Abel coloca permanência no cargo em dúvida depois do título

Abel coloca permanência no cargo em dúvida depois do título

novembro 27, 2021 0 Libertadores 2021, Notícias

Abel Ferreira celebra o segundo gol com Deyverson (FOTO: CESAR GRECO/PALMEIRAS)

Os temores eram justificáveis. O presidente do Palmeiras, Mauricio Galiotte, que sai em 15 de dezembro, foi bastante evasivo e resignado ao falar sobre a permanência de Abel Ferreira no clube após a final da Libertadores. Era uma indicação de que o português dificilmente ficará, mesmo tendo contrato até o final de 2022. Galiotte deu entrevista ao SporTV antes da final da Libertadores.

Ainda no gramado, aliviado e comemorando, Abel foi sincero e disse que não poderia confirmar o que ocorreria daqui para a frente. “Tenho que fazer uma reflexão com a família. Não consigo, é jogo, descanso, jogo. Não é pra mim. Não consigo estar na minha máxima força. É desumano o que fazem aqui. Se quiserem crescer, têm que abdicar do ida e volta na taça. Vou parar, refletir e fazer o que for melhor para o Palmeiras.”

Ele praticamente repetiu as mesmas palavras na entrevista coletiva pós-jogo. Sem ser incisivo, reclamou de novo do calendário “insano e desumano” no Brasil e que está mentalmente esgotado diante do trabalho que fez por aqui.

“O futebol brasileiro tem suas características e é muito diferente de tudo o que há no mundo. A competitividade aqui é brutal, a qualidade é enorme, mas é desumana a carga de trabalho e a consequente pressão”, reclamou. “Ninguém consegue descansar, relaxar, se preservar. Portanto, uma análise profunda é necessária. Aprendi mais do que ensinei no Brasil, e isso eu levo para sempre.”

303110cookie-checkAbel coloca permanência no cargo em dúvida depois do título

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *