Pós Jogo Palmeiras 2×0 LDU: estamos vivos

Pós Jogo Palmeiras 2×0 LDU: estamos vivos

abril 21, 2009 0 Jogos

Em um Palestra Itália pintado de verde o Palmeiras venceu a LDU por 2×0.

Os gols foram de Marcão (na foto, no exato lance do escanteio que originou o gol) e Diego Souza. Estamos vivos na Libertadores!!

Deixe aqui seu comentário. O pós jogo está em andamento.

O JOGO

O Palmeiras voltou para a formação 3-5-2 com Danilo, Maurício Ramos e Marcão formando o trio da zaga. Capixaba (mal) e Armero (bem) formavam as alas. E foi nas alas que o jogo começou a mudar.

No 1o tempo o Palmeiras teve volume de jogo mas com poucas chances de gol. Keirrison teve uma chance real com ótima defesa do goleiro Cevallos (veja na foto abaixo); depois Capixaba também teve boa chance (com nova defesa do goleiro); e Cleiton Xavier também perdeu boa chance.

Tá certo que tomamos um baita susto: uma bola explodiu na trave depois de um erro na saída de bola de Maurício Ramos.

Mas o Palmeiras voltou para a segunda etapa com uma novidade: Marquinhos jogando de ala. E com 1 minuto Marquinhos fez boa jogada pela direita e tocou para Keirrison, que sofreu falta quase dentro da área. Diego bateu mas essa foi fora (veja imagem abaixo).

Logo depois escanteio para o Palmeiras. Bola na área e na confusão Marcão coloca dentro do gol.

O gol acalmou nosso time e fez a LDU se abrir. Em seguida Marquinhos – que fazia sua melhor partida desde que chegou no Palmeiras – foi expulso em uma confusão com Bolaños. Aí entrou Sandro Silva no lugar do apagado Lenny, e Sandro sofreu falta e caiu sobre o ombro. Nova substituição, desta vez com a entrada de Wendel.

E o “veterano” jogador palmeirense não fez feio. Jogou sério, sempre com força e “chegando junto”, como pede a Libertadores.

E tinha mais: Keirrison sofreu falta aos 37 e Diegou Souza bateu direto, de quase do meio da rua. 2×0.

Poderia ter sido mais se Keirrison – que voltou a correr – acertasse no final. Ou ainda se alguém acompanhasse Diego em bela jogada de linha de fundo.

Vitória no final. 2×0. E o Palmeiras respira na Libertadores.

E AGORA?

Estamos na dependência do jogo desta quarta-feira entre Sport e Colo Colo. As hipóteses são as seguintes:

  • Sport vence com placar magro: Palmeiras precisa vencer semana que vem o Colo Colo em Santiago;
  • Sport vence com 3×0: Palmeiras joga por empate fazendo gol; se empatar em 0x0 o 2o colocado da chave sairá por sorteio;
  • Sport e Colo Colo empatam: Palmeiras tem de vencer;
  • Colo Colo vence Sport: nesse caso o Palmeiras precisa vencer em Santiago e mesmo assim pode haver triplo empate em pontos na última rodada (em caso de vitória do Sport contra a LDU); os dois classificados sairão pelo saldo de gols (1o critério), gols pró, gols feitos fora de casa. Se persistir o empate, sorteio.

Haja coração. E toda concentração.

E parabéns Diego Souza, Pierre, Marcão, Armero, Marquinhos (apesar da bobeira na expulsão) e principalmente à torcida que apoiou e cantou o jogo inteiro.

Estamos vivos palestrinos… semana que vem é que o bicho vai pegar.
Mas vamos manter a cabeça no lugar: ainda tem muita coisa prá se arrumar naquele Palestra.

Saudações Alviverdes!


28380cookie-checkPós Jogo Palmeiras 2×0 LDU: estamos vivos

0 comentários em “Pós Jogo Palmeiras 2×0 LDU: estamos vivos

  • Cássio Andrade
    abril 23, 2009
    Responder
  • Rodrigo Montes Roberto
    abril 22, 2009
    Responder
  • Cassiano Juliotti Amatuzzi
    abril 22, 2009
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    abril 22, 2009
    Responder
  • Valter Rodrigues de Freitas
    abril 22, 2009
    Responder
  • V Criscio
    abril 22, 2009
    Responder
  • Luis Filipe Fabiani
    abril 22, 2009
    Responder
  • Franco Domenico Ceravolo
    abril 22, 2009
    Responder
  • Rogerio Rocha
    abril 22, 2009
    Responder
  • Andre Luiz Martins Oltemare
    abril 22, 2009
    Responder
  • Rogerio Rocha
    abril 22, 2009
    Responder
  • Sérgio de Mauro
    abril 22, 2009
    Responder
  • luiz laudisio neto
    abril 22, 2009
    Responder
  • Andre Luiz Martins Oltemare
    abril 22, 2009
    Responder
  • luiz laudisio neto
    abril 22, 2009
    Responder
  • Alvaro G Mucida
    abril 22, 2009
    Responder
  • Alvaro G Mucida
    abril 22, 2009
    Responder
  • Arthur Azevedo Ribeiro
    abril 22, 2009
    Responder
  • Diego Caio Terense Peressinotto
    abril 22, 2009
    Responder
  • Raul Ricardi
    abril 22, 2009
    Responder
  • João Gomes Yzquierdo Neto
    abril 22, 2009
    Responder
  • Alberto Cunio
    abril 22, 2009
    Responder
  • Marco Aurélio Novelini
    abril 22, 2009
    Responder
  • JOSELITO LUIZ GONÇALVES
    abril 22, 2009
    Responder
  • Arthur Alves Teixeira
    abril 22, 2009
    Responder
  • Cássio Andrade
    abril 22, 2009
    Responder
  • Cássio Andrade
    abril 22, 2009
    Responder
  • Cássio Andrade
    abril 22, 2009
    Responder
  • Ronaldo Bocuto
    abril 22, 2009
    Responder
  • Cássio Andrade
    abril 22, 2009
    Responder
  • Bruno Bocchini
    abril 22, 2009
    Responder
  • Rodolfo II
    abril 22, 2009
    Responder
  • Valter Paccini
    abril 22, 2009
    Responder
  • Rodrigo Bucciolli Pereira
    abril 22, 2009
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    abril 22, 2009
    Responder
  • Robson Falanque Romeiro
    abril 21, 2009
    Responder
  • Rudney Gonçalves da Silva
    abril 21, 2009
    Responder
  • Yvo Renato Batista Ramos
    abril 21, 2009
    Responder
  • Ricardo Brito Teixeira
    abril 21, 2009
    Responder
  • Antonio Nivaldo Nocelli
    abril 21, 2009
    Responder
  • Marcelo Fabiano Luchetti
    abril 21, 2009
    Responder
  • Valter Rodrigues de Freitas
    abril 21, 2009
    Responder
  • Alberto Cunio
    abril 21, 2009
    Responder
  • Marcelo Barbagallo
    abril 21, 2009
    Responder
  • Danilo Cersosimo
    abril 21, 2009
    Responder
  • Valter Rodrigues de Freitas
    abril 21, 2009
    Responder
  • porcazzo!
    abril 21, 2009
    Responder
  • porcazzo!
    abril 21, 2009
    Responder
  • porcazzo!
    abril 21, 2009
    Responder
  • rudy de araujo maruyama
    abril 21, 2009
    Responder
  • Cassiano Juliotti Amatuzzi
    abril 21, 2009
    Responder
  • rudy de araujo maruyama
    abril 21, 2009
    Responder
  • rudy de araujo maruyama
    abril 21, 2009
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    abril 21, 2009
    Responder
  • rudy de araujo maruyama
    abril 21, 2009
    Responder
  • Leandro Prado
    abril 21, 2009
    Responder
  • Giuliano LentiDante
    abril 21, 2009
    Responder
  • João Gomes Yzquierdo Neto
    abril 21, 2009
    Responder
  • Alvaro G Mucida
    abril 21, 2009
    Responder
  • eduardo da silva caires bertucci
    abril 21, 2009
    Responder
  • eduardo da silva caires bertucci
    abril 21, 2009
    Responder
  • Daniel Portero
    abril 21, 2009
    Responder
  • JOSELITO LUIZ GONÇALVES
    abril 21, 2009
    Responder
  • rudy de araujo maruyama
    abril 21, 2009
    Responder
  • Valter Rodrigues de Freitas
    abril 21, 2009
    Responder
  • Valter Rodrigues de Freitas
    abril 21, 2009
    Responder
  • luciano morete
    abril 21, 2009
    Responder

Deixe um comentário para Marcelo Fabiano Luchetti Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *