Cronograma geral das arenas para a Copa 2014

agosto 12, 2009 15 Allianz Parque

POR CLAUDIO BAPTISTA

Pessoal,

Hoje os pitacos serão em cima do cronograma geral para a realização da Copa de 2014.

Temos conhecimentos dos marcos principais que a FIFA vem cobrando das sedes escolhidas. Entre eles a apresentação dos projetos e revisões previstas para acontecerem este mês; temos também até o final deste ano para a apresentação definitiva dos parceiros e definição dos investimentos, bem como o início da construção dos estádios para o primeiro trimestre de 2010.

Olhando estas etapas pode-se até pensar: a FIFA desta vez não irá tolerar atrasos.

Realmente, a FIFA não está disposta a gerir atrasos, contudo, desde o dia em que escolheu o Brasil como sede em 30 de Outubro de 2007, a FIFA vem abraçando riscos e em minha opinião o maior deles foi a escolha das cidades sedes com alto grau de imprecisão em seus projetos.

Vejam que desde maio deste ano – quando as cidades sedes foram escolhidas – até o momento, pouquíssimas têm as seguintes definições:

  • Projetos executivos aprovados.
  • Definição de parceiros e investidores.

Até aí, pode-se questionar: mas a FIFA não irá cobrar isso até o final do ano?

Sim, mas o que acontecerá se ao final do ano algumas sedes ainda apresentarem estes problemas? Existem planos “B” sendo desenvolvidos?

Digo isto porque em um cronograma executado em seus trâmites normais, otimista e em compasso com os discursos apresentados, nós poderíamos ter os seguintes passos:

1 – Elaboração de projetos básicos de engenharia – 3 meses.
2 – Fase de aprovação das premissas básicas junto aos órgãos competentes – 2 meses.

A FIFA aprovou as cidades sede em uma mistura da Fase 1 e 2.

3 – Elaboração de projetos executivos de engenharia mais estudos de viabilidade detalhados – 6 meses.
4 – Fase de aprovação junto aos órgãos competentes – 6 meses.

É fácil encontrar investidor, seja privado ou público, antes desta fase sem uma série de imposições?

5 – Procura e definição de parceiros; contratos assinados (??!!!) – até 12 meses.
6 – Construção das Arenas – 30 meses.
7 – Colocação em operação e ajustes nas Arenas – 6 meses.

Do passo 3 ao 5 teríamos por volta de 24 meses; a FIFA ao escolher as cidades sedes em maio de 2009 – entre as fases 1 e 2 – assumiu um sério risco para o cronograma geral. Questão chave: como chegar à fase 5 em 10 meses.

Concordam?

Hoje até podemos dizer que as sedes estão na fase 3. Somados os tempos das fases 3 a 6 temos quase 4,5 anos quando a FIFA pede que vários estádios estejam prontos um ano antes da Copa para serem operados na Copa das Confederações.

Acho que o sinal vermelho já está aceso. O cronograma já ultrapassou o caminho crítico.

Os resultados estão aí. Governo entrando no jogo fornecendo mais do que infra-estrutura, acenando com dinheiro em estádios alegando serem meros financiamentos e não doações quando sabemos do alto grau de risco para os pagamentos, ou então com as taxas e encargos abaixo das praticadas pelo mercado, o que não passa de subsídio e benefício para aqueles que possuem seus estádios particulares, atropelando fases de engenharia e “forçando” aprovações junto aos órgãos competentes que possivelmente terão que engolir projetos tortos. Enfim, tudo para uma bela lambança.

Ah, isso sem contar com os atrasos nas obras de infra-estrutura prometidas pelo Governo.

E para terminar, não causa indignação em vocês o fato da Arena Palestra Itália já estar em fase de aprovação junto à Prefeitura e com investidor definido (ou seja, muito à frente de diversos outros projetos) não ser nem ventilada pelos responsáveis pela organização do Mundial?

Aliás, analisando o que coloquei acima, que sorte das autoridades competentes (Governo, CBF, FIFA) terem o Palmeiras, a Arena Palestra e o consórcio firmado com a WTorre à disposição.

Verei se na próxima semana escrevo algo fazendo um paralelo nos cenários das sedes que têm seus projetos lastreados em estádios particulares.

Abraço e até lá,
Claudio Baptista Jr.

Cláudio Baptista escreve às quintas-feiras no 3VV
mas excepcionalmente esta semana sua coluna entrou no ar na quarta-feira;
Cláudio escreve sempre sobre Arenas Esportivas;
Reprodução permitida mediante explícita citação do autor do texto e do link www.3vv.com.br.

38250cookie-checkCronograma geral das arenas para a Copa 2014

15 comentários em “Cronograma geral das arenas para a Copa 2014

  • Ricardo Alberto Galassi
    agosto 19, 2009
    Responder
  • Marco Túlio de Vasconcelos Dias
    agosto 14, 2009
    Responder
  • Fernando Talarico
    agosto 13, 2009
    Responder
  • Claudio Baptista Jr.
    agosto 13, 2009
    Responder
  • Rodrigo Bucciolli Pereira
    agosto 12, 2009
    Responder
  • Raphael Hussni Leonessa
    agosto 12, 2009
    Responder
  • Claudio Baptista Jr.
    agosto 12, 2009
    Responder
  • Claudio Baptista Jr.
    agosto 12, 2009
    Responder
  • rudy de araujo maruyama
    agosto 12, 2009
    Responder
  • Alberto Cunio
    agosto 12, 2009
    Responder
  • Claudio Baptista Jr.
    agosto 12, 2009
    Responder
  • João Gomes Yzquierdo Neto
    agosto 12, 2009
    Responder
  • gilberto giangiulio Junior
    agosto 12, 2009
    Responder
  • JOSELITO LUIZ GONÇALVES
    agosto 12, 2009
    Responder
  • Cassiano Juliotti Amatuzzi
    agosto 11, 2009
    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *