Apesar da torcida contrária da imprensa, Abel estará no banco em Montevidéu

Apesar da torcida contrária da imprensa, Abel estará no banco em Montevidéu

outubro 13, 2021 1 Notícias

Por Marcelo Moreira *

A torcida contra é enorme, mas a frustração também proporcional. Abel Ferreira fica, a despeito do péssimo futebol dos últimos jogos e das sete partidas sem vencer. O mantra é o mesmo: “Se não fosse a final da Libertadores, o treinador do Palmeiras já teria saído”.

Todos os principais veículos de comunicação estão travando uma batalha para ver quem antecipa primeiro a saída do treinador português. Fizeram o mesmo com Hernán Crespo, no São Paulo, e conseguiram forçar tanto a barra que o treinador decidiu sair, “em comum acordo com a diretoria”.

Colunistas ávidos por informações exclusivas não escondem a decepção ao “consultar fontes dentro do Palmeiras” e constatar que Abel não sai antes da final da Libertadores, em 27 de novembro. “É a única coisa que o segura”, assegura um colunista de portal de internet que raramente acerta.

Ao menos parece que a unanimidade entre os jornalistas indica que Abel Ferreira estará no banco contra o Flamengo, em Montevidéu, no Uruguai. Boa notícia ou maus presságios?

Depois de muito tempo em silêncio, o presidente Mauricio Galiotte se manifestou e bancou a permanência de Abel Ferreira em entrevista ao Ge/Globo Esporte.com (saiba mais clicando aqui). Decidiu falar claramente por conta ao aumento da pressão sobre o time e sobre o treinador.

Tais movimentações de dirigentes são comuns em períodos turbulentos, mas suas declarações não costuma ser levadas muito a sério – é a famosa declaração “o técnico está prestigiado”, o que indica demissão iminente. Não é o caso aqui. Galiotte está convicto na manutenção do técnico e todas as “fontes” ouvidas pelos principais jornalistas esportivos corroboram a “sentença” do presidente.

Por que a fase seja péssima e que treinador tenha “pedido os seus poderes”, o fato é que a estratégia de Ferreira nos jogos decisivos da Libertadores funcionou até agora.

O time despenca na tabela do Brasileiro, não reage, joga cada vez pior? O treinador não consegue explicar a queda brusca de produção? A Libertadores é a tábua de salvação?

A credibilidade do português ainda é grande, por mais que a pressão seja muito forte. faz sentido a crença no trabalho dele, pois seus méritos são incontestáveis. Recusou ofertas tentadoras, mas que certamente não seriam tão recompensadoras.

A permanência faz todo o sentido e é necessária por conta das circunstâncias. Nas muitas semelhanças entre o trabalho de Ferreira com o de Felipão está um foco grande na questão estratégica, além de uma preparação mental específica.

Conseguiu extrair quase o máximo nas partidas contra o Atlético-MG, com os jogadores atuando como soldados obedientes. A classificação difícil veio e as reações após a improvável “vitória” mostraram como a equipe estava focada e perseverante – e como superou as dificuldades. Não é pouca coisa.

Nenhuma turbulência vai afetar o comando técnico do Palmeiras nos próximos 50 dias – seja por omissão ou decisão estratégica da diretoria. Não faz diferença. As vitórias nos três jogos decisivos de Libertadores e Copa do Brasil de 2020 são um trunfo poderoso o jogo contra o Flamengo.

Abel Ferreira precisa reconstruir o time para que não chegue à decisão pressionado além da conta e desmoralizado pela campanha ruim no Brasileiro.

As mesmas fontes ouvidas pelos jornalistas e pelo 3VV que garantem que não haverá mudanças afirmam que há confiança na capacidade de Abel recuperar o elenco e traçar uma estratégia eficiente equilibrar o confronto com o Flamengo e ter chance de título.

Sendo assim, Abel Ferreira fica, uma decisão mais do que acertada mesmo que as circunstâncias possam indicar o contrário, para desespero de uma imprensa ávida por manchetes negativa e torcedores que exigem, com esse elenco, um futebol digno da Academia.

* Este texto não representa necessariamente a opinião do 3VV

295940cookie-checkApesar da torcida contrária da imprensa, Abel estará no banco em Montevidéu

1 comentário em “Apesar da torcida contrária da imprensa, Abel estará no banco em Montevidéu

  • lito
    outubro 14, 2021
    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *