Pós Jogo Palmeiras 1×0 Vitória: Lincoln marca e Palmeiras larga bem

Pós Jogo Palmeiras 1×0 Vitória: Lincoln marca e Palmeiras larga bem

maio 8, 2010 0 Jogos

PALMEIRAS 1X0 VITÓRIA

O Palmeiras venceu o Vitória na estreia do Campeonato Brasileiro. 1×0! Três pontos na conta.

Mas o jogo foi complicado. O Verdão começou o jogo
procurando espaço no campo do Vitória que se fechava com 10 jogadores e deixava
apenas o atacante para iniciar os contra-golpes.

Num campo molhado o treinador do
Palmeiras mais uma vez optou contra o senso comum: tendo um volante com
características ofensivas como Marcos Assunção, e que bate bem na bola, ele
optou pela dupla Márcio Araújo/Pierre.

O Palmeiras entrou em campo com
Marcos, Vitor, Léo, Edinho e Armero; Pierre, M. Araújo, Lincoln e C. Xavier;
Robert e Ewerthon.

Mas até que o Palmeiras criou
algumas boas chances de gol. Léo (em cobrança de escanteio), Lincoln (em
cruzamento que o bandeira apontou impedimento), Robert (apesar de muito parado)
e Ewerthon tiveram chances.

Vitor que estreou na lateral
direita levava perigo e mostrou que pegando ritmo será muito importante na
posição. Várias vezes chegou em posição de cruzamento, com triangulações com
Lincoln ou Ewerthon. Pode crescer.

Do lado do Vitória o primeiro
tempo teve duas chances de perigo. Numa delas uma cabeçada do atacante Junior
no meio da nossa zaga obrigou Marcos a uma grande defesa. Na outra Armero
vacilou na marcação, Edinho vacilou no corte e não fosse Léo a casa caía.

Os time foram para o intervalo e
aquela cena que já se tornou comum: os jogadores e reúnem no meio de campo e
discutem o jogo. Será que fazem isso porque sabem que do treinador não virá
nada? Vai saber.

O segundo tempo começou e a
chuva castigava o gramado do Palestra. Os times vieram iguais. Mas a postura do
Vitória modificou um pouquinho. Saindo mais pro jogo abria espaços pro
Palmeiras.

Na primeira delas, aos 9 minutos,
um lance de contra-ataque do Palmeiras e Armero poderia deixar Ewerthon na cara
do gol. Chutou de direita… quem não viu o jogo pode imaginar onde a bola foi
parar.

Aos 10 Lincoln teve grande
chance, na entrada da área. Chutou rasteira com extremo perigo, e a bola saiu
raspando a trave.

Aos 12 minutos mais uma prova de
que temos carência de atacante: Ewerthon recebeu linda bola de Cleiton Xavier
entrou livre na direita e deu a bola limpa para Robert marcar. Incrível, mas o
atacante chutou para fora.

Aos 15 minutos, pé mole em defesa
pouco dura tanto bate até que vai: Ewerthon recebeu livre carregou na cara do
gol e sofreu falta por trás. Pênalti claro, zagueiro expulso.

Quem pegou a bola? Robert, o
mesmo que 6 minutos antes tinha perdido um gol feito. Dizem que o técnico
mandou ele bater. Nota 10 para a coragem do Robert. Nota zero para sua técnica.
Nota – 10 para o treinador.

Se ele mandou o Robert bater,
faço coro com a torcida: BURRO! BURRO!! BURRO!!!

Segue o jogo! Palmeiras jogando
com um a mais, 20 minutos, hora de mexer certo?

Aos 22 minutos Junior quase
marca, em falha de marcação de Pierre. Marcos fez grande defesa. Logo depois aos
26 minutos, saiu Robert entrou P. Henrique.

Com um a menos e o tempo
passando o Vitória se encolheu em campo. Aos 30 minutos o técnico lembrou que
tinha um a mais e tirou o volante Pierre colocando Vinicius, atacante das
categorias de base.

E aos 33 minutos um lançamento
(de quem? Cleiton, não vi) Lincoln apareceu na entrada da área, do lado
esquerdo, tirou o zagueiro da jogada e chutou cruzado.

Até os 45 o Palmeiras trocou
bola. Esperou o apito final. Vitória sempre importante em campeonato de pontos corridos.

AGORA UMA CORNETADA

Na comemoração do gol de
Lincoln, uma babaquice. Cleiton Xavier chamou Lincoln para abraçar o Robert,
que saiu vaiado. O mesmo Cleiton que “empenhou solidariedade” ao Diego Souza. Defesa
ao Lincoln, que parece que pouco se importa com isso e foi comemorar com a
torcida. Quem parece que armou a comemoração no banco foi Cleiton.

Essa babaquice da torcida e do
treinador (que quis dar moral Robert mandando irresponsavelmente ele bater o
pênalti) demonstra um grupo que pensa mais em si do que no time. Jogador do
Palmeiras não tem que ficar confrontando torcida mostrando que é unido e coisa
e tal. Jogador do Palmeiras tem que conhecer a história do clube e saber que
Evair, Zinho, Sampaio, Valdívia, Alex, até Tonhão, que não era técnico, são
ídolos dos torcedores. E ganharam esse status mostrando resultado em campo, e
não com atitudes babacas de confrontação com a torcida.

