Justiça do Rio suspende intervenção na CBF

Justiça do Rio suspende intervenção na CBF

agosto 2, 2021 0 Notícias

FOTO: Reinaldo Carneiro, presidente da Federação Paulista de Futebol (DIVULGAÇÃO/FPF)

Durou pouco a intervenção na CBF determinada pela Justiça. O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, e o presidente da Federação Paulista, Reinaldo Carneiro, tinham sido nomeados por um juiz para administrar a entidade por 30 dias depois que a eleição de 2018 foi anulada judicialmente, pleito que tinha alçado Rogério caboclo como presidente. Caboclo foi afastado pelo Conselho de Ética da CBF por ser acusado por funcionárias de assédio sexual e moral. Ele nega as acusações.

Empossados, Landim e Carneiro ficaram minutos como interventores até serem informados que a decisão tinha sido cassada. A atual diretoria interina da CBF conseguiu um efeito suspensivo no Tribunal de Justiça do Rio de Janeirom em decisão do desembargador Luiz Umpierre de Mello Serra.

Quando saiu a decisão mais recente, Reinaldo e Landim já tinham se dirigido à sede da CBF, na Barra da Tijuca, para efetivar o início da intervenção, respaldado pela sentença anterior, proferida semana passada pelo juiz Mário Cunha Olinto Filho, da 2ª Vara Cível.

Na decisão, o desembargador pontua que “a ação civil pública foi proposta no ano de 2017, portanto já estão decorridos mais de quatro anos a justificar afastar qualquer alegação de circunstâncias caraterizadoras de urgência no cumprimento dos comandos nela estabelecidos”.

Luiz Umpierre de Mello Serra acrescenta que enxerga “elementos indicadores do risco de iminente dano irreparável e da irreversibilidade da liminar dada na sentença, porque o ilustre magistrado determinou intervenção na confederação de futebol, contrariando frontalmente a Lei Pelé, quando nomeou cidadão que dirigente importante time carioca, em violação ao art. 90 da norma de regência”.

279310cookie-checkJustiça do Rio suspende intervenção na CBF

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *