Análise de Arbitragem R19 – Palmeiras 1×1 Botafogo

agosto 18, 2009 0 Jogos

Por Danilo Cersosimo

Num Palestra Itália
lotado o Palmeiras vacilou e apenas empatou contra o fraco Botafogo. 

O árbitro Cláudio
Mercante (PE) e seus auxiliares, fizeram uma arbitragem ruim, tanto nos aspectos
técnicos quanto disciplinares. Além disso, é o tipo de árbitro “coluna do
meio”, que reza para o jogo terminar empatado. 

Frise-se no entanto, que
o referido juiz errou para os dois lados e o mau resultado não pode ser
colocado na conta dele.

Três lances me chamaram a
atenção de maneira mais aguda: o pênalti de Pierre sobre Lucio Flavio [que
valoriza, mas que de fato aconteceu a carga do palmeirense], o impedimento
marcado contra o Palmeiras que culminaria em gol [mas que praticamente não teve
repercussão na mídia] e a voadora de Leandro Guerreiro em Pierre [punido apenas
com amarelo].

***

Acompanhei a partida
entre Sport e SPFC e gostaria de destacar a atuação do árbitro Sandro Meira
Ricci, que não teve medo de expulsar (corretamente) os dois zagueiros sãopaulinos
e acertou em cheio ao expulsar o atacante Wilson do Sport numa tentativa tão
patética de simular um pênalti que deveria pegar uns 6 meses de suspensão.

Destaque negativo para a
cera feita por Miranda ao deixar o gramado após sua expulsão – esse tipo de
comportamento também deveria ser punido pelos tais tribunais.

***

Noto reações exageradas
por parte de alguns torcedores do Palmeiras tanto em relação aos últimos 3
empates quanto em relação a arbitragem dos dois últimos jogos.

Não é pra tanto. Sem
dúvida os resultados foram ruins, mas imputar nosso “insucesso” aos árbitros é
um exagero.

Não vi os alegados três
pênaltys não marcados a nosso favor na partida contra o Atlético – eu não teria
dado nenhum.

Também não acho que as
falhas do árbitro do último jogo expostas acima sejam a causa do empate contra
o Botafogo – que veio com o terceiro goleiro e 5 ou 6 desfalques.

Os erros mais graves
desses últimos 2 jogos foram de nossos atacantes, que finalizam muito mal e de
falhas individuais do setor defensivo.

Acredito que tudo isso
vai melhorar assim que o trabalho do treinador começar a surtir efeito, mas até
lá seria bom que os torcedores mais passionais tivessem menos crises com
complexo de inferioridade, de perseguição e coisas do tipo.

Assim que a bola começar
a balançar a rede e as vitórias vierem esses erros de arbitragem serão
minimizados e ninguém mais lembrará de tocar nesse tipo de assunto.

***

38740cookie-checkAnálise de Arbitragem R19 – Palmeiras 1×1 Botafogo

0 comentários em “Análise de Arbitragem R19 – Palmeiras 1×1 Botafogo

  • Rodrigo Bucciolli Pereira
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Marco Túlio de Vasconcelos Dias
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Marcio Zambon
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Danilo Cersosimo
    agosto 18, 2009
    Responder
  • JOSELITO LUIZ GONÇALVES
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Marcelo Barbagallo
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Renato Laghi De Luca
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Renato Laghi De Luca
    agosto 18, 2009
    Responder
  • Alberto Cunio
    agosto 17, 2009
    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *