que acabam entrando no jogo!

Carlos, até concordo com você que o time titular nem deva ser utilizado. Mas uma vez que o Palmeiras precise entrar em campo, não é possível treinar mesmo assim.

Acho que o principal não é o descanso dos jogadores, e sim o tempo de treinar e encontrar soluções pro time. E isso não vamos ter mesmo, ainda mais com o Paulistão logo aí.

Sim, verdade. “Treinar” é maneira de dizer. Seria usar o time titular em duas partidas para manter o ritmo de jogo. Nas outras usar reservas e olhe lá.

Vou falar: se depois de ano, com Paulista, Libertadores, boa campanha no Brasileiro, finalista da Copa do Brasil e vai jogar recopa, tem gente insatisfeita com o time ou p.u.t.o por conta de corneta de adversário, só tem 2 opções: ou a pessoa só tem prazer em reclamar mesmo ou tá descontando frustração pessoal no futebol. Pq esse ano ( nos ultimos 5 na verdade) somos o clube mais vitorioso nacionalmente e pq piadinha de “não tem mundial” é coisa de ser pilhado na 6° série, não de adulto que analisa e consegue entender futebol.

Que isso é uma verdade, não se discute.
Que não pode servir como barranco pra que dirigentes, comissão técnica e principalmente jogadores meia-boca fiquem encostados pelos próximos anos, é outra história.

Por outro lado, se depois de qualquer conquista o torcedor achar que tudo é um paraíso e que não dá pra melhorar pra ganhar ainda mais da próxima vez, de preferência jogando mais futebol, aí também merecemos ficar os próximos 21 anos, no mínimo, sonhando com outras chances como essa.

Outro bom comentário!
Também estou bastante preocupado com a temporada 2021. Será que por causa das finais que ainda temos pela frente não escuto falar em reforços?
O Rafinha está no mercado e, apesar da idade, precisamos urgentemente de um lateral direito. Eu acho que com os resultados temos condições financeiras para gastar um pouco e reforçar o time, além do que alguns mortos devem sair.
De resto é isso mesmo! Resultado gigante e ano gigante! Gozação de times menores só aguenta quem quer!

Sem duvida Yoda! O comentario foi analisando exclusivamente os resultados do ano com um time mediano e de que nao podemos entrar na pilha dos outros. Para 2021 precisamos urgentemente de um LD, um zagueiro e um meia armador que jogue de cabeça erguida, todos para serem titulares, além de um atacante para disputar com LA.

O ano de 2020 foi ótimo para o torcedor do Palmeiras. Mas mostrou que quando precisou de jogadores que decidem, alguns amarelaram. Sabemos que a base é boa, mas temos carências e o calendário parece que será curto esse ano. A preocupação é que temos um presidente preocupado em deixar o clube com dinheiro para associados e um diretor de futebol devagar quase parando. Poderíamos fazer uma aposta no grupo. Após o jogo final da Copa do Brasil, o Palmeiras irá anunciar alguns jogadores de ponta? Já estaremos na metade do semestre. Vão dizer que não pode anunciar nada antes dos jogos da final para não desmotivar. Sabemos que precisamos de jogador para tentar igualar 2020.

É outra coisa que a turma esquece. Time algum que contrata Luxemburgo hoje em dia “mira” título de Libertadores, a conquista não foi mero acaso mas também está longe de ter sido detalhadamente planejada.

Concordo. Esse ano foi iluminado, pelo elenco e futebol (mediano) apresentado (que chegou, sim, a ser bom em alguns momentos). Só que o elenco precisa ser reformulado (e muito!). Chegou no topo do que pode, e não tem a mínima perspectiva de que irá repetir o “sucesso”, no quesito títulos, caso mantenha os mesmos jogadores.

Faz 10 dias que o Palmeiras conquistou o bicampeonato da Libertadores.
“Direto do Túnel do Tempo”.

Eu não achei q sentiria isso, até pq não dou tanta importância pra esse mundial. Mas não vou negar q o “tesão ” de ter vencido a libertadores deu uma bela brochada depois da eliminação pro Tigres. Se tivesse passado e perdesse de forma digna pro Bayern seria diferente Mas perder da forma covarde que perdeu , sem dar nem trabalho pros caras , sem criar uma jogada decente e dando graças a Deus por ter sido só 1×0 , foi muito desanimador. Será q dá pra piorar perdendo pro Al Ahly ?

No meu caso, valorizo as conquistas.
Ficar p.u.t.o. por causa de piadinhas de rivais zerados de títulos?
Não entro nessa.

Olha, eu comecei a rever o meu conceito em relação a esse Mundial. Primeiro que a competição em si, é uma bosta. O europeu não liga, os outros estão lá de orelha, e o sulamericano (acho que mais os brasileiros) são os que realmente se importam. Jogos chatos, com arbitragens péssimas, em lugares que não respiram futebol. E o pior, o nível futebol jogado por aqui faz com que qualquer time sulamericano seja zebra. E se os argentinos fossem ricos, os clubes brasileiros ganhariam uma a cada 20 Libertadores. Portanto, meu teto é Libertadores e darei mais importância ao Brasileirão, às competições nacionais, daqui pra frente, como já diziam o Eduardo e o Sérgio, por aqui.

Sem dúvida! Concordo. Aliás, isso parece consenso com os jornalistas que assisti nesses últimos dias, especialmente os jornalistas brasileiros que ficam na Europa cobrindo futebol por lá. Eles acham um torneio caça níquel, sem expressão alguma na Europa.
Aliás, o Palmeiras claramente não deu muita bola para a edição desse ano em especial! Ficar aqui na terça feira para jogar um amistoso contra o Botafogo foi o cúmulo do desprezo pelo mundial!!! Botafogo já rebaixado, Palmeiras sem nada mais pra fazer no campeonato, e foram pro jogo pra só depois viajar… Palmeiras literalmente ca.gou pra esse campeonato mundial. E eu também!
Aliás, entendo os problemas de calendário em um ano de pandemia, mas obviamente a CBF e Conmenbol também ca.garam pra esse campeonato, pelo menos esse ano. Por isso que acho ridículo alguns torcedores estarem “sofrendo” com a provocação de adversários. Nossos rivais estão em uma pindaíba desgraçada, tem mais é que ficar bem quietinhos!

Concordo totalmente, Gustavo. O foco nas competições nacionais vai nos colocar permanentemente nas internacionais, daí por diante vai depender de uma série de fatores, inclusive o imponderável sobre o qual eu sempre falo (e que o Cuca ajudou a corroborar na final da Libertadores deste ano).

Se vamos dividir com Flamengo e mais três ou quatro times o protagonismo nacional nos próximos anos, precisamos começar por montar equipes suficientemente capacitadas para enfrentar esses rivais de igual para igual, algo que não tem sido tão constante assim, e também suficientemente competentes pra não perder pontos bobos pra quem só vem passar uma temporada “de férias” na Série A e depois volta pro fundo do lago.

A torcida do “monotítulo” mundial Liverpool (que só conseguiu o seu em 2019, depois de se tornar hexacampeão europeu…), um dos maiores vencedores do futebol mundial, deve 💩 e andar pra isso, tá muito mais preocupada com a Premier League e a Champions, pois essa obsessão de conquistar o “selo FIFA” pra “ser feliz” é coisa de vira-lata sul-americano, em especial brasileiro. Já que a gente importa tanta coisa inadaptável da Europa, passou da hora de adotar essa postura, mas não acho que verei isso em vida…

Eu fiquei puto no dia e dia seguinte. Depois passou, e toda hora que eu lembro que o Palmeiras é BI da libertadores, vem um sentimento de empolgação e alegria. Agora estou cobiçando muito a Copa do Brasil e a Recopa. A Recopa é praticamente um jogo sem importância, mas contra oficialmente como titulo internacional e é um bônus por ter levado a Libertadores.

Eu me incluo nesse contexto junto com a maioria dos torcedores palmeirenses de estar se sentindo um verdadeiro idi.ota.
Os jogadores estão ca.gan.do para todos nós lá em Doha.
Enquanto nós aqui sofremos com a zoeira de não ter essa po.rr.a de mundial.
Foram passear.
Não foram buscar essa taça.
Vão todos pra pqp!
Bando de fdp.
Só isento o goleiro Weverton e o Gustavo Gomes.

Maioria?!? Não vejo maioria nenhuma! Aliás, uma minoria insignificante!!!!

Ufa!!!
Pensei que eu era a minoria!!
Concordo 100% com você Carlos!
Ano muito bom mesmo!

Bi da América, Campeão do Paulistinha, da Copa Mickey, com uma final de Copa do Brasil pra jogar? Nunca estive mais frustrado com esse time.

Os jogadores continuam cagando pra você, pra mim e para os demais.
Nós estamos aqui sendo zoados e eles lá em hotel de luxo e com os bolsos cheios.

Zoados?!? Só se for você. Meus amigos são gambás que não tem time, bambis 12 anos na fila e santistas que perderam a final pra nós. Ah, tenho colegas flamenguistas também, que não conseguiram o bi no Brasileiro nem sem ninguém pra competir.

Concordo Renato kkkkkkk. Eu moro em lugar infestado de gamba, os caras só fala em Mundial. Pelo menos na final diante do Bayern tinha que chegar. Mas pra mim esse elenco limitado foi até longe demais, sendo campeão da libertadores.
O Luan sono quase fez um golaço contra, diante do river, o Weverton salvou,se dependesse do Luan nem a Libertadores o Palmeiras tinha conquistado, fez um pênalti de juvenil diante de tigres. Luan volta pro vasco.
E o Zé Rafael que um jogador comum , não corre, não tem um desarme, não faz uma assistência,não joga poha nenhuma . O que justifica a titularidade desse acomodado? ” Aí que bom seria se o Zé Rafael voltasse pra Bahia”

Realmente não entendo alguns aqui no 3VV.
Ficar reclamando do time esse ano???
Me desculpem!! Eu não deixo gambá nenhum me zoar! Eles perderam tudo esse ano para nós, incluindo uma final e um goleada. Os bambis estão arruinados numa fila de 13 anos. E o peixe então…
Nos últimos 5 anos somos com folga o clube mais vitorioso do futebol brasileiro.
O time é sim mediano, mas o resultado é fortíssimo e não concordo com esses comentários!

Talvez se não fosse o Luan fazer aquele pênalti ridículo, o tigres não iria fazer nenhum gol, a partida iria se arrasta pra prorrogação.
Se o Palmeiras entrou nessa poha de Mundial tinha que chegar pelo menos na final.
O Marco Rocha disputou 2 mundial e não chegou na final. Que Zica é essa kkkkkkk.
Disputa de terceiro e quarto lugar é ridículo. Que graça tem?
Agora que os cofres estão cheios está na hora de contrata jogadores de peso.
O Abel Ferreira vai ter oportunidade de forma a equipe dele, vai indicar reforços inclusive do futebol europeu, quem sabe já no fim do ano, em dezembro la em Tokio, o Palmeiras disputa o título mundial.

Desculpe, Renato, se você se sente um idiota por causa de um resultado normal (derrota para um time com nível de futebol parelho mas que entrou melhor preparado – psicologicamente, sobretudo – e mereceu a vitória) e só porque não acabamos (ainda) com uma piadinha imbe.cil, está com problemas sérios.

Idiota eu me senti quando aquele time de 1994 perdeu pro SPFC porque o Mustafá inventou viagem fora de hora. Idiota eu me senti quando o gol do Alex foi anulado em 1999 lá em Tóquio, quando jogamos melhor e perdemos. Esse time atual sempre me passou a impressão de que amarelaria em algum momento, então considerando que até metade de abril poderemos levantar mais três taças, estou é satisfeito pra 🖕. Daí a achar que está tudo maravilhoso e que não precisamos de mudanças no clube, é outra coisa.

Vi uma mensagem na rede social do nosso adversário da Recopa, o Defensa y Justicia, que nos parabenizou pela conquista da Libertadores e ainda citou que será um prazer nos enfrentar na decisão. Olha só que exemplo de esportividade e respeito.
Dá muita tristeza ter que ouvir da nossa própria imprensa e rivais que o título do Palmeiras foi desmerecido, sem graça e outras baboseiras.
Enquanto os argentinos nos enaltecem, temos que nos deparar, mesmo sem querer, com romarinho, “craque” neto, juca kchute, mauro cezar, fazendo provocações e comentários invejosos e clubistas pra tentar diminuir nossa conquista.

É fato que:
1- não conseguimos comemorar muito porque essa derrota pro Tigres foi apenas uma semana depois do título.
2- que não jogamos bem nem na final que ganhamos e muito menos no mundial.
3- que o Abel foi mal demais no mundial.
4- que o nosso elenco é bem mediano e precisa de reforços urgentemente.

Dito isso, de resto, é pura maldade e inveja de adversários e comentarista fracos e parciais.
Estão todos de parabéns no clube pela temporada feita até agora. Tenho muito orgulho pelo que foi proporcionado a nós.
Como aceitar gozação de gambá, bambis e sardinhas se eles estão miseravelmente ridículos???

Eles precisaram torcer pra uns 10 times diferentes esse ano, tamanha incompetência do time deles. Só lembrando que um foi vice no paulista, perdeu as duas no brasileiro (com direito a goleada), outro foi nosso vice na CDB-15, BR-16 e Libertadores e o outro está há 8 anos sem ganhar nada. Não sou da turma da zoeira, prefiro ficar na minha, porque futebol é fase e agorinha a nossa pode passar, mas ter que aguentar rival falido mesmo numa temporada incrível como essa tá osso.

Pois é, LGO, seus quatro itens estão muito bem elencados, concordo com todos, mas aceitar gozação de quem quer que seja faz parte do jogo. Senão a gente vai cair na velha história da indignação seletiva, ou seja, quando eu ganho posso zuar quem eu quiser, quando perco ninguém pode me zuar. Aí também já é demais.

Por outro lado, fico com pena de quem ainda dá audiência e importância pro que falam Neto, Kfouri ou jogador semianônimo, mas como as mediocridades se procuram e se atraem dá até pra entender…

Perfeito Yoda!
Me expressei mal!
Quando digo não aceitar gozações é no sentido que nossos rivais estão um fiasco e temos muito mais motivos para gozar eles e não deixá-los desmerecer nossos títulos de 2020!
Mas claro que temos que escutar a nossa parte…faz parte do jogo.

Concordo plenamente Paulão. Imprensa maldita. Vão ter que engolir o portuga por muito tempo, para a infelicidade deles.

Também acho que o Paulão mandou muito bem.
O resto é besteirol pra encher linguiça.

Essa imprensa é realmente um lixo, quanto mais eu leio mais nojo eu tenho. Estão fazendo uma campanha ostensiva contra o Abel, jogando nas costas dele a derrota para o tigres. O cara tem três meses de trabalho e é o grande culpado por termos ganho a Libertadores, com time e elenco medianos. Deve ser exaltado, penso eu, e não execrado. Não podemos cair nessa, o que esses energumenos querem é que o Palmeiras demita o Abel e contrate um eduardo Batista da vida. O Galhardo é exaltado como o melhor técnico da América do Sul por essa imprensa baba ovo, só que dele ninguém fala, todos esquecem que o poderoso River do magnanimo Galhardo perdeu do Al Ain na semifinal do Mundial 2018 e tomou um 3×0 do Barcelona em 2015. Não podemos deixar eles nos enganarem, nosso problema não é o Abel, ao contrário, com tempo e elenco ele será a nossa solução, para desespero dos antis.

Desculpe, Paulão, normalmente concordo com seus comentários, mas quem são suas referências na Imprensa Esportiva? Nos poucos veículos que acessei após a derrota para o Tigres, o que ouvi foi exatamente o contrário, a despeito de todos concordarem (e aqui no 3VV também isso é unânime) que o Abel errou no domingo. Além disso, como já comentei por aqui, não embarco muito nessas opiniões de “torcedores com microfones travestidos de profissionais”, a maioria é do mesmo baixo nível de quem fica chamando os outros times de “monocampeões” ou exaltando a incrível e homérica vitória nos pênaltis na final do Paulista como se fosse o “Super Bowl”.

Se fosse você, selecionaria melhor os veículos de informação. Não há muita coisa que preste, é verdade, mas existe.

De fato, pensando melhor eu posso ter exagerado um pouco na generalização, mas confesso que não sou muito ávido por procurar boas mídias, talvez por preguiça, talvez por falta de tempo mesmo, mas costumo passar os olhos nos principais sites da internet e em alguns canais da TV, e faço isso por alguns minutos do meu dia. Costumo ver uol, globoesporte, lance, cosme, e na tv espn e um pouco de sportv. E nesses lugares tem vários torcedores munidos de microfone, você tem razão.

Mas lendo e vendo tudo o que li e vi, senti um “espírito” muito mais de depreciação do que de exaltação. O Gallardo não é um lixo porque o River perdeu a semifinal do Al-Ain, ele é grande porque montou um time que ganhou duas libertadores em quatro edições (15 e 18) e outros vários campeonatos.

Também não é o Abel porque perdeu do Tigres, que por sinal é maior que o Al-Ain. Ele ganhou a Libertadores com um time muito limitado, em menos de três meses de trabalho, acho que isso é muito bom. Agora precisa ver como será sua evolução se dermos a ele tempo, tranquilidade e principalmente um elenco mais qualificado.

Dizer que ele errou é fácil, todo mundo viu, é a verdade e ponto final. O time abdicou do jogo, teve medo, e foi ele que mandou jogar assim. Cobrar que ele melhore (ou cometa menos erros) também é normal e até desejado, dentro do respeito que se exige.

No fundo o que quero dizer é que, se eu encontrasse o Abel na volta do Catar, e a pandemia não existisse, eu gostaria de abraçá-lo e parabenizá-lo pela grande vitória na Libertadores, e não pela derrota frustrante contra o Tigres. Aconteceu e vai passar. O título, por outro lado, está pregado na Taça Libertadores e gravado na história, mesmo que o time não seja brilhante, aliás longe disso.

Mas tive a impressão que a imprensa só fala da nossa derrota e essa frustração do mau futebol contra o Tigres parece que contaminou a própria conquista da Libertadores. Já vi comentarista dizer que a conquista do Flamengo (19) foi maior que a nossa, já que o futebol deles era um espetáculo. Que eles eram melhores em 19 do que somos em 20 eu não tenho dúvida. Mas eles fizeram um jogo melhor que o nosso em Avellaneda? Contra o Grêmio, talvez, mas foi melhor? Ou equivalente? E a quase eliminação na fase de grupos e, depois, nas oitavas, surrupiando um pênalti que praticamente os eliminaria? E na final, pegaram na bola contra o River, a não ser no finalzinho em duas falhas gritantes dos hermanos?

É diferente o jeito que o Palmeiras vem sendo tratado. Será que se o Palmeiras ganhasse do Tigres e perdesse honrosamente do Bayern a imprensa seria mais carinhosa com a gente? Será que nos exaltaria como fizeram com o Flamengo? Sei não…

Aproveito para pedir, então, algumas indicações de leitura, esses que eu li me deixaram bem insatisfeito.

Perfeito Paulão! A imprensa está sendo totalmente injusta! Um can.alha no Estadão comentou que “em 2019 a América do Sul mandou o seu melhor pro mundial, mas em 2020 (21) talvez não”…. um perfeito id.iota falar uma coisas dessas! Ele pode comentar o que quiser da insegurança que o time passa aos torcedores, todos nós aqui sentimos. Mas ganhamos justamente e em muitos jogos mostramos belo futebol! Dizer que não é ser imparcial!

Gignac carrasco do Palmeiras. Imprensa maldita. O cara fez um gol em nós e já recebe esse rótulo. Ele deu sorte de ter um Luan (Meu Deus) marcando, se fosse um Mina a história seria outra. Outra coisa, tomara que os jogadores voltem a cor normal do cabelo. Que coisa mais sem graça. Portuga, o Patrick de Paula tem que ser titular com o Menino na lateral direita. Chega de Luan e Marcos Rocha. E vê se deixa o Scarpa no meio de campo.

Lito, o Gignac ganhou todas as bolas pelo alto da nossa defesa. Não fez mais gols porque o Wéverton foi um herói. O cara sozinho e perto dos 40 anos é, hoje, melhor que todos os atacantes que levamos pra Doha juntos. Fato.

E não foi nenhuma surpresa isso ter ocorrido, visto que na vitória de 4-0 sobre o Corinthians, o Gil tinha ganho todas pelo alto, e foi comentada aqui a nossa preocupação.

Nem só nesses 4 x 0. O Gil ganha todas de cabeça sempre que nos enfrenta, desde que voltou aos gambás. O cara é alto e tem bom tempo de bola, mesmo zagueiros bons as vezes sofrem com esse tipo de jogada pelo alto. O que não muda o fato que poderíamos sofrer menos, se tivéssemos jogadores melhores do que alguns ruins/medianos que assolam nosso time.

Obrigado: Jailson, Marcos Rocha, F mello, Lucas Lima (meu Deus), Perú, Luan (meu Deus). Dá para ficar para a reserva Maycon, zagueiro chileno, Scarpa, Willian, Breno Lopes. Que venha: Gatito para o gol (reserva), um lateral direito, um quarto zagueiro (Victor Cuesta, Kanemman, Balbuena), um lateral esquerdo reserva, um volante (Jean Pierre), um meia esquerda e um centroavante.

Perfeito comentário!
Só discordo com relação ao Kanemman que acho lento e vejo jogadores muito melhores aqui na América!

Meu Deus, essa obsessão por um goleiro nota 5 que só é bom pegador de pênaltis é difícil de entender… Só pra ficar em um nome menos badalado, o Tadeu do Goiás, que joga num dos piores times da Série A, toma gol todo jogo e faz umas 68 defesas por partida, é cinquenta vezes melhor que Gatito. E não precisamos de volantes, essa posição é a que a base melhor tem nos abastecido, precisamos é de meias que não sofram de preguicite crônica e de atacantes que não aumentem o trabalho dos gandulas e sim dos goleiros adversários.

O Palmeiras “queria” trazer o lateral direito do River e ele renovou.
O Palmeiras “queria” trazer um camisa 10 da Argentina e o River contratou.
Enquanto isso Anderson Barrozzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz. Ele e o Galinhote que não venham com jogadores da série B.
Precisamos urgente: um goleiro reserva, um lateral direito, um quarto zagueiro, um lateral esquerdo reserva, um volante, um meia esquerda e um centroavante. Moeda de troca temos ao monte.
O Marcão quer defender o Luan, mas todos sabíamos que ele e o Marcos Rocha eram e são o ponto fraco do time. O portuga tinha que ter entrado com o G Menino na lateral e o Patrick no meio. Mas fazer o que. Vida que segue. E mais, o Danilo não pode sair desse time.
Só espero que voltem a cor do cabelo normal e voltem a jogar com raça.

Nosso gerente de futebol (200 mil por mês), já está de olho em um atacante desconhecido, bichado e que não saiba chutar ao gol…. um Ruinny piorado.

Vamos continuar com a dupla de “cérebros” no meio de campo., que curtam apenas (800 + 600 mil por mês), LL e scarpa.

E com os habituais delivery em jogos decisivos.
Luan está louco para ser um iFood contra o Grêmio.

Enquanto isso o Atlético contratou 2 dos jogadores que deveriam vir para o Palmeiras.
Para resolver.

E nossos jogadores pintando o cabelinho.

Obrigação é Copa do Brasil.
3.o ou 4.o lugar desse mundial tanto faz.
Prioridade é voltar pro Brasil sem outras lesões.

Não concordo. O Palmeiras levou anos para chegar numa competição tão almejada e por isso deveria jogar comendo a grama. Poupar para não machucar seria no campeonato Brasileiro. Bem como se ganhar o jogo, chegará na final motivado.

Exato. Foco total contra o Grêmio e o Defensa.

Brasileirão e Mundial já eram, tanto faz a posição final.

Sinceramente!
Essa derrota foi muito triste pelo que jogamos, e maio culpado é sim o Abel que ainda tem muito crédito!
Gostaria de ver o meio de campo com Menino, Danilo, Patrick e Scarpa. Exatamente esse que goleou o River.
Mas não vou depreciar nosso elenco que fez muito esse ano com pandemia e tudo.
Aliás assim como o futebol do nosso time em 93 era incomparavelmente muito melhor que 2020, caso consigamos o título da copa do Brasil será sim o melhor ano da história do clube de longe!

Talvez em termos de conquistas, sim, e no final o que conta pra maioria é isso. Só não concordo em dizer que o será “de longe”, aí acho que é forçar a barra um pouquinho.

Aquele time de 1993/94 por força das circunstâncias teve chance de jogar apenas uma Libertadores, e a perdeu de maneira decepcionante por causa de um planejamento idi.ota para a segunda partida contra o SPFC. Mas pra quem viu aquela equipe jogar, sabe que dificilmente será superada, nem que o Palmeiras ganhe Mundial.

Sim, em termos de futebol e entretenimento não há como comparar indiscutivelmente.
Como você falou, o que pesa mais para a história são os títulos e temos tudo para ganhar mais 3 títulos! Se ocorrer será indiscutivelmente o maior ano da nossa história!

LGO, na temporada de 2020 acho que tem só a Copa do Brasil.
A Recopa e Supercopa não sei, mas deve valer pra 2021.
Corrija-me se estiver errado.

Isso aí. Valendo pela temporada 2020 só mais a Copa do Brasil. Mas se ganharmos, sera sim a nossa temporada mais vitoriosa. Pelo menos a temporada mais vitoriosa que eu já vi….

Esse pseudo zagueiro de nome Luan Garcia que deve ter merda ou bosta na cabeça para ter cometido o pênalti que cometeu, ainda está no elenco do Palmeiras? Não foi demitido?
Por causa desse vegetal acéfalo não estamos na final.
Luan fdp.

Vendo o Bayern jogar, se tem uma característica que eu realmente invejo, é a pressão na saída de bola do adversário. É lindo ver o Lewandovski apertando o zagueiro do lado do goleiro, e os outros dois defensores marcados também, os atacantes do Al Ahly também marcados no meio de campo, os egípcios sem espaço pra respirar. E sempre 2 a 3 jogadores do Bayern em cima do jogador do Ahly com a bola, não importa que situação ou lugar do campo.

Claro que eu invejo outras coisas também, como o ataque inteligentíssimo e habilidoso, os zagueiros que sabem sair jogando e driblando melhor que nossos melhores atacantes, etc… É fogo…

Ter “meio” Lewandovski ou “um” Gignac ajudaria muito o Palmeiras ontem. Mas continuar tendo Zé Raphael, Luan e Marcos Rocha praticamente anularia essa diferença. Postura e inteligência táticas são essenciais, mas com material de segunda linha o nível é outro.

Derrota esperada, dado nosso contexto. O que não podemos (o que o Abel não pode) fazer é passar o pano no futebol que o time vem apresentando. Entendo ele dar os méritos para a outra equipe na entrevista, mas tomara que no vestiário ele tenha deixado claro que a gente não jogou nada, como aliás não estamos jogando desde o jogo contra o River. Será mesmo só desgaste físico? Será que se der um mês de férias pra esses jogadores eles vão voltar jogando bem? Avanti Palestra!

Concordo com todo o contexto que explica nosso desempenho abaixo (fuso, cansaço, calendário, nervosismo, etc). Mas ainda assim, dá pra pegar situações pontuais. Uma é que, apesar de ter ainda crédito pra caramba, o Abel foi mal ontem. Escalou errado, leu errado o jogo, etc. E os jogadores, cansados ou não, mostram que o time ainda não tem o entrosamento desejado. Você percebe isso quando vê que, a marcação é confusa, o jogador nunca sabe se deve apertar, ou cercar, por não saber se vai ter alguém na sobra, e isso cria várias situações onde o zagueiro cola, é driblado e não tem alguém na sobra, ou apenas cerca a distância, mesmo tendo um companheiro pra ajudar na marcação, dando espaço e tempo pro atacante pensar o lance.

E ao receber uma bola, não tem uma visão antecipada de fluência de jogo, pelo contrário, só ao receber o passe no pé, que começa a pensar no que fazer a seguir. Como não há uma ideia ainda do passo seguinte, prefere ficar na segurança de se livrar da bola, tocando pra trás, deixando pro zagueiro/volante decidir como começar toda a jogada. Óbvio que não vai dar nada, apenas chutão na frente, tentando encontrar o limitado Rony. Segurança e confiança, só surgem quando os jogadores sabem muito bem o que deve ser feito em cada situação, como proceder. Isso vai levar muito tempo ainda…e talvez esse elenco não seja bom o suficiente, cerebral o suficiente pra aprender esse tipo de jogo, planejado, e não reativo.

Só pra constar, eu estou tentando ser racional, mas as vezes me vem um pico de irracionalidade e a única vontade é moer de porrada esses jogadores do Palmeiras. Só que irracionalidade não ajuda em nada. Mas eu queria tirar isso do peito. Ainda mais assistindo agora o Al Ahly e o Bayern entrando em campo, e nosso time incompetente não indo jogar a final contra o Bayern.

Comentário absolutamente perfeito, PCM51. Sem querer fazer comparações, apenas citações, o Marcos nos ajudou a chegar em Tóquio em 1999 e todo mundo sabe que lá falhou feio. O Abel foi mal, muito mal, ontem. E o nosso elenco nem é recheado de tantos talentos assim. Basta ver há quanto tempo não conseguimos vencer Flamengo (melhor time/elenco do país), Grêmio (treinador mais longevo de uma equipe com padrão muito bem definido) e como no retrospecto recente o maior rival da capital tem nos dado trabalho mesmo com a abissal diferença de investimentos.

Há um trabalho em andamento que já rendeu frutos inimagináveis, interrompê-lo é um erro mas achar que já chegou ao ápice é outro tanto maior. Li por aí que pra tia Leila essa derrota até ficou “de bom tamanho” porque se viesse o título seria o Galiotte quem sairia na foto, assim ela terá teoricamente “seis chances” pra investir e ajudar a montar uma equipe que quebre esse tabu. Quem sabe, mas a gente entende que não é só questão de investimento.

Nem me lembre do gambá… Eles precisaram passar por 3 grandes desmanches seguidos (piorando a cada um destes desmanches) pra nós IGUALARMOS as partidas contra eles, na qualidade do futebol jogado. Eles são um caos administrativo, mas o departamento de futebol deles ainda é bem superior ao nosso, impressão que dá é que eles sempre estão melhores fisicamente, mesmo jogando mal, tem um plano de jogo definido, e mesmo errando bastante em contratação, tem um percentual, em termos de proporção, melhor que o nosso, em acertos. Por exemplo, eles estavam de olho nesse Gignac em 2008 já, não compraram porque o salário era muito alto na época.

O lado positivo, é que com o Abel, e nossa situação financeira, eu acredito que finalmente vamos começar a colocar essa diferença em campo, a partir de agora. Apesar desse Mundial, 2021 promete ser um ano muito bom também.

Eu tenho esperança de o Abel ficar pelo menos até o fim de seu contrato, e tenho muita curiosidade de ver até onde dá pra chegar com ele tendo tempo de treinar o time e participar do fortalecimento do elenco. Eu acho que no sonho de jogar uma vez por semana o Palmeiras estaria no pelotão de frente sempre. Isso não existe. Mas eu acho que com o tempo ele vai elevar bastante o nível do nosso time e principalmente do nosso jogo.

Pra ter alguma chance disso acontecer, será preciso colocar o Paulista como “fase de descanso” e pré-temporada.

Os jogadores se esgotaram, fisica e emocionalmente. Mesmo sendo atletas de alto rendimento, é humanamente impossivel manter foco e capacidade física sob tanta pressão. Pressão de jogos a cada 3 dias, pressão de cobrança de titulos, de vencer, cobrança própria. O Abel chegou há 3 meses, acho que não teve até hoje 3 dias de treino consecutivos. Frente ao cenário devastatdor que todos previam no começo do ano, 2020/21 foi incrivel. Com reforços pontuais e tempo de trabalho, acho que vamos longe.

Onde disse pé de aquiles, quis dizer o calcanhar de aquiles. Caramba, achei que passaríamos pelo menos para a final. Acorda diretoria e portuga. Precisamos de reforços. Prepara o barco.

O Palmeiras com o Abel Ferreira fez várias grandes partidas. Porém, desde o segundo jogo da semifinal contra o River Plate, joga mal. Dá a impressão que o time está esgotado ou, pior, virou o fio. Se jogarmos esse futebol na final da Copa do Brasil contra o Grêmio, perderemos.

Eu ia dizer exatamente isso Zanon, depois do jogo do River ainda tivemos o jogaço contra os Gambás, mas de lá pra cá foram 6 partidas, todas apáticas, as quais só ganhamos do Santos com sorte e na bacia das almas. Não sei o que aconteceu, mas algo de errado não está certo.

A verdade é que chegamos longe demais com Luan e Marcos Rocha. Esses dois sempre foram o pé de aquiles de nosso time. Precisamos urgente de um goleiro reserva (Gatito), um lateral direito urgente (?), um quarto zagueiro (Kanemman, Victor Cuesta), um volante (Jean Pierre), um camisa 10 (?), um centroavante (?). Moeda de troca temos aos montes. Só espero que nosso diretor (zzzzz) e presidente acordem e não venham com jogadores desconhecidos. Por último, eu acho que o portuga errou ao deixar o Patrick de Paula no banco. Tomara que agora nossos meninos desçam um pouco do salto (credo é coisa de bambi), voltem o cabelo a cor normal e joguem mais. Quanto aos bambis, gambás que fizeram festa, vão todos ……

Nosso elenco é limitado, todos sabemos.
Mesmo assim ganhamos títulos e isso é que deixa os rivais secadores P. da vida.
Enquanto eles fazem piadinhas de mundial, a gente vai colecionando taças.
Não precisamos desejar morte de ninguém, pelo contrário, quero eles bem vivos para que vejam o Palmeiras levantar outra taça em breve.
O elenco deve melhorar em 2021.

https://www.youtube.com/watch?v=iPi-_6-kxsc

O Palmeiras deve se dedicar em vencer Brasileirões, Libertadores e Copas do Brasil. O Mundial é só um torneio caça-níquel como a Recopa.

E vale lembrar: daqui pra frente, o vencedor da Libertadores consegue 2 vagas pro Mundial. Ou seja, o foco deve ser sempre na Libertadores/Sul-Americana, o Mundial é pura consequência que pode ou não acontecer.

E só pra concluir o que escrevi aí embaixo. Precisamos de Homens que tenham personalidade pra jogar jogos decisivos e não de Mulekes que pintam o cabelinho de loiro pra se aparecer mais do que a camisa que veste.

Jogadores de personalidade já foram jovens também. Já tremeram em jogos grandes e é jogando jogo grande que se cria casca. Pintar o cabelo ou não não muda em nada!

Pra mim faz diferença sim. Qdo vc já tem o hábito de pintar o cabelo sempre isso significa q é normal pra vc, vc vive assim . Mas qdo vc decide pintar depois de uma conquista , sendo que vc nunca fez isso , significa perda de foco , relaxamento, passa uma mensagem de que já fizemos o que tinha de fazer e agora já podemos relaxar e fazer o que quisermos. E não é assim, jogador profissional tem q relaxar só nas férias. Eu não gosto disso, se eu fosse jogador de futebol e líder de um grupo eu chegaria nesses caras e pediria pra voltar a cor do cabelo ao normal. Óbvio q não foi por isso q perdemos mas psicologicamente não contribui em nada . E tudo o que não contribui deve ser retirado. Gosto desse estilo Telê Santana e Bernardinho , chato em todos os detalhes e foco total até no par ou ímpar. Eu acho q é assim q se constrói um grupo de campeões.

Um Bernardinho da vida no futebol de hoje seria boicotado pelos jogadores no primeiro coletivo, mas entendo seu ponto de vista.

Também entendo, não foi a tintura que tirou “a força” do time, mas é aquela história da mulher de César que não apenas deve ser honesta como parecer assim. Poderiam pintar na volta, por exemplo.

O que escreveu o Antônio Carlos sobre Bernardinhos no futebol está certo, dentro do contexto brasileiro. O Guardiola é o melhor técnico do planeta e sua filosofia é a de um Bernardinho, isto é, foco total, aprimoramento constante, disciplina, treino, treino, treino e muito treino. E o resultado vem. Aqui a nossa cultura e a educação precária tem criado monstros egocêntricos. Ou alguém acha que um Gabigol faria sinal de silêncio pras câmeras após o Pep tê-lo deixado na geladeira uma semana?

Concordo com vcs . E a respeito do Gabigol, sinto nojo desse sujeito.

Só pra refletir , quem quiser discordar fique a vontade: Palmeiras x River no Allianz Parque, Palmeiras x Santos na final e Palmeiras x Tigres ontem. Qual a diferença desses 3 jogos com o futebol q o Palmeiras apresentava com o Luxa?? Eu continuo batendo na mesma tecla, falta ao Palmeiras saber contratar jogadores decisivos, que realmente façam a diferença em jogos grandes. Treinador pode ser qualquer um. O português não é ruim, mas tbm não é essa Brastemp toda q pintaram . Acho q ele deve ficar mais uns 2 anos se for possível pra dar continuidade mas é preciso saber contratar melhor, em vez de trazer 4 mais ou menos,traga 1 craque ( o que reconheço que está cada vez mais escasso). E por favor, sumam com os entregões, Luan é um bom garoto mas já esgotou sua cota de entregadas em momentos decisivos. Marcos Rocha tbm já deu o q nem tinha mais o q dar, Zé Rafael é jogador de Bahia, Rony com todo o respeito nem jogador de futebol é. É preciso olhar pra frente e melhorar o time. O futebol é tão louco que vencemos a libertadores com o pior time q tivemos nos últimos 5 anos mas não podemos nos enganar, se quisermos vencer outra libertadores nos próximos anos e voltar ao mundial é preciso melhorar e muito.

Sou e continuarei sendo prático. Outubro: “Será que cai?”. Janeiro: “Glória Eterna!”. Será que fevereiro é “tudo lixo?”

O Palmeiras não era favorito a nada, em momento algum do ano. Talvez Copa Mickey e Paulista. Aceitem que dói menos. O time pra “passar o rodo” nas taças em 2020 era o Flamengo, que só levou o Carioca e provavelmente ficará com o Brasileirão. O time que jogou o futebol mais ofensivo e vertical foi o Galo, que só levou o Mineiro que dispu.tava contra o vento.

Conquistar títulos requer uma série de fatores, e a conjunção deles em determinada ordem e sequência. Ganhamos a Libertadores sem ter todos eles, principalmente jogadores que, quando o coletivo não funciona, resolvem. O treinador ganhou o primeiro título da curta carreira semana passada e vi gente hoje (aqui e na imprensa) criticando-o de forma veemente. Gente, olhem o time que terminou o jogo de hoje! Olhem o que havia no banco! Quando exibiram as imagens da delegação chegando ao hotel em Doha, eu disse “Meu Deus! É um milagre estarmos lá!”. Não temos como reinvindicar destaque fora de Conmebol. Ainda não.

De minha parte, quero CB, SuperCopa e Recopa, depois que se façam as reformulações necessárias pra começarem o ciclo novamente. O Palmeiras não ficou menor hoje nem seria maior se vencesse o Bayern.

E que os lazarentos que fizeram churrasco e festa em comemoração hoje morram de covid apodrecendo na porta de hospitais que não têm recursos por causa de estádios construídos com dinheiro de propina. Pronto, falei!

É, o que temos saber separar as coisas. O Palmeiras, e acho que o futebol sulamericano em si, é de terceira linha. Somos a 3ª divisão do futebol mundial, atrás dos tops da Europa, dos médios da mesma Europa, e equiparados com Asiátcos, Russos, Africanos e os norte Americanos. Outra coisa é a postura covarde em jogos decisivos. Dos três jogos em que entramos com medo, perdemos dois (River e Tigres) e ganhamos um na khgada. Tem que rever isso. Não pode!

Cheirinho não deve ganhar. Empatou com o Braga, Inter tem tudo pra abrir 4 pontos de novo. E o cheirinho não está jogando nada, pelo menos nesse jogo contra o Braga esteve muito fraco!

Sobre o Palmeiras, falta a Copa do Brasil. Se ganhar, ficamos com Paulista, Copa do Brasil e Libertadores. Nos meus 50 anos de vida, sera a primeira vez que vejo o time ganhar 3 campeonatos importantes no mesmo ano! (Ou será que estou esquecendo algum ano com a Copa Rio-SP? Mas Rio-SP não é do tamanho desses outros 3…..)

E sim, o futebol não é lá essas coisas, gostaria de ver novamente um time como dos anos 90, mas não acho que isso seja mais possível….

Nosso time de 93 levou paulista (que na época valia bem mais que hoje), Rio-São Paulo e Brasileirão. Não faço a menor ideia do valor da copa Rio-SP, mas enfim, nós vencemos esses 3 títulos em 93.

Exato. Isso que eu queria lembrar. Mas a Rio-SP era um torneio de 2-3 jogos, nada demais. Esse ano, se ganharmos a Copa do Brasil, fica maior.

O Torneio Rio-SP foi, até a criação do “Robertão” em 1967 (que pra mim foi quando realmente começaram os “Brasileirões”), a principal competição de clubes que não fossem do mesmo estado no país. A base das seleções nacionais saía dos times que o disput.avam.

Em 1993 a competição ficou esvaziada pela disp.uta simultânea das eliminatórias para a Copa do Mundo no ano seguinte, que levou muitos jogadores (principalmente do Palmeiras), mas não foi torneio de “dois ou três jogos”. Enfrentamos duas vezes Flamengo, Santos e Fluminense e nas finais vencemos o Corínthians. Não estou querendo “superfaturar”, mas apenas situar no tempo a conquista.

Verdade, foram 8 jogos no total. Torneio que teve muita importância no passado, e naquele ano tentou-se revivê-lo. Acho que foi bom porque ganhamos, e ainda em cima dos gambás.

Igual de 90 talvez não, mas o cheirinho mostrou em 2019 que é possível jogar bom futebol ainda, futebol ofensivo, e que deixa o torcedor orgulhoso, mesmo nas derrotas. O urubu caiu de pé contra o Liverpool, chegou a mandar no jogo durante bastante tempo. Nosso timaço com Rony, Marcos Rocha, Scarpa, Luan, e uma garotada que ainda não está habituada a partidas dificeis do ponto de vista psicológico, passou vergonha hoje. Por mais que o Tigres não seja terrível, também não joga um futebol de arrancar suspiro de ninguém. Não foi um vexame como Mazembe, Raja Casa Blanca, mas ainda assim, foi vergonha, pelo futebol safado que o time jogou.

Sim, Palmeiras não mostrou futebol, foi triste. Mas eu ainda acho que com esse calendário horroroso, com a CBF jogando contra (partida com o Botafogo na semana do Mundial?!?!), elenco limitado com inúmeras contusões, acho difícil, senão impossível, apresentar bom futebol. Ainda mais time ainda de ressaca, com fuso horário na cabeça, estreia….
Mas o time não vinha mostrando grande futebol, verdade. Mas já mostrou, contra o River lá, contra os gambás…. Então o que acontece? Eu acho que é uma mistura de tudo, o time não é maravilhoso mesmo, e as outras condicionantes ferram tudo….

O resultado foi uma grande decepção, já a partida em si foi uma demonstração total de falta de repertório e capacidade de se adaptar a situações diferentes e adversas, coisas que as pessoas equilibradas daqui já haviam percebido faz tempo.

O Abel ainda vai crescer muito como treinador na carreira, claro que aqui e depois em outros grandes centros, e muito disso vai se dever a esse grande baque.

Eu ia escrever isso agora.
Precisa avisar pra esse b.a.baca francês que o time citado por ele perdeu a decisão pro Palmeiras, depois levou 0x2 em Itaquera e recentemente 4×0 no Allianz, além de ser monolibertadores.
Deve estar procurando emprego este atacante idoso em final de contrato.
Que venha pros gambás passar vergonha ‘in loco’.

Que brochada!!!
Como o Palmeiras fica longos períodos sem ganhar nada, perdi o tesão total.
Acredito que a grande maioria de quem participa aqui tenha idade inferior a 50 anos, ou seja, estamos no auge de acompanhar, torcer e vibrar, esperar novos 21 anos por outra libertadores não terá o mesmo sabor que sentimos na semana passada.
Um balde de água fria e um choque de realidade.
Acho que tenho razão, com raras exceções, é o elenco mais fdp da história recente do clube!
Foram para Doha fazer turismo.
Não se dedicaram.
Não deram sangue.
Não ralaram a bunda na grama.
Não se empenharam em honrar a camisa. O torcedor palmeirense foi feito de otário neste domingo.
Agora estamos sendo zoados por uma irresponsabilidade de um cara acéfalo.
2020 acabou hoje.
Não vai ganhar a Copa do Brasil.
Momento totalmente anormal em virtude da pandemia, no meu ponto de vista, 2021 será um ano de seca.
Reestruturação urgente no elenco.
Perder faz parte do jogo.
Agora, perder da maneira que perdemos hoje, vai tomar no c.ú.
Outra coisa que eu estou percebendo, esse Abel Ferreira é outro que foge da responsabilidade, ele tira totalmente o foco. Após a partida, afirmar que lutaram até o fim…
Lastimável.
Faltou jogar bola.
Faltou entrega. Vontade de realmente ganhar o jogo.

Olha, tanto hoje, quanto na Libertadores (que acabou ganhando), como no de volta quanto o River faltou vontade de ganhar o jogo, de ralar a b.u.n.d.a no chão (como.você disse), vontade de jogar. Isso me incomoda muita, e a culpa é do Abel. Acho que o time do Tigres se mostrou superior ao nosso, com o River também, mas essa anemia, essa b.u.n.d.a.molice é inaceitável. E não sei não se não é de se pensar em uma futura demissão do português, caso isso vire padrão.

O maior problema desse time desde ao menos o segundo jogo contra o River, estava na cara, MEDO. O Abel tem que focar nisso, antes mesmo de tentar resolver o problema do time não saber o que fazer quando tem que propor o jogo.

Concordo. Contra River (jogo 2), Santos e Tigres, a postura do timw foi inadmissível.

O time não tem mais fôlego. Mas ficou claro que nós precisamos de alguns reforços urgentes: lateral direita, zagueiro do nível do Gustavo Gomes e um meia de altíssimo nível . Com essas três peças aí o Palmeiras pode ficar muito forte

Falei exatamente dessas 3 posições hoje. E talvez 1 atacante para colocar sombra no Luiz Adrianos!

Nacho, Borré e Montiel seriam esses 3 caras.
Um pra revezar (ou tomar) a titularidade do Luiz Adriano – que é técnico, mas talvez já falte explosão.
Montiel que seria ‘O’ LATERAL DIREITO do futebol brasileiro.
E o Nacho que é um mago do meio campo.
Um zagueiro melhor que o Luan é necessário. Pra reserva, ele serve.

Infelizmente Nacho é muito caro e o atlético está em negociação com ele, o Montiel renovou contrato e agora o River está pedindo 10 milhões de dólares para liberá-lo, ou seja, não vem. Esse lateral acho que seria ótimo aqui, mas esse preço não pra pagar.

E Borré termina contrato com o River no meio do ano, mas já anunciou que quem quiser contratá-lo deverá pagar diretamente a ele 10 milhões de euros de luvas (mais de 60 milhões de reais) e mais 2 milhões de euros por ano de salários, o que dá 1 milhão de reais por mês. Esses caras estão de olho na Europa, já fizeram sucesso em time grande daqui, muito difícil contratá-los.

Pois é pessoal, hoje não deu. A verdade é que no fundo sabíamos que precisaríamos de um dia iluminado pra não sermos humilhados pelos alemães. Fugimos disso. O tigres jogou com inteligência e o Palmeiras com medo, desde a estratégia medrosa de jogo, o técnico demorou pra mexer, os jogadores não partiram pra cima do adversário em nenhum momento. Resultado justo, não temos do que reclamar. Não se esqueçam, todavia, que somos campeões da Libertadores. E temos um bom trabalho recém iniciado que precisa ter continuidade, em especial com um bom planejamento de elenco. Acho que com quatro contratações (lateral-direito, zagueiro, meia-atacante e atacante) podemos brigar de igual pra igual com qualquer brasileiro. E podemos até voltar ao mundial mais cedo do que imaginamos, ou ao menos prosseguir nosso protagonismo nacional. Nosso técnico e novo e está aprendendo demais nessas últimas semanas. Acredito que ele nos dará muitas alegrias ainda. E que se pho. Dam os antis e os secadores paulistas que não ganharam uma porcaria esse ano.

Coitados dos rivais paulistas…
2020 ZERADO para todos eles!
E 2 deles ainda lutam a duras penas pra conseguir uma vaga na Pré-Libertadores!

Na verdade, a gente já está classificado para pro Super Mundial. Mas temos, claro, de lutar por mais libertas e mundiais convencionais.

Se não contratar vamos passar vergonha. Como falado acima. Perder o jogo faz parte, mas perder dividindo todas as bolas e mostrando vontade é aceitável. Perder como foi hoje é ridículo. Chamar o torcedor de idiota.

Só falta um super elenco. Com Zébilú e cia. Ltda, com muita oração, Libertadores é o teto.

Gostei do Luan.
Esse se dedicou nos jogos anteriores e sabíamos que na hora decisiva, um pereba iria entregar a rapadura.

Ele tentou fazer um gol contra, contra o River.
Depois tentou outra vez em outro jogo.

E hoje fera valer o investimento em pereba.

Tentar ser campeão sem atacantes incapazes de chutar uma bola ao gol adversário é impossível.

E me desculpem, mas o Luiz Adriano é tipo chuveiro queimado. O verão e o inverno não funcionam. É um centroavante esporádico. De vez em quando ele joga bem, de vez em quando ele decide um jogo. Não dá. Essa fila tem que andar. A dele, do Willian, do Felipe Melo.

O Luiz Adriano serve para guardar gols. Ele nao constrói jogadas. Se o time passa 90 min só mandando chuveirinho fica difícil para ele. Acho ele bom atacante ,acima da média nacional. Para o Bigode, apesar dos ótimos serviços prestados em 2019 já deu.

Eu sei lá. O Luiz Adriano é um bom atacante (quilômetros luz de ser craque), mas é tipo 29 de fevereiro, só aparece a cada 4 anos. E já tá meio veterano. É quase uma laraja que deu todo suco.

Por mais que eu ache que, se houver um desmanche, não deve ser o Luis Adriano o primeiro a puxar a fila, não sou contra trazer alguém melhor e colocar ele no banco. Alguém como o Gignac, mas não o próprio, que é um gambá enrustido e paspalhão. Geralmente eu torço pro sulamericano contra o europeu, ainda mais quando não são nossos rivais, mas dessa vez, eu vou torcer pro Bayern destruir o Tigres e quero ver a galera palmeirense floodando o twitter desse palhaço.

É. Seria inacreditável ganhar quatro títulos, com esse elenco basicão. Que tenhamos o mínimo de coragem para enfrentar nossos adversários.

É. A Copa do Brasil será mais um baita título. Fazer o quê? Se ganharmos serão três, nesse ano. Uma bela marca pelo futebol apresentado e qualidde que temos. Quem sabe nas competições 21 não melhore o elenco e o nível do futebol jogado.

S e você está otimista, é impossível não ficar também. Haha

Foco na CdB!

E trás uns 2 ou 3 que já dá pra disputar esse mundial de novo.

É. Não tem outro jeito. Tem que reforçar o time e mandar quem já tá aposentado embora. Willian, Luiz Adriano, Felipe Melo, Marcos Rocha. O Rony não dá pra ser titular. Negocia o Menino, empresta o Zé Rafael, Scarpa, se desfaz do Luan.

Foi o primeiro que pensei, mas não sei o que se faz com um cara desses. Caro, salário astronômico, jackson five, não joga nada, e ninguém quer. É muito difícil se livrar dele.

Uma dúvida. Ainda temos a vaga pro Mundial de 21 ou já mudou o regulamento de novo?

Se houver, o Palmeiras está de tri.
São os 3-4 últimos ganhadores da Libertadores e 2 ou 3 últimos da sul-americana.

Mas com perebas entregōes e atacantes que não chutam ao gol adversários e nem conseguem driblar, será o último colocado do grupo.

Fomos além do que esse time poderia proporcionar. O elenco do Palmeiras é meia-boca. Não temos craques e jogadores decisivos. E não está tudo errado não. É que é isso mesmo. A nossa bolha é Conmebol, saiu disso complica. A Libertadores foi uma dádiva, miraculosa. Não jogamis nada na final, não jogamos nada hoje também, e levaríamos uma sacolada do Bayern.

Bom, claro que eu queria que um milagre acontecesse, e ganhassemos esse título, mas outra coisa que eu estava beeeem curioso, era ver Palmeiras x Bayern.

MAS isso ainda pode acontecer hahahaha, torcer pro Bayern entrar dormindo, perder do Al Ahly, e aí teria Palmeiras x Bayern pelo terceiro lugar, já pensou?

Alguém realmente acha que a gente ia ganhar do Bayer?

Gente, perder fazer parte. Esses mesmos “perebas” ganharam a libertadores há uma semana.

Quem me dera disputar o Mundial com mais frequência…

Se ganhar do Grêmio, tá tudo perdoado. O que vale mesmo é a Copa do Brasil.

Acho que ganhar a Liberta já deu perdão antecipado. Eu estou chateado com o jogo de hoje, mas ainda empolgado pelo bi da libertadores.

Mas quanto a ganhar do Bayern, eu concordo com você que com o nosso time não dava, mas a questão não é não ganhar do Bayern, é nem chegar lá pra tentar. E perder faz parte, mas um time se acovardar desse jeito, tremer, não em 1, nem 2, mas 3 jogos decisivos seguidos, mostra que estes jogadores não tem jeito, se era pra criar casca, já deveriam ter criado a essa altura. Se esses mesmos jogadores chegarem em decisões mais difíceis esse ano de novo, vão tremer de novo, e se ganhar, vai ser de novo, mais por acaso que competência….

O que acho mais engraçado é que o discurso agora mudou e se volta para a final da Copa do Brasil. Se continuar jogando como está e mantendo alguns jogadores titulares, vai levar outra bordoada.
Quanto a Presidente e Diretor, são devagar quase parando e pelo que demonstram, só jogador meia boca e promessa. O nível desse time é mediano.

Claro que depois de ser surpreendidos pelo Tigres, temos de nos segurar em menosprezar adversários.

Mas ainda assim, o Grêmio também é outro, que não anda jogando nada. Entre nós e eles jogando nada, acho que a gente joga um pouco menos nada do que eles (que confuso kk). Essa Copa do Brasil seria um belo prêmio de consolação.

Prêmio de consolação??
Dá pra mim só o adiantamento que a CBF pagou aos finalistas e eu não trabalho mais pro resto da vida!

Pab, Copa do Brasil da para o Palmeiras almejar. Mundial, só se montar um super time e tiver a sorte de nesse ano, bater campeão da Libertadores. Ganhar Libertadores com time meia-boca não dá mais Mundial. Se ainda fosse direto pra Final.

Eu acho que o time está exausto. Faz tempo que não fazemos uma boa atuação. Tem que diminuir o ritmo e focar na final da Copa do Brasil. Espero que o time já tenha se recuperado até a final e não desanime.

Na Copa do Brasil já terá passado o baque.
Tomara que tenhamos Wesley e Veron pra final.
O ataque melhora 200% com os dois.
Quanto às piadas, só funcionam pra quem dá ouvidos.
Prefiro valorizar a conquista do bi da Libertadores que ainda está fresquinha, aliás poucos times tem mais de uma.

A verdade é que chegamos longe até demais, pelo nível técnico do nosso time. Ganhamos Libertadores, Paulista e podos ganhar a Copa do Brasil. Nossa realidade é a Conmebol. Se sairmos dessa fronteira, já era. Hoje foi a Libertadores reversa, não jogamos nada outra vez, só que levamos o gol, não fizemos.

3 coisas eram certas:

1. Se pouparam contra o Botafogo e pintaram o cabelo, para tremerem no “jogo dos sonhos”

2. In perebas “We Trust”.
Luan que o diga.
Willian e os atacantes que não chutam ao gol adversário.

3. Melhor ser piada agora, do que depois de ser goleado por 8×0 do Bayern.

Será que conseguem ganhar do time Egípcio?

Eles amarelaram na final da Libertadores e hoje. Só que na Final da Libertadores, o Santos amarelou junto, e nós ganhamos. Já o Tigres encontrou o jogo dos sonhos. Nem precisou se esforçar para conseguir um pênalti, e liquidar o Palmeiras.

Chegamos bem longe diante das dificuldades que passamos durante a pandemia, não preciso nem elencá-las pois todos sabem.
Esse elenco com muitos jogadores vindos da base conquistou 3 títulos na temporada e pode conquistar o 4.o contra o Grêmio.
Jogaram todos os jogos possíveis na temporada (mais de 70) e ainda não acabou. Ninguém fez isso.
Que esses 5 jogos que restam no brasileirão sirva de treino para a Copa do Brasil e pré-temporada pro restante do ano.
Enquanto isso, a diretoria tem que trabalhar em contratações pontuais.
O cofre está cheio e pode vir mais.

Hora de deixar alguns jogadores no Catar. Não dá para ver Zé, Luan, Rafael Veiga e Rony titulares. Pegar outros jogadores reservas e mandar embora na volta e colocar alguns no banco.

A única pena mesmo, é que eu realmente tava curioso pra ver o jogo contra o Bayern. Mas o Tigres mereceu, jogou muito mais bola. O Palmeiras foi aquela fraude de fraldas. Time ruim, se cagando, não podia dar outra.

Tentar descontar a frustração no Grêmio agora. Ainda dá pra empilhar mais uma taça, seria um ótimo prêmio de consolação.

Só perdeu hoje porque foi campeão da Libertadores. Dá raiva de alguns jogadores, mas faz parte do futebol. Não tínhamos pretenção nenhuma além do paulista e vamos terminar a temporada como uma das mais campeãs da história.

Sem mimimi. Mereceu perder. Jogou nada! O time da Coreia deu muito mais trabalho do que nós.

Não estou nem um pouquinho preocupado com as piadas como alguns aqui. Muito menos deixarei essa derrota tirar o brilho de um título tão importante como da semana passada. Por obra da pandemia as competições foram muito próximas.
Também não vou passar a mão da cabeça do time pelo excesso de jogos nessa temporada ou pelo problema do fuso que é grave de ajustar em 3 dias. Poderíamos e deveríamos ter jogado muito mais bola hoje!
Dito tudo isso quero ressaltar só mais duas coisas:
1- agradecer muito ao técnico e jogadores a campanha vitoriosa desse ano, já aproveitando para pedir um esforço adicional na copa do Brasil e recopa.
2- solicitar ao patrocinador e a diretoria a contratação de 5 jogadores de ponta que nos farão muito fortes em 2021 e darão continuidade ao bom início de trabalho do Abel.

Que balde de água fria.
E a piada vai continuar.
Ótimo trabalho Luan….
E o time com exceções de Gustavo Gomes e Weverton pipocou.
Agora é aguentar a gozação.
Faz parte do jogo.

Galera, chegamos longe demais. Culpa ( ou mérito) do Abel que nos deu uma sobrevida. Os únicos jogadores bons de verdade são: Weverton e Gustavo Gomes. Várias promessas que não têm maturidade ainda pra um jogo desse porte e várias jogadores medianos em uma relativa boa fase. Claro que queríamos esse título, mas tava na cara que não viria.

Eu acho que o Patrik de Paula presta, o Vina com um time bom também. Talvez o Luís Adriano, cercado por bons pontas e meio campistas, também. Mas é só. Precisa refazer metade do time.

Patrick e Vina são novos e faltam rodagem como falei. Pra essa temporada precisamos de no mínimo 3 jogadores bons de verdade pra conseguir algo maior.

Minha dúvida é se os jogadores se peidaram na Pampers de novo, ou se no fundo, o Tigres tem mais time que a gente. Eles correm mais, passam melhor, atacam melhor, marcam com muito mais intensidade.

Será coisa de um dia específico, ou é uma superioridade factual?

Acho que deveríamos olhar o copo cheio. Nessa última fase vencedora, de 2015 para cá, ganhamos campeonatos sem necessariamente termos o melhor time, e am algumas ocasiões tivemos a ajuda da sorte.
Fomos muito longe se pensarmos onde estávamos há 3 meses, com a diretoria totalmente perdido e elenco desacreditado.
Agora é aproveitar o bom momento político, a empolgação do patrocinador e o que construímos de bom nesse elenco para aprimorarmos. Temos todas as condições de montar o melhor elenco da(s) América(s) em 2021. Sem o Mattos e com o Abel, estou confiante que saberemos escolher bem as peças. Olhem para o lado, e contemos nos dedos quem no continente tem essas estrelas todas alinhadas.
Mesmo o poderoso River está virando o ciclo.

Olha, se no intervalo tava 50-50, agora tá 🐷 5-95 🐯. Só um milagre…

Bom, não precisa ser gênio pra saber que já era. Time não consegue ficar com a bola, as pernas de geleia resolveram dar as caras novamente. Junte isso a deficiência técnica de mais da metade do time, e temos o terceiro Brasileiro eliminado da semi de Mundial.

Patético.

O Tigres não é Raja Casablanca nem Mazembe.

Jogando só na base das bolas longas, não ganha nem do time de coalas da Oceania…

Um time que quer ganhar o jogo precisa chutar no gol. Ter chutado uma bola só é falta de qualidade ou amarelaram novamente?

Pois é, mas parece que esqueceram que ganhamos a Libertadores SEM chutar uma bola no gol (a que entrou foi cabeçada, nos acréscimos dos acréscimos). Quando o adversário é de outro nível, a coisa pega.

Pode empatar, eventualmente virar ou ganhar nos pênaltis, mas por enquanto a partida é exatamente o que eu esperava dela, não pelo pouco que já tinha visto do Tigres, mas pelo que já cansei de ver do Palmeiras.

Pra ganhar esse mundial aí tem q montar uma seleção tipo 93/94. Com esse time ruim nosso aí a pressão é muito grande pra eles. Ganhar a libertadores já foi um grande feito.

O time de 2016 bem arrumado ganharia desse Tigres. Tinha boa defesa, meio de campo certinho e ataque eficiente. Não seria preciso seleção, bastaria mais técnica.

Concordo. O time de 2016 era bem melhor. Me pergunto realmente, como ganhamos uma libertadores com esses caras. Uma partida maluca de ida contra o River, uma volta onde se não houvesse var, era certeza que era game over, e uma final onde como você bem disse, não chutamos uma bola no gol.

O jeito agora é pensar no Grêmio. Tirar um pouco do amargor dessa trapalhada de hoje.

Que cobrança de falta medíocre. Ficaram todos impedidos na linha burra, daí o cara no meio em vez de cabecear pro gol, passa a bola pro Rony mais impedido ainda.

Jesus…

Pior, se empatar, ainda tem prorrogação e pênaltis, então só empatar não vai garantir nada.

Pode até ser que o Palmeiras se ache e vire o jogo com classe, mas só quem é totalmente sem noção dá palpite de goleada em partida como essa.

Falta coragem pra jogar de outro jeito, porque falta jogador tarimbado, que desequilibre. Não importa o que seus detratores pensem, falta um Dudu aí nesse time.

Pois é, daqui a pouco vão dizer que o pênalti foi “apitado” pelo grandalhão francês…

Quem tem Luan, uma hora afunda.

Time vai pro intervalo, em vez de voltar melhor, parece que voltou pior.

Faço questão que passe hoje, pra evitar as piadas de Mazembe, mas não temos absolutamente nenhuma chance contra o Bayern

A impressão que tenho é que eles são mais fortes e rápidos. Querendo ou não faz diferença.

Ridículo esses caras da RGT desmerecendo o Mundial 51 durante a transmissão. Insistem no assunto a todo momento.
Torcem contra, todos eles.
Não conseguem disfarçar.

Já deu pra perceber que os times se equivalem. O Palmeiras esteve um momento melhor, depois o Tigres melhorou e equilibrou, tendo as melhores chances de gol, evitadas por nosso goleiro. Acho que precisamos daquele minuto iluminado, achar um gol, que mudaria essa roleta-russa (ou francesa) na cara do Weverton, e poderíamos tentar definir no contra-ataque. Para mim, está 50-50.

Mas hoje tá com cara de gol do Willian. Espero que o Palmeiras consiga suportar a “pressão” pelo alto, e surpreenda numa bola.

Palmeiras faz tempo que não tem meio de campo. Zé Rafael e Veiga bons reservas. Já o menino tem que jogar mais bola.

Weverton salvou duas já. Time tá melhor, mas precisa transformar em oportunidades de gol. Me irrito com o Menino já, sempre “quase” chegando nas bolas, chutou pro espaço uma bola que era pra por pra dentro (mesmo que estivesse impedido). Zé Rafael lento, e pendendo demais a bola (como sempre).

Até que enfim, post novo!
Que venha título novo, também.
E se não vier, a vida continua.

Força, Palmeiras! Que Deus continue iluminando o nossos caminho e cheguemos na final!

Os comentários estão desativados.