O CRAQUE 3VV DA PARTIDA:

Vamos com uma novidade. Vamos eleger o melhor em campo.

Quatro sugestões: Lincoln,
Ewerthon, Vitor, Cleiton Xavier, Marcos

Meu voto é em Lincoln.

Vote ao lado. Os que votarem no melhor
em campo nas partidas do Verdão concorrerão a uma camiseta no final de maio.

E QUEM MERECE UMA CORNETADA NA ORELHA?

Zago ou Robert (não pelo pênalti perdido, mas pelo conjunto da obra). Vocês escolhem.

Saudações Alviverdes!

266040cookie-checkPós Jogo Palmeiras 1×0 Vitória: Lincoln marca e Palmeiras larga bem

0 comentários em “Pós Jogo Palmeiras 1×0 Vitória: Lincoln marca e Palmeiras larga bem

  • Victor Rogério Sbrighi Pimentel
    maio 10, 2010
    Responder
  • Fabio Patricio da Silva
    maio 10, 2010
    Responder
  • Marco Túlio de Vasconcelos Dias
    maio 10, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    maio 10, 2010
    Responder
  • Eleyson de Oliveira Junior
    maio 10, 2010
    Responder
  • luiz penchiari
    maio 10, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    maio 10, 2010
    Responder
  • Victor Rogério Sbrighi Pimentel
    maio 10, 2010
    Responder
  • Victor Rogério Sbrighi Pimentel
    maio 10, 2010
    Responder
  • luiz penchiari
    maio 10, 2010
    Responder
  • Fernando Cesar Giélamo
    maio 10, 2010
    Responder
  • Marco Alexandrino
    maio 10, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    maio 10, 2010
    Responder
  • Victor Rogério Sbrighi Pimentel
    maio 10, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    maio 10, 2010
    Responder
  • Marco Aurélio Pieritz
    maio 10, 2010
    Responder
  • porcazzo!
    maio 10, 2010
    Responder
  • Marcelo Breda Stocco
    maio 9, 2010
    Responder
  • Diego Caio Terense Peressinotto
    maio 9, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 9, 2010
    Responder
  • Alexandre Henrique Guimarães Gonçalves
    maio 9, 2010
    Responder
  • Marcio Zambon
    maio 9, 2010
    Responder
  • Marcelo Breda Stocco
    maio 9, 2010
    Responder
  • NIVALDO FORASTIERI
    maio 9, 2010
    Responder
  • Marcelo de Luca
    maio 9, 2010
    Responder
  • Fernando Talarico
    maio 9, 2010
    Responder
  • Yuri Bassichetto Tambucci
    maio 9, 2010
    Responder
  • jader rodrigues da silva
    maio 9, 2010
    Responder
  • Vitor Gomes
    maio 9, 2010
    Responder
  • davi luiz vieira
    maio 9, 2010
    Responder
  • Milton Nascimento Santos Nunes
    maio 9, 2010
    Responder
  • Paulo Cesar Pereira
    maio 9, 2010
    Responder
  • Fernando Talarico
    maio 9, 2010
    Responder
  • Fernando Talarico
    maio 9, 2010
    Responder
  • Sérgio de Mauro
    maio 9, 2010
    Responder
  • Rodrigo Lepera
    maio 9, 2010
    Responder
  • Sérgio de Mauro
    maio 8, 2010
    Responder
  • Sérgio de Mauro
    maio 8, 2010
    Responder
  • Rodrigo Lepera
    maio 8, 2010
    Responder
  • Fernando Antonio Queiroz Estanislau
    maio 8, 2010
    Responder
  • Marcos Lavieri
    maio 8, 2010
    Responder
  • V Criscio
    maio 8, 2010
    Responder
  • V Criscio
    maio 8, 2010
    Responder
  • Marcelo Breda Stocco
    maio 8, 2010
    Responder
  • Renata Morais
    maio 8, 2010
    Responder
  • Renata Morais
    maio 8, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    maio 8, 2010
    Responder
  • Daniel Portero
    maio 8, 2010
    Responder
  • Arthur Azevedo Ribeiro
    maio 8, 2010
    Responder
  • Yzquierdo
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ebert Andre Janotti
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • JOTA CHRISTIANINI
    maio 8, 2010
    Responder
  • GERALDO GUALBERTO
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Andre Luiz Martins Oltemare
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Andre Luiz Martins Oltemare
    maio 8, 2010
    Responder
  • Andre Luiz Martins Oltemare
    maio 8, 2010
    Responder
  • Marcelo de Luca
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Maiorano Neto
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Luiz Fernando Magliano
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cassiano Juliotti Amatuzzi
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Daniel Vieira de Oliveira
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Daniel Vieira de Oliveira
    maio 8, 2010
    Responder
  • Alex Caputo
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Alex Caputo
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cassiano Juliotti Amatuzzi
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Alex Caputo
    maio 8, 2010
    Responder
  • Alex Caputo
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • V Criscio
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • V Criscio
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Milton Nascimento Santos Nunes
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Eduardo Carraro Milagre
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Cássio Andrade
    maio 8, 2010
    Responder
  • Milton Nascimento Santos Nunes
    maio 8, 2010
    Responder
  • Waldecir Junior
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Ricardo Fonseca Muroni
    maio 8, 2010
    Responder
  • Luiz Fernando Magliano
    maio 8, 2010
    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *