Corneta do Cunio – Felipão e o Minotauro

Corneta do Cunio – Felipão e o Minotauro

agosto 13, 2010 23 Corneta do Cunio

POR ALBERTO CUNIO

Perdidos alviverdes, de volta às
sextas-feiras, ainda mais um dia 13 e de agosto, depois de ser ameaçado,
esculhambado, preterido, ofendido e discriminado pelo 3VV, gostaria de imaginar
a cara de todos os palmeirenses aqui leitores na hora em que o grande Max meteu
um gol contra e colocou-nos na degola da Sulamericana. Eu mesmo precisei de uns
45 minutos para conseguir me acalmar, deitar e dormir. Sem remédios, como tanto
propalam no site.

O que pudemos testemunhar em TV
aberta na quarta-feira foi uma situação no mínimo constrangedora. O Palmeiras
deu a entender que, ou coloca de uma vez o que tem de melhor à disposição do
Felipão (se tivermos alguma coisa melhor), ou teremos que planejar muito bem…
2011! Aliás, isso se 2010 não trouxer antes alguma surpresa desagradável.

Nosso grande Marechal da Vitória
(de outros tempos) está literalmente num labirinto. Ontem, após o segundo gol,
a cara dele ao lado do Murtosa, ambos sentados com aqueles dois bigodões
olhando fixamente para o campo, traduzia perfeitamente o que lhe passava na
cabeça: “E agora? Vamos para que lado?”.

Felipão está num labirinto e dos
brabos. Para quem lembra dos anos 80 e do Atari, parece o jogo do Pac-Man. Para
os que não tinham videogame, o labirinto do Minotauro (tudo bem, não precisa
ser o da Mitologia Grega, pode ser o do Sítio do Pica-Pau Amarelo). Porém, ele
está rezando (e nós também) para não encontrar “aquele” Minotauro, o mesmo que
o Califa nos deu de presente em 2002 e que arrancou nossa cabeça fora. Ao mesmo
tempo, ele espera que o Teseu desta história seja o mago Valdívia, hoje nossa
única esperança para afastar assombrações.

O jogo de volta com o Vitória
pode ser um dos mais importantes para nós nos próximos 2 anos e isso não parece
estar claro para nosso elenco e seu líder. Precisamos de no mínimo 2×0 para
irmos aos pênaltis (o que pela fase recente de cobranças já é temerário), mas
como diz um dos polêmicos colunistas do 3VV (algum deles não é?), “…dois gols
num jogo para o Felipão é goleada.”. Logo, o que esperar diante do time de
Toninho Cecílio e de Eduardo, o ambidestro?

Vou deixar aqui minha CORNETA
estridente para duas pessoas que esta semana 
fizeram e muito por merecê-la: uma, foi o FELIPÃO, que armou uma retranca
digna do Goaituba domingo, para tomar um empate no último minuto daquele time
horroroso do Goiás. Outro, para aquele que muitos nos comentários do DROPS da
semana disseram ser um “injustiçado”: MAX, o dono da camisa 14, aquecedor de
banco do Mago. Entrou quarta-feira e disse para que veio: NADA, além de um gol
contra. E o Toninho gritava no banco antes do escanteio: “Primeiro pau,
primeiro pau!”. Funcionou.

Continuem seguindo a Corneta no
Twitter!

@Corneta 3VV

Já passamos dos 18.000
seguidores, rumo à liderança mundial!

56530cookie-checkCorneta do Cunio – Felipão e o Minotauro

23 comentários em “Corneta do Cunio – Felipão e o Minotauro

  • Diego Caio Terense Peressinotto
    agosto 14, 2010
    Responder
  • Alberto Cunio
    agosto 14, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Marco Freitas
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Alberto Cunio
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Yzquierdo
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Raul Ricardi
    agosto 13, 2010
    Responder
  • luiz penchiari
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Rogerio Rocha
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Administrator
    agosto 13, 2010
    Responder
  • JOSELITO LUIZ GONÇALVES
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Alex Caputo
    agosto 13, 2010
    Responder
  • Wagner César Silva de Oliveira
    agosto 12, 2010
    Responder
  • Rodrigo Bucciolli Pereira
    agosto 12, 2010
    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *