Corneta do Cunio – Os filhos de um pai bêbado

novembro 14, 2013 40 Corneta do Cunio

Por Alberto Cunio

Prole alviverde, hoje vou citar um conceito básico de física e uma analogia que chegou a minha tela na semana passada, vinda de um grande palmeirense que terá seu nome preservado.

“O Palmeiras, administrativamente falando, é um pai bêbado: sem moral e só age na violência”.

Não entrarei em detalhes sobre o contexto em que isto foi dito, mas uma coisa é certa: não vemos nenhum tipo de ação por parte do clube diante do seu entorno. Apenas reações. No caso do Palmeiras, para piorar, sempre tardias.

O que está por trás disso é o fato de que não há pulso administrativo no clube. Alguns indícios de que isto é endêmico nas alamedas são as coisas que acontecem por lá há várias gestões, não sendo prioridade desta atual. As mazelas de arbitragem contra nosso time é apenas uma delas. Seguem-se por uma falta de controle sobre atletas, casos emblemáticos como o de Valdívia, e em outros tempos Kléber, Diego Souza, etc. Dirigentes já foram ofendidos, o clube é desprezado por atletas que sequer são nossos, a imprensa nos ridiculariza, os patrocinadores nos humilham. Em suma, temos um comando central desmoralizado.

E quando ocorre algum tipo de “reação” por parte de nossos cartolas? É sempre do mesmo jeito: violenta. Caça às bruxas, revanchismos, boicotes, perseguições, listas-negras, sindicâncias. Tudo acontece dentro das quatro paredes do clube. E sempre contra os que internamente questionam a inércia e o imobilismo que dominam o clube.

E o que resta a nós, os filhos deste pai bêbado, violento e sem moral? Lamentarmos os anos que passam e não trazem perspectiva a nenhum prazo. Ações que deveriam ser normais, rumando para o progresso e sustentabilidade de um clube vencedor, são encaradas como dramas, litígios e embates. Até quando isso?

Pegando o gancho do assunto, já que falamos da Terceira Lei de Newton, vamos tentar acalmar o espírito de nossos torcedores, feridos pelo ritmo lento de nossa equipe: o elenco enfrentar o Boa Esporte, Paysandu e ASA, é uma coisa. Jogar contra São Paulo, Corinthians e Flamengo, é outra. Ou vocês acham que o Vitor Belfort se prepara e luta igualmente enfrentando a mim e ao Anderson Silva? Não, né? Ação e reação.

A CORNETA de hoje vai para o pseudopalmeirense, pseudoconselheiro, pseudodirigente, pseusoqualquercoisa, Marco Polo del Nero. Por quê? Porque ele existe. E quando abre sua boca ou faz alguma coisa, é sempre contra o próprio time que ele diz torcer. Passou da hora deste senhor ser convidado a “vazar” do clube.

A Corneta no Twitter quer saber: Após humilhar GK, qual será a próxima do senhor, hein “CEO”? Siga! @Corneta3VV

122920cookie-checkCorneta do Cunio – Os filhos de um pai bêbado

40 comentários em “Corneta do Cunio – Os filhos de um pai bêbado

  • Sérgio de Mauro
    novembro 15, 2013
    Responder
  • Sérgio de Mauro
    novembro 15, 2013
    Responder
  • Sérgio de Mauro
    novembro 15, 2013
    Responder
  • Alberto Cunio
    novembro 15, 2013
    Responder
  • HARLEY
    novembro 15, 2013
    Responder
  • Valmir
    novembro 14, 2013
    Responder
    • sergio marangão
      novembro 15, 2013
      Responder
    • HARLEY
      novembro 15, 2013
      Responder
  • Ariel
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Mauro
    novembro 14, 2013
    Responder
    • Ariel
      novembro 14, 2013
      Responder
  • Lucas Rodrigues
    novembro 14, 2013
    Responder
  • PAULO H. FRANCESCHINI
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Prezoto
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Rodolfo
    novembro 14, 2013
    Responder
    • Rodolfo
      novembro 14, 2013
      Responder
      • Zek
        novembro 14, 2013
        Responder
    • sergio marangão
      novembro 14, 2013
      Responder
  • Rafael Sanches
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Tancredo Nunes Moura
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Léo Souza
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Danilo Peressim
    novembro 14, 2013
    Responder
    • Luiz Menegaço
      novembro 14, 2013
      Responder
  • lito
    novembro 14, 2013
    Responder
  • lito
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Levi
    novembro 14, 2013
    Responder
    • Lucas Rodrigues
      novembro 14, 2013
      Responder
      • HARLEY
        novembro 14, 2013
        Responder
    • Danilo Peressim
      novembro 14, 2013
      Responder
    • Luiz Menegaço
      novembro 14, 2013
      Responder
    • Mário Jr
      novembro 14, 2013
      Responder
  • Levi
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Lucas Rodrigues
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Mário Jr
    novembro 14, 2013
    Responder
    • Mário Jr
      novembro 14, 2013
      Responder
  • lito
    novembro 14, 2013
    Responder
  • NeroAzzurri
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Marcos
    novembro 14, 2013
    Responder
  • Arthur
    novembro 14, 2013
    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *