Humildade e confiança nas palavras de Abel Ferreira

Humildade e confiança nas palavras de Abel Ferreira

fevereiro 7, 2022 0 Notícias

Abel Ferreira (FOTO: FABIO MENOTTI/PALMEIRAS)

Um time preparado e vencedor, que chegou a várias finais, o que dá uma experiência inigualável. Assim o técnico Abel Ferreira, do Palmeiras, vê o Palmeiras na véspera da semifinal do Mundial de Clubes.

Em conversa com os jornalistas após o último treino antes da estreia no torneio da Fifa, o português falou sobre a preparação da equipe para sua segunda participação consecutiva na competição e explicou como deve ser o comportamento para o confronto. Prega respeito ao time do Al-Ahly e uma postura humilde, de superação.

“Não consigo controlar o jogo, mas meus atletas sabem o que fazer. Isto me dá como treinador segurança e confiança”, disse o treinador. “Estamos todos preparados para o jogo. Dá segurança a mim e aos meus jogadores. Estamos juntos há um ano e alguns meses, já tivemos várias vezes em finais, decisões. Umas vencemos, outras perdemos, mas tivemos a experiência, uma equipe mais habituada a estar na presença de finais. E o aspecto mental é muito simples. É eles não gastarem tempo com coisas externas e focar apenas no que sabem fazer: jogar futebol no mais alto nível.”

Ainda assim, acredita em resultado positivo pelo trabalho realizado até aqui. “Com solidez, impor nosso jogo. É um jogo muito importante, como todos que nos fizeram chegar aqui. Impor nosso jogo e aproveitar todos os momentos, porque nosso propósito está muito bem definido. Viemos para conquistar. Se com desfalques venceram o Monterrey quando todos falaram que o Monterrey ia passar, é um sinal de alerta para nós. Ganharam por um, mas poderia ser mais. Mostra a qualidade do Al-Ahly. Humildade e caldo de galinha nunca fizeram mal a ninguém.”

Para encerrar, o técnico disse que o Palmeiras está muito alerta em relação ao poderio do adversário. “Temos de respeitar muito o Al Ahly. Vi uma equipe supercompetitiva, muito sabedora do que tinha de fazer dentro de campo. E ganhou do Monterrey, que ficou em primeiro em seu campeonato. No ano passado, tivemos a oportunidade de enfrentar o Tigres (do México), e significa que o Monterrey foi melhor do que o Tigres, isso mostra a dificuldade que enfrentaremos amanhã (terça-feira).”

E arrematou: “Sempre digo que nós controlamos aquilo que temos de fazer e muitas vezes o maior adversário que temos está dentro de nós. Temos de impor o nosso jogo e saber que será um jogo muito importante, assim como todos foram até chegarmos aqui”.

314800cookie-checkHumildade e confiança nas palavras de Abel Ferreira

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